slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Pesquisa HOSS, Osni PowerPoint Presentation
Download Presentation
Pesquisa HOSS, Osni

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 19

Pesquisa HOSS, Osni - PowerPoint PPT Presentation


  • 81 Views
  • Uploaded on

Pesquisa HOSS, Osni. CONCEITO DE PESQUISA. É um procedimento intelectual em que o pesquisador tem como objetivo adquirir conhecimentos por meio da investigação de uma realidade e da busca de novas verdades sobre um fato (objeto, problema). FACHIN (2003, P.121)

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Pesquisa HOSS, Osni' - catori


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

Pesquisa

HOSS, Osni

slide2

CONCEITO DE PESQUISA

É um procedimento intelectual em que o pesquisador tem como objetivo adquirir conhecimentos por meio da investigação de uma realidade e da busca de novas verdades sobre um fato (objeto, problema). FACHIN (2003, P.121)

“A pesquisa é uma atividade voltada para a solução de problemas, através do emprego de processos científicos.” (CERVO e BERVIAN, 2002, p. 63)

slide3

Como fazer o trabalho

formular a pergunta

interpretar resultados

realizar a pesquisa

divulgar resultados

CNPq

slide4

Fases da pesquisa: Chizzotti (1991)

1. A DETERMINAÇÃO DO PROBLEMA

- SELECIONAR O ASSUNTO

- DEFINIR E FORMULAR O PROBLEMA

- REUNIR E SELECIONAR A DOCUMENTAÇÃO SOBRE O ASSUNTO

- REVISÃO DA LITERATURA

2. A ORGANIZAÇÃO DA PESQUISA

- DESCREVER O PROBLEMA

- FORMULAR HIPÓTESES

- DESCREVER MÉTODOS PARA COLETAR DADOS

- CONSTRUIR INSTRUMENTOS NECESSÁRIOS À COLETA DE DADOS

- DEFINIR A POPULAÇÃO DA PESQUISA

- PLANIFICAR A COLETA DE DADOS

3. EXECUÇÃO DA PESQUISA DE CAMPO

- ESTABELECER UM PROGRAMA

- COLETAR DADOS

- ANALISAR RESULTADOS

4. REDAÇÃO DO TEXTO

- REDIGIR TEXTO PRELIMINAR, EXPLICANDO O FENÔMENO

- REDIGIR TEXTO DEFINITIVO, INCORPORANDO INDICAÇÕES E CRÍTICAS

slide5

FINALIDADES E REQUISITOS

  • FINALIDADES
  • Pesquisa pura  visa alcançar o saber
  • Pesquisa aplicada  solucionar os problemas
  • REQUISITOS BÁSICOS
  • Planejamento
  • Metodologia adequada
conceitos utilizados para pesquisa
Conceitos utilizados para pesquisa

SANTOS (1999)

Segundo os objetivos

- Exploratórias

- Descritivas

- Explicativas

Segundo os procedimentos de coleta

- Experimento

- Levantamento

- Estudo de caso

- Pesquisa bibliográfica

- Pesquisa documental

- Pesquisa-ação

- Pesquisa participante

- Pesquisa ex-post-facto

- Pesquisa quantitativa

- Pesquisa qualitativa

Segundo as fontes de informação

- Campo

- Laboratório

- Bibliografia

  • ANDRADE (1997)
  • Pesquisa quanto à natureza
  • - Trabalho científico original
  • - Resumo de assunto
  • Pesquisa quanto aos objetivos
  • - Pesquisa exploratória
  • - Pesquisa descritiva
  • - Pesquisa explicativa
  • Pesquisa quanto aos procedimentos
  • - Pesquisa de campo
  • Pesquisa de fontes de papel:
  • bibliografica e documental.
  • Pesquisa quanto ao objeto
  • - Pesquisa bibliográfica
  • - Pesquisa de laboratório
  • - Pesquisa de campo
conceitos utilizados para pesquisa1
Conceitos utilizados para pesquisa
  • CERVO E BERVIAN (2002)
  • - Bibliográfica
  • - Descritiva
  • Experimental
  • Estudos Exploratórios
  • Resumo de assunto
  • Seminário de estudos
  • FACHIN (2003)
  • - Bibliográfica
  • - Laboratório
  • Campo
  • Documental
slide8

