Projetos de ensino aprendizagem
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 21

Projetos de Ensino/Aprendizagem PowerPoint PPT Presentation


  • 59 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Projetos de Ensino/Aprendizagem. Mudando paradigmas na educação. A escola no início do século passado. Será que mudamos muito?. Mas por que mudar?. Brasil é reprovado, de novo, em matemática e leitura

Download Presentation

Projetos de Ensino/Aprendizagem

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Projetos de ensino aprendizagem

Projetos de Ensino/Aprendizagem

Mudando paradigmas na educação


Projetos de ensino aprendizagem

A escola no início do século passado


Projetos de ensino aprendizagem

Será que mudamos muito?


Mas por que mudar

Mas por que mudar?

  • Brasil é reprovado, de novo, em matemática e leitura

  • ANTÔNIO GOISda Folha de S.Paulo, no RioANGELA PINHOda Folha de S.Paulo, em Brasília 05/12/2007

  • A péssima posição do Brasil no ranking de aprendizado em ciências se repetiu nas provas de matemática e leitura. Os resultados do Pisa (sigla, em inglês, para Programa Internacional de Avaliação de Alunos), divulgados pela OCDE (Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico), mostram que os alunos brasileiros obtiveram em 2006 médias que os colocam na 53ª posição em matemática (entre 57 países) e na 48ª em leitura (entre 56 países).


Projetos de ensino aprendizagem

Sabemos que muitas vezes esses números não correspondem a realidade estudada. Entretanto é sabido por todos que a educação em nosso país não vai nada bem. Apontar um culpado também não nos parece uma tarefa fácil, pois se a situação chegou ao ponto em que se encontra é devido um conjunto de fatores. Muitos professores saudosistas falam em um ensino nos moldes tradicionais. Afinal estudamos e aprendemos segundo esse tradicionalismo tão execrado hoje dia. O fato é que a educação que recebemos não funciona para a criança e o jovem de hoje. A escola tem que se adequar a esse novo tempo, quebrando paradigmas e buscando novas formas de atingir um processo de ensino/aprendizagem eficiente.


Projetos de ensino aprendizagem

A prática pedagógica com projetos é uma das formas de se quebrar esse paradigma tradicionalista, em busca e uma aprendizagem eficiente e significativa.


Pedagogia de projetos

Pedagogia de Projetos

Segundo a pesquisadora da área - Maria Elizabeth Bianconcini de Almeida.

O que é projeto?

A idéia de projeto faz parte da essência do ser humano consciente de sua condição de incompletude, em busca incessante de transformar-se para atingir algo desejável e encontrar respostas às suas questões.

Vários pensadores se dedicaram a aprofundar o conceito de projeto como característica inerente ao ser humano, que o distingue dos demais seres vivos. Heidegger (1999) coloca o homem em inter-relação com o mundo no qual ele projeta suas próprias possibilidades, e ao mesmo tempo, participa de sua produção. (...)


Projetos de ensino aprendizagem

(...) O projeto é desenvolvido pelas pessoas que pensam e atuam em sua realização. Os autores são aqueles que participam em todo o desenvolvimento do projeto, concebem e discutem as problemáticas, descrevem e registram um plano para investigá-las e produzir resultados, desenvolvem as ações e avaliam continuamente se os resultados que vão sendo obtidos são aceitáveis em termos de satisfazer as intenções desejadas, responder às perguntas ini­ciais ou avançar em sua compreensão e até alterar as perguntas iniciais ou levantar novas perguntas.Na constituição de um projeto o fundamental é “ter coragem de romper com as limitações do cotidiano, muitas delas auto-impostas” (Almeida & Fonseca Júnior, 2000, p. 23 e 22) e “delinear um percurso possível que pode levar a outros, não imaginados a priori ” (Freire & Prado, 1999, p. 113). Portanto, “supõe rupturas com o presente e promessas para o futuro” (Gadotti & Romão, 1997, p. 37).


Projetos de ensino aprendizagem

Na abordagem por projetos é importante identificar se estamos nos referindo a projetos de ensino, ou projetos de aprendizagem. Algumas diferenças são evidenciadas por Fagundes, Maçada e Sato (1999, p. 17):

  • Professores, coordenação

  • Pedagógica.

  • Alunos e professores em

  • Cooperação.

  • Arbitrado por critérios

  • externos e formais.

  • Realidade da vida

  • do aluno.

  • Arbítrio da seqüência de

  • Conteúdos do currículo.

  • Curiosidade, desejo,

  • vontade do aprendiz.

  • Hierárquicas.

  • Heterárquicas.

  • Impostas pelo sistema

  • cumpre determinações.

  • Pelo grupo, consenso

  • entre professores e alunos.

  • Transmissão do

  • Conhecimento.

  • Construção do

  • Conhecimento.

  • Agente.

  • Estimulador/orientador

  • Receptivo.

  • Agente


Projetos de ensino aprendizagem

A Pedagogia de Projetos surge da necessidade de desenvolver uma metodologia de trabalho pedagógico que valorize a participação do educando e do educador no processo ensino- aprendizagem, tornando-os responsáveis pela elaboração e desenvolvimento de cada projeto, bem como da formação de um sujeito que saiba cooperar, ter autonomia e ser socialmente consciente.A Pedagogia de Projetos apresenta como um princípio ativo e integrador e objetiva minimizar a artificialidade da escola e aproximá-la, o mais possível, da realidade e da vida do aluno.Essa Idéia surgiu nos Estados Unidos concebida pelo filósofo John Dewey, sendo uma das primeiras aplicações no Brasil, em escolas de Minas Gerais, através de Miguel Arroyo.


