23 domingo comum
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 427

23º Domingo Comum PowerPoint PPT Presentation


  • 32 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

23º Domingo Comum. OS SINAIS MESSIÂNICOS!. Irmãos e irmãs, bem-vindos a esta celebração fraterna, onde participamos. da mesa da Palavra e da Eucaristia, alimento para a nossa fé, que. fortalece a esperança e anima a caridade. Estamos vivendo o “mês da Bíblia”, e queremos iluminar nossa.

Download Presentation

23º Domingo Comum

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


23 domingo comum

23º Domingo Comum


Os sinais messi nicos

OS SINAIS MESSIÂNICOS!


Irm os e irm s bem vindos a esta celebra o fraterna onde participamos

Irmãos e irmãs, bem-vindos a esta celebração fraterna, onde participamos


Da mesa da palavra e da eucaristia alimento para a nossa f que

da mesa da Palavra e da Eucaristia, alimento para a nossa fé, que


Fortalece a esperan a e anima a caridade

fortalece a esperança e anima a caridade.


Estamos vivendo o m s da b blia e queremos iluminar nossa

Estamos vivendo o “mês da Bíblia”, e queremos iluminar nossa


Vida com a sagrada escritura contemplando os sinais

vida com a Sagrada Escritura, contemplando os sinais


Messi nicos que evidenciam a presen a do reino de deus alegria

messiânicos que evidenciam a presença do Reino de Deus: alegria,


Esperan a aten o aos pobres e sofredores

esperança, atenção aos pobres e sofredores.


Em uma sociedade em que as pessoas se fecham em si mesmas

Em uma sociedade em que as pessoas se fecham em si mesmas,


Deixemos que a palavra de jesus que diz abre te possa nos

deixemos que a palavra de Jesus, que diz “Abre-te”, possa nos


Libertar de tudo o que nos impede de sermos

libertar de tudo o que nos impede de sermos


Solid rios e fraternos na certeza da presen a de

solidários efraternos. Na certeza da presença de


Deus iniciemos nossa liturgia cantando

Deus, iniciemos nossa liturgia, cantando.


Canto de abertura

Canto de Abertura


Sauda o

Saudação


Em nome do pai e do filho e do esp rito santo am m

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.

Amém.


A gra a de nosso senhor jesus cristo o amor do pai

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai


E a comunh o do esp rito santo estejam convosco

e a comunhão do Espírito Santo estejam convosco.


Bendito seja deus que nos reuniu no amor de cristo

Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.


Ato penitencial

Ato Penitencial


No in cio desta celebra o eucar stica

No início desta celebração eucarística,


Pe amos a convers o do cora o

peçamos a conversão do coração,


Fonte de reconcilia o e comunh o

fonte de reconciliação e comunhão


Com deus e com os irm os e irm s sil ncio

com Deus e com os irmãos e irmãs. (Silêncio)


Senhor que sois o caminho que leva ao pai

Senhor, que sois o caminho que leva ao Pai,


Tende piedade de n s

tende piedade de nós.


Senhor tende piedade de n s

Senhor, tende piedade de nós.


Cristo que sois a verdade que ilumina os povos

Cristo, que sois a verdade que ilumina os povos,


Tende piedade de n s1

tende piedade de nós.


Cristo tende piedade de n s

Cristo, tende piedade de nós.


Senhor que sois a vida que renova o mundo

Senhor, que sois a vida que renova o mundo,


Tende piedade de n s2

tende piedade de nós.


Senhor tende piedade de n s1

Senhor, tende piedade de nós.


Deus todo poderoso tenha compaix o de n s

Deus todo-poderoso tenha compaixão de nós,


Perdoe os nossos pecados

perdoe os nossos pecados


E nos conduza vida eterna am m

e nos conduza à vida eterna.

Amém.


Hino de louvor

Hino de Louvor


Gl ria a deus nas alturas e paz na terra aos homens por ele amados

Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens por ele amados.


Senhor deus rei dos c us deus pai todo poderoso

Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai todo-poderoso.


