caracter sticas gerais das plantas n.
Download
Skip this Video
Download Presentation
Características Gerais das Plantas

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 42

Características Gerais das Plantas - PowerPoint PPT Presentation


  • 132 Views
  • Uploaded on

Características Gerais das Plantas. Prof° Aguiar. Conquistas morfofisiológicas do meio terrestre. Surgimento de algumas características morfológicas para sua sobrevivência: Absorção de água do solo; Condução de água e materiais até as células mais distantes;

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Características Gerais das Plantas' - celeste-albert


Download Now An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
conquistas morfofisiol gicas do meio terrestre
Conquistas morfofisiológicas do meio terrestre

Surgimento de algumas características morfológicas para sua sobrevivência:

  • Absorção de água do solo;
  • Condução de água e materiais até as células mais distantes;
  • Impermeabilização das superfícies expostas;
  • Estômatos (trocas gasosas);
  • Sustentação do corpo ( lignina);
  • Reprodução;
presen a de vasos condutores
Presença de vasos condutores
  • Traqueófitas;
  • Presentes em 3 grupos;
  • Função;
  • Xilema e floema;
a c lula vegetal
A célula vegetal
  • Presença de parede celular de celulose e pectina;
  • Presença de plastos – cloroplastos;
  • Presença de vacúolos;
  • Ausência de centríolos;
slide5

Confere proteção à célula

Onde ocorre a fotossíntese

Armazenamento de substâncias

ciclo haplodiplonte
Ciclo Haplodiplonte

Meiose

Mitose

Esporos (n)

Talo (2n) - Esporófito

Talo (n) - Gametófito

Mitose

Gameta (n)

Mitose

Zigoto(2n)

Gameta (n)

clor fitas
Clorófitas
  • Também conhecidas como algas verdes
  • Possível ancestral das plantas:
  • Parede celular: celulose e pectina
  • Pigmentos: clorofilas a e b
  • Substância de reserva: amido
bri fitas
Briófitas

Características gerais:

  • Encontradas em locais úmidos
  • Não apresentam flores
  • Não possuem xilema e floema
  • Ausência de raízes, caule e folhas verdadeiros
  • Gametófito (n) é a fase duradoura.
bri fitas1
Briófitas
  • Musgos
  • Hepáticas
  • Antóceros
bri fitas2
Briófitas
  • Dependem da água para reprodução
bri fitas3
Briófitas

Gametângios:

Estruturas que abrigam os gametas feminino e masculino.

  • Gametângio Feminino: Arquegônio
  • Gametângio Masculino: Anterídio
bri fitas4
Briófitas
  • Gameta Masculino: Anterozóides
  • Gameta Feminino: Oosfera
  • Esporófito: temporário e dependente do gametófito.
pterid fitas
Pteridófitas

Características Gerais:

  • Possuem xilema e floema
  • Possuem raiz, caule e folhas verdadeiras
  • Caule do tipo rizoma (caule subterrâneo)
  • Esporófito (2n) é a fase duradoura
  • Gametófito (protalo) é temporário mas independente do esporófito
pterid fitas1
Pteridófitas
  • Dependem da água para reprodução;
  • Importância ecológica: encostas
  • Bioindicadores de grau de poluição;
  • Exemplos:

Samambaias, cavalinhas, selaginelas, licopódios e avencas.

pterid fitas2
Pteridófitas
  • Soros: presentes nas folhas – conjunto de esporângios.

Esporângio

Esporos

Indúsio

responda
Responda
  • 1. ( FUVEST-SP) A conquista do meio terrestre, pelas plantas, foi possível graças a um conjunto de adaptações.
  • Cite duas adaptações dos vegetais terrestres relacionadas à economia de água.

R:

1) Revestimento impermeabilizado ( cutícula cerosa e súber);

2) Estômatos;

3) Pêlos epidérmicos nas partes expostas;

4) Folhas transformadas em espinhos;

5) Parênquimas aquíferos;

6) Queda de folhas ( caducifólias);

slide20
B) Que estruturas vegetais permitem a dispersão das pteridófitas e das gimnospermas, independentes do meio aquático.

R:

Nas pteridófitas, os esporos. Nas gimnospermas, as sementes.

gimnospermas
Gimnospermas

Características gerais:

  • Abundantes em regiões temperadas.
  • Apresentam xilema e floema
  • Possuem flor – flor “não atrativa”
  • Possuem semente
  • Não dependem da água para reprodução
  • Exemplos: Pinheiros, Ciprestre e Cica
estr bilos
Estróbilos
  • Estróbilo Masculino (microstróbilo): geralmente menor e presente nas pontas dos galhos, na parte inferior.
estr bilos1
Estróbilos
  • Estróbilo Feminino (megastróbilo): maiores e localizado mais próximo ao ápice da árvore.
forma o da semente
Formação da semente
  • Oosfera + núcleo espermático  zigoto (2n)  embrião
  • Células do saco embrionário (n)  endosperma primário (n).
angiospermas
Angiospermas

Também chamadas de antófitas

Angiosperma do grego, aggeion= vaso,urna

Características gerais:

  • Encontradas em qualquer ambiente;
  • Apresentam raíz, caule e folha bem desenvolvidos;
  • Apresentam xilema e floema;
slide30

Possuem flores – flores coloridas;

  • Possuem semente;
  • Não dependem da água para reprodução;
  • Presença de fruto;
  • Exemplos: a maioria das plantas.
a flor
A Flor

Androceu: conjunto de estames;

Gineceu: conjunto de carpelos ou um único.

a flor1
A Flor

Estigma

Carpelo

Estilete

Ovário

Estames

Pétalas

Pistilo

Sépalas

Receptáculo floral

Pedúnculo

slide33

Estigma

Antera

Estilete

Ovário

Filete

Perianto = cálice + corola

Tépalas = sépalas e pétalas do mesmo tamanho e cor

frutos
Frutos
  • Fruto nada mais é do que o ovário desenvolvido e os óvulos são as sementes.
  • Exclusividade das angiospermas;
  • Pseudofrutos;
  • Inflorescência = Infrutescência (milho,uva,amora e jaca)
  • Pedúnculo floral e receptáculo floral (hipertrofia)
sementes
Sementes
  • Toda semente apresenta um envoltório;
  • Um embrião inativo;
  • Um material de reserva ( endosperma ou albúmen);
  • Primeira folha embrionária (cotilédone);
  • Monocotiledônea e dicotiledônea;
ad