Download

O LIXO URBANO E OS IMPACTOS AMBIENTAIS






Advertisement
/ 64 []
Download Presentation
Comments
niveditha
From:
|  
(4037) |   (0) |   (0)
Views: 417 | Added: 18-01-2012
Rate Presentation: 1 0
Description:
O LIXO URBANO E OS IMPACTOS AMBIENTAIS. O LIXO URBANO – FORMAS DE RECOLHIMENTO E CONTAMINAÇÃO. LIXÕES E ATERROS SANITÁRIOS, NORMALMENTE LOCALIZADOS NA PERIFERIA, RECEBEM O LIXO DAS CIDADES. É FREQÜENTE, PORÉM, PESSOAS USAREM TERRENOS ABANDONADOS OU A PRÓPRIA RUA PARA ESSE FIM. .
O LIXO URBANO E OS IMPACTOS AMBIENTAIS

An Image/Link below is provided (as is) to

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use only and may not be sold or licensed nor shared on other sites. SlideServe reserves the right to change this policy at anytime. While downloading, If for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.











- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -




Slide 1

O LIXO URBANO E OS IMPACTOS AMBIENTAIS

Slide 3

O LIXO URBANO – FORMAS DE RECOLHIMENTO E CONTAMINAÇÃO

  • LIXÕES E ATERROS SANITÁRIOS, NORMALMENTE LOCALIZADOS NA PERIFERIA, RECEBEM O LIXO DAS CIDADES. É FREQÜENTE, PORÉM, PESSOAS USAREM TERRENOS ABANDONADOS OU A PRÓPRIA RUA PARA ESSE FIM.

Slide 5

  • QUASE SEMPRE É NOS PAÍSES SUBDESENVOLVIDOS QUE ISSO ACONTECE. AS FALHAS NO SISTEMA DE COLETA DE LIXO SÓ VÊM AGRAVAR A SITUAÇÃO.

  • OS ATERROS SANITÁRIOS SÃO LOCAIS ONDE O LIXO É ATERRADO. NOS LIXÕES, ELE FICA DEPOSITADO A CÉU ABERTO.

Slide 7

  • ESSA FORMA DE RECOLHIMENTO DO LIXO TRAZ GRANDES PROBLEMAS PARA OS HABITANTES DA CIDADE, COMO A PROLIFERAÇÃO DE INSETOS (MOSCAS, BARATAS) E RATOS TRANSMISSORES DE DOENÇAS.

Slide 8

  • OS LIXÕES ATRAEM PESSOAS MENOS FAVORECIDAS QUE PROCURAM NELES ALGUNS OBJETOS E ALIMENTOS QUE POSSAM APROVEITAR. ESSAS PESSOAS ESTÃO SUJEITAS A CONTAMINAÇÃO, NÃO SÓ PELO MANUSEIO DO LIXO, COMO PELA UTILIZAÇÃO DO QUE NELE FOI ENCONTRADO.

Slide 11

  • O LIXO PODE CONTAMINAR TAMBÉM O SOLO E AS ÁGUAS (SUBTERRÂNEAS, RIOS, LAGOS, MARES). A DECOMPOSIÇÃO DA MATÉRIA ORGÂNICA DO LIXO PRODUZ UM RESÍDUO FÉTIDO E ÁCIDO QUE POLUI OS SOLOS E AS ÁGUAS: O CHORUME.

Slide 13

  • ALÉM DO MAU CHEIRO, DA POLUIÇÃO VISUAL E DA PRESENÇA DE RATOS E INSETOS, OS ATERROS E OS LIXÕES TRAZEM OUTRAS CONSEQUÊNCIAS PARA AS ÁREAS ONDE ESTÃO SITUADOS. O CHORUME E OS RESÍDUOS SÓLIDOS DO LIXO AFETAM A SAÚDE DA POPULAÇÃO DO ENTORNO, GERALMENTE FORMADA POR PESSOAS DE BAIXA RENDA.