N s vos louvamos n s vos bendizemos

Nós vos louvamos, nós vos bendizemos,


N s vos adoramos n s vos glorificamos

Nós vos adoramos, nós vos glorificamos,


N s vos damos gra as por vossa imensa gl ria

Nós vos damos graças por vossa imensa glória.


Senhor jesus cristo filho unig nito

Senhor Jesus Cristo, Filho unigênito,


Senhor deus cordeiro de deus filho de deus pai

Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai.


V s que tirais o pecado do mundo tende piedade de n s

Vós, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.


V s que tirais o pecado do mundo acolhei a nossa s plica

Vós, que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica.


V s que estais direita do pai tende piedade de n s

Vós, que estais à direita do Pai, tende piedade de nós.


S v s sois o santo s v s o senhor

Só vós sois o Santo, só vós, o Senhor,


S v s o alt ssimo jesus cristo

só vós, o Altíssimo, Jesus Cristo,


Com o esp rito santo na gl ria de deus pai am m

com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai. Amém.


Ora o da coleta

Oração da Coleta


Oremos deus pai de bondade que nos redimistes

OREMOS: Ó Deus, Pai de bondade, que nos redimistes


E adotastes como filhos e filhas

e adotastes como filhos e filhas,


Concedei os que creem no cristo

concedei os que creem no Cristo


A verdadeira liberdade e a heran a eterna

a verdadeira liberdade e a herança eterna.


Por nosso senhor jesus cristo vosso filho

Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,


Na unidade do esp rito santo

na unidade do Espírito Santo.


23 domingo comum

Amém.


Nosso deus quer vida para todos e por isto constantemente convida nos a construir um

Nosso Deus quer vida para todos, e, por isto, constantemente convida-nos a construir um


Mundo novo devolvendo a esperan a aos desesperados acolhendo fraternalmente os

mundo novo, devolvendo a esperança aos desesperados, acolhendo fraternalmente os


Que s o exclu dos e libertando a pessoa humana dos condicionamentos que a mant m surda

que são excluídos e libertando a pessoa humana dos condicionamentos que a mantêm surda


E muda diante das exig ncias do reino ou amos com aten o

e muda diante das exigências do Reino. Ouçamos com atenção.


Primeira leitura is 35 4 7a

PRIMEIRA LEITURA

Is 35,4-7a


Leitura do livro do profeta isa as

Leitura do Livro do profeta Isaías:


4 dizei s pessoas deprimidas criai nimo

4Dizei às pessoas deprimidas: “Criai ânimo,


N o tenhais medo vedem vosso deus a vingan a que vem a

não tenhais medo! Vedem é vosso Deus, é a vingança que vem, é a


Recompensa de deus ele que vem para vos salvar

recompensa de Deus; é ele que vem para vos salvar”.


5 ent o se abrir o os olhos dos cegos e se descerrar o os ouvidos dos

5Então se abrirão os olhos dos cegos e se descerrarão os ouvidos dos


Surdos 6 o coxo saltar como um cervo e se desatar a l ngua dos

surdos. 6O coxo saltará como um cervo e se desatará a língua dos


Mudos assim como brotar o guas no deserto e jorrar o

mudos, assim como brotarão águas no deserto e jorrarão


Torrentes no ermo 7a a terra rida se transformar

torrentes no ermo. 7aA terra árida se transformará


Em lago e a regi o sedenta em fontes d gua

em lago, e a região sedenta, em fontes d’água.


Palavra do senhor gra as a deus

Palavra do Senhor.

Graças a Deus.


Salmo responsorial sl 145

SALMO RESPONSORIAL

Sl145


Bendize minha alma ao senhor

Bendize, ó minha alma, ao Senhor.


Bendirei ao senhor toda a vida

Bendirei ao Senhor toda a vida!


Bendize minha alma ao senhor1

Bendize, ó minha alma, ao Senhor.


Bendirei ao senhor toda a vida1

Bendirei ao Senhor toda a vida!


1 o senhor fiel para sempre

1. O Senhor é fiel para sempre,


Faz justi a aos que s o oprimidos

faz justiça aos que são oprimidos;


Ele d alimento aos famintos

ele dá alimento aos famintos,


O senhor quem liberta os cativos

é o Senhor quem liberta os cativos.


