TROCANDO EM MIÚDOS OS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA.
Download
1 / 12

TROCANDO EM MIÚDOS OS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. - PowerPoint PPT Presentation


  • 81 Views
  • Uploaded on

TROCANDO EM MIÚDOS OS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. Fidelix : T em cara de comerciante português, mas é um suíno. Rui Costa Pimenta: ainda sonha com a revolução socialista. Tadinho, a maioria das pessoas só pensam em seus interesses. Individualismo perverso.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about ' TROCANDO EM MIÚDOS OS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. ' - neena


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

Fidelix REPÚBLICA. : Tem cara de comerciante português, mas é um suíno.


Rui Costa Pimenta: ainda sonha com a revolução socialista. Tadinho, a maioria das pessoas só pensam em seus interesses. Individualismo perverso.




Serra: Esse não é um tucano, é um patinho feio. Nem plástica resolve. Como é que ganha eleição com essa cara?


Mais um candidatos dos partidos nanicos e sonhadores. “Contra burguês vote 16”. Quem guenta?


Marina Silva: candidata do FOME ZERO. “Contra burguês vote 16”. Quem guenta?


Ivan Pinheiro: O comunista dinossauro “Contra burguês vote 16”. Quem guenta? .


Plínio: O retorno da múmia. Deixa o velhinho descansar. “Contra burguês vote 16”. Quem guenta?


Tá difícil escolher! “Contra burguês vote 16”. Quem guenta?


LEI SOBRE O VOTO NULO “Contra burguês vote 16”. Quem guenta?

"art. 224. Se a nulidade atingir a mais de metade dos votos do país nas eleições presidenciais, do Estado nas eleições federais e estaduais ou do município nas eleições municipais, julgar-se-ão prejudicadas as demais votações e o Tribunal marcará dia para nova eleição dentro do prazo de 20 (vinte) a 40 (quarenta) dias. “ Código Eleitoral 2006.

PENSE NISSO!


ad