cartografia n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Cartografia PowerPoint Presentation
Download Presentation
Cartografia

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 78

Cartografia - PowerPoint PPT Presentation


  • 208 Views
  • Uploaded on

Cartografia. Conceitos. O conceito da Cartografia, hoje aceito sem maiores contestações, foi estabelecido em 1966 pela Associação Cartográfica Internacional:

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Cartografia' - dalmar


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
conceitos
Conceitos
  • O conceito da Cartografia, hoje aceito sem maiores contestações, foi estabelecido em 1966 pela Associação Cartográfica Internacional:

"A Cartografia apresenta-se como o conjunto de estudos e operações científicas, técnicas e artísticas que, tendo por base os resultados de observações diretas ou da análise de documentação, se voltam para a elaboração de mapas, cartas e outras formas de expressão ou representação de objetos, elementos, fenômenos e ambientes físicos e sócio-econômicos, bem como a sua utilização."

orienta o no espa o
Orientação no espaço
  • A orientação no espaço foi uma das primeiras preocupações do homem.
  • As primeiras formas de orientação surgiram com a observação dos astros, principalmente o Sol.
  • Para nos orientarmos pelo sol, há uma regra básica a ser seguida:
orienta o pelo sol
Orientação pelo Sol

- estendemos o braço direito para o lado em que o Sol nasce, isto é, para o nascente ou Leste;

- estendemos o braço esquerdo para o lado em que o Sol desaparece, isto é, para o poente ou Oeste;

- à nossa frente fica o Norte;

- às nossas costas fica o Sul.

orienta o a rosa dos ventos
Orientação: A rosa dos ventos
  • Foi criado um símbolo de referência para representar direções a serem seguidas: a rosa dos ventos.
orienta o a rosa dos ventos1
Orientação: A rosa dos ventos
  • Pontos cardeais
  • N, S, L(E) e O(W)
  • Pontos Colaterais
  • NE, SE, SO e NO
  • Pontos Subcolaterais
  • NNE, ENE, ESE, SSE, SSO, OSO, ONO, NNO.
slide7

Sabendo-se que o Sol nasce na posição indicada pela figura e imaginando-se uma partida de futebol ocorrida a qualquer hora do dia no campo nela representado, assinale a alternativa cuja relação entre o personagem e sua orientação aproximada, com base nos pontos cardeais e colaterais está INCORRETA.

A) O juiz, do centro do campo, termina a partida alguns minutos antes, porque se lembra de que precisa ir ao supermercado e, ao olhar para o leste, vê que as portas deste começam a se fechar.

B) O goleiro, que também é padeiro, saiu da padaria e foi direto para o gol do lado 1 do campo; para isso, ele se dirigiu para o noroeste.

C) O padre, da torre da igreja, olha para o nordeste e xinga o juiz ao vê-lo marcar um pênalti contra o seu time, que defende o lado 2 do campo de futebol.

D) Os alunos aproveitam o recreio e assistem da janela, situada no norte da escola,ao gol feito pelo professor de geografia, que também é o artilheiro do time.

slide8

Sabendo-se que o Sol nasce na posição indicada pela figura e imaginando-se uma partida de futebol ocorrida a qualquer hora do dia no campo nela representado, assinale a alternativa cuja relação entre o personagem e sua orientação aproximada, com base nos pontos cardeais e colaterais está INCORRETA.

A) O juiz, do centro do campo, termina a partida alguns minutos antes, porque se lembra de que precisa ir ao supermercado e, ao olhar para o leste, vê que as portas deste começam a se fechar.

B) O goleiro, que também é padeiro, saiu da padaria e foi direto para o gol do lado 1 do campo; para isso, ele se dirigiu para o noroeste.

C) O padre, da torre da igreja, olha para o nordeste e xinga o juiz ao vê-lo marcar um pênalti contra o seu time, que defende o lado 2 do campo de futebol.

D) Os alunos aproveitam o recreio e assistem da janela, situada no norte da escola,ao gol feito pelo professor de geografia, que também é o artilheiro do time.

localiza o no espa o as linhas imagin rias
Localização no espaço As linhas imaginárias

As linhas imaginárias são divididas em paralelos (ou latitudes) e meridianos (ou longitudes)

paralelos
Paralelos

Os paralelos são linhas imaginárias e paralelas traçadas em relação à linha do Equador.

O valor destas linhas variam de 0º (Equador) a 90º graus (polos) e tem o nome de LATITUDE.

latitudes ou paralelos
Latitudes ou Paralelos

As latitudes são fundamentais para a geografia, sobre tudo em relação as faixas climáticas.Aqui, podemos ver 3 padrões climáticos pautados pelas latitudes:Tropical, temperado e polar.

meridianos
Meridianos

As longitudes são linhas imaginárias que são traçadas a partir do meridiano de Greenwich, que divide o mundo em hemisfério ocidental e oriental.

