DESIGUALDADE
Download
1 / 26

DESIGUALDADE CONCEITO RELACIONAL - implica a exist ncia de uma sociedade de refer ncia da qual se est exclu do ou - PowerPoint PPT Presentation


  • 138 Views
  • Uploaded on

DESIGUALDADE CONCEITO RELACIONAL - implica a existência de uma sociedade de referência da qual se está excluído ou não. A DESIGUALDADE ECONÔMICA É CAUSA E CONSEQUÊNCIA DE OUTRAS EXCLUSÕES QUE SÃO SOBREPOSTAS. Pirâmide da riqueza mundial 2006/2007. E.S.I.D.H.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'DESIGUALDADE CONCEITO RELACIONAL - implica a exist ncia de uma sociedade de refer ncia da qual se est exclu do ou ' - sharlene


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
Slide1 l.jpg

DESIGUALDADE

CONCEITO RELACIONAL - implica a existência de uma sociedade de referência da qual se está excluído ou não.

A DESIGUALDADE ECONÔMICA É CAUSA E CONSEQUÊNCIA DE OUTRAS EXCLUSÕES QUE SÃO SOBREPOSTAS.


Pir mide da riqueza mundial 2006 2007 l.jpg
Pirâmide da riqueza mundial2006/2007

E.S.I.D.H


Slide3 l.jpg

  • Pobreza: a renda não garante o sustento básico (saúde, educação, transporte e lazer).

  • Renda per capita abaixo da linha da pobreza: (menos de US$ 370 ano)

  • Indigentes: pobreza extrema, renda insuficiente para suprir as necessidades básicas de alimentação (menos de 275 dólares anuais.


Brasil desigualdades hist ricas l.jpg
BRASILDESIGUALDADES HISTÓRICAS

  • Distância entre padrões de vida de ricos, pobres e classe média, etc.

  • Desigualdades entre regiões e entre cidade e campo (mais desigual)

  • Conforme o Pnud (2006), 10% dos lares mais ricos do Brasil têm 70 vezes a renda dos 10% mais pobres.


Slide5 l.jpg

  • Situação história e persistente de desvantagem e vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)

  • O percentual de pobres nos grupos de crianças e adolescentes negros é maior (58%) do que nos grupos brancos e amarelos (33% e 24%, respectivamente).

  • Uma criança ou um adolescente negro tem quase duas vezes mais chance de ser pobre que uma criança ou um adolescente branco.


Desigualdades 2007 educa o brasil l.jpg
DESIGUALDADES - 2007 vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)EDUCAÇÃO - BRASIL

  • UNIVERSITÁRIOS DE 19 ANOS

    BRANCOS - 20,6%

    NEGROS E PARDOS – 6%

  • ANALFABETISMO - 14 MILHÕES

    NEGROS E PARDOS – 9 MILHÕES

  • ANALFABETISMO – JOVENS DE 15 ANOS

    BRANCOS – 6,1%

    NEGROS E PARDOS – 14%


Diminui o das desigualdades l.jpg
DIMINUIÇÃO DAS DESIGUALDADES vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)

(DIFERENÇA SALARIAL ENTRE BRANCOS, NEGROS E PARDOS)

1995 – 120% / 2006 – 98%

  • HOMENS- BRANCOS – R$1.164,00

    - NEGROS E PARDOS – R$586,26

  • MULHERES – DIFERENÇA CAIU DE 107% PARA 91%


Melhorias 2002 2006 l.jpg
MELHORIAS (2002 -2006) vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)

MAIS PESSOAS SE DECLARAM NEGRAS E PARDAS

  • UNIVERSIDADES PUBLICAS (+ 31% DE NEGROS) E PARTICULARES (+ 124%)

  • POLITICAS SOCIAIS (urbanas e rurais)- Prouni, Cotas, bolsa escola, projovem-urbano e do campo....

    CRIANÇAS – 7 A 14 ANOS

    98,8% DE BRANCAS

    97,7% NEGRAS OU PARDAS


Outras desigualdades 1999 2005 l.jpg
OUTRAS DESIGUALDADES vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)1999 - 2005

  • VIOLÊNCIA – HOMICIDIO DE NEGROS OU PARDOS CRESCEU DE 46% PARA 60%

  • REPRESENTATIVIDADE – DEP. FEDERAIS

    TOTAL 513 ELEITOS (2006) – 11 NEGROS (10 HOMENS E 1 MULHER)

    SENADO (2007) 81 SENADORES –

    76 BRANCOS , 04 PARDOS, 1 NEGRO


Slide10 l.jpg

QUAIS SÃO OS NOSSOS PARADIGMAS? vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)


Slide11 l.jpg

O que sabemos sobre os diferentes? vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)

Negros, mestiços, índios, anões, obesos, pessoas especiais (cegos, surdos, paralisados, cadeirantes...), idosos, infâncias e juventudes; caiçaras, faxinalenses, quilombolas, povos da floresta, povos do campo (assentados, acampados, boias-frias), migrantes, ribeirinhos, homossexuais, transsexuais, bissexuais, travestis, transgênero, ciganos, ilhéus, catadores de recicláveis...