Projetos de aprendizagem

Projetos de aprendizagem

Um projeto de aprendizagem nasce de curiosidades ou temas que interessam a um grupo de estudantes que necessitam de informações diversificadas. Estes temas, em função da sua abrangência e quantidade de dados que geram, levam os estudantes a estabelecer relações entre informações de diversas áreas, favorecendo a interdisciplinaridade.


Pensando em um projeto de aprendizagem

Pensando em um projeto de aprendizagem

1. Planejamento – o quê, por quê, como, quando, quem, onde – é importante que os anseios dos alunos sejam considerados nesta etapa, inclusive buscar a participação dos mesmos.

2. Execução/Realização – Momento em que todos põem a mão na massa. É o momento em que acontece a pesquisa realizada pelos alunos mediados pelos professores. Neste momento o professor deve estar sempre estimulando a busca de novos conhecimentos e atento a novos problemas que poderão surgir.

3. Depuração - (autocrítica e auto-avaliação) é o momento em que se observam e criticam as fontes de pesquisa, aprofunda-se o detalhamento dos temas relevantes e acontecem as melhorias das pesquisas. É fundamental esse momento para que o projeto realmente produza o conhecimento.


Projetos de ensino aprendizagem

4. Apresentação e exposição – após as melhorias é relevante compartilhar o conhecimento produzido individual e/ou pequenos grupos para os demais colegas.

5. Avaliação e críticas – é importante que essa etapa seja coletiva e participativa, para que realmente possa acontecer a cooperação na melhoria do projeto como um todo. Este é o momento da avaliação final do processo de aprendizagem ocorrido através do projeto, nesta etapa pode surgir novos problemas que podem gerar projetos posteriores.


Projetos de ensino aprendizagem

A escrita do projeto é de extrema importância, por se tratar de um texto norteador, nunca uma “camisa de força”. Abaixo segue uma sugestão de escrita.

Nome da Escola

Nome do Projeto

Campo Grande – MS

Mês/ Ano

Nome da Escola

Diretor

Coordenadores

Equipe elaboradora

Apresentação

De forma sucinta

Apresentar o

Projeto e a sua

Finalidade.

Introdução

Em que contexto

O projeto está

Inserido (escola)

E qual a relevância

Para a aprendizagem

Dos alunos.

Justificativa

Por que realizar

O projeto.

Fundamentar-se

Teoricamente.

Objetivos

Geral:

Específicos:

Metodologia

Que métodos

Irá utilizar para

Atingir seus

Objetivos.

Recursos:

Cronograma

Dividir tarefas e

estabelecer prazos.

Não esquecer

Culminância.

Avaliação

Qualitativa

Quantitativa

Bibliografia

Dividir tarefas e

estabelecer prazos.


Visando implementar uma padroniza o dentro das normas da abnt seguem as seguintes orienta es

Visando implementar uma padronização, dentro das normas da ABNT, seguem as seguintes orientações:

  • Papel tamanho: A 4

  • Margem superior e inferior: 2, 5 cm.

  • Margem esquerda: 3, 5 cm

  • Margem direita:  3, 0 cm

  • Fonte: Arial ou Times New Roman - Tamanho de letras:12 pontos.

  • Espaçamento entre linhas: 1,5 linha.

  • Espaçamento entre parágrafos - 1,5 linha.

  • Alinhamento: justificado.

  • Páginas: numeradas - (canto superior direito).

  • Paginação deve iniciar a partir da introdução, aparecendo a impressão, somente a partir da página 2.


Projetos de ensino aprendizagem

Tema gerador

A escolha do tema deve ser relevante para o aluno construir/investigar e viabilizar a construção do conhecimento.

Tema Gerador – É quando a comunidade escolar escolhe um tema para ser desenvolvido em todas as áreas do conhecimento. Isto é tema comum para as diversas disciplinas.

É importante fomentar a Interdisciplinaridade, que é a integração de dois ou mais componentes curriculares na construção do conhecimento.


Atividades disparadoras

Atividades disparadoras

  • Após a identificação da problemática que se quer trabalhar, desenvolver uma atividade que possa dar início aos trabalhos.

  • São as atividades necessárias para motivar os alunos no desenvolvimento do Projeto. Ex: filmes, passeios, palestras, brincadeiras, etc.


Projetos de ensino aprendizagem

Observações no decorrer do Projeto

Fique atento ao desenvolvimento de seu projeto, avalie sempre e verifique se suas dúvidas temporárias estão sendo esclarecidas e se surgiram novas. Observe o ciclo de aprendizagem:

Descrição

Execução

Reflexão

Depuração


Projetos de ensino aprendizagem

Bibliografia

Demo, Pedro (1998). “Educar pela Pesquisa”, Campinas: Autores Associados.

Feitosa, Aparecida C.(2004) O ambiente informatizado no desenvolvimento dos projetos de aprendizagem, texto extraído da Dissertação de Mestrado.

Martins, J. S. (2001) “O trabalho com Projetos de Pesquisa: do Ensino Fundamental ao Ensino Médio”, Campinas: Papirus.

Moran, J. M. e Masetto, M. T. e Behrens, M. A. (2000) “Novas Tecnologias e Mediação Pedagógica”, Campinas: Papirus.

Nogueira, N. R. (2001) “Pedagogia de Projetos: uma jornada interdisciplinar rumo ao desenvolvimento das Múltiplas Inteligências”, São Paulo: Érica

Almeida, Maria Elizabeth Bianconcini de. Tecnologia de Informação e Comunicação na Escola: Novos Horizontes na Produção Escrita. Ensaio : Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio Comprido: v. 12, n. 43, p.711-725, abr./jun., 2004.

Vinholi, Maria da Graça G.( 2004), Articulando Saberes através da Pedagogia de Projetos, texto mímeo.


  • Login