a psicologia na equipe multidisciplinar a vis o do psic logo n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
A Psicologia na Equipe Multidisciplinar: a visão do psicólogo PowerPoint Presentation
Download Presentation
A Psicologia na Equipe Multidisciplinar: a visão do psicólogo

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 14

A Psicologia na Equipe Multidisciplinar: a visão do psicólogo - PowerPoint PPT Presentation


  • 119 Views
  • Uploaded on

A Psicologia na Equipe Multidisciplinar: a visão do psicólogo. Karine Assunção Andrade Dutra. O Trabalho em Equipe Multidisciplinar 1,2. O modelo biopsicossocial de saúde; Definição de saúde : um estado dinâmico de completo bem-estar físico, mental, espiritual e social;

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'A Psicologia na Equipe Multidisciplinar: a visão do psicólogo' - kathleen-hensley


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
a psicologia na equipe multidisciplinar a vis o do psic logo

A Psicologia na Equipe Multidisciplinar: a visão do psicólogo

Karine Assunção Andrade Dutra

slide2

O Trabalho em Equipe Multidisciplinar1,2

  • O modelo biopsicossocial de saúde;
  • Definição de saúde : um estado dinâmico de completo bem-estar físico, mental, espiritual e social;
  • Compreender a prática facilita o acesso entre o profissional e o paciente.
slide4

Os Impactos para o Paciente3

  • Social: representações sociais, isolamento, mudanças de papéis;
  • Econômico: custos, afastamento do trabalho;
  • Físico: procedimentos invasivos, efeitos colaterais, alteração da imagem corporal;
  • Espiritual: perda do sentido da vida;
  • Psicológico: angústia, perda de autonomia, medos, inseguranças, fragilidade, processos de luto.
slide5

Contribuições da Psicologia4,5

  • Espaço para escuta, expressão dos sentimentos e conflitos;
  • Facilitadora da comunicação;
  • Resgate do sentido da vida, autonomia e dignidade;
  • Identificar comportamentos de riscos;
  • Busca de respostas adaptativas;
  • Atentar para o natural X patológico;
  • Promoção da qualidade de vida.
slide6

A Missão da Psicologia do CQAI

Proporcionar um atendimento integral e humanizado ao paciente oncológico, familiares e acompanhantes, por meio de um suporte psicológico em todas as fases do tratamento, tendo em vista os aspectos psicossociais do adoecimento, primando acima de tudo pela qualidade de vida da unidade de cuidado.

slide7

Nossa Realidade

  • Público atendido;
  • Profissionais da psicologia;
  • Atendimento psicológico: busca ativa e/ou demanda.
slide8

Nossa Atuação no Ambulatório

  • Acolhimento e suporte psicológico em todas as fases do tratamento;
  • Mediação entre o paciente e equipe de saúde;
  • Suporte para a família enlutada;
  • Grupo terapêutico com as crianças;
  • Apoio à equipe multidisciplinar.
slide9

Alguns Desafios

  • Solicitação de atendimento e demanda de atendimento;
  • Setting terapêutico (suporte);
  • Especificidades do atendimento;
  • Intencionalidade do atendimento;
  • Volume de pacientes;
  • Condição clínica do paciente.
slide10

Considerações

A proposta do trabalho multidisciplinar contribui para uma assistência integral aos pacientes e familiares. Proporciona um diálogo e olhar indispensável quando objetivamos a humanização do nosso cuidado.

slide11

Considerações

  • A psicologia, como integrante da equipe multidisciplinar, visa contribuir para a qualidade de vida do paciente, intermediando conflitos, preparando o paciente e a família para o processo do tratamento bem como as intercorrências relacionadas.
slide12

“...É inútil reparar o corpo sem lancetar também os abscessos da alma”.

  • Dr. Salomão A. Chaib
slide13

Referências Bibliográficas

  • 1. TONETTO, Aline Maria; GOMES, William Barbosa. A prática do psicólogo hospitalar em equipe multidisciplinar. Estudos de Psicologia (Campinas), v. 24, n. 1, p. 89-98, 2007.
  • 2. DE ALMEIDA FLECK, Marcelo Pio. O instrumento de avaliação de qualidade de vida da Organização Mundial da Saúde (WHOQOL-100): características e perspectivas. Ciência & Saúde Coletiva, v. 5, n. 1, p. 33-38, 2000.
  • 3. ARAUJO, I.M.A.; FERNANDES, A.F.C. O Significado do Diagnóstico do Câncer de Mama para a Mulher. Esc. Anna Nery, vol.12, n.4, p.664-671, 2008.
  • 4. SIMONETTI, Alfredo. Manual de psicologia hospitalar: o mapa da doença. São Paulo: Casa do Psicólogo. 2004
  • 5. FONSECA, Ruth Léia Monnerat; LIMA, Danielle Torres; PIMENTEL, Daidani Maria (2009). A atuação do Psicólogo Hospitalar no atendimento aos portadores de câncer de próstata e de mama. Trabalho de conclusão de curso da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade do Vale do Rio Doce. Curso de Graduação em Psicologia. Orientador: Prof.: Omar de Azevedo Ferreira.
slide14

OBRIGADA!

kdutra@cqai.com.br