Bendize minha alma ao senhor2

Bendize, ó minha alma, ao Senhor.


Bendirei ao senhor toda a vida2

Bendirei ao Senhor toda a vida!


2 o senhor abre os olhos aos cegos

2. O Senhor abre os olhos aos cegos,


O senhor faz erguer se o ca do

o Senhor faz erguer-se o caído


O senhor ama aquele que justo

o Senhor ama aquele que é justo,


O senhor quem protege o estrangeiro

é o Senhor quem protege o estrangeiro.


Bendize minha alma ao senhor3

Bendize, ó minha alma, ao Senhor.


Bendirei ao senhor toda a vida3

Bendirei ao Senhor toda a vida!


3 ele ampara a vi va e o rf o

3. Ele ampara a viúva e o órfão,


Mas confunde os caminhos dos maus

mas confunde os caminhos dos maus.


O senhor reinar para sempre

O Senhor reinará para sempre! ╬


Si o o teu deus reinar

Ó Sião, o teu Deus reinará


Para sempre e por todos os s culos

para sempre e por todos os séculos!


Bendize minha alma ao senhor4

Bendize, ó minha alma, ao Senhor.


Bendirei ao senhor toda a vida4

Bendirei ao Senhor toda a vida!


Segunda leitura tg 2 1 5

SEGUNDA LEITURA

Tg2,1-5


Leitura da carta de s o tiago

Leitura da Carta de São Tiago:


1 meus irm os a f que tendes em nosso senhor jesus cristo glorificado

1Meus irmãos: a fé que tendes em nosso Senhor Jesus Cristo glorificado


N o deve admitir acep o de pessoas

não deve admitir acepção de pessoas.


2 pois bem imaginai que na vossa reuni o

2Pois bem, imaginai que na vossa reunião


Entra uma pessoa com anel de ouro no dedo e bem vestida

entra uma pessoa com anel de ouro no dedo e bem vestida,


E tamb m um pobre com sua roupa surrada

e também um pobre, com sua roupa surrada,


3 e v s dedicais aten o ao que est bem vestido

3e vós dedicais atenção ao que está bem vestido,


Dizendo lhe vem sentar te aqui vontade

dizendo-lhe: “vem sentar-te aqui, à vontade”,


Enquanto dizeis ao pobre

enquanto dizeis ao pobre:


Fica a de p ou ent o

“Fica aí, de pé”, ou então:


Senta te aqui no ch o aos meus p s

“Senta-te aqui no chão, aos meus pés”,


4 n o fizestes ent o discrimina o entre v s

4não fizestes, então, discriminação entre vós?


E n o vos tornastes ju zes com crit rios injustos

E não vos tornastes juízes com critérios injustos?


5 meus queridos irm os escutai

5Meus queridos irmãos, escutai:


N o escolheu deus os pobres deste mundo

não escolheu Deus os pobres deste mundo


Para serem ricos na f

para serem ricos na fé


E herdeiros do reino que prometeu aos que o amam

e herdeiros do Reino que prometeu aos que o amam?


Palavra do senhor gra as a deus1

Palavra do Senhor.

Graças a Deus!


Aclama o ao evangelho

Aclamação ao Evangelho


Evangelho mc 7 31 37

EVANGELHO

Mc 7,31-37


O senhor esteja convosco

O Senhor esteja convosco.


Ele est no meio de n s

Ele está no meio de nós.


Proclama o do evangelho de jesus cristo segundo marcos

PROCLAMAÇÃOdo Evangelho de Jesus Cristo † segundo Marcos


Gl ria a v s senhor

Glória a vós, Senhor.


Naquele tempo 31 jesus saiu de novo da regi o de tiro

Naquele tempo, 31Jesus saiu de novo da região de Tiro,


Passou por sid nia

passou por Sidônia


E continuou at o mar da galileia

e continuou até o mar da Galileia,


Atravessando a regi o da dec pole

atravessando a região da Decápole.


32 trouxeram ent o um homem surdo

32Trouxeram então um homem surdo,


Que falava com dificuldade

que falava com dificuldade,


E pediram que jesus lhe impusesse a m o

e pediram que Jesus lhe impusesse a mão.