Slide 14

LIXO DOMICILIAR

  • CONTÉM PRODUTOS VARIADOS, CONFORME O PODER AQUISITIVO E O GRAU DE CONSUMO DOS MORADORES LOCAIS, O LIXO DOMICILIAR PODE SER:

Slide 15

LIXO DOMICILIAR

  • ORGÂNICO – RESTOS DE ALIMENTOS COZIDOS OU NÃO (CASCA DE FRUTAS, VERDURAS, ETC. )

  • INORGÂNICO – PAPEL, VIDRO, LATA, ALUMÍNIO, EMBALAGENS DESCARTÁVEIS, PLÁSTICOS, ETC.

Slide 17

  • NO LIXO DOMÉSTICO PODEMOS ENCONTRAR PRODUTOS QUE AFETAM GRAVEMENTE A SAÚDE HUMANA, COMO MATERIAL DE LIMPEZA, TINTAS, BATERIAS DE TELEFONE CELULAR, LÂMPADAS DE MERCÚRIO, PILHAS, QUE PRECISAM RECEBER TRATAMENTO ESPECIAL.

Slide 18

LIXO INDUSTRIAL

  • FORMADO POR RESÍDUOS DE ATIVIDADES INDUSTRIAIS (INCLUINDO A INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO), ESSE TIPO DE LIXO É RESPONSÁVEL POR MUITOS IMPACTOS AMBIENTAIS.

Slide 19

  • SÃO CONSIDERADOS LIXO INDUSTRIAL:

  • PRODUTOS QUÍMICOS, ÁCIDOS, MERCÚRIO, CHUMBO, DIÓXIDO DE ENXOFRE, GASES OXIDANTES, ALCATRÃO, BUTENO, BENZENO, CLORO, AGROTÓXICOS.

  • DROGAS E TETRACICLINAS.

Slide 21

LIXO COMERCIAL

  • FORMADO POR RESÍDUOS DE RESTAURANTES, AÇOUGUES, LANCHONETES, ESCRITÓRIOS, LOJAS, HOTÉIS, ETC.

  • ALÉM DE ALIMENTOS, CONTÉM PAPEL, PAPELÃO, PLÁSTICO, ENBALAGENS DE MADEIRA, VIDROS, ETC.

Slide 22

LIXOS QUE MERECEM ATENÇÃO ESPECIAL

Slide 23

LIXO HOSPITALAR

  • FORMADO POR RESÍDUOS DE HOSPITAIS:SERINGAS DESCARTÁVEIS, AMPOLAS, CURATIVOS, MATERIAL CIRÚRGICO, RESTOS DE LABORATÓRIOS, ETC. PODEMOS CONSIDERAR NESSA CATEGORIA RESÍDUOS SÓLIDOS DE CLÍNICAS DE RADIOTERAPIA, RADIOLOGIA, QUIMIOTERAPIA E MEDICINA NUCLEAR.

Slide 25

LIXO PÚBLICO

  • PROVENIENTE DA LIMPEZA DAS RUAS. NESSE CASO, CONSIDERAMOS OBJETOS DEIXADOS PELAS RUAS (CARROS, PNEUS, CADEIRAS, BRINQUEDOS, ELETRODOMÉSTICOS), GALHOS DE ÁRVORES, DETRITOS DE FEIRA LIVRES, ETC.

Slide 26

LIXO ATÔMICO

  • FORMADO POR RESÍDUOS DE USINAS NUCLEARES.

Slide 27

SOLUÇÕES PARA O PROBLEMA

  • OS DETRITOS ORGÂNICOS PODEM SER TRANSFORMADOS EM ADUBO ORGÂNICO OU USADOS PARA PRODUZIR GÁS METANO. EXISTEM USINAS DE COMPOSTAGEM, QUE FAZEM O PROCESSAMENTO DO LIXO ORGÂNICO PARA ESSE FIM.

Slide 28

  • OS DETRITOS INORGÂNICOS, UMA ÓTIMA SOLUÇÃO É A RECICLAGEM.