O valor destas linhas variam de 0º (Greenwich) a 180º graus (LID) e tem o nome de LONGITUDE.

longitudes ou meridianos
As longitudes também são responsáveis pelos fusos horários. Cada 15 graus equivale uma hora.

(Como o dia tem 24 horas, e a terra 360º, temos: 360/24 = 15)

Portanto, a cada 15º tem-se uma hora. Lembre-se de que o sol nasce a Leste, ou seja, o dia começa no extremo oriente. Resulta disso o aumento de uma hora a cada 15º ao leste.

Longitudes ou Meridianos
coordenadas geogr ficas
As coordenadas geográficas surgem do cruzamento entre as latitudes e longitudes.

Isso possibilita que tenhamos pontos específicos que não se repetem no planeta, encontrando qualquer ponto no mesmo.

Coordenadas Geográficas
coordenadas geogr ficas1
A partir da divisão do planeta em quadrantes (norte e sul, leste e oeste), podemos identificar o posicionamento correto de algum lugar específico, muito utilizado nas bombas “inteligentes” ou em expedições mundo afora.

O GPS (global position system) é um aparelho que identifica o exato local em que ele se encontra.

Interligado a satélites, o GPS manda um sinal para que o satélite responda. Para isso o satélite tem que decodificar o exato (coordenadas geográficas) para onde mandar as informações e, descobre-se sua posição.

Coordenadas Geográficas
slide19
PráticaAnalise a figura abaixo eassinale a opção que corresponde, respectivamente, às coordenadas geográficas dos pontos X e Z.
movimentos da terra
A Terra possui cerca de 14 movimentos, mas somente dois interferem no nosso cotidiano:

Movimento de Rotação

Movimento de Translação

Movimentos da Terra
movimento de rota o
Movimento que a Terra realiza ao redor do seu próprio eixo imaginário.

Sentido: Oeste para Leste;

Duração: 23horas e 54 minutos;

Velocidade: 1 674 km/h.

Movimento de Rotação
consequ ncias da rota o
A sucessão dos dias e das noites

A direção dos ventos

As correntes marinhas

Consequências da Rotação
movimento de transla o
Movimento da Terra ao redor do Sol

Tem a duração de 365 dias 5 horas 48 minutos 50 segundos.

O movimento de translação aliado a inclinação do eixo da Terra em 23°, possibilita a chegada da radiação solar em diferentes intensidades durante o ano.

Movimento de Translação
movimento de transla o1
Movimento de Translação

EIXO INCLINADO 23º em relação à órbita do sol.

movimento de transla o3
Solstício – 21 de junho e 21 de dezembro

Maior diferença de afastamento dos polos em relação ao Sol

Movimento de Translação
movimento de transla o4
Equinócio – 23 de setembro e 20 de Março

Os dois hemisférios recebem a mesma quantidade de luz e calor.

Movimento de Translação
slide30

Suponha a realização de uma viagem de automóvel de Belo Horizonte a Luz, com a partida marcada para as 15:00h de um dia ensolarado na véspera do Natal. Nessa viagem, com duração aproximada de duas horas e trinta minutos, o motorista irá receber mais intensamente os raios solares

a) de frente e à sua esquerda.

b) de frente e à sua direita.

c) pelas costas e à sua esquerda.

d) pelas costas e à sua direita.

slide31

Suponha a realização de uma viagem de automóvel de Belo Horizonte a Luz, com a partida marcada para as 15:00h de um dia ensolarado na véspera do Natal. Nessa viagem, com duração aproximada de duas horas e trinta minutos, o motorista irá receber mais intensamente os raios solares

a) de frente e à sua esquerda.

b) de frente e à sua direita.

c) pelas costas e à sua esquerda.

d) pelas costas e à sua direita.

os fusos hor rios
- Até 1883 (nos EUA) cada cidade tinha sua própria hora, de acordo com a passagem do Sol pelo meridiano local. Quando em Washington eram 12 horas, em Boston eram 12:24. Aqui no Brasil (até 1913), quando na Capital Federal, atual cidade do Rio de Janeiro, era 12 horas, em Recife eram 12:33 e em Porto Alegre eram 11:28.

- Em 1895, quando da Conferência de Geografia realizada em Londres, foi estipulado que todas as regiões dentro de um mesmo fuso adotaria o mesmo horário.

OS FUSOS HORÁRIOS
os fusos hor rios1
- Em relação ao Meridiano de Greenwich, qualquer ponto sobre a superfície terrestre varia de 00 a 1800 para oeste ou leste.

Assim, a longitude completa da Terra é de 3600 que, divididos pelas 24 horas de duração do dia, dão como resultado 150.

Dessa maneira, cada 150 que nosso planeta gira corresponde a 1 hora.