33 jesus afastou se com o homem

33Jesus afastou-se com o homem,


Para fora da multid o

para fora da multidão;


Em seguida colocou os dedos nos seus ouvidos

em seguida, colocou os dedos nos seus ouvidos,


Cuspiu e com a saliva tocou a l ngua dele

cuspiu e com a saliva tocou a língua dele.


34 olhando para o c u suspirou e disse

34Olhando para o céu, suspirou e disse:


Efat que quer dizer abre te

“Efatá!”, que quer dizer: “Abre-te!”


35 imediatamente seus ouvidos se abriram

35Imediatamente seus ouvidos se abriram,


Sua l ngua se soltou

sua língua se soltou


E ele come ou a falar sem dificuldade

e ele começou a falar sem dificuldade.


36 jesus recomendou com insist ncia

36Jesus recomendou com insistência


Que n o contassem a ningu m

que não contassem a ninguém.


Mas quanto mais ele recomendava

Mas, quanto mais ele recomendava,


Mais eles divulgavam

mais eles divulgavam.


37 muito impressionados diziam

37Muito impressionados, diziam:


Ele tem feito bem todas as coisas

“Ele tem feito bem todas as coisas:


Aos surdos faz ouvir e aos mudos falar

Aos surdos faz ouvir e aos mudos falar”.


Palavra da salva o

Palavra da Salvação.


Gl ria a v s senhor1

Glória a vós, Senhor!


Por interesse ou por amor que buscamos o outro

É POR INTERESSE OU POR AMOR QUE BUSCAMOS O OUTRO?


Profiss o de f s mbolo apost lico

Profissão de Fé (Símbolo apostólico)


Creio em deus pai todo poderoso criador do c u e da terra

Creio em Deus Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra.


E em jesus cristo seu nico filho nosso senhor

E em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor,


Que foi concebido pelo poder do esp rito santo nasceu da virgem maria

que foi concebido pelo poder do Espírito Santo; nasceu da Virgem Maria;


Padeceu sob p ncio pilatos foi crucificado morto e sepultado

padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado.


Desceu mans o dos mortos ressuscitou ao terceiro dia

Desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia,


Subiu aos c us est sentado direita de deus pai todo poderoso

subiu aos céus; está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso,


Donde h de vir a julgar os vivos e os mortos

donde há de vir a julgar os vivos e os mortos.


Creio no esp rito santo

Creio no Espírito Santo;


Na santa igreja cat lica na comunh o dos santos

na Santa Igreja Católica; na comunhão dos santos;


Na remiss o dos pecados

na remissão dos pecados;


Na ressurrei o da carne

na ressurreição da carne;


Na vida eterna am m

na vida eterna. Amém.


Ora o da comunidade

Oração da Comunidade


1 pelo povo de deus para que seja no mundo um sinal de esperan a e

1.Pelo Povo de Deus, para que seja no mundo um sinal de esperança e


Alegria testemunhando assim o reino rezemos

alegria, testemunhando assim o Reino, rezemos.


Senhor escutai a nossa prece

Senhor, escutai a nossa prece.


2 para que a comunidade crist seja um espa o onde os

2.Para que a comunidade cristã seja um espaço onde os


Mais pobres se sintam em casa rezemos

mais pobres se sintam em casa, rezemos.


Senhor escutai a nossa prece1

Senhor, escutai a nossa prece.


3 a fim de que como o surdo mudo sejamos libertos de todo fechamento e

3.A fim de que, como o surdo-mudo, sejamos libertos de todo fechamento, e


Nos abramos comunica o ple na com deus e com os irm os rezemos

nos abramos à comunicação plena com Deus e com os irmãos, rezemos.


Senhor escutai a nossa prece2

Senhor, escutai a nossa prece.


4 pelos vicentinos pela c ritas pelas obras sociais e por todos os

4.Pelos Vicentinos, pela Cáritas, pelas Obras Sociais, e por todos os


Grupos dentro e fora da igreja que se dedicam ao atendimento

grupos, dentro e fora da Igreja, que se dedicam ao atendimento


Emergencial aos pobres e sofredores rezemos

emergencial aos pobres e sofredores, rezemos.


