Preven o ao uso de drogas
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 19

Prevenção ao uso de drogas PowerPoint PPT Presentation


  • 77 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Prevenção ao uso de drogas. Fonte: Programa Einstein de tratamento de Dependentes de Álcool e Drogas – PAD (Departamento de Saúde Mental do hospital Albert Einstein). OBJETIVO.

Download Presentation

Prevenção ao uso de drogas

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Preven o ao uso de drogas

Prevenção ao uso de drogas

Fonte: Programa Einstein de tratamento de Dependentes de Álcool e Drogas – PAD (Departamento de Saúde Mental do hospital Albert Einstein)

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Objetivo

OBJETIVO

  • Instrumentalizar escolas a construírem e manterem um programa de prevenção ao uso de drogas inserido no cotidiano escolar

  • Professores: Agentes preventivos ideais, em função do vínculo afetivo e educativo com os alunos

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


O que preven o ao uso de drogas

O QUE É PREVENÇÃO AO USO DE DROGAS?

  • Prevenção e repressão: não são a mesma coisa. São posturas diferentes porém complementares.

  • Prevenção: Redução da demanda do consumo de drogas (fornecer informações e educar para hábitos saudáveis e protetores)

  • Repressão: Redução na oferta de drogas (dificultar o acesso às drogas – legislação, ações policiais)

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Comunidade em a o

COMUNIDADE EM AÇÃO

  • Pais: pode trabalhar com outras pessoas na comunidade, selecionando programas de prevenção de qualidade

  • Educadores: Podem incluir em seu cronograma curricular informações sobre drogas

  • Líderes comunitários: auxiliar na escolha, desenvolvimento e aprimoramento de programas de prevenção (www.nida.nig.gov)

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


N veis de preven o

Níveis de prevenção

  • Primária: Evitar ou retardar a experimentação de drogas (jovens não usuários)

  • Secundária: Evitar que usuários ocasionais façam uso nocivo (dependência). Pode haver indicação para especialistas.

  • Terciária: tratamento da dependência

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Papel da escola

Papel da Escola

  • Educar crianças e jovens a buscarem desenvolvimento da identidade e subjetividade

  • Promover e integrar a educação intelectual e emocional

  • Incentivar a cidadania e a responsabilidade social

  • Garantir a incorporação de hábitos saudáveis

  • Discutir projeto de vida

  • Discutir o uso de drogas no contexto da saúde

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Fatores de risco na escola

FATORES DE RISCO NA ESCOLA

  • Comportamento agressivo precoce

  • Falta de apoio familiar

  • Abuso de álcool, tabaco e outras drogas

  • Fácil acesso e permissividade

  • Pobreza

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Estrat gias

ESTRATÉGIAS

  • Filosofia da instituição

  • População alvo

  • Recursos disponíveis

  • Necessidades da população

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Modelos de preven o

Modelos de Prevenção

  • Modelo de amedrontamento: Fornecer informações que enfatizam as conseqüências negativas do uso de drogas de modo dramático

  • Educação para conhecimento científico: Fornecimento de informações de modo imparcial e científico (tomar cuidado com excesso)

  • Treinamento para resistir: Desenvolver habilidades através de exercícios para resistir à pressão

  • Treinamento de habilidades pessoais e sociais: Fator de proteção necessário para lidar com dificuldades (timidez, desenvolvimento de amizades saudáveis)

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Preven o ao uso de drogas

  • Pressão de grupo positiva: os próprios jovens lideram atividades preventivas. Identificar líderes e treiná-los.

  • Educação afetiva: desenvolvimento interpessoal, valorização da auto-estima, lidar com ansiedade, habilidade de decidir e relacionar-se

  • Oferecimento de alternativas: possibilidades de lazer, prazer e crescimento pessoal (atividades profissionalizantes, artísticas e culturais)

  • Modificação das condições de ensino: melhoria do ambiente escolar, comprometimento da escola com a saúde, envolvimento dos pais, inserção do tema em sala

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Preven o ao uso de drogas

  • Educação para a saúde: orientar alimentação adequada, vida sexual segura, prática de exercícios, uso adequado de remédios, discussão de temas variados (meio ambiente, trânsito, etc)

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Etapas do programa

ETAPAS DO PROGRAMA

  • I. Diagnóstico: Tirar uma “fotografia da escola”: qual a amplitude do problema? E sua especificidade? Freqüência?

  • Pesquisa epidemiológica (questionários anônimos e auto preenchimento – OMS). Sugere-se acompanhamento com instituição especializada

  • Levantamento do conhecimento sobre o tema (elaborar um roteiro de perguntas, dividir em grupo pequenos com coordenador)

  • Mapeamento da instituição (observação da rotina, proposta pedagógica, avaliação do ambiente físico, arredores, medidas de punição, levantamento do número de ocorrências, recursos)

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Preven o ao uso de drogas

  • II. Dificuldades iniciais

  • Tráfico de drogas na escola

  • Falta de preparo técnico com relação ao tema - boicote ao trabalho

  • Sentimento de desconfiança dos alunos com relação a uma postura repressora e acusatória da escola

  • Falta de regras claras sobre o uso de drogas na escola

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Preven o ao uso de drogas

  • III. Capacitação profissional

  • Grupo de multiplicadores

  • Voluntariado (não exigência)

  • Variedade de profissionais

  • Garantir horário fixo para reuniões

  • Disponibilizar recursos materiais

  • Criar acervo de materiais sobre drogas

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Preven o ao uso de drogas

  • IV. Organização das ações

  • Plano de trabalho (anual ou semestral)

  • Professores: criar um banco de aulas, atividades e dinâmicas, elaborar material didático

  • Pais: criar um canal de discussão e parceria através de eventos específicos

  • Alunos: exposição de pesquisas e trabalhos, discussão de propagandas

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Preven o ao uso de drogas

  • V. Avaliação

  • Instrumentos de registro

  • Desempenho do grupo de multiplicadores

  • Metodologia aplicada

  • Qualidade das atividades

  • Recursos suficientes?

  • Planejamento mantido?

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Preven o ao uso de drogas

  • Estratégias para auxiliar na avaliação: Pré/Pós-testes, número de ocorrências (aumento pode ser positivo), número de intercorrências de saúde, número de casos, inserção no programa da escola, participação de pessoas, pesquisa epidemiológicas, levantamento de opiniões.

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Preven o ao uso de drogas

“A prevenção deve ser assumida como responsabilidade do conjunto da sociedade dos poderes púbicos, das instituições privadas, da comunidade escolar, das famílias, das empresas, dos meios de comunicação, numa competência compartilhada.”

Plano e Ação Nacional de Luta contra as drogas - Portugal

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


Contato

CONTATO

  • CAPS AD – Tel. (19) 38054148

  • [email protected]

  • Solange Braga - Coordenadora

  • Íria Peres – Terapeuta Ocupacional [email protected]

  • Flávia Bielsa – Terapeuta Ocupacional [email protected]

Rua Paissandú número 745 Centro – Mogi Mirim


  • Login