slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
SISTEMA CARDIOVASCULAR PowerPoint Presentation
Download Presentation
SISTEMA CARDIOVASCULAR

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 46

SISTEMA CARDIOVASCULAR - PowerPoint PPT Presentation


  • 151 Views
  • Uploaded on

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Vera Andrade, 2014. Sistema Cardiovascular Aparelho circulatório. S istema fechado, circula o sangue, uma só direção, dentro de vasos sanguíneos, bombeado por bomba muscular  coração

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'SISTEMA CARDIOVASCULAR' - graceland


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

SISTEMA CARDIOVASCULAR

Vera Andrade, 2014

sistema cardiovascular aparelho circulat rio
Sistema CardiovascularAparelho circulatório
  • Sistema fechado, circula o sangue, uma só direção, dentro de vasos sanguíneos, bombeado por bomba muscular  coração
  • Funções de transporte de gases, nutrientes, resíduos metabólicos, calor, hormônios, intercâmbio de materiais, distribuição de mecanismos de defesa
  • Sistemas
    • Arterial
    • Venoso
    • Linfático
  • Órgãos
    • Coração
    • Vasos
      • Artérias
      • Capilares
      • Veias
desenvolvimento do sistema cardiovascular
Desenvolvimento do Sistema Cardiovascular
  • Surge na metade da 3ª semana, primeiro sistema a funcionar, derivado do mesoderma
  • Par de cordões endoteliais – cordões angiogênicos – no mesoderma cardiogênico (sinal precoce)
  • Cordões endoteliais canalizam-se para formar tubos cardiogênicos delgados
sistema cardiovascular
Sistema Cardiovascular
  • Conforme ocorre o dobramento do embrião, os tubos endocárdicos cardíacos se aproximam e se fundem para formarem um tubo único
  • A fusão dos tubos inicia-se na extremidade cranial e se estende caudalmente
  • O coração começa a bater entre os dias 22 e 23
  • O fluxo sanguíneo começa durante a 4ª semana
o cora o
O coração
  • É um órgão oco, localizado na cavidade torácica, no centro do peito, entre os pulmões, sobre o diafragma
  • Órgãoque se contrai de modoritmico
c ora o
Coração

Três camadas

  • O pericárdio envolve todo o coração externamente é constituído de tecido pavimentoso simples
  • O miocárdio é a camada mais espessa, constituída de tecido muscular estriado cardíaco
  • O endocárdio está formado de tecido epitelial pavimentoso simples, o endotélio
cora o
Coração
  • Paredes cardíacasconstituída por três túnicas
cora o1
Coração
  • Túnica externa: Pericárdio
  • Dupla membrana que envolve o coração: parietal e visceral
  • Tecido: epitélio pavimentoso simples (membrana serosa), tecido conjuntivo frouxo, vasos e nervos
  • Função principal: proteção
cora o2
Coração
  • Túnica média: Miocárdio
  • Tecido muscular cardíaco
  • Responsável pelas contrações involuntáriasdo coração
  • Arranjo de células variadas

Discos intercalares

v lvulas atrioventriculares
Válvulas atrioventriculares
  • O coração possui válvulas cardíacas que funcionam ritmicamente e que permitem que o sangue se mova pelas câmaras do coração em uma única direção, impedindo seu movimento em sentido contrário.Constituída por uma membrana de endocárdio e tecido conjuntivo denso
nutri o do cora o
Nutrição do coração
  • O coração possui a sua própria rede de abastecimento, chamada de sistema coronário que provem de sangue o coração mediante as artérias coronárias direita e esquerda, provenientes da aorta
sistemas de condu o de impulsos
Sistemas de condução de impulsos

Potencial de ação é gerado no nódulo sinoatrial e se propaga por todo o coração

Despolarização das células musculares cardíacas especializadas: 70X/min

Simpático ↑ Parassimpático↓

sistemas de condu o de impulsos1
Sistemas de condução de impulsos
  • Nó sinoatrial  marca-passo do coração
  • Determina a geração do batimentocardíaco
  • Aglomerado de células musculares cardíacas modificadas com aspecto histológico fusiforme
  • Fibras menores das encontradas no coração
  • Menor quantidade de miofibrilas
  • Localizado na união da veia cava superior e o átrio
sistemas de condu o de impulsos2
Sistemas de condução de impulsos
  • Nó atrioventriculare rede de Purkinje
  • Células similares ao nó atrioventricular
  • Células se ramificam
  • Projeções citoplasmáticas em várias direções
  • Forma uma rede (Feixe Atrioventricular)
  • Localização: na inserção da válvula Tricúspide
estruturas sensoriais especializadas das art rias
Estruturas Sensoriais Especializadas das Artérias
  • Corpos carotídeos e corpos aórticos
    • Quimiorreceptores
      • O2 – baixa tensão
      • CO2 – alta tensão
      • pH – baixo do sangue arterial
  • Seios carotídeos
    • São barorreceptores
      • Detectam modificações na pressão sangüínea e enviam para o SNC
vasos sangu neos
Vasos Sanguíneos

Artérias

Veias

Veias de grande calibre

Artérias de grande calibre ou elásticas

Artérias de médio calibre ou musculares

Veias de médio calibre

Vênulas

Arteríolas

slide19

Artérias

Artérias de grande calibre ou elásticas

Artérias de médio calibre ou musculares

Arteríolas

Sistema Arterial:constituído pelas artérias, distribui o sangue oxigenado, responsável por nutrir e manter boas condições para o organismo.

