f runs horizontes do saneamento gest o sustent vel e universaliza o n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
FÓRUNS HORIZONTES DO SANEAMENTO Gestão Sustentável e Universalização PowerPoint Presentation
Download Presentation
FÓRUNS HORIZONTES DO SANEAMENTO Gestão Sustentável e Universalização

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 41

FÓRUNS HORIZONTES DO SANEAMENTO Gestão Sustentável e Universalização - PowerPoint PPT Presentation


  • 93 Views
  • Uploaded on

FÓRUNS HORIZONTES DO SANEAMENTO Gestão Sustentável e Universalização. Gestão patrimonial de infraestruturas (GPI ) Helena Alegre , LNEC. Curitiba, Sanepar , 23-24 jan. 2014. Alguns números. Principais grupos de componentes dos sistemas? Idades aproximadas por categoria?

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'FÓRUNS HORIZONTES DO SANEAMENTO Gestão Sustentável e Universalização' - eric-grimes


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
f runs horizontes do saneamento gest o sustent vel e universaliza o

FÓRUNS HORIZONTES DO SANEAMENTOGestão Sustentável e Universalização

Gestão patrimonial de infraestruturas (GPI)

Helena Alegre, LNEC

Curitiba, Sanepar,

23-24 jan. 2014

alguns n meros
Alguns números
  • Principais grupos de componentes dos sistemas?
  • Idades aproximadas por categoria?
  • Quantidades aproximadas em cada grupo?
  • Custos unitários de substituição?
  • Vidas úteis realistas para cada grupo de componentes?
  • Níveis de reabilitação atuais?
para os n meros anteriores
Para os números anteriores…
  • O sistema atual vale aprox. 33% do valor de substituição.
  • Para a taxa de reabilitação atual garantir sustentabilidade infraestrutural, seria necessário que a vida útil média fosse de 187 anos.
  • A manter-se a atual taxa de reabilitação (0,5%/ano), dentro 12 anos deixaria de haver serviço.
t picos
Tópicos
  • GPI: gestão de uma janela de tempo
  • GPI em Portugal: do incipiente à linha da frente
  • Aplicações da abordagem AWARE-P
  • A finalizar...
t picos1
Tópicos
  • GPI: gestão de uma janela de tempo
  • GPI em Portugal: do incipiente à linha da frente
  • Aplicações da abordagem AWARE-P
  • A finalizar...
paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua1
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua2
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua3
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua4
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua5
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua6
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água
  • UNIVERSALIZAÇÃO NÃO É ISTO, POIS NÃO?

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua7
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua8
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

paradigma da gest o atual dos sistemas urbanos de gua9
Paradigma da gestão atual dos sistemas urbanos de água
  • Chave para o sucesso!
  • Chave para a sobrevivência das sociedades!
  • IVI aprox. 0,5

Usamo-las e gerimos o seu valor

Entregamo-las à geração seguinte

Herdamos as infraestruturas existentes

Sistemas urbanos de água

2013

2050

Janela temporal

requisitos para uma implemen ta o de gpi bem sucedida
Requisitos para uma implemen-tação de GPI bem sucedida
  • Adoção de abordagem estratégica
  • Necessidades e expetativas dos usuários como foco do serviço
  • Processos claros e bons dados
  • Alinhamento e feedback entre níveis de decisão (estratégico/ tático/ operacional)
  • Alinhamento e feedback entre processos de gestão
t picos2
Tópicos
  • GPI: gestão de uma janela de tempo
  • GPI em Portugal: do incipiente à linha da frente
  • Aplicações da abordagem AWARE-P
  • A finalizar...
contexto portugu s
Contexto português
  • 3 décadas de investimento em novas infraestruturas
    • Bons níveis de cobertura e melhor qualidade de serviço
    • Elevado deficit acumulado de reabilitação
  • Prevalecem os baixos níveis de reabilitação: serviços urbanos de água insustentáveis
    • Bomba-relógio pouco visível a políticos e à sociedade
    • Carga excessiva para a próxima geração
  • É urgente e fundamental mudar o paradigma da gestão das infraestruturas
da investiga o pr tica alargada nas eg
Da investigação à prática alargada nas EG

