MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 29

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE PowerPoint PPT Presentation


  • 60 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE. SECRETARIA DE RECURSOS HÍDRICOS E AMBIENTE URBANO DEPARTAMENTO DE RECURSOS HÍDRICOS. Bérites C. Cabral Bióloga, Ms. Ciências Ambientais Técnica Especializada. Brasília jun/2010. HABITANTE DO SAARA – 3 litros /dia HABITANTE DO BRASIL – 200 A 500 l /d

Download Presentation

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Minist rio do meio ambiente

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE

SECRETARIA DE RECURSOS HÍDRICOS E AMBIENTE URBANO

DEPARTAMENTO DE RECURSOS HÍDRICOS

Bérites C. Cabral

Bióloga, Ms. Ciências Ambientais

Técnica Especializada

Brasília jun/2010


Minist rio do meio ambiente

HABITANTE DO SAARA – 3 litros/dia

HABITANTE DO BRASIL – 200 A 500l/d

HABITANTE DE NOVA YORK – 1035l/d

O.N.U – MÍNIMO DE 40l/hab/dia

Conservação da água - conjunto de ações que propiciam a economia e preservação de água, nos mananciais, no sistema público de abastecimento de água e nas edificações.

sustentabilidade


Minist rio do meio ambiente

as


Minist rio do meio ambiente

Pegada hídrica ou hidrológica

“Pegada” é um indicador do impacto ambiental que produz o consumo de uma pessoa, uma cidade, um país inteiro ou o mundo globalmente.

Pegada hídrica

-quantidade total de água que é usada para produzir bens e serviços consumidos pelos habitantes de um país - unidades de volume por pessoa, e mais concretamente, em metros cúbicos ou milhares de litros por pessoa/ano.

Pegada hídrica = uso de água + água virtual importada – água virtual exportada

-pode indicar o consumo de água para o consumidor – selo

(usa-se em embalagens de produtos, p.e)

Fonte: Eduardo Mediondo -USP


Tecnologias economizadoras

Tecnologias economizadoras

  • Mictório convencional

    • Com sensor de pilha ou elétrico

    • Divisória hidráulica para mictório de acionamento com o pé

    • Válvula de mictório de fechamento automático com ciclo 6 seg ou válvula AP/BP antivandalismo

  • Mictório que não utiliza água


Minist rio do meio ambiente

Tecnologias economizadoras

Lavatório

- torneira de fechamento automático com ciclo de 6 s AP/BP

-torneira de fechamento automático com ciclo de 6 s AP/BP antivandalismo

-torneira eletrônica de banca com sensor (bateria ou elétrica) AP/BP

- Válvula de pé, pedal

  • Lavatório acoplado ao vaso sanitário

  • 25% de economia a mais em relação aos sistemas de válvulas de duplo acionamento – 6/3 litros

  • Fonte : roca

Torneiras com sensor de movimento

Torneira com ciclo de fechamento alta/baixa pressão AB/BP


Minist rio do meio ambiente

Tecnologias economizadoras

  • Chuveiro

  • Válvula de fechamento automático para chuveiro elétrico ou sistemas com misturador

  • Válvula de fechamento automáticos para chuveiro elétrico ou aquecedores de acumulação anti-vandalismo

-“air shower” -preenche as gotas de água com uma minúscula bolha de ar

-reduz em cerca de 30%de água

Registro Regulador de vazão


Minist rio do meio ambiente

Tecnologias economizadoras

Bacia Sanitária

  • Válvula de descarga com ciclo fixo e registro integrado deve ser acoplada a uma bacia VDR

  • Bacia VDR com caixa acoplada e volume seletivo de descarga ( 3 ou 6 litros)

  • Bacia VDR com caixa acoplada de 6 litros/ descarga

  • VDR volume de descarga reduzido

  • (alta pressão/ baixa pressão)

válvula com sensor

válvula acionamento dual 3 e 6 L


Minist rio do meio ambiente

Tecnologias economizadoras

  • Pia cozinha

    Arejador vazão constante 6 l/min

    Arejador AP/BP

    Chuveirinho dispersante AP/BP

    Válvula de acionamento com pé AP/BP ver docol deca

Medição remota

Telemedição GPRS

-sistema utiliza medidores com saída de sinal Reed conectados a transmissores com tecnologia celular GPRS

-monitoramento remoto do real

Ondas rádio


R uso e aproveitamento de gua pluvial

Réuso e Aproveitamento de água Pluvial


Minist rio do meio ambiente

Captação de água pluvial

Sistema Industrial

Fonte: EcoCasa


Minist rio do meio ambiente

Obras realizadas no edifício sede do MMA para a redução do consumo de energia elétrica e uso racional de água

  • 1-Sistema de aproveitamento das águas pluviais;

  • 2 –Sistema de reaproveitamento de águas servidas;

  • 3 –Medidas redutoras do consumo de água potável;

  • 4 –Ar condicionado

  • 5 –Energia elétrica


Minist rio do meio ambiente

Experiências

  • Sede CAESB- Águas Claras -DF

Automação dos sistemas hidráulicos e de irrigação

Aproveitamento de água de chuva

Instalação hidro-sanitária esgoto à vácuo, torneiras automáticas


Minist rio do meio ambiente

Modelo de casa popular Sustentável com aproveitamento de água pluvial (entre outros)