Portanto, ao dividirmos o mundo em 24 partes (conforme a duração do dia), cada uma delas significa um fuso horário.

OS FUSOS HORÁRIOS
linha internacional de data
- Linha que acompanha o antimeridiano de Greenwich (180º), atravessando o oceano Pacífico.

Por convenção internacional, esse meridiano determina a mudança de data civil em todo o planeta.

Linha Internacional de Data
linha internacional de data1
Linha Internacional de Data
  • Ao ultrapassar essa linha, exatamente no ponto em que ela se localiza, tem-se de alterar a data para o dia anterior (a leste) ou seguinte (a oeste) à partida.
  • A hora, no entanto, é a mesma nas duas zonas.
fusos hor rios do brasil
O território brasileiro está localizado a oeste do meridiano de Greenwich (longitude 0º) e, em virtude de sua grande extensão longitudinal, compreende quatro fusos horários, variando de duas a cinco horas a menos que a hora do meridiano de Greenwich. Fusos horários do Brasil
slide41
Acre, Amazonas e Pará terão novo fuso horário

O Diário Oficial da União publicou hoje uma lei que altera o fuso horário no País. Com a mudança, o Acre e parte do Amazonas, que têm duas horas de atraso em relação a Brasília, passarão a ter apenas uma hora de diferença, e todo o Pará terá horário igual ao da capital federal.

Agência Estado – 25 / 04 / 2008

c lculo de fuso hor rio
Cálculo de fuso horário
  • Para o cálculo de fuso horário deve-se estar atento aos seguintes procedimentos:

1º - Calcular a diferença de horas entre as localidades.

- Se os hemisférios

# Forem iguais, subtrai-se os valores e divide-se o resultado por 15.

# Forem diferentes, soma-se os valores e divide-se o resultado por 15.

c lculo de fuso hor rio1
Cálculo de fuso horário

2º - Encontrar a hora exata no local de chegada.

- Se a cidade de destino estiver à

# Leste, soma-se o resultado.

# Oeste, subtrai-se o resultado.

OBS: Não esquecer de somar a duração da viagem no final!!

c lculo de fuso hor rio2
Cálculo de fuso horário
  • Um avião parte de Brasília, localizada à 45° Oeste em direção à Paris, localizada à 15° Leste. Sabendo-se que o avião partiu às 07:00 horas e que a viagem demorou 12 horas, qual horário de chegada do avião a capital da França?
resolu o
Resolução

As duas cidades estão em hemisférios diferentes.

- Portanto, 45 + 15 = 60 / 15 = 4 , ou seja, a diferença de horas entre as duas cidades é de 4 horas.

Paris está a Leste de Brasília, portanto, soma-se;

12 (duração da viagem) + 4 (diferença de fusos) + 8 que é o horário de partida = 23:00 horas

slide47
Um avião da Cenora´s Air Line irá bombardear o show do Restart (15º S/45º W) as 22:00h no dia 24/08. Tal benção para a cultura brasileira será transmitida para o mundo. Qual o horário que os MIB irão testemunhar a salvação que será assistida em uma base Pokemon durante um campeonato de palitinho (30º N/90º E)?

2. Na última etapa de uma competição aeronáutica internacional, uma equipe formada pelos aviões A e B tem a seguinte tarefa para realizar: o avião A deverá sair às 13 horas (hora local) da cidade de Vila dos Remédios (Fernando de Noronha-PE), com destino à cidade de Manaus-AM; o avião B somente poderá sair da cidade de Vila dos Remédios após a chegada do avião A em Manaus. Para realizar esta tarefa, os pilotos receberam as seguintes informações técnicas: a cidade de Vila dos Remédios está localizada no 1° fuso horário do Brasil, a cidade de Manaus está localizada no 3° fuso horário do Brasil e o tempo de vôo entre as duas cidades tem a duração de 8 horas.

Com base no exposto acima, assinale a alternativa que contém, respectivamente, o horário da chegada do avião A em Manaus e o horário da saída do avião B de Vila dos Remédios.

a) 15h e 17h b) 19h e 21h c) 21h e 19h d) 21h e 22h e) 21h e 23h

EXERCÍCIOS

proje es cartogr ficas
A confecção de um mapa exige, antes de tudo, o estabelecimento de um método, segundo o qual, a cada ponto da superfície da Terra corresponda um ponto da carta e vice-versa.

O problema básico das projeções cartográficas é a representação de uma superfície curva (Terra) em um plano (papel).

Projeções Cartográficas
slide49
Podemos dizer que todas as representações de superfícies curvas em um plano envolvem: "extensões" ou "contrações" que resultam em distorções.

Diferentes técnicas de representação são aplicadas no sentido de se alcançar resultados que possuam certas propriedades favoráveis para um propósito específico.