Senhor escutai a nossa prece3

Senhor, escutai a nossa prece.


5 pelas pastorais sociais pela escola de pol tica pela

5.Pelas Pastorais Sociais, pela Escola de Política, pela


Comiss o sociopol tica e outros grupos eclesiais bem como

Comissão Sociopolítica, e outros grupos eclesiais, bem como


Entidades da sociedade civil a fim de que nunca desanimem no

entidades da sociedade civil, a fim de que nunca desanimem no


Empenho em construir uma nova sociedade rezemos

empenho em construir uma nova sociedade, rezemos.


Senhor escutai a nossa prece4

Senhor, escutai a nossa prece.


Apresenta o das oferendas

Apresentação das Oferendas


Orai irm os e irm s

Orai, irmãos e irmãs


Para que o nosso sacrif cio

para que o nosso sacrifício


Seja aceito por deus pai todo poderoso

seja aceito por Deus Pai todo-poderoso.


Receba o senhor por tuas m os este sacrif cio

Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício,


Para gl ria do seu nome

para glória do seu nome,


Para nosso bem e de toda a santa igreja

para nosso bem e de toda a santa Igreja.


Ora o sobre as oferendas

Oração sobre as Oferendas


Deus fonte da paz e da verdadeira piedade

Ó Deus, fonte da paz e da verdadeira piedade,


Concedei nos por esta oferenda

concedei-nos por esta oferenda


Render vos a devida homenagem

render-vos a devida homenagem,


E fazei que nossa participa o na eucaristia

e fazei que nossa participação na Eucaristia


Reforce entre n s os la os da amizade

reforce entre nós os laços da amizade.


Por cristo nosso senhor

Por Cristo, nosso Senhor.


23 domingo comum

Amém.


Pref cio dos domingos do tempo comum vi cristo penhor da p scoa eterna

Prefácio dos Domingos do Tempo Comum VI: Cristo, penhor da Páscoa eterna


O senhor esteja convosco1

O Senhor esteja convosco.


Ele est no meio de n s1

Ele está no meio de nós.


Cora es ao alto

Corações ao alto.


O nosso cora o est em deus

O nosso coração está em Deus.


Demos gra as ao senhor nosso deus

Demos graças ao Senhor, nosso Deus.


Nosso dever e nossa salva o

É nosso dever e nossa salvação.


Na verdade justo e necess rio

Na verdade, é justo e necessário,


Nosso dever e salva o

é nosso dever e salvação


Dar vos gra as sempre e em todo o lugar

dar-vos graças, sempre e em todo o lugar,


Senhor pai santo deus eterno e todo poderoso

Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso.


Em v s vivemos nos movemos e somos

Em vós vivemos, nos movemos e somos.


E ainda peregrinos neste mundo

E, ainda peregrinos neste mundo,


N o s recebemos todos os dias

não só recebemos, todos os dias,


As provas de vosso amor de pai

as provas de vosso amor de Pai,


Mas tamb m possu mos j agora

mas também possuímos, já agora,


A garantia da vida futura

a garantia da vida futura.


Possuindo as prim cias do esp rito

Possuindo as primícias do Espírito,


Por quem ressuscitastes jesus dentre os mortos

por quem ressuscitastes Jesus dentre os mortos,


Esperamos gozar um dia

esperamos gozar, um dia,


A plenitude da p scoa eterna

a plenitude da Páscoa eterna.


Por essa raz o com os anjos e com todos os santos

Por essa razão, com os anjos e com todos os santos,


Entoamos um c ntico novo

entoamos um cântico novo,


Para proclamar vossa bondade

para proclamar vossa bondade,


Cantando dizendo a uma s voz

cantando (dizendo) a uma só voz:


Santo santo santo

Santo, Santo, Santo,


Senhor deus do universo

Senhor, Deus do universo!


O c u e a terra proclamam a vossa gl ria

O céu e a terra proclamam a vossa glória.


Hosana nas alturas

Hosana nas alturas!


Bendito o que vem

Bendito o que vem


Em nome do senhor

em nome do Senhor!


Hosana nas alturas1

Hosana nas alturas!