UFRJ/Holcim/ABCP

R$ 1 mil/m² sem o terreno


Minist rio do meio ambiente

Experiências

  • Condomínio Edíficio CBS

  • Economia de água sem perda de conforto

  • Revisão das torneiras

  • Substituição dos Arejadores

  • Substituição dos mecanismos das bacias com caixa acoplada

  • Investimento: R$18.000,00Retorno do Investimento: 27 dias"

fonte: DECA


Minist rio do meio ambiente

Experiências

Furnas Centrais Elétricas S/A

Aplicação de torneiras de lavatório eletrônicas:Economia Anual: R$ 41.031,00 Amortização do Investimento: 4 anos (Consumo com torneiras de lavatório) Economia de: 58,1%

fonte: DECA


Minist rio do meio ambiente

PURA- USP - ações

  • Otimização das atividades que consomem água

  • Implantação de práticas de uso racional da água e, quando possível, de reuso

  • Divulgação, campanhas de conscientização e treinamentos


Minist rio do meio ambiente

Ações para ampliação e popularização medidas de conservação da água em edificações

Lei Municipal 13.692 de 2005, São Carlos

- concede descontos de 1% e 2% no do IPTU das residências que têm árvores na calçada ou áreas permeáveis como jardins e gramados no seu interior

- prefeitura municipal de, no interior paulista,já concedeu descontos 4.738 pedidos em 2009, aumento de quase 70% em relação aos 2.796 pedidos de 2007

Incentivos Fiscais- Permeabilização do entorno da construção


Minist rio do meio ambiente

Condomínio- Lei

Hidrometração individualizada


Minist rio do meio ambiente

Ações para ampliação e popularização medidas de conservação da água em edificações

Proposta da Câmara Técnica de Ciência e Tecnologia - CTCT do Conselho Nacional de Recursos Hídricos - CNRH

Edital MCT/CNPq/CT-HIDRO Nº 021/2009

Apoiar projetos de pesquisa científica, tecnológica e/ou de inovação que promovam economia e eficiência no uso

da água nos ambientes doméstico e comercial através do fomento à inovação tecnológica em materiais e equipamentos, à calibração e ao design de produtos e edificações.

Pesquisa e inovação


Minist rio do meio ambiente

LINHAS TEMÁTICAS (do edital)

-Novas tecnologias que promovam a economia e o combate ao desperdício em materiais e equipamentos de uso intensivo de água nos ambientes doméstico e comercial;

-Tecnologias que promovam o desenvolvimento de novos designs e de tecnologias poupadoras de água para os ambientes doméstico e comercial, em especial àquelas destinadas a habitação de interesse social (HIS);

-Tecnologias de calibração de materiais e equipamentos novos e/ou existentes no mercado que sejam de uso intensivo de água nos ambientes doméstico e comercial, com foco na normatização;

- Tecnologias inovadoras - de edificaçõespara economia e uso eficiente da água;

- para a produção de equipamentos e materiais de uso intensivo de água para os ambientes doméstico e comercial, levando-se em conta, inclusive, a cultura do uso pela população;

-Avaliação de desempenho em campo - de tecnologias poupadoras de água;

-de sistemas de fontes alternativas de água;

-Desenvolvimento de sistemas de fontes alternativas de água com enfoque regional;

- Avaliação de desempenho em laboratório de tecnologias poupadoras de água e de sistemas de fontes alternativas de água;

- Desenvolvimento de diretrizes de projetos que contemplem a conservação de água.


Minist rio do meio ambiente

Ações para ampliação e popularização medidas de conservação da água em edificações- ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

  • A3P- MMA – hoje rede mais de 400 integrantes


Minist rio do meio ambiente

TRANSFERÊNCIA E DIFUSÃO TECNOLÓGICA


Minist rio do meio ambiente

Objetiva

distinguir e homenagear as empresas com maior destaque na implementação de Programas de Conservação e Reúso de Água, bem como mostrar à sociedade a preocupação e o empenho da indústria paulista com a promoção do uso racional


Minist rio do meio ambiente

  • Fonte : Lwarcel, 2008 – Empresa Vencedora do 3º Prêmio Fiesp de Conservação e Reúso

Fonte : Lwarcel, 2008 ( papel e celulose)

– Empresa Vencedora do 3º Prêmio Fiesp de Conservação e Reúso


Minist rio do meio ambiente

O Selo Casa Azul CAIXA

instrumento de classificação

socioambiental de projetos de empreendimentos habitacionais,

Para soluções mais eficientes aplicadas à construção, ao uso, à ocupação e à manutenção das edificações, objetivando incentivar o uso racional de recursos naturais e a melhoria da qualidade da habitação e de seu entorno.

O Selo se aplica a todos os tipos de projetos de empreendimentos habitacionais propostos à CAIXA para financiamento ou nos programas de repasse.


Minist rio do meio ambiente

Selo CASA AZUL


Minist rio do meio ambiente

Programa de Uso Sustentável da Água

CTCT-CNRH ( em elaboração)


  • Login