usando o solo e abusando dele solo o sustento da vida n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
USANDO O SOLO E ABUSANDO DELE SOLO, O SUSTENTO DA VIDA PowerPoint Presentation
Download Presentation
USANDO O SOLO E ABUSANDO DELE SOLO, O SUSTENTO DA VIDA

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 34

USANDO O SOLO E ABUSANDO DELE SOLO, O SUSTENTO DA VIDA - PowerPoint PPT Presentation


  • 198 Views
  • Uploaded on

USANDO O SOLO E ABUSANDO DELE SOLO, O SUSTENTO DA VIDA. Conceito de solo. Camada de material resultante da desagregação de rochas, mais água, ar e restos de animais e plantas mortos e em decomposição. Pode ter apenas alguns centímetros de profundidade ou muitos metros.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'USANDO O SOLO E ABUSANDO DELE SOLO, O SUSTENTO DA VIDA' - dylan


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
conceito de solo
Conceito de solo

Camada de material resultante

da desagregação de rochas, mais

água, ar e restos de animais e

plantas mortos e em decomposição.

Pode ter apenas alguns centímetros

de profundidade ou muitos metros.

camadas do solo
Camadas do solo

solo

solo

subsolo

subsolo

Rocha - mãe

Rocha - mãe

solo caracter sticas
SOLO - CARACTERÍSTICAS
  • nele encontram-se restos de animais e folhas mortas, que não iniciaram a decomposição;
  • logo abaixo encontramos o húmus, de cor mais escura e também materiais resultantes da desagregação da rocha como areia, argila e pedrinhas.
  • nele encontram-se a maioria

das raízes das plantas;

subsolo caracter sticas
SUBSOLO - CARACTERÍSTICAS
  • camada espessa de cor mais clara, constituída de areia argila e material orgânico, proveniente da camada superior;
  • contém pouca vida (apenas poucas espécies de seres vivos ) e as raízes mais profundas das árvores;
  • quase que totalmente formada de partículas minerais: areia, argila e pequenos fragmentos de rocha.
rocha m e ou rocha matriz
Rocha-mãe ou rocha matriz
  • rocha que se desagregou para dar origem ao solo;
  • mais interna das três e contém muitos minerais;
  • nela não há vida.
slide7

A vegetação natural é um importante fator de proteção dos solo; suas raízes mantém as partículas juntas, segurando a terra. As folhas e os ramos impedem ou reduzem o impacto das chuvas no solo, além de proteger sua camada superficial, rica em nutrientes,contra a ação intensa dos raios solares.

slide8
FAVELA DA ROCINHA

MORRO DO PAVÃO

PAVÃOZINHO

conceito de eros o
Conceito de erosão

É o processo ou conjunto de processos, tais como desgaste, e acumulação, que transformam e modelam a superfície da Terra devido à ação dos agentes naturais, como as chuvas, o transporte do vento, os rios, o gelo (glaciares) e o mar.

slide12
PLUVIAL

GLACIAL

slide13
EÓLICA

MARINHA

formas de prevenir eros o
FORMAS DE PREVENIR EROSÃO

Algumas medidas que podem ser tomadas para evitar a erosão e a consequente desertificação de um terreno são:

curvas de n vel
Curvas de nível

Linhas que estejam numa mesma altura. Isso evita que a água da chuva tenha caminhos prontos ,

para descer por um terreno inclinado.

plantio em terra os
Plantio em terraços

Se o declive do terreno for muito acentuado, fazer a construção e o plantio em terraços.