Parceiro de

IDI

EG

Grupo de

EG

30 EG em Portugal finalizam os seus planos estratégicos e táticos de GPI / AWARE-P

Início das 2as edições da iGPI e da PGPI

Publicação do

DL 194/2009

Seleção da GPI como tema estratégico de I&DT no LNEC

Início do

AWARE-P: Metodologia, guias, software, aplicações-piloto uso

Início da massificação em Portugal: iniciativas iGPI / PGPI

Início do programa de investigação do LNEC em GPI

Início da aplicação do AWARE-P nos EUA e na Austrália

Lançamento do Urban Water Commons

Início da aplicação do AWARE-P em Espanha

IWA LESAM 2007 no LNEC

2011

2012

2013

2014

2006

2008

2007

2009

slide22
Como

1. AWARE-P: Uma nova metodologia de GPI

com enfoque no planeamento de longo prazo

  • GPI orientada por objetivos, num processo de melhoria contínua
  • Planeamento orientado para a qualidade e sustentabilidade do serviço
  • Incorpora os requisitos principais da ISO 55000
  • Para os decisores: uma metodologia de planeamento transparente e defensável de apoio à escolha das melhores alternativas, assegurando o balanço entre adequação do desempenho, a minimização dos custos e a aceitabilidade dos riscos.
slide23
Como

1. AWARE-P: Uma nova metodologia de GPI

do nível acima

Estratégico

Objetivos > critérios de avaliação > métricas > metas

Tático

Operacional

Diagnóstico

Revisão

Produção do Plano

p/ nível abaixo

Implementação do Plano

Monitorização do Plano

slide24
Como

2. Recomendações e modelos de planos estratégico e táticos

slide25
Como

2. … adotados por um número crescente de organizações

slide26
Como

3. Métodos de última geração

slide27
Como

4. Software integrado de últimageração

Para apoio à metodologia de planeamento

slide28
Como

4. Software integrado de últimageração

Feito para sistemasemrede

  • Open-sourced
  • Web-based
  • Colaborativo
  • Multi-platforma
  • Multi-usuário
  • GIS: ESRI, Google, Bing, MapBox,…
  • Registos, ordens de trabalho, modelos,…
  • Visualizações 3d
uso do software nov 2013
Uso do software(Nov 2013)

1047 usuários registados in 143 países

t picos3
Tópicos
  • GPI: gestão de uma janela de tempo
  • GPI em Portugal: do incipiente à linha da frente
  • Aplicações da abordagem AWARE-P
  • A finalizar...
slide32
INFR5R12: Visual Tool for Supporting Asset Management Performance, Risk and Cost AnalysisEUA
  • Partners:
    • GHD Inc.(US), LNEC (Portugal),

Addition (Portugal)

  • Project Duration: August 2012 – May 2014
  • Scope: gravity sewer system
  • Utility case:
    • Gwinnett County Dep. Water Resources (GCDWR), GA
    • (+ test of failure & inspect analysis modules with large data sets from WSSC)
aware p na sydney water
AWARE-P na Sydney Water

'SW is trialling AWARE to evaluate its potential for assisting planning of their assets and services strategies‘

Greg Kane

‎Manager, Servicing and Asset Strategy at Sydney Water

  • Aplicação piloto no projeto FacilityBlueprint (29 ETA e 5 ETAR)
  • Exploração aos sistemas de redes iniciada usando a versão pro-Demo.
  • Licença de 2 anos adquirida para prosseguir o programa FacilityBlueprint.
outras aplica es
Outras aplicações
  • 2 casos-piloto em Espanha:
    • Comunidade Valenciana
    • País Basco
  • Noruega:
    • parte do programa doutoral
    • Casos piloto em desenvolvimento
  • Brasil:
    • PNQS 2013: pela primeira vez alguns princípios de GPI incluídos
    • Gestão de perdas de água em Guarulhos: (alguns princípios de GPI adotados)
t picos4
Tópicos
  • GPI: gestão de uma janela de tempo
  • GPI em Portugal: do incipiente à linha da frente
  • Aplicações da abordagem AWARE-P
  • A finalizar...
a concluir no fecho da iwa lesam 2013
A concluir:no fecho da IWA LESAM 2013
  • Principais resultados recentes em GPI:
    • Reconhecimento da importância do tema
    • Acordo sobre princípios-chave e boas práticasa) ISO 55000 / 55001 / 55002b) Projetos, manuais, legislação (e.g. DL 194/2009, manuais GPI)
    • Evolução tecnológica relevante, e.g. inspeção, sistemas de informação
    • Países evidenciados: Austrália e Portugal
  • Desafios de curto prazo – melhoria necessária em:
    • GPI direcionada para os usuários e outros “stakeholders”
    • Comunicação (interna e externa)
    • Perspetiva de sistema em vez de ativo a ativo
    • Alinhamento entre níveis de decisão
    • Desenvolvimentos tecnológicos

slide39

Lisboa, 21-26 setembro 2014

www.iwa2014lisbon.org

slide40

Um grande congresso

  • Uma bela cidade
  • Uma oportunidade a não perder!
slide41

Para maisinformação:

www.aware-p.org

www.iniciativaGPI.org

www.iPERDAS.org

Contactos

Helena Alegre

LNEC - LaboratórioNacional de Engenharia Civil

Av. do Brasil, 101

1700-066 Lisboa

Portugal

halegre@lnec.pt

Tel. + 351 218443626