Projeções Cartográficas

proje o cil ndrica
Projeção Cilíndrica

Todos os paralelos e meridianos são projetados a partir do centro da esfera, o que distorce as imagens à medida que se aumenta a latitude. A 45º, a área representada passa a ter o dobro do seu tamanho real. A 75º de latitude, ela já é de 16 vezes maior que a realidade.

proje o c nica
Projeção Cônica

As projeções cônicas são muito utilizadas para representar partes de um dos hemisférios terrestres. Nessas projeções, os países localizados fora da região temperada apresentam grande distorção.

proje o plana azimutal ou polar
Projeção Plana, Azimutal ou Polar

Um plano toca o globo terrestre num único ponto. Círculos concêntricos são traçados em torno desse ponto, representando os paralelos. Os meridianos são radiais. É útil para navegação aérea e análise geopolítica.

proje o de mercator
Idealizada no século XVI;

“CONFORME” – mantém as formas mas distorce as áreas

“EUROCÊNTRICA”

Projeção de Mercator
proje o de peters
Idealizado pós II Guerra por Arno Peters;

“EQUIVALENTE”: mantém as áreas, mas distorce as formas;

“TERCEIRO-MUNDISTA” – “Mapa para um mundo solidário”

Projeção de Peters
anamorfose
É o nome dado ao mapa no qual as superfícies reais (geralmente países do mundo ou estados e regiões de um país) sofrem uma distorção para se tornarem proporcionais à variável que está sendo representada.

Veja exemplos:

ANAMORFOSE
slide57
O PODER CIENTÍFICOOs EUA são os maiores e mais eficazesprodutores de ciência e, de longe, o maior mercado científico do mundo
escalas
É a relação matemática entre as dimensões reais do fato a ser cartografado e as medidas do mapa a ser criado.

TIPOS DE ESCALA:

Numérica Gráfica

Ex. 1 : 7.000.000

Escalas
slide60
GRANDE ESCALA

Quando se quer representar um ESPAÇO GEOGRÁFICO MENOR, não sendo preciso reduzir tanto as áreas.

Aparecem MUITOS DETALHES.

Exemplo:

PLANTA URBANA

slide61
PEQUENA ESCALA

Usada para mostrar um ESPAÇO GEOGRÁFICO GRANDE.

NÃO APARECEM MUITOS DETALHES.

Exemplo:

MAPA POLÍTICO DO BRASIL

c lculos de escala
Cálculos de escala

Podem ser feitos de duas maneiras:

1) Através de fórmulas

Sendo,

E = escala do mapa

D = distância real

d = distância no mapa

exemplos
Exemplos

Em um mapa de escala 1:100.000, a distância entre dois pontos é de 6 cm. Qual a distância real entre os mesmos ?

D = E x d

D = 100.000 x 6

D = 600.000 cm

D = 6 km

D = ?

E = 1:100.000

d = 6 cm

c lculos de escala1
2) Regra de três

Se a escala é de 1:100.000, então 1 cm no mapa corresponde a 100.000 cm na realidade.

Portanto, se temos a distância no mapa de 6 cm, a relação é:

Cálculos de escala
legendas
CONJUNTO DE SIMBOLOGIAS USADAS PARA REPRESENTAR UM FENÔMENO QUALQUER NUM MAPA.

SÃO COMPOSTAS PRINCIPALMENTE POR:

SÍMBOLOS;

CORES;

LINHAS ou ISORRITMAS ou ISOLINHAS.

Seguem os exemplos:

Legendas
legenda por s mbolos
Legenda por Símbolos

Recursos Minerais do Brasil

cores
MAPAS FÍSICOS (RELEVO)

AS CORES SÃO CONVENÇÕES INTERNACIONAIS, SEGUIDAS POR TODOS OS PAÍSES DO MUNDO.

Cores
isolinhas ou isorritmas
ISOLINHAS ou ISORRITMAS

São linhas que unem pontos de igual intensidade.

As MAIS COMUNS SÃO:

Tipos Unem pontos de

ISOÍPSAS Altitude

ISÓBATAS Profundidade

ISÓBARAS Pressão Atmosférica

ISOTERMAS Temperatura

ISOIETAS Pluviosidade

Exemplos:

curvas de n vel
CURVAS DE NÍVEL
  • Método para representar o relevo terrestre.
  • A curva de nível constitui uma linha imaginária do terreno, em que todos os pontos de referida linha têm a mesma altitude.
principais caracter sticas
PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS
  • a) As curvas de nível tendem a ser quase que paralelas entre si.
  • b) Todos os pontos de uma curva de nível se encontram na mesma elevação.
  • c) Cada curva de nível fecha-se sempre sobre si mesma.
  • d) As curvas de nível nunca se cruzam.
slide78

Animação http://www.ib.unicamp.br/lte/bdc_uploads/materiais/video/material851_codigoBinario_pt.swf