Ora o eucar stica iii

Oração Eucarística III


Na verdade v s sois santo deus do universo

Na verdade, vós sois santo, ó Deus do universo,


E tudo o que criastes proclama o vosso louvor

e tudo o que criastes proclama o vosso louvor,


Porque por jesus cristo

porque, por Jesus Cristo,


Vosso filho e senhor nosso

vosso Filho e Senhor nosso,


E pela for a do esp rito santo

e pela força do Espírito Santo,


Dais vida e santidade a todas as coisas

dais vida e santidade a todas as coisas


E n o cessais de reunir o vosso povo

e não cessais de reunir o vosso povo,


Para que vos ofere a em toda parte

para que vos ofereça em toda parte,


Do nascer ao p r do sol

do nascer ao pôr-do-sol,


Um sacrif cio perfeito

um sacrifício perfeito.


Santificai e reuni o vosso povo

Santificai e reuni o vosso povo!


Por isso n s vos suplicamos

Por isso, nós vos suplicamos:


Santificai pelo esp rito santo

santificai pelo Espírito Santo


As oferendas que vos apresentamos

as oferendas que vos apresentamos


Para serem consagradas

para serem consagradas,


A fim de que se tornem

a fim de que se tornem


O corpo e o sangue de jesus cristo

o Corpo e † o Sangue de Jesus Cristo,


Vosso filho e senhor nosso1

vosso Filho e Senhor nosso,


Que nos mandou celebrar este mist rio

que nos mandou celebrar este mistério.


Santificai nossa oferenda senhor

Santificai nossa oferenda, ó Senhor!


Na noite em que ia ser entregue

Na noite em que ia ser entregue,


Ele tomou o p o

ele tomou o pão,


Deu gra as e o partiu

deu graças, e o partiu


E deu a seus disc pulos dizendo

e deu a seus discípulos, dizendo:


Tomai todos e comei

TOMAI, TODOS, E COMEI:


Isto o meu corpo

ISTO É O MEU CORPO,


Que ser entregue por v s

QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS.


Do mesmo modo

Do mesmo modo,


Ao fim da ceia ele tomou o c lice em suas m os

ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos,


Deu gra as novamente

deu graças novamente,


E o deu a seus disc pulos dizendo

e o deu a seus discípulos, dizendo:


Tomai todos e bebei

TOMAI, TODOS, E BEBEI:


Este o c lice do meu sangue

ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE,


O sangue da nova e eterna alian a

O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA,


Que ser derramado por v s e por todos

QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS


Para remiss o dos pecados

PARA REMISSÃO DOS PECADOS.


Fazei isto em mem ria de mim

FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM.


Eis o mist rio da f

Eis o mistério da fé!


Todas as vezes que comemos deste p o

Todas as vezes que comemos deste pão


E bebemos deste c lice

e bebemos deste cálice,


Anunciamos senhor a vossa morte

anunciamos, Senhor, a vossa morte,


Enquanto esperamos a vossa vinda

enquanto esperamos a vossa vinda!


Celebrando agora pai

Celebrando agora, ó Pai,


A mem ria do vosso filho

a memória do vosso Filho,


Da sua paix o que nos salva

da sua paixão que nos salva,


Da sua gloriosa ressurrei o

da sua gloriosa ressurreição


E da sua ascens o ao c u

e da sua ascensão ao céu,


E enquanto esperamos a sua nova vinda

e enquanto esperamos a sua nova vinda,


N s vos oferecemos em a o de gra as

nós vos oferecemos em ação de graças


Este sacrif cio de vida e santidade

este sacrifício de vida e santidade.


Recebei senhor a nossa oferta

Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!


Olhai com bondade a oferenda da vossa igreja

Olhai com bondade a oferenda da vossa Igreja,


Reconhecei o sacrif cio

reconhecei o sacrifício


Que nos reconcilia convosco

que nos reconcilia convosco


E concedei que alimentando nos

e concedei que, alimentando-nos


Com o corpo e o sangue do vosso filho

com o Corpo e o Sangue do vosso Filho,


Sejamos repletos do esp rito santo

sejamos repletos do Espírito Santo


E nos tornemos em cristo

e nos tornemos em Cristo


Um s corpo e um s esp rito

um só corpo e um só espírito.