Slide12 l.jpg

  • Sociedade classificatória que hierarquiza. vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)

  • Aparência / essência (ter e ser)

  • Imagens, estereótipos, clichês.

  • Identidades – relações de poder.

    Medida? Homem branco, de origem européia, cristão e de meia idade.


Homem l.jpg
HOMEM vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos)

  • da rua - do povo.

  • de Estado - Estadista.

  • de letras - intelectual.

  • de prol - nobre.

  • de sociedade - freqüenta a alta soc.

  • do mundo - Homem da sociedade.

  • do povo - representa os interesses do homem comum; homem da rua.


Slide14 l.jpg

  • HOMEM MARGINAL - vulnerabilidade - população negra (em relação a brancos) Vive em duas culturas em conflito [...] ficando à margem das duas.

  • HOMEM PÚBLICO -Indivíduo que se consagra à vida pública, ou que a ela está ligado.


Slide15 l.jpg

Mulher dama, mulher objeto, mulher perdida; mulher da rótula, da rua, da vida, da zona, de amor, mulher de má nota, ponta de rua; mulher do fandango, do mundo, do pala aberto, mulher errada, vadia, mulher solteira...


Slide16 l.jpg

MULHERES...... rótula, da rua, da vida, da zona, de amor, mulher de má nota, ponta de rua; mulher do fandango, do mundo, do pala aberto, mulher errada, vadia, mulher solteira...

MERETRIZES


Slide17 l.jpg

ESCOLA rótula, da rua, da vida, da zona, de amor, mulher de má nota, ponta de rua; mulher do fandango, do mundo, do pala aberto, mulher errada, vadia, mulher solteira...

  • Adultocentrada

  • Homogeneizadora

  • Monocultural

  • Branca

  • Cristã

  • Européia

  • subalternizadora

    Como pode ser emancipadora?


Slide18 l.jpg

COMO rótula, da rua, da vida, da zona, de amor, mulher de má nota, ponta de rua; mulher do fandango, do mundo, do pala aberto, mulher errada, vadia, mulher solteira...

REPRESENTAMOS NOSSOS ALUNOS???


Slide20 l.jpg

T rótula, da rua, da vida, da zona, de amor, mulher de má nota, ponta de rua; mulher do fandango, do mundo, do pala aberto, mulher errada, vadia, mulher solteira...ONUCCI


Diferen a desigualdade l.jpg
DIFERENÇA / DESIGUALDADE rótula, da rua, da vida, da zona, de amor, mulher de má nota, ponta de rua; mulher do fandango, do mundo, do pala aberto, mulher errada, vadia, mulher solteira...


Slide23 l.jpg

  • Modos de vida no meio rural, diferentes infâncias, pessoas especiais, obesos, anões, deficientes físicos.....

  • Culturas infantis, femininas, juvenis...diferentes e desiguais formas de envelhecer...

  • Caboclos, orientais, índios, homossexuais, transsexs, entre outras diferenças e desigualdades...

    .......... FOLCLORIZAÇÃO

    NATURALIZAÇÃO


Slide24 l.jpg

PROJETO DE EDUCAÇÃO BASEADO NO RECONHECIMENTO E VALORIZAÇÃO DAS DIVERSIDADES ÉTNICAS E CULTURAIS

PEDAGOGIA DA ALTERIDADE / EDUCAÇÃO INTERCULTURAL


Slide25 l.jpg

  • Reconhecer e valorizar a heterogeneidade e a complexidade do ser humano e que sabemos pouco sobre as diferenças culturais.

  • Reconhecer que somos preconceituosos

  • Reconhecer que o direito à diferença não implica desigualdade.

  • Conhecer as cosmologias, trajetórias e especificidades culturais que caracterizam os alunos.


Slide26 l.jpg

AS PESSOAS E OS GRUPOS SOCIAIS TÊM O DIREITO A SER IGUAIS QUANDO A DIFERENÇA OS INFERIORIZA, E O DIREITO A SER DIFERENTES QUANDO A IGUALDADE OS DESCARACTERIZA.

(Boaventura de Souza Santos)


ad