III CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO
Download
1 / 37

III CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS - PowerPoint PPT Presentation


  • 75 Views
  • Uploaded on

III CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS. Disciplina: Filosofia dos direitos humanos. Prof. Marconi Pequeno. Os fundamentos da ética e os direitos humanos. ÉTICA. ETHOS : Modo de ser, caráter, costume. Filosofia grega. Ethos : morada do homem.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about ' III CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS' - uzuri


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

III CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO

EM

DIREITOS HUMANOS

Disciplina: Filosofia dos direitos humanos

Prof. Marconi Pequeno



ÉTICA

ETHOS : Modo de ser, caráter, costume.


Filosofia grega

Filosofia grega

Ethos : morada do homem


O ethos tica

O Ethos  Ética

A ética é o abrigo que confere proteção e segurança aos indivíduos-cidadãos, aqueles responsáveis pelos destinos da pólis(cidade)



A ÉTICA SERIA PRODUTO DAS LEIS ERIGIDAS PELOS COSTUMES E DAS VIRTUDES E HÁBITOS GERADOS PELO CARÁTER DOS INDIVÍDUOS


O mundo do ethos
O MUNDO DO ETHOS DAS VIRTUDES E HÁBITOS GERADOS PELO CARÁTER DOS INDIVÍDUOS

. Coletividade (intersubjetividade)

. Subjetividade (individualidade)


Existem, pois, condicionantes DAS VIRTUDES E HÁBITOS GERADOS PELO CARÁTER DOS INDIVÍDUOS

internos (caráter) e externos (costumes) que determinam a conduta do indivíduo


A pr tica do bem e da justi a envolve

A prática do bem e da justiça envolve : DAS VIRTUDES E HÁBITOS GERADOS PELO CARÁTER DOS INDIVÍDUOS

Respeito às leis

da pólis (heteronomia)

Intenção

individual

de cada

Sujeito (autonomia)


ÉTICA DAS VIRTUDES E HÁBITOS GERADOS PELO CARÁTER DOS INDIVÍDUOS

POLÍTICA


Todavia, a boa conduta poderia ser também determinada pela educação (Paidéia)

PAIDÉIA: PROCESSO DE FORMAÇÃO DO HOMEM GREGO


Paid ia educa o
PAIDÉIA (EDUCAÇÃO) educação (Paidéia)

  • Fornece as regras e ensinamentos morais aos indivíduos.

  • Orientam os juízos e decisões dos homens no seio da comunidade

  • Transmitem valores acerca do bem e do mal, do justo e do injusto

  • Constitui-se como elemento fundamental para a construção da sociabilidade


A fun o do ethos promover a excel ncia moral ou seja a pr tica das virtudes aret
A função do educação (Paidéia)ethos é promovera excelência moral, ou seja, a prática das virtudes (areté)

O exercício das virtudes tem como fim último a felicidade (a vida boa)


Moral

Moral educação (Paidéia)

Conjunto de regras, princípios e valores que determinam a conduta do indivíduo


Mundo dos valores

ÉTICA educação (Paidéia)

MORAL

Mundo dos valores

Ação

Reflexão


ÉTICA educação (Paidéia)

  • Instrumento fundamental para a instauração de um viver em conjunto

  • Base para a construção do mundo político

  • Condição necessária para a sobrevivência da espécie humana


A ética trata do comportamento do homem, da relação entre sua vontade e a obrigação de seguir uma norma, do que é o bem e de onde vem o mal, do que é certo e errado, da liberdade e da necessidade de respeitar o próximo


A tica revela que
A ética revela que: sua vontade e a obrigação de seguir uma norma, do que é o bem e de onde vem o mal, do que é certo e errado, da liberdade e da necessidade de respeitar o próximo

  • Nossas ações tem efeitos sobre a sociedade

  • Cada homem deve ser livre e responsável por suas atitudes

  • A justiça é a principal das virtudes

  • Nossos valores têm uma origem histórica

  • Cada moral é filha do seu tempo

  • Devemos adequar nossas vontades às obrigações sociais


Quest o central da tica
Questão central da ética: sua vontade e a obrigação de seguir uma norma, do que é o bem e de onde vem o mal, do que é certo e errado, da liberdade e da necessidade de respeitar o próximo

Como devo agir em relação aos outros?


As transformações econômico-sociais, bem como as mudanças que se operam no seio de uma cultura, impõem desafios aos sujeitos morais, uma vez que fazem surgir o problema referente à oposição entre relativismo e universalismo


O problema entre universalismo e relativismo se expressa da seguinte forma
O problema entre universalismo e relativismo se expressa da seguinte forma

  • Como uma norma moral pode adquirir validade universal?

  • Por que os valores e os princípios morais variam nas diferentes sociedades?

  • Como posso adequar a liberdade da minha vontade às obrigações determinadas pela lei ?

  • Como encontrar um equilíbrio entre a responsabilidade moral e os impulsos, desejos e inclinações que constituem a nossa condição?


A ética é a teoria acerca do comportamento moral dos homens em sociedade, ou seja, ela trata dos fundamentos e da natureza das nossas atitudes normativas


ÉTICA homens em sociedade, ou seja, ela trata dos fundamentos e da natureza das nossas atitudes normativas

Direitos

Deveres


Moral1

Moral homens em sociedade, ou seja, ela trata dos fundamentos e da natureza das nossas atitudes normativas

Liberdade

Responsabilidade


N o existem normas acabadas definitivas

Não existem normas acabadas, definitivas homens em sociedade, ou seja, ela trata dos fundamentos e da natureza das nossas atitudes normativas

A moral é um constructo antropo-sócio-cultural


A ética se impõe como a condição fundamental de possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadania


A cidadania pressupõe processos e conquistas possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadania

Criação de novos direitos

Meio para alcançar a integração social e política


Direitos de cidadania possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadania

Dependem da ordem jurídico-política do Estado

Os dispositivos constitucionais definem os direitos e deveres do cidadão


Direitos de cidadania
Direitos de cidadania: possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadania

“Todos os indivíduos, enquanto cidadãos, são iguais perante a lei”

Na prática as desigualdades sociais e as

estruturas de poder impedem que tal idéia se efetive


Cidadania e desigualdade social como compatibilizar

Cidadania e desigualdade social : como compatibilizar? possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadania

Como ser plenamente cidadão numa realidade marcada pela desigualdade, pela negação da meritocracia e pela subversão do princípio de justiça?


JUSTIÇA possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadania

Base institucional da coesão social

Condição de possibilidade à conquista da paz


Igualdade possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadania

Eqüidade

Justiça


possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadaniaA justiça é aquilo em função do qual se diz que o homem justo pratica, por escolha própria, de maneira a dar o que é igual de acordo com a proporção”

Aristóteles


Moralidade possibilidade para a prática das virtude e o exercício da cidadania

Cidadania

Construções sociais

Garantia da vida em comunidade


Os direitos de cidadania são uma realidade apenas para aqueles que têm a capacidade de exercê-los


Iii curso de especializa o em direitos humanos
III CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS aqueles que têm a capacidade de exercê-los


ad