UFSC - PowerPoint PPT Presentation

andrew
slide1 l.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
UFSC PowerPoint Presentation
play fullscreen
1 / 103
Download Presentation
UFSC
338 Views
Download Presentation

UFSC

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. UFSC PRODUÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE ANTICORPOS MONOCLONAIS Centro Brasileiro-Argentino de Biotecnologia Prof. Aguinaldo R. Pinto

  2. Relembrando a Imunologia Prof. Aguinaldo R. Pinto

  3. Imunologia Definição: estudo do sistema imune (SI) e dos mecanismos que os seres humanos e outros animais usam para “defender seus corpos da invasão de microorganimos” Prof. Aguinaldo R. Pinto

  4. Ciência Moderna Folclore antigo Imunologia • Biologia dos linfócitos • Reconhecimento do próprio x não próprio (self x non-self) • Reconhecimento celular • Organização gênica Prof. Aguinaldo R. Pinto

  5. The Plague at AshdodNicolas Poussin, 1630Musée du Louvre, Paris Prof. Aguinaldo R. Pinto

  6. Introdução • Imunidade = resistência a infecções latim immunis (Senado romano) • Células, tecidos e moléculas que medeiam resistência = sistema imune • Reação coordenada destas = a resposta imune. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  7. Imunidade Natural e Adquirida • Imunidade do hospedeiro • Defesa inata e adaptativa • Inata • Proteção inicial contra infecções • Adaptiva • Adaptável • Mais lenta • Resposta recente e mais efetiva. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  8. Características da R.I. Inata X Adquirida INATA • Presente ao nascer • Não-específica • Não muda de intensidade com a exposição • Não-memória ADQUIRIDA • Resposta específica • Adquirida à partir da exposição • Aumenta a intensidade com a exposição • Memória Prof. Aguinaldo R. Pinto

  9. Componentes da Imunidade Inata X Adquirida INATA • Barreiras Físicas • Produtos Secretados • Células (Granulócitos, NK e DC) ADQUIRIDA • Produtos Secretados • Células (Linfócitos) Prof. Aguinaldo R. Pinto

  10. Imunidade Inata • Barreiras epiteliais • Antibióticos naturais • Se micróbios quebram barreiras e entram nos tecidos ou circulação... • Natural Killer (NK)/Macrófagos • Proteínas do plasma e sistema de complemento. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  11. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  12. Macrófagos Células Dendríticas FAGOCITOSE Neutrófilos Eosinófilos Basófilos Células NK Mastócitos Prof. Aguinaldo R. Pinto

  13. Macrófago + pseudopodes Prof. Aguinaldo R. Pinto

  14. FAGOCITOSE Prof. Aguinaldo R. Pinto

  15. TOLL-LIKE RECEPTORS Prof. Aguinaldo R. Pinto

  16. LINHAS DE DEFESA Microrganismos invasores Barreiras Físico-Químicas Respostas Focalizadas Imunidade Específica Prof. Aguinaldo R. Pinto

  17. Inflamação Prof. Aguinaldo R. Pinto

  18. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  19. CÉLULAS DENDRÍTICAS Prof. Aguinaldo R. Pinto

  20. CÉLULAS DENDRÍTICAS Prof. Aguinaldo R. Pinto

  21. CÉLULAS DENDRÍTICAS Prof. Aguinaldo R. Pinto

  22. CÉLULA DENDRÍTICA Prof. Aguinaldo R. Pinto

  23. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  24. Sistema Imune Adaptativo • Consiste de... • Linfócitos e os seus produtos, i.e., anticorpos. • Reconhecem subst diferentes • Microbianas ou não • Estas substâncias são chamadas antígenos. • Geram mecanismos que são especializados para combater tipos diferentes de infecções. • Anticorpos -> micróbios em fluidos de extra-celular • Linfócitos T ativados -> micróbios intra-celular. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  25. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  26. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  27. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  28. Imunidade Celular • Anticorpos não têm acesso a micróbios que vivem e dividem dentro de células infectadas. • Defesa contra tais micróbios é chamada imunidade célular • Mediada por linfócitos T. • Linfócitos T... • Ativam fagócitos para destruir micróbios • Citotóxico matam células que estão abrigando micróbios infecciosos no citoplasma. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  29. Linfócito T • Imunidade Celular • Receptores reconhecem fragmentos de peptídeos de ag • Ligados a major histocompatibility complex (MHC) ou complexo de histocompatibilidade principal (MHC). • T CD4+ = helper ou auxiliares • Ajudam B a produzir anticorpos • Fagócitos a destruir micróbios fagocitados • T CD8+ = citotóxicos ou citolíticos • Destroem células que abrigam micróbios intracelulares Prof. Aguinaldo R. Pinto

  30. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  31. Processamento e apresentação de antígenos Prof. Aguinaldo R. Pinto

  32. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  33. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  34. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  35. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  36. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  37. Cadeia invariante (CD74) Prof. Aguinaldo R. Pinto

  38. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  39. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  40. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  41. DÚVIDAS?? Prof. Aguinaldo R. Pinto

  42. Reconhecimento de Antígeno pelo linfócito T Prof. Aguinaldo R. Pinto

  43. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  44. CD4 CD8 Prof. Aguinaldo R. Pinto

  45. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  46. 1º sinal 2º sinal Prof. Aguinaldo R. Pinto

  47. Prof. Aguinaldo R. Pinto

  48. PAPEL DOS LINFÓCITOS T Prof. Aguinaldo R. Pinto

  49. LINFÓCITO T CD8 Prof. Aguinaldo R. Pinto

  50. Prof. Aguinaldo R. Pinto