I a IV 1. Não terás outros deuses diante de mim. 2. Não farás para ti imagem de escultura. - PowerPoint PPT Presentation

slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
I a IV 1. Não terás outros deuses diante de mim. 2. Não farás para ti imagem de escultura. PowerPoint Presentation
Download Presentation
I a IV 1. Não terás outros deuses diante de mim. 2. Não farás para ti imagem de escultura.

play fullscreen
1 / 14
I a IV 1. Não terás outros deuses diante de mim. 2. Não farás para ti imagem de escultura.
138 Views
Download Presentation
fay-gamble
Download Presentation

I a IV 1. Não terás outros deuses diante de mim. 2. Não farás para ti imagem de escultura.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. I a IV 1. Não terás outros deuses diante de mim. 2. Não farás para ti imagem de escultura. 3. Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão. 4. Lembra-te do dia de Sábado (de descanso) para o santificar. V a X 5. Honrarás ao teu pai e à tua Mãe. 6. Não Matarás. 7. Não adulterarás. 8. Não furtarás. 9. Não dirás falso testemunho. 10. Não cobiçarás.

  2. A Lei de Deus e Sua Aplicação HojeSolano PortelaAgosto de 2003Igreja Presbiteriana Ebenézer – São Paulo

  3. Nosso Roteiro(quatro palestras): • Introdução à questão da Lei e dos Absolutos de Deus • Os Três Aspectos da Lei de Deus • LeiversusGraça • O Cristão e os Dez Mandamentos • A importância do Décimo Mandamento 3

  4. A Lei de Deus no contexto e entendimento histórico – Os Três Usos da Lei: • Usus Theologicus – Revelação da Pecaminosidade Humana. • Usus Civilis – Restrição do Pecado Humano. • Revelar a Vontade de Deus aos que Crêem 4

  5. Os Dez MandamentosÊxodo 20:1-13 • Vontade Prescritiva de Deus para a Minha Vida • No entanto, sou pecador, Não posso cumprí-la • A Lei não salva – Sou resgatado pela graça e misericórdia de Deus. Qual a importância, então da LEI DE DEUS? Como posso cumprí-la? O que devo fazer para herdar a vida eterna? 5

  6. Que se conclui? Temos nós qualquer vantagem? Não, de forma nenhuma; pois já temos demonstrado que todos, tanto judeus como gregos, estão debaixo do pecado; como está escrito: Não há justo, nem um sequer, não há quem entenda, não há quem busque a Deus; todos se extraviaram, à uma se fizeram inúteis; não há quem faça o bem, não há nem um sequer. A garganta deles é sepulcro aberto; com a língua, urdem engano, veneno de víbora está nos seus lábios, a boca, eles a têm cheia de maldição e de amargura; são os seus pés velozes para derramar sangue, nos seus caminhos, há destruição e miséria; desconheceram o caminho da paz. Não há temor de Deus diante de seus olhos. Alguém já obedeceu os Dez Mandamentos? • Se dissermos que não temos pecado nenhum, a nós mesmos nos enganamos, e a verdade não está em nós. • Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça. Se dissermos que não temos cometido pecado, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós. • Não! Pecado é transgressão da Lei de Deus – Somos todos pecadores Rm 3.23. • Rm 3.9-18 – Extensão e abrangência do Pecado: • 1 João 1.8-10: Nenhum pensamento de Auto-justiça 6

  7. Somente Jesus Cristo Obedeceu toda a Lei Civil / Judicial: Religiosa/Cerimonial: Moral Obedeceu a Lei Civil como judeu que era, respeitador das autoridades Obedeceu a Lei Religiosa ou Cerimonial participando de seus requerimentos e cerimônias Obedeceu a Lei Moral pois foi santo e justo em todas as suas ações e nunca quebrou nenhum dos Dez Mandamentos 7

  8. JFA – ATUALIZADA – Romanos 10 • 1 Irmãos, a boa vontade do meu coração e a minha súplica a Deus a favor deles é para que sejam salvos. • 2 Porque lhes dou testemunho de que eles têm zelo por Deus, mas não com entendimento. • 3 Porquanto, desconhecendo a justiça de Deus, e procurando estabelecer a sua própria, não se sujeitaram à que vem de Deus. • 4 Porque o fim da lei é Cristo, para justiça de todo aquele que crê. • 5 Ora, Moisés escreveu que o homem que praticar a justiça decorrente da lei viverá por ela. • 6 Mas a justiça decorrente da fé assim diz: Não perguntes em teu coração: Quem subirá ao céu? (isto é, para trazer do alto a Cristo;) [Dt 30.12-14] NVI – Romanos 10 • 1 Irmãos, o desejo do meu coração e a minha oração a Deus pelos israelitas é que eles sejam salvos. • 2   Pois posso testemunhar que eles têm zelo por Deus, mas o seu zelo não é conforme o conhecimento. • 3   Porquanto, ignorando a justiça que vem de Deus e procurando estabelecer a sua própria, não se submeteram à justiça de Deus. • 4   Porque o fim da lei é Cristo, para justificação de todo o que crê. • 5   * Moisés descreve desta forma a justiçaque vem da lei: "O homem que fizer estas coisas viverá por meio delas". • 6   Mas a justiça que vem da fé diz: "Não diga em seu coração: 'Quem subirá ao céu?' (isto é, para fazer Cristo descer) [Dt 30.12-14] Cristo – O Fim da Lei?Como entender Ro 10.1-6? 8

