Download
1 / 39

TELA CHEIA - PowerPoint PPT Presentation


  • 116 Views
  • Uploaded on

TELA CHEIA. CIPAS DE SUCESSO NAS EMPRESAS :. APRESENTAÇÃO. Marcos Antônio Fernandes Presidente da CIPA da Unidade de Produção Ilha Solteira / Três Irmãos. Usina Três Irmãos. Usina Ilha Solteira. Número de empregados - 244.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about ' TELA CHEIA' - laurie


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript


APRESENTAÇÃO

Marcos Antônio Fernandes

Presidente da CIPA da Unidade

de Produção Ilha Solteira / Três Irmãos.

Usina Três Irmãos

Usina Ilha Solteira

  • Número de empregados - 244

  • Em torno de 430.000 horas / homem em exposição ao risco por ano.


A atual CIPA da Unidade de Produção Ilha Solteira/Três Irmãos implementou várias ações prevencionistas e desenvolveu atividades inéditas para prevenção dos acidentes e dos riscos do ambiente de trabalho com resultados surpreendentes.


  • Inspeções regulares Irmãos implementou várias ações prevencionistas e desenvolveu atividades inéditas para prevenção dos acidentes e dos riscos do ambiente de trabalho com resultados surpreendentes.

  • Análise de acidente de trabalho

  • Reformulação da reunião ordinária da CIPA

  • Incentivo à participação dos empregados

  • Implementação de planos de ação para acompanhamento das situações de riscos detectadas em inspeções ou sugestões


Pesquisa de opinião entre os empregados e contratados com a finalidade de detectar problemas e expectativas

  • Dedicação, envolvimento, inovação e criatividade

  • Maior informação aos empregados quanto aos riscos

  • Maior contato com os empregados


REGISTRO E ANÁLISE DE INCIDENTES DE TRABALHO a finalidade de detectar problemas e expectativas

Os incidentes de trabalho sempre foram de difícil detecção e caracterização, os incidentes ocorridos com as atividades de manutenção e conservação são registrados e analisados pela CIPA e os ocorridos com a operação das Usinas, pela ComissãoInterna de Prevenção de Erros Operativos


INCLUSÃO DE ASPECTOS DE SAÚDE E SEGURANÇA EM AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO

  • Freqüência em reuniões da CIPA

  • Conhecimento e aplicação de normas de segurança

  • Uso adequado de EPI e EPC

  • Participação em treinamentos de segurança


COMPOSIÇÃO DA CIPA DE DESEMPENHO

  • Representantes de cada seção

  • Pessoas formadoras de opinião



Dias sem acidentes do trabalho com afastamento DE DESEMPENHO

300

250

217

202

200

152

150

151

104

100

85

81

75

69

53

49

50

50

33

29

13

9

8

9

6

6

5

0

0

30/3/2001

30/9/2002

30/7/1999

30/9/1999

30/1/2000

30/3/2000

30/5/2000

30/7/2000

30/9/2000

30/1/2001

30/5/2001

30/7/2001

30/9/2001

30/1/2002

30/3/2002

30/5/2002

30/7/2002

30/1/2003

30/3/2003

30/5/2003

30/7/2003

30/9/2003

30/1/2004

30/3/2004

30/5/2004

30/11/1999

30/11/2000

30/11/2001

30/11/2002

30/11/2003


FREQUÊNCIA EM REUNIÕES DA CIPA DE DESEMPENHO

50,00

41,81

41,22

40,00

37,52

34,33

31,04

30,00

PERCENTUAL

20,00

10,00

0,00

1999

2000

2001

2002

2003


TAXA DE FREQUENCIA DE DESEMPENHO

COM AFASTAMENTO

20

17,25

15

12,08

10

7,18

5

2,51

2,45

0

1999

2000

2001

2002

2003

ANOS


TAXA DE GRAVIDADE DE DESEMPENHO

COM AFASTAMENTO

500

425

412

400

300

190

200

100

20

8

0

1999

2000

2001

2002

2003

ANOS


ACIDENTES DE TRABALHO DE DESEMPENHO

12

11

9

10

9

8

6

7

OCORRÊNCIAS

5

5

5

6

4

4

5

3

3

4

2

3

1

2

0

1

0

1999

2000

2001

2002

2003

2004

Sem afastamento

Com afastamento


APRESENTAÇÃO DE DESEMPENHO

JUPIÁ

Adriano Dias Pereira - Técnico em Eletricidade

Presidente da CIPA da Unidade

de Produção Jupiá e Centro de Controle da Produção


DADOS DA UNIDADE DE PRODUÇÃO JUPIÁ E CENTRO DE CONTROLE DA PRODUÇÃO

  • 177 EMPREGADOS CESP, SENDO:

    • Unidade de Produção Jupiá-OOJ: 153

    • Centro de Controle da Produção -OPC: 24

UNIDADE DE PRODUÇÃO JUPIÁ:

  • Certificada no processo de geração de energia elétrica de acordocom o padrão NBR ISO 9002/94, desde abril de 2002.

