a sociologia pr cient fica i l.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
A SOCIOLOGIA PRÉ-CIENTÍFICA I PowerPoint Presentation
Download Presentation
A SOCIOLOGIA PRÉ-CIENTÍFICA I

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 16

A SOCIOLOGIA PRÉ-CIENTÍFICA I - PowerPoint PPT Presentation


  • 422 Views
  • Uploaded on

A SOCIOLOGIA PRÉ-CIENTÍFICA I. O RENASCIMENTO Prof. Adriano Donizete. Introdução. O QUE ENTENDER POR “TEMPOS MODERNOS”? O mundo moderno ou Idade Moderna é o período que se estende desde o século XV até a 1ª metade do século XVIII . Os processos mais marcantes desse período:

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'A SOCIOLOGIA PRÉ-CIENTÍFICA I' - Gabriel


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
a sociologia pr cient fica i

A SOCIOLOGIA PRÉ-CIENTÍFICA I

O RENASCIMENTO

Prof. Adriano Donizete

introdu o
Introdução
  • O QUE ENTENDER POR “TEMPOS MODERNOS”?
  • O mundo moderno ou Idade Moderna é o período que se estende desde o século XV até a 1ª metade do século XVIII.
  • Os processos mais marcantes desse período:
  • 1. A emergência e a consolidação dos Estados Nacionais;
  • 2. O desenvolvimento do Absolutismo;
processos marcantes continua o
Processos marcantes - continuação
  • 3. A adoção das práticas mercantilistas;
  • 4. Surgimento de uma nova visão de mundo (restrita às elites, conhecida como Renascimento)
  • 5. A cisão da cristandade;
  • 6. A cristalização de uma sociedade de ordens ou de classes (grupos estratificados).
os marcos dos tempos modernos
Os marcos dos tempos modernos
  • 1. Tomada de Constantinopla pelos turcos (1453);
  • 2. A invenção da imprensa por Gutermberg (1440/1450);
  • 3. A descoberta da América (1492);
  • 4. As teses de Martin Lutero (1517);
  • 5. O saque de Roma pelas tropas de Carlos V (1527).
  • Obs: Expansão marítima e comercial
o que o renascimento
O que é o Renascimento
  • Processo de renovação cultural que se desenvolveu na Europa entre os séc. XIV a XVI, mas teve profundas repercussões em toda a Idade Moderna (séc. XV a XVIII).
  • Manifestou-se em todas as áreas da produção cultural e artística, como na música, na literatura, na educação, na Filosofia, nas artes plásticas e ciências em geral.
renascimento caracter sitcas
Renascimento- caracterísitcas
  • Ruptura com a cultura medieval (que exacerbava Deus e a cultura religiosa católica);
  • Retomada da cultura clássica (Grécia e Roma antigas), que vinha sendo realizada pela elite intelectual do período, os humanistas;
  • Constitui uma das manifestações mais criativas do ocidente e permitiu fazer uma reflexão sobre as questões sociais vigentes;
  • Renovou o pensamento religioso e a imagem do homem sobre si mesmo.
renascimento caracter sticas
Renascimento- características
  • Período de turbulência social e política, marcado pela falta de unidade política e religiosa, longas guerras entre as nações que se formavam e perseguições religiosas.
  • São considerados sintomas desse contexto: os exílios, as condenações, os longos processos políticos e eclesiásticos, os genocídios na América e o ressurgimento da escravidão como instituição legal.
renascimento caracter sticas8
Renascimento- características
  • Filosofia pessimista da história, marcada pela angústia da proximidade do fim do mundo. Expressos na produção artística:
  • “Divina Comédia” – Dante Alighieri
  • “O Juízo Final” -0 Michelangelo
  • Vários quadros de Hieronymus Bosch
  • Insegurança e instabilidade estão presentes na produção cultural desse época de transição.
renascimento caracter sitcas9
Renascimento -caracterísitcas
  • As expressões artísticas renascentistas, fundadas no estudo do homem, da natureza e do espírito crítico, desdobraram-se no desenvolvimento científico: Física, Astronomia, Matemática e Biologia.
  • O Renascimento científico significou a retirada do monopólio da explicação do mundo e da natureza das mãos da Igreja, abriu caminho para uma ciência leiga, longe dos dogmas.
  • O Renascimento triunfa sobre concepções herdadas de uma tradição religiosa baseada unicamente na fé.
o renascimento caracter sticas
O Renascimento – características
  • Mundo mais laico e independente da tutela religiosa;
  • O homem foi levado pensar e analisar a realidade a sua volta com objetividade x pensamento voltado para as “justiças divinas”;
  • Instituições políticas, sociais levadas a repensar modelos da vida social e a humanidade começa interferir nos acontecimentos por sua ação.
obras que influenciaram
Obras que influenciaram
  • A visão especulativa da sociedade concentra o fundamento do pensamento social moderno, que se expressa na literatura utópica de Thomas Morus.
  • Outras: “A cidade do Sol”- Tommaso Campanella;
  • “Nova Atlântida” – Francis Bacon
o refor o do poder do estado
O Reforço do poder do Estado
  • Maquiavel – para ele as coisas da política não eram da esfera da Igreja nem das Comunas, mas sim do Príncipe.
  • Qualquer um que assumisse o poder do Estado e exercesse o poder em seu nome deveria possuir algumas condições:
condi es para maquiavel
CONDIÇÕES PARA MAQUIAVEL
  • I – concentrar em si a astúcia da raposa e a coragem do leão (cometendo perjúrio e sendo dissimulado se fosse preciso);
  • Eliminar tudo aquilo que possa ameaçar o poder, preferindo ser temido do que ser amado;
  • Recorrer ao crime se for necessário, mas deve abster-se dos bens alheios, visto que os homens esquecem mais rapidamente a morte do pai do que a perda do patrimônio (O Príncipe, cap XVII);
  • Ter uma política pragmática e eficiente.
coment rios a obra de maquiavel
Comentários a obra de Maquiavel
  • Essa apologia ao Estado forte e concentrado nas mãos do Príncipe ocorria porque Maquiavel via nele a única forma de afastar a influência das monarquias estrangeiras dos assuntos internos da Itália, arrasada por guerras intermináveis.
thomas robbes
Thomas Robbes
  • “O Leviatã”, de 1650 a única autoridade existente num reino devia ser a do rei, visto e respeitado como o monarca absolutista.
  • Hobbes: a sociedade estava constantemente ameaçada de se ver em uma guerra civil;
  • Hobbes: o mundo antigo dos 1ºs homens era um mundo de feras, onde o “homem era o lobo do próprio homem”.
thomas hobbes
Thomas Hobbes
  • Para superar o mundo de guerra de todos contra todos, de um ambiente de angústia, de medo e chegar a uma sociedade civil, era necessário que todos, abdicassem das suas liberdades individuais e naturais e transferi-la por meio de um CONTRATO SOCIAL a um só homem: o REI.
  • Defende a idéia de que o direito à propriedade, à vida, à liberdade só são garantidos diretamente pela autoridade do rei.
  • Rebelar contra a autoridade do rei é o mesmo que regredir a condição animal, onde impera a violência aberta.
  • Aquele que se rebela não ofende somente ao rei, mas coloca em risco as conquistas da civilização.