Karoline bunn jane da silva jefferson traebert
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 18

Karoline Bunn Jane da Silva Jefferson Traebert PowerPoint PPT Presentation


  • 95 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

ESTUDO COMPARATIVO DO DESEMPENHO DO WHOQoL-HIV-BREF E DO HIV/AIDS - TARGET QUALITY OF LIFE NA AVALIAÇÃO DE QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE HIV/AIDS. Karoline Bunn Jane da Silva Jefferson Traebert. Programa Unisul de Iniciação Científica. Introdução. AIDS Doença mundial

Download Presentation

Karoline Bunn Jane da Silva Jefferson Traebert

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Karoline bunn jane da silva jefferson traebert

ESTUDO COMPARATIVO DO DESEMPENHO DO WHOQoL-HIV-BREF E DO HIV/AIDS - TARGET QUALITY OF LIFE NA AVALIAÇÃO DE QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE HIV/AIDS.

Karoline Bunn

Jane da Silva

Jefferson Traebert

Programa Unisul de Iniciação Científica


Introdu o

Introdução

  • AIDS

    • Doença mundial

    • Doença crônica  Avaliar qualidade de vida

      • Estratégias custo-benefício

    • Programas de saúde

      • Aspectos físicos

      • Aspectos psicossociais

  • OMS  WHOQOL-HIV-Bref (1995)

  • Holmes & Shea  HATQoL (1999)


Introdu o1

Introdução

  • Objetivo

    • Comparar os resultados da avaliação da QV de portadores HIV/AIDS mensurados por intermédio HAT-QoL e do WHOQoL-HIV-Bref, bem como avaliar a aplicabilidade do HAT-QoL e comparar com a do WHOQoL-HIV-Bref.

  • Palavras-chave

    • Qualidade de vida, WHOQoL-HIV-Bref, HATQoL.


M todo

Método

  • Estudo transversal

  • Tamanho da amostra

    • 102 indivíduos

    • Seleção aleatória

  • Aplicação dos questionários

    • WHOQoL-HIV-Bref

    • HATQoL


M todo1

Método

  • Análise descritiva dos dados

  • Análise de correlação: coeficiente de Pearson

  • Termo de Consentimento Livre e Esclarecido

    • CEP/UNISUL nº 09.028.4.01.III


Resultados e discuss o

Resultados e Discussão

Tabela 1: Distribuição dos indivíduos segundo variáveis sócio-demográficas. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010 (n=60).

*Perda de informação.


Resultados e discuss o1

Resultados e Discussão

Tabela 1: Distribuição dos indivíduos segundo variáveis sócio-demográficas. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010 (n=60).


Resultados e discuss o2

Resultados e Discussão

Tabela 1: Distribuição dos indivíduos segundo variáveis sócio-demográficas. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010 (n=60).


Resultados e discuss o3

Resultados e Discussão

Tabela 2: Auto-avaliação de saúde dos indivíduos e aspectos relacionados à infecção dos pacientes. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010 (n=60).

*Perda de informação.


Resultados e discuss o4

Resultados e Discussão

Tabela 2: Auto-avaliação de saúde dos indivíduos e aspectos relacionados à infecção dos pacientes. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010 (n=60).

*Perda de informação.


Resultados e discuss o5

Resultados e Discussão

Tabela 3: Valores descritivos dos domínios da escala de qualidade de vida HAT-QoL. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010.

* Número de pacientes.

DP = Desvio padrão.

P25 = Percentil 25.

P75 = Percentil 75.


Resultados e discuss o6

Resultados e Discussão

Tabela 3: Valores descritivos dos domínios da escala de qualidade de vida HAT-QoL. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010.

* Número de pacientes.

DP = Desvio padrão.

P25 = Percentil 25.

P75 = Percentil 75.


Resultados e discuss o7

Resultados e Discussão

Tabela 4: Valores descritivos dos domínios da escala de qualidade de vida WHOQoL-HIV-Bref. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010.

* Número de pacientes.

DP = Desvio padrão.

P25 = Percentil 25.

P75 = Percentil 75.


Resultados e discuss o8

Resultados e Discussão

Tabela 4: Valores descritivos dos domínios da escala de qualidade de vida WHOQoL-HIV-Bref. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010.

* Número de pacientes.

DP = Desvio padrão.

P25 = Percentil 25.

P75 = Percentil 75.


Resultados e discuss o9

Resultados e Discussão

Figura 1: Correlação entre os instrumentos de avaliação de qualidade de vida em pacientes com HIV/AIDS HAT-QoL e WHOQoL-HIV-Bref. Ambulatório de DST/AIDS de São José, SC, 2009/2010.


Conclus o

Conclusão

  • Pôde-se concluir que os instrumentos HAT-QoL e WHOQoL-HIV-Bref apresentaram resultados semelhantes, sendo ambos os facilmente aplicáveis. Assim, pelo fato de haver disponível instrumentos válidos e de fácil aplicabilidade, a avaliação da qualidade de vida dos pacientes com HIV/AIDS deveria ser realizada rotineiramente nos ambulatórios especializados.


Refer ncias

Referências

  • CAMPOS, L. N; CÉSAR, C. C.; GUIMARÃES, M. D. C. Quality of life among HIV-infected patients in Brazil after initiation of treatment. Clinical Science, São Paulo, v. 64, n. 9, p. 867-876, 2009

  • HOLMES, W. C.; SHEA, J.A. Two approaches to measuring quality of life in the HIV/AIDS populations: HAT-Qol and MOS-HIV. Qual Life Res, Filadélfia, v. 8, p. 515-27, 1999.

  • MOSER, A. M. M. ; TRAEBERT, J. Adaptação transcultural e validação de Questionário HAT-QoL para avaliação da qualidade de vida em pacientes com HIV/AIDS. Ciên Saúde Coletiva, Tubarão, 2009. Disponível em: < http://www.abrasco.org.br/cienciaesaudecoletiva/artigos/artigo_int.php?id_artigo=3215 >. Acesso em: 1 ago 2010.

  • SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DE SANTA CATARINA, Gerência de Planejamento do SUS. Plano Estadual de Saúde. Florianópolis: IOESC, 2007.

  • VIEIRA, F. M. A. Qualidade de vida de pessoas com AIDS em uma região portuária do sul do Brasil. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2008. Disponível em: < http://www.tede.ufsc.br/teses/PNFR0624-D.pdf>. Acesso em: 9 ago 2010.


Obrigada

Obrigada!


  • Login