Download
1 / 25

Associa o Brasileira de Educa o a Dist ncia - ABED - PowerPoint PPT Presentation


  • 85 Views
  • Uploaded on

Associação Brasileira de Educação a Distância - ABED. Sociedade científica sem fins lucrativos Fundada em 1995; ligada ao SBPC e ICDE 2400 associados (50% acadêmicos; 30% corporativos e governamentais; 10% sistema “S”; 10% ongs, bibliotecas, museus, etc.)

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Associa o Brasileira de Educa o a Dist ncia - ABED' - terry


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
Associa o brasileira de educa o a dist ncia abed
Associação Brasileira de Educação a Distância - ABED

  • Sociedade científica sem fins lucrativos

  • Fundada em 1995; ligada ao SBPC e ICDE

  • 2400 associados (50% acadêmicos;30% corporativos e governamentais; 10% sistema “S”; 10% ongs,bibliotecas, museus, etc.)

  • Missão: estimular e apoiar a prática e pesquisa da Educação a Distância em todas suas formas, em todas as áreas, e em todos os níveis de estudo


  • A Diretoria da ABED 2007-2011:

  • Fredric M. Litto – Presidente

  • Manuel M. M. Formiga – Vice-Presidente

  • CNI e UnB

  • Ana Claudia Freire – Vale do Rio Doce, RJ

  • Fernando José Spanhol – UFSC – Univ. Federal de Santa Catarina, SC

  • Hermelina das Graças Pastor Romiszowski – TTS -Tecnologia, Treinamento e Sistemas, RJ


  • A Diretoria da ABED 2007-2011:

  • João Roberto Moreira Alves – IPAE - Instituto de Pesquisas Avançadas de Educação, RJ

  • Marcos Resende Vieira – WebAula, MG

  • Regina Helena Silva Ribeiro – SENAC, SP

  • Regina Maria de Fátima Torres – SENAI, Departamento Nacional, DF

  • Robson Santos da Silva – Colégio Militar de Manaus, AM

  • Vani Moreira Kenski – Site Educacional,SP


  • No site da ABED:

  • Catálogo de +800 cursos EAD no Brasil

  • Revista Científica da ABED

  • Quem é Quem em EAD no Brasil

  • Commonwealth of Learning (Canadá)

  • “Como fazer EAD”

  • “Template para fazer cursos via web”

  • Open University (Reino Unido)

  • “Software para detectar abandono em cursos”


  • Outras Atividades da ABED:

  • Congresso Internacional, Seminário Nacional, Dia Nacional de EAD

  • Três edições anuais do Anuário Estatístico Brasileiro de Educação a Distância (Patrocínio MEC e Instituto Monitor)

  • Best Practices de Distance Learningin Brazil 2006 (São Paulo: Pearson, 2006).

  • Gerenciamento de um Curso a Distância via Rádio para SEBRAE 2005- .


  • 13o Congresso Internacional de EAD da ABED

  • Curitiba, 2-5 de setembro de 2007

  • Tema: “Conquistando Novos Públicos e Novas Áreas de Conhecimento”

  • Palestrantes Keynote:

  • Michael Moore (Editor, AJDE; lançando livro)

  • Mohamed Ali (Athabasca University, Canadá)

  • Sugata Mitra (“Hole in the Wall”; India)


  • 13o Congresso Internacional de EAD da ABED

  • 1,038 participantes

  • 12 mini-cursos pre-congresso

  • 40 estandes vendidos


Caracter sticas de r dio como ve culo que orientam uma avalia o de programas
Características de Rádio como Veículo que Orientam uma Avaliação de Programas

  • Penetração na sociedade

  • Possibilidade de segmentação

  • Capacidade de atualização rápida do conteúdo

  • Capacidade de ser comunicação íntima (conversa a dois) ou formal (objetiva)


Caracter sticas de r dio como ve culo que orientam uma avalia o de programas1
Características de Rádio como Veículo que Orientam uma Avaliação de Programas

  • Capacidade de interatividade (com apoio de outros veículos como telefones fixos ou celulares [“m-learning”], fax, internet, correio)

  • Capacidade de criar gêneros (características gerais) e formatos diferentes (jornalístico, documentário, contar um caso, mesa- redonda, aula, revista, novela.....)