  9. JFA – ATUALIZADA – Romanos 10 • 1 Irmãos, a boa vontade do meu coração e a minha súplica a Deus a favor deles é para que sejam salvos. • 2 Porque lhes dou testemunho de que eles têm zelo por Deus, mas não com entendimento. • 3 Porquanto, desconhecendo a justiça de Deus, e procurando estabelecer a sua própria, não se sujeitaram à que vem de Deus. • 4 Porque o fim da lei é Cristo, para justiça de todo aquele que crê. • 5 Ora, Moisés escreveu que o homem que praticar a justiça decorrente da lei viverá por ela. • 6 Mas a justiça decorrente da fé assim diz: Não perguntes em teu coração: Quem subirá ao céu? (isto é, para trazer do alto a Cristo;) [Dt 30.12-14] Cristo – O Fim da Lei?Como entender Ro 10.1-6? • Assunto: salvação dos Judeus – empenho de Paulo. • Razão do empenho – são sinceros, mas sem entendimento. • Prova da falta de entendimento – • Justiça de Deus vs. Justiça Própria • Não percebem que o objetivo, propósito, da lei é Cristo. • Não vêem que Moisés já ensinou que existe diferença entre a justiça decorrente da lei e a justiça decorrente da fé. 9 Salvação é sempre pela fé!

  10. 16 E eis que, aproximando-se dele um jovem, disse-lhe: Bom Mestre, que bem farei, para conseguir a vida eterna? • 17 E ele disse-lhe: Por que me chamas bom? Não há bom, senão um só que é Deus. Se queres, porém, entrar na vida, guarda os mandamentos. • 18 Disse-lhe ele: Quais? E Jesus disse: Não matarás, não cometerás adultério, não furtarás, não dirás falso testemunho; • 19 honra teu pai e tua mãe, e amarás o teu próximo como a ti mesmo. • 20 Disse-lhe o jovem: Tudo isso tenho guardado desde a minha mocidade; que me falta ainda? • 21 Disse-lhe Jesus: Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens, dá-o aos pobres e terás um tesouro no céu; e vem e segue-me. • 22 E o jovem, ouvindo essa palavra, retirou-se triste, porque possuía muitas propriedades. JESUS CRISTO e os Dez Mandamentos – Mateus 19.16-22: • Jesus trata a Lei Moral como válida – ele não diz, isso é coisa ultrapassada. • O paradoxo aparente é que, ao mesmo tempo, ela revela nossa insuficiência. • O alvo permanece firme e válido – mas necessário nos é “nascer de novo” – João 3.7 10

  11. Como Cumprimos a Lei de Deus? • Obedecemos os mandamentos em Cristo. • Procuramos obedecer os mandamentos por Cristo. 11

  12. Obedecemos os Mandamentos EM Cristo! Justiça e Obediência Pecados e Castigo 12

  13. Jesus não revogou a lei - Mt 5.17: “Não penseis que vim revogar a lei ou os profetas: não vim para revogar, vim para cumprir”. • Ele reafirma a importância dos mandamentos – Jo 14.21: “Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado do meu Pai, e eu o amarei e me manifestarei a êle”. • Jesus se apresenta como o nosso exemplo - a importância na guarda dos mandamentos – Jo 15.10: “Se guardardes os meus mandamentos permanecereis no meu amor; do mesmo modo que eu tenho guardado os mandamentos do meu Pai, e permaneço no seu amor”. • João reafirma isso em suas cartas. Em 1 Jo 2:3 e 4 – o cumprimento aos mandamentos é a grande evidência da nossa salvação: “Ora, sabemos que o temos conhecido por isso: se guardamos os seus mandamentos. Aquele que diz: Eu o conheço e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso e nele não está a verdade”. • No capítulo 5(5.2 e 3), a volta ao tema – a prova do amor que temos por Deus vem de uma vida dedicada aos mandamentos de Deus: “...porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; ora os seus mandamentos não são penosos...” • Na segunda carta (1.4) - expressa alegria para com os que “... andam na verdade, de acordo com o mandamento que recebemos do Pai”. Procuramos Obedecer os Mandamentos POR Cristo! 13

  14. UM ÚLTIMO PONTO A RESSALTAR! O aspecto PRAGMÁTICO da Lei de Deus! 1 Jo 5.3 Para estudo adicional: Perguntas No. 100-102 do Catecismo Maior 14