  • O PRINCIPAL OBSTÁCULO PARA O USO DA RECICLAGEM É QUE ELA EXIGE COLETA SELETIVA (PRODUTOS SEPARADOS).E ESSA FORMA DE COLETA AUMENTA O CUSTO.

  • PLÁSTICOS, PAPÉIS, VIDROS E LATAS DE ALUMÍNIO ESTÃO ENTRE OS MATERIAIS RECICLÁVEIS.

Slide 31

  • AS EMBALAGENS PLÁSTICAS DE REFRIGERANTES, SUCO E ÁGUA, CHAMADAS PETs, SÃO EXTREMAMENTE NOCIVAS AO MEIO AMBIENTE, MAS PODEM SER REAPROVEITADAS COM UM SISTEMA DE COLETA SELETIVA E RECICLAGEM.

Slide 33

  • ALGUMAS COMUNIDADES OPTAM PELA RECICLAGEM, POIS A VENDA DO MATERIAL RECICLÁVEL PODE SERVIR DE SUSTENTO PARA MUITAS PESSOAS.

  • OS ADEPTOS DA RECICLAGEM USAM OS 4 Rs PARA DEFINI-LA MELHOR:

  • REDUZIR

  • RACIONALIZAR

  • REUTILIZAR

  • RECICLAR

Slide 34

  • FABRICANTES DE BATERIAS, PILHAS E OUTROS MATERIAIS TÓXICOS, NOCIVOS AO MEIO AMBIENTE, TÊM SE RESPONSABILIZADO EM RECOLHER OS PRODUTOS COM PRAZO VENCIDO PARA UTILIZAÇÃO.

Slide 35

  • O PROBLEMA DO LIXO HOSPITALAR É RESOLVIDO COM INCINERAÇÃO PORQUE ESSE MÉTODO EVITA AS CONTAMINAÇÕES. NO ENTANTO, É EXTREMAMENTE POLUENTE, LANÇA NO AR ATMOSFÉRICO UMA FUMAÇA TÓXICA E GRANDE QUANTIDADE DE CINZAS.

Slide 36

  • O MATERIAL RADIOATIVO USADO EM HOSPITAIS PARA TRATAMENTO DO CÂNCER DEVE SER LACRADO EM RECIPIENTES DE CHUMBO E ENTERRADO LONGE DE LUGARES MUITO HABITADOS.

Slide 37

  • OUTRO ENORME PERIGO PARA TODAS AS FORMAS DE VIDA NA TERRA É O LIXO ATÔMICO. OS RESÍDUOS PRODUZIDOS PELAS USINAS NUCLEARES SÃO, GERALMENTE, COLOCADOS EM CAIXAS DE CONCRETO LACRADAS, QUE SÃO ENTERRADAS OU JOGADAS AO MAR.

Slide 38

  • OS PERIGOS DESSA PRÁTICA ESTÃO NA PROVÁVEL CORROSÃO DAS CAIXAS PELAS ÁGUAS MARINHAS OU NO FATO DE ELAS SEREM ACIDENTALMENTE DESENTERRADAS.

  • AS CONSEQÜÊNCIAS SERIAM AS MAIS TRÁGICAS POSSÍVEIS.

Slide 39

A POLUIÇÃO DAS ÁGUAS

  • TRINTA MILHÕES DE PESSOAS RECEBEM ÁGUA TRATADA NO BRASIL; 92% DOS ESGOTOS SÃO LANÇADOS EM RIOS E OCEANOS, SEM QUALQUER TRATAMENTO. ESSES DADOS FORNECIDOS PELO IBGE REVELAM QUE OS RECURSOS HÍDRICOS NÃO SÃO TRATADOS COM O DEVIDO RESPEITO EM NOSSO PAÍS, SOBRETUDO SE CONSIDERARMOS O PAPEL FUNDAMENTAL QUE DESEMPENHAM NA NOSSA VIDA.