slide20

Veias

Veias de grande calibre

Veias de médio calibre

Vênulas

Sistema Venoso: constituído pelas veias, transportam o sangue desoxigenado, as impurezas até os pulmões para ser novamente oxigenado.

capilares sangu neos
Capilares sanguíneos
  • Vasos sangüíneos se ramificam e formam vasos de paredes mais finas:
    • Capilares
    • Vênulas pós-capilares

artérias capilaresveias

art rias capilares veias
Sistema porta venoso

Sistema porta hepático

veia capilares veia

S. porta hipotalâmico-hipofisiário

veia capilares veia

Sistema porta arterial

Sistema porta arterial dos rins

arteríola capilares arteríola

Sistema Cardiovascular

ArtériasCapilaresVeias
slide23

Sistema Cardiovascular

  • 1. Arteríola Capilar Vênula
  • 2. Anastomose Artériovenosa
  • 3. Sistema Porta Arterial dos Rins
  • 4. Sistema Porta Arterial Venoso (fígado).
slide25

Túnica intima de células endoteliais

Lâmina basal

Tecido conjuntivo frouxo sub-endotelial, e pode ter células musculares lisas

slide27

Túnica adventícia: Tecido conjuntivo com macrófagos, fibroblastos, músculo liso, vasos sangüíneos e terminações nervosas.

parede da art ria el stica
Parede da Artéria Elástica
  • Túnica íntima
    • Endotélio: epitélio pavimentoso simples
    • Camada subendotelial, conjuntivo com fibras colágenas e elásticas, células musculares lisas e macrófagos
    • Membrana elástica interna
  • Túnica média
    • Possui material elástico circular, entre as quais estão as células musculares lisas em circular
  • Túnica adventícia
    • Conjuntivo com fibras elásticas, colágenas, fibroblastos e macrófagos
    • Vasa vasorum – vasos que nutrem a parede do vaso sangüíneo
    • Nervivascularis – nervos
slide31

Artéria grande calibre

Parede da Artéria Elástica

parede da art ria muscular
Parede da Artéria Muscular
  • Túnica íntima
    • Endotélio: epitélio pavimentoso simples e lâmina basal, tecido conjuntivo subendotelial escasso
    • Limitante elástica interna
  • Túnica média
    • Células musculares lisas, unidas com junções comunicantes em espiral, fibras colágenas e elásticas.
    • Limitante elástica externa
  • Túnica adventícia
    • Tecido conjuntivo mais espesso que na artéria elástica, fibras de colágeno e elástica, fibroblastos, nervos e vasa vasorum
art ria pequeno calibre ou arter ola
Artéria pequeno calibre ou arteríola
  • Túnica íntima de células endoteliais (epitélio pavimentoso simples), camada subendotelial, membrana limitante interna nem sempre visível
  • Túnica média com 1 a 2 camadas de células musculares lisas
  • A membrana limitante externa nem sempre visível
  • Túnica adventícia pouco desenvolvida
capilares
Capilares
  • Contínuos ou somáticos
  • Fenestrados ou viscerais
  • Sinusóides
capilares cont nuos ou som ticos
Capilares contínuos ou somáticos
  • Células endoteliais contínuas, ligadas por junções oclusivas
  • As substâncias atravessam a parede por vesículas de pinocitose
    • Timo e SNC
capilares fenestrados ou viscerais
CAPILARES FENESTRADOS OU VISCERAIS
  • Apresentam orifícios na parede das células, lâmina basal contínua
    • Glândulas endócrinas, rins
capilares sinus ides
CAPILARES SINUSÓIDES
  • Trajeto sinuoso, diâmetro amplo e irregular, lâmina basal descontínua
    • Fígado, baço e medula óssea
veia de grande calibre
Veia de Grande Calibre
  • Túnica íntima
    • Endotélio, epitélio pavimentoso simples e lâmina basal, subendotelial delgado
  • Túnica média
    • Músculo liso, fibras colágenas e elásticas
  • Túnica adventícia
    • É a túnica mais desenvolvida, tecido conjuntivo mais espesso, músculo liso longitudinal, fibras de colágeno e elástica, fibroblastos, nervos e vasa vasorum.
slide41

Veia de Grande Calibre

Veia grande calibre

slide42
Veia de Médio Calibre

Túnica íntima

Células endoteliais, epitélio pavimentoso simples e lâmina basal, subendotelial delgado

Túnica média

Células musculares lisas, unidas com junções, fibras colágenas e elásticas, pouco desenvolvida

Túnica adventícia

Tecido conjuntivo mais espesso, fibras de colágeno e elástica, fibroblastos, nervos e vasa vasorum.

Veia de Pequeno Calibre (Vênulas)

Túnica íntima

Células endoteliais, epitélio pavimentoso simples e lâmina basal, tecido conjuntivo subendotelial delgado

Túnica média

Delgada

Túnica adventícia

Tecido conjuntivo.

slide44

Artéria grande calibre

Veia grande calibre

vasos linf tico
Vasos Linfático
  • São revestidos por um endotélio
  • As camadas são mal definidas e finas
  • Não têm uma membrana basal bem definidas e não têm pericitos
  • Circula linfa ao invés de sangue
  • Pode conter linfócitos e macrófagos
  • Válvulas que regulam a direção do fluxo da linfa
  • Escoa para o sistema venoso de sangue, na junção da veia jugular interna esquerda, com a veia subclávia esquerda.