Fazei de n s um s corpo e um s esp rito

Fazei de nós um só corpo e um só espírito!


Que ele fa a de n s uma oferenda perfeita

Que ele faça de nós uma oferenda perfeita


Para alcan armos a vida eterna

para alcançarmos a vida eterna


Com os vossos santos

com os vossos santos:


A virgem maria m e de deus

a Virgem Maria, Mãe de Deus,


Os vossos ap stolos e m rtires n o santo do dia ou o padroeiro

os vossos Apóstolos e Mártires, N. (o santo do dia ou o padroeiro)


E todos os santos

e todos os santos,


Que n o cessam de interceder por n s

que não cessam de interceder por nós


Na vossa presen a

na vossa presença.


Fazei de n s uma perfeita oferenda

Fazei de nós uma perfeita oferenda!


E agora n s vos suplicamos pai

E agora, nós vos suplicamos, ó Pai,


Que este sacrif cio da nossa reconcilia o

que este sacrifício da nossa reconciliação


Estenda a paz e a salva o ao mundo inteiro

estenda a paz e a salvação ao mundo inteiro.


Confirmai na f e na caridade a vossa igreja

Confirmai na fé e na caridade a vossa Igreja,


Enquanto caminha neste mundo

enquanto caminha neste mundo:


O vosso servo o papa n

o vosso servo o papa N.,


O nosso bispo n

o nosso bispo N.,


Com os bispos do mundo inteiro

com os bispos do mundo inteiro,


O clero e todo o povo que conquistastes

o clero e todo o povo que conquistastes.


Lembrai vos pai da vossa igreja

Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!


Atendei s preces da vossa fam lia

Atendei às preces da vossa família,


Que est aqui na vossa presen a

que está aqui, na vossa presença.


Reuni em v s pai de miseric rdia

Reuni em vós, Pai de misericórdia,


Todos os vossos filhos e filhas

todos os vossos filhos e filhas


Dispersos pelo mundo inteiro

dispersos pelo mundo inteiro.


Lembrai vos pai dos vossos filhos

Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!


Acolhei com bondade no vosso reino

Acolhei com bondade no vosso reino


Os nossos irm os e irm s que partiram desta vida

os nossos irmãos e irmãs que partiram desta vida


E todos os que morreram na vossa amizade

e todos os que morreram na vossa amizade.


Unidos a eles esperamos tamb m n s

Unidos a eles, esperamos também nós


Saciar nos eternamente da vossa gl ria

saciar-nos eternamente da vossa glória,


Por cristo senhor nosso

por Cristo, Senhor nosso.


A todos saciai com vossa gl ria

A todos saciai com vossa glória!


Por ele dais ao mundo

Por ele dais ao mundo


Todo bem e toda gra a

todo bem e toda graça.


Por cristo com cristo em cristo

Por Cristo, com Cristo, em Cristo,


A v s deus pai todo poderoso

a vós, Deus Pai todo-poderoso,


Na unidade do esp rito santo1

na unidade do Espírito Santo,


Toda a honra e toda a gl ria

toda a honra e toda a glória,


Agora e para sempre am m

agora e para sempre.

Amém.


Rito da comunh o

Rito da Comunhão


Obedientes palavra do salvador

Obedientes à palavra do Salvador


E formados por seu divino ensinamento ousamos dizer

e formados por seu divino ensinamento, ousamos dizer:


Pai nosso que estais nos c us

Pai nosso que estais nos céus,


Santificado seja o vosso nome

santificado seja o vosso nome;


Venha a n s o vosso reino

venha a nós o vosso reino,


Seja feita a vossa vontade

seja feita a vossa vontade,


Assim na terra como no c u

assim na terra como no céu;


O p o nosso de cada dia nos dai hoje

o pão nosso de cada dia nos dai hoje;


Perdoai nos as nossas ofensas

perdoai-nos as nossas ofensas,


Assim como n s perdoamos

assim como nós perdoamos


A quem nos tem ofendido

a quem nos tem ofendido;


E n o nos deixeis cair em tenta o

e não nos deixeis cair em tentação,


Mas livrai nos do mal

mas livrai-nos do mal.