Slide 43

PRINCIPAIS FONTES POLUIDORAS DAS ÁGUAS:

  • RESÍDUOS INDUSTRIAIS;

  • O CHORUME DO LIXO ORGÂNICO;

  • ESGOTOS SEM TRATAMENTOS;

  • O LIXO SÓLIDO;

  • RESÍDUOS AGROPECUÁRIOS(AGROTÓXICOS,RAÇÃO PARA GADO)

  • ATIVIDADES MINERADORAS

Slide 44

A POLUIÇÃO DOS RIOS

  • OS RIOS SE TRANSFORMARAM EM VERDADEIROS “DEPÓSITOS” DE LIXO DAS POPULAÇÕES QUE HABITAM SUAS MARGENS.

  • OS PRODUTOS QUÍMICOS LANÇADOS NAS ÁGUAS DOS RIOS PROVOCAM A MORTE DE PEIXES E PLANTAS AQUÁTICAS E PODEM AFETAR O SER HUMANO.

Slide 46

  • O MERCÚRIO, USADO POR GARIMPEIROS PARA SEPARAR O OURO DE AREIA E PEDRAS, É UM DOS MAIS TÓXICOS E PERIGOSOS POLUENTES. A AMAZÔNIA É UMA DAS REGIÕES QUE SOFREM CONTAMINAÇÃO POR MERCÚRIO, POR CAUSA DOS GARIMPOS. ESSE METAL PESADO CAUSA GRAVES PROBLEMAS NEUROLÓGICOS.

Slide 49

A POLUIÇÃO DOS ACEANOS E MARES

  • OS OCEANOS E MARES SOFREM VÁRIOS TIPOS DE POLUIÇÃO, ENTRE AS QUAIS DESTACAM-SE AQUELAS PROVOCADAS PELO DERRAMAMENTO DE ÓLEO E O LANÇAMENTO DE ESGOTOS URBANOS.

Slide 50

  • OS ESGOTOS DOMÉSTICOS DE CIDADES LITORÂNEAS COSTUMAM SER LANÇADOS NOS OCEANOS. PARA QUE NÃO AFETEM DIRETAMENTE A POPULAÇÃO, SÃO LANÇADOS POR EMISSÁRIOS PARA BEM LONGE DA COSTA. ROMPIMENTOS DESSES EMISSÁRIOS AUMENTAM A POLUIÇÃO DOS OCEANOS.

Slide 53

  • OS DERRAMAMENTOS DE PETRÓLEO PROVOCAM MANCHAS ESCURAS NAS ÁGUAS DOS OCEANOS, QUE SÃO CONHECIDAS COMO MARÉS NEGRAS.

  • QUANDO AS MARÉS NEGRAS CHEGAM ÀS REGIÕES LITORÂNEAS, DESTROEM A FAUNA E A FLORA LOCAL E TORNAM AS PRAIAS IMPRÓPRIAS PARA BANHO.

Slide 56

POLUIÇÃO SONORA E VISUAL

  • AS CIDADES CONTRIBUEM PARA QUE OCORRAM OUTROS TIPOS DE AGRESSÃO AOS SEUS MORADORES, ALÉM DA POLUIÇÃO DO AR, DAS ÁGUAS E DOS PROBLEMAS CAUSADOS PELO LIXO.

Slide 58

  • O EXCESSO DE BARULHO EM ALGUNS BAIRROS PRÓXIMOS AOS AEROPORTOS OU LOCAIS DE DIVERSÃO(BARES, DISCOTECAS, RESTAURANTES)FAZ PARTE DA ENORME CARGA DE POLUIÇÃO SONORA DAS CIDADES, QUE INCLUI, AINDA, VENDEDORES AMBULANTES, BUZINAS, ETC.

Slide 60

  • QUEM VIVE EM CIDADES MAIORES, QUANDO ANDA PELAS RUAS, VIVE CERCADO DE FAIXAS E CARTAZES DE TODOS OS TIPOS E TAMANHOS E CORES. ESSA ENORME E AGRESSIVA POLUIÇÃO VISUAL AUMENTA CONSIDERAVELMENTE EM ÉPOCA DE ELEIÇÕES. JUNTA-SE A ISSO OS “PICHADORES”.


Copyright © 2014 SlideServe. All rights reserved | Powered By DigitalOfficePro