PROCEDIMENTOS TÉCNICOS

    • AMOSTRAS
  • Para Livigstone (1999) de acordo com o tamanho do universo será necessário fazer uma seleção - amostra.
  • Amostragem Aleatória: seleção não tendenciosa.
  • Amostragem não aleatória: Deve-se dar ao entrevistador estereótipos a serem entrevistados.
  • Amostra probabilística: qualquer elemento da população pode ser incluído.
  • Amostra não probabilística: não há como avaliar a probabilidade de que cada elemento possa ser incluído na amostra.
  • Amostras acidentais: - Ex.: Pessoas na rua que queiram ser entrevistadas.
  • Amostras de quotas: - os elementos da amostra na mesma proporção em que se encontram na população.
slide9

FONTES DE DADOS

  • DADOS PRIMÁRIOS
  • Levantados pelo pesquisador, através do uso das diversas técnicas de coleta de dados;
  • Aplicados aos casos mais particulares e específicos;
  • Envolvem “pesquisa de campo”
  • DADOS SECUNDÁRIOS
  • Dados extraídos de fontes de informações fidedignas que apresen- tam relatórios de pesquisas, sem análise.
  • Exemplo: Censo IBGE, Anuários estatísticos, Almanaque Abril e outros, Dados em CD-ROM, Internet, etc.
slide10

COLETA E PROCESSAMENTO DOS DADOS

  • A coleta de dados é a fase em que são efetuadas as observações ou os contatos com os respondentes, aplicados os instrumentos e registrados os dados.
  • O processamento dos dados compreende o trabalho de transformação de dados brutos em dados para análises. Seguem as seguintes fases:
    • 1- verificação e edição;
    • 2- codificação;
    • 3- digitação;
    • 4- tabulação.
slide11

Análise dos resultados, elaboração das conclusões

  • Dois tipos de dados e análises:
    • Qualitativos
    • Quantitativos
  • Classificação
  • Codificação e tabulação dos resultados.
slide12

Classificação

  • Dividir um todo em partes, dando ordem as partes e colocando cada uma no seu lugar
    • critério ou fundamento base da divisão a ser feita.
  • Ex: sexo é o critério; masculino e feminino são classes ou categorias.
slide13

Codificação

  • Colocar determinada informação na categoria que lhe compete, atribuindo-se para cada categoria um símbolo (palavra ou números).
slide14

Tabulação

  • Disposição gráfica dos dados obtidos.
slide15

O papel da estatística

  • Os resultados quase sempre são variáveis, principalmente em biologia e medicina
  • É necessário descrever a variabilidade e as tendências centrais, para entender o fenômeno
  • Para comprovar diferenças entre situações observacionais e experimentais, é necessário usar métodos estatísticos.
slide16

Descrição e análise dos dados

  • O que os dados significam para a nossa pesquisa?
    • o que é típico no grupo (média, mediana e moda)?
    • até que ponto variam os indivíduos no grupo (amplitude, desvio médio e desvio padrão)?
    • como os indivíduos se distribuem com relação à variável que está sendo medida (distribuição é normal ou não)?
    • qual a relação entre as diversas variáveis
slide17

Elaboração das conclusões

  • Após estas etapas
    • permitir e aconselhar,
    • comparações pertinentes e,
    • com base nos resultados alcançados, enunciará novos princípios
    • generalizações apropriadas
slide18

Divulgação dos resultados

  • Seminários
  • Apresentação em congresso
  • Relatório à entidades públicas e privadas
  • Dissertação / tese / monografia
  • Artigo científico
  • Livro / capítulo de livro
  • Internet