Livrai nos de todos os males pai

Livrai-nos de todos os males, ó Pai,


E dai nos hoje a vossa paz

e dai-nos hoje a vossa paz.


Ajudados pela vossa miseric rdia

Ajudados pela vossa misericórdia,


Sejamos sempre livres do pecado

sejamos sempre livres do pecado


E protegidos de todos os perigos

e protegidos de todos os perigos,


Enquanto vivendo a esperan a

enquanto, vivendo a esperança,


Aguardamos a vinda do cristo salvador

aguardamos a vinda do Cristo Salvador.


Vosso o reino o poder e a gl ria para sempre

Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!


Senhor jesus cristo

Senhor Jesus Cristo,


Dissestes aos vossos ap stolos

dissestes aos vossos Apóstolos:


Eu vos deixo a paz eu vos dou a minha paz

Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz.


N o olheis os nossos pecados

Não olheis os nossos pecados,


Mas a f que anima vossa igreja

mas a fé que anima vossa Igreja;


Dai lhe segundo o vosso desejo

dai-lhe, segundo o vosso desejo,


A paz e a unidade

a paz e a unidade.


V s que sois deus com o pai e o esp rito santo am m

Vós, que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo. Amém.


A paz do senhor esteja sempre convosco

A paz do Senhor esteja sempre convosco.


O amor de cristo nos uniu

O amor de Cristo nos uniu.


Irm os e irm s saudai vos em cristo jesus

Irmãos e irmãs, saudai-vos em Cristo Jesus.


Cordeiro de deus

Cordeiro de Deus,


Que tirais o pecado do mundo

que tirais o pecado do mundo,


Tende piedade de n s3

tende piedade de nós.


Cordeiro de deus1

Cordeiro de Deus,


Que tirais o pecado do mundo1

que tirais o pecado do mundo,


Tende piedade de n s4

tende piedade de nós.


Cordeiro de deus2

Cordeiro de Deus,


Que tirais o pecado do mundo dai nos a paz

que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz.


Quem come minha carne e bebe meu sangue

Quem come minha Carne e bebe meu Sangue


Permanece em mim e eu nele

permanece em mim e eu nele.


Eis o cordeiro de deus

Eis o Cordeiro de Deus,


Que tira o pecado do mundo

que tira o pecado do mundo.


Senhor eu n o sou digno a

Senhor, eu não sou digno(a)


De que entreis em minha morada

de que entreis em minha morada,


Mas dizei uma palavra e serei salvo a

mas dizei uma palavra e serei salvo(a).


Canto da comunh o

Canto da comunhão


Ora o depois da comunh o

Oração depois da Comunhão


Deus que nutris e fortificais vossos fi is

Ó Deus, que nutris e fortificais vossos fiéis


Com o alimento da vossa palavra e do vosso p o

com o alimento da vossa palavra e do vosso pão,


Concedei nos por estes dons do vosso filho

concedei-nos, por estes dons do vosso Filho,


Viver com ele para sempre

viver com ele para sempre.


Por cristo nosso senhor1

Por Cristo, nosso Senhor.


23 domingo comum

Amém.


B n o e despedida

Bênção e Despedida


O senhor esteja convosco2

O Senhor esteja convosco!


Ele est no meio n s

Ele está no meio nós.


A paz de deus que supera todo entendimento

A paz de Deus, que supera todo entendimento,


Guarde vossos cora es e vossas mentes

guarde vossos corações e vossas mentes


No conhecimento e no amor de deus

no conhecimento e no amor de Deus,


E de seu filho nosso senhor jesus cristo

e de seu Filho, nosso Senhor Jesus Cristo.


23 domingo comum

Amém.


Aben oe vos deus todo poderoso

Abençoe-vos Deus todo-poderoso,


Pai e filho e esp rito santo

Pai e Filho † e Espírito Santo.


23 domingo comum

Amém.


A alegria do senhor seja a vossa for a

A alegria do Senhor seja a vossa força;


Ide em paz e o senhor vos acompanhe

ide em paz e o Senhor vos acompanhe.


Gra as a deus

Graças a Deus.


Canto final

Canto Final


  • Login