cinem tica vetorial l.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
CINEMÁTICA VETORIAL PowerPoint Presentation
Download Presentation
CINEMÁTICA VETORIAL

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 9

CINEMÁTICA VETORIAL - PowerPoint PPT Presentation


  • 166 Views
  • Uploaded on

CINEMÁTICA VETORIAL. Análise vetorial,ou seja, completa(direção, sentido e módulo) das grandezas: Deslocamento Velocidade Aceleração. Vetor deslocamento - ou simplesmente 'deslocamento' de P entre os instantes t 1 e t 2 é o vetor Δ r assim definido:. Vetor Velocidade Instântanea.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'CINEMÁTICA VETORIAL' - gail


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
cinem tica vetorial
CINEMÁTICA VETORIAL
  • Análise vetorial,ou seja, completa(direção, sentido e módulo) das grandezas:
  • Deslocamento
  • Velocidade
  • Aceleração
slide2
Vetor deslocamento - ou simplesmente 'deslocamento' de P entre os instantes t1 e t2 é o vetor Δr assim definido:
acelera o resultante duas componentes
Note que a direção do vetor velocidade pode se manter constante enquanto sua intensidade varia.

Repare que a direção do vetor velocidade pode variar mesmo com o módulo permanecendo constante.

CONCLUSÃO : a aceleração de um corpo é resultado de duas componentes.(tangencial e centrípeta)

Aceleração Resultante – Duas Componentes
acelera o tangencial t
Aceleração tangencial( t )
  • Importante: 1) Em movimentos acelerados, a aceleração tangencial e o

vetor velocidade tem o mesmo sentido. 2) Em movimentos retardados, a aceleração tangencial e o vetor velocidade tem

sentidos contrários, como na figura ao lado. 3) Em movimentos uniformes, a aceleração tangencial é nula, já que o módulo do vetor velocidade não varia nesses movimentos.

acelera o centr peta cp
Aceleração Centrípeta ( cp)
  • Importante:

1)nos movimentos retilíneos, a aceleração centrípeta é nula porque o móvel não muda de direção nesses movimentos.

2) no MCU a aR = acp , pois o vetor velocidade, mesmo sendo constante em módulo(uniforme), varia sua direção (circular)

acelera o vetorial resultante
Aceleração vetorial resultante
  • A obtenção da intensidade da aceleração resultante pode ser feita aplicando-se o Teorema de Pitágoras no triângulo retângulo em destaque na figura: a2 = at2 + acp2