manter o solo coberto
MANTER O SOLO COBERTO
  • Há agricultores que deixam restos dos pés da colheita anterior espalhados sobre o solo para que ele não fique exposto à chuva e ao vento.
reflorestamento
REFLORESTAMENTO
  • Reflorestar as encostas de montanhas.
quebra vento
Quebra-vento
  • É uma medida usada quando queremos preservar as culturas dos erosão eólica, costumamos plantar vegetais para formar uma barreira mais alta, de preferência três vezes mais, que a cultura que queremos proteger
conceito
Conceito
  • Assoreamento é quando as matas ciliares são destruidas e a erosão leva sedimentos,areia ou lixo , fazendo com que o rio fique raso até seque.
  • No Brasil é uma das causas de morte de rios, devido à redução de profundidade. Os processos erosivos, causados pelas águas, ventos e pelo homem desagregam solos e rochas formando sedimentos que serão transportados.
queimadas1
Queimadas
  • Satélites fotografam o Brasil e levam ao mundo uma péssima impressão. Todo ano florestas são queimadas ou desmatadas provocando desertificação em extensas áreas brasileiras.
queimadas2
Queimadas
  • Para os agricultores é uma técnica barata e rápida de preparar o solo para o plantio ou renovar as pastagens para o gado. Assim a vegetação brota verdinha novamente, e os animais têm o que comer.
queimadas3
Queimadas

Inicialmente essa prática até parece ser vantajosa, pois promovem a liberação de nutrientes que contribuem para fertilidade do solo. Porém com o passar do tempo, destroem os microrganismos, as minhocas, acaba com o humo, polui a atmosfera com o gás carbônico (CO2),expulsa a fauna local e prejudica as futuras plantações.

desmatamento1
Desmatamento

É o processo de desaparecimento de massas florestais, fundamentalmente causada pela atividade humana sobre a natureza, principalmente devido à destruição de florestas para a obtenção de solo, para cultivos agrícolas ou para extração de madeira, por parte da indústria madeireira.

colheita ecol gica
Colheita ecológica
  • Hoje a colheita ecológica faz parte de uma política de preservação da natureza. Trata-se da obtenção de madeira com certificado, uma forma de extrativismo que não usa tratores.
  • O selo da madeira com certificado indica que ela foi tirada sem causar impacto no ambiente, isto é, sem esgotar os recursos do meio.
como feita a colheita ecol gica
Como é feita a colheita ecológica?
  • A mata é dividida em zonas e só uma pode ser explorada a cada ano. Essa zona só será explorada novamente quando todas as outras forem exploradas, isso significa um tempo necesário para sua recuperação, para o crescimento das árvores.
tipos de solo
Tipos de solo
  • O tipo de solo encontrado em um lugar vai depender de vários fatores: o tipo de rocha matriz que o originou, o clima, a quantidade de matéria orgânica, a vegetação que o recobre e o tempo que se levou para se formar.
  • Em climas secos e áridos, a intensa evaporação faz a água e os sais minerais subirem. Com a evaporação da água, uma camada de sais pode depositar-se na superfície do solo, impedindo que uma vegetação mais rica se desenvolva.
  • Já em climas úmidos, com muitas chuvas, a água pode se infiltrar no solo e arrastar os sais para regiões mais profundas.
tipos de solo1
Tipos de solo

ARENOSO

ARGILOSO

Possui consistência granulosa como a areia. É considerado um solo leve e fácil de escavar. Muito presente na região nordeste do Brasil, sendo permeável à água.

Possui consistência fina, é difícil de cavar e é impermeável a água, precisando ser drenado quando queremos aproveitá-lo para lavoura.

tipos de solo2
Tipos de solo

HUMÍFERO(terra preta)

TERRA ROXA

  • Também chamada de terra vegetal, é rica em húmus. Esse solo, contém cerca de 10% de húmus e é bastante fértil. O húmus ajuda a reter água no solo, torna-se poroso e com boa aeração e, através do processo de decomposição dos organismos, produz os sais minerais necessários às plantas.
  • Tipo de solo bastante fértil, caracterizado por ser o resultado de milhões de anos de decomposição de rochas dearenito-basáltico resultante do maior derrame vulcânico que este planeta já presenciou. É caracterizado pela sua aparência vermelho-roxeada inconfundível, devida a presença de minerais, especialmente, ferro.
slide34

Cada dia a natureza produz o

suficiente para nossa carência. Se cada um tomasse o que lhe fosse necessário, não haveria pobreza no mundo e ninguém morreria de fome.

Mahatma Gandhi