Caracter sticas de r dio como ve culo que orientam uma avalia o de programas2
Características de Rádio como Veículo que Orientam uma Avaliação de Programas

  • Capacidade de permitir usos diferentes de linguagem (erudito, normal, popular)

  • Capacidade de incluir humor, dramatização, criar espanto

  • Capacidade de tentar ou não manter a fidelização ao programa ou à emissora


Alguns crit rios para a avalia o de programas
Alguns Critérios para a Avaliação de Programas Avaliação de Programas

  • Realiza as metas estabelecidas?

  • Tem estrutura clara (início, meio, fim) e progride/se desenvolve com clareza?

  • Tem concisão?

  • Tem clareza em todos os aspectos (linguagem do texto, locução, efeitos sonoros, música, edição/segues?


Alguns crit rios para a avalia o de programas1
Alguns Critérios para a Avaliação de Programas Avaliação de Programas

  • Velocidade (timing, pace)

  • Tem redundâncias apropriadas?


Alguns crit rios para a avalia o do back office
Alguns Critérios para a Avaliação do Avaliação de Programas Back-Office

  • Seleção de emissoras

  • Seleção dos dias, horários e freqüências de transmissão

  • Tempo de resposta às solicitações dos ouvintes


Escalas de avalia o
Escalas de Avaliação Avaliação de Programas

  • Afirmação

    Concordo Ƥ Ƥ Ƥ Ƥ Ƥ Ƥ Ƥ Discordo

  • Preferência

    Gosto Ƥ Ƥ Ƥ Ƥ Ƥ Ƥ Ƥ Odeio


Outras formas de resposta
Outras Formas de Resposta Avaliação de Programas

  • Espaços abertos para respostas pessoalizadas


Formas de obter feedback de alunos
Formas de Obter Avaliação de Programas Feedback de Alunos

  • Cartões-postais pre-endereçados e pre- selados distribuídos aos alunos para retorno semanal, mensal ou eventual

  • Telefonemas a amostra de alunos para monitorar dificuldades

  • Correio-eletrônico para acompanhar reação dos alunos ao desenvolvimento do curso


Assuntos mais estudados em avalia o de ead
Assuntos Mais Estudados em Avaliação de EAD Avaliação de Programas

  • Uso de tecnologia

  • Formato do curso

  • Atmosfera do ambiente do curso

  • Qualidade e quantidade de interatividade com outros alunos ou com administrador do curso

  • Conteúdo do curso


Assuntos mais estudados em avalia o de ead1
Assuntos Mais Estudados em Avaliação de EAD Avaliação de Programas

  • Tarefas a serem realizadas no curso

  • Testes

  • Serviços de apoio

  • Atitudes dos alunos

  • Instrutor


Perguntas frequentemente usadas em avalia o de cursos
Perguntas Frequentemente Usadas em Avaliação de Cursos Avaliação de Programas

  • Lista 3 (ou 5) pontos fracos do curso

  • Lista 3 (ou 5) pontos fortes do curso

  • Se você fosse professor do curso, o que você faria de forma diferente?

  • Informação background sobre o aluno: gênero, idade, nível educacional, número de cursos EAD já feitas


Perguntas frequentemente usadas em avalia o de cursos1
Perguntas Frequentemente Usadas em Avaliação de Cursos Avaliação de Programas

  • O que você recomendaria a um amigo planejando fazer este curso?

  • O que achou que seria realizado nesse curso e que não foi realizado?

  • Você recomendaria este curso a um amigo? Porquê?


Obrigado pela atenção! Avaliação de Programas

Fredric M. Litto

www.abed.org.br


ad