  • Atualmente o processo ISO 9002/94 está se migrando para ISO 9001:2000.

  • Grau de Risco: 3


Falha de Planejamento e Supervisão DA PRODUÇÃO

27

Condições do Ambiente de Trabalho

37

Comportamental

54

Causas Básicas

3

Identificação de Riscos Potenciais

Levantamento de Acidentes 1985 a 2004

19 anos

Resultados Obtidos

Ações

DADOS ESTATÍSTICOS

A

C

B

E

D


AÇÕES IMPLEMENTADAS DA PRODUÇÃO

1 - COMPORTAMENTAL

  • Aumento da carga horária do curso de CIPA – 20hs para 24hs

  • Inserido o módulo Comportamental de 08hs

  • Realização de Treinamento Comportamental para supervisores, líderes, empregados e cipeiros, enfatizando comunicação, relacionamento e desempenho de função

  • Inovação das reuniões de CIPA, implantando meta de participação

  • Inovação das SIPAT’S

  • Implantação do Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional


AÇÕES IMPLEMENTADAS DA PRODUÇÃO

1 - COMPORTAMENTAL

  • Controle de Riscos: Notificação de Atos e Condições Inseguras com Ações Proativas

  • Análise e Investigação de Incidentes: adoção de medidas preventivas e corretivas

  • Momento da Segurança: implantação em todas as áreas

  • Programa de Controle de Obesidade (PCO)

  • Programa de Controle Auditivo (PCA)

  • Restrição Médica


AÇÕES IMPLEMENTADAS DA PRODUÇÃO

1 - COMPORTAMENTAL

  • Concurso de frases de qualidade e segurança;

  • Sugestões de segurança e qualidade;

  • Conscientização e fiscalização no Uso de EPI`s;


AÇÕES IMPLEMENTADAS DA PRODUÇÃO

1 - COMPORTAMENTAL

INOVAÇÃO NOS PROCESSOS DE TRABALHOS

COM CRIAÇÃO DE NOVOS DISPOSITIVOS

  • Dispositivo Retirada Instalação Moto-bombas

  • Substituição de Isoladores de Disco e Pendilhos

  • Equipamento de retirada de parafusos de acoplamentos de eixos de Unidades Geradoras

  • Limpeza dos Filtros da Tomada D’água do Sistema de Resfriamento das Unidades Geradoras


AÇÕES IMPLEMENTADAS DA PRODUÇÃO

2- CONDIÇÕES DO AMBIENTE DE TRABALHO

  • Inserido o módulo de condições do ambiente de trabalho no curso de CIPA: 04hs, enfatizando a organização e limpeza

  • Conscientização das equipes na organização e limpeza de todos as frentes de trabalho

  • Valorização da comissão de inspeção da CIPA (ISO) 


AÇÕES IMPLEMENTADAS DA PRODUÇÃO

3 -FALHA DE PLANEJAMENTO E SUPERVISÃO

  • Treinamento para Supervisores e Líderes, enfatizando planejamento, supervisão e fiscalização

  • Valorização da reunião semanal de planejamento de manutenção (Programação e parada de máquinas)

  • Participação mais efetiva dos supervisores e líderes nas frentes de trabalho



INTRODUÇÃO DA PRODUÇÃO

O homem é por natureza sujeito a erros, portanto é preciso procurar identificar as suas causas e tentar reduzir sua ocorrência, bem como seus efeitos e reincidências.


A a o ou omiss o volunt ria ou n o da pessoa capaz de alterar o estado operativo do s equipamento s

É a ação ou omissão, voluntária ou não da pessoa, capaz de alterar o estado operativo do(s) equipamento(s)

ERRO OPERATIVO


Objetivo da cipeo

OBJETIVO DA CIPEO capaz de alterar o estado operativo do(s) equipamento(s)

Analisar os erros operativos, através de uma comissão composta por diversos representantes, identificando suas causas e propondo medidas corretivas.


Membros da cipeo

MEMBROS DA CIPEO capaz de alterar o estado operativo do(s) equipamento(s)

Técnicos das áreas envolvidas

Área de acompanhamento funcional

Técnico de Segurança do Trabalho


Reuni o da cipeo

REUNIÃO DA CIPEO capaz de alterar o estado operativo do(s) equipamento(s)

Analisa a Ocorrência

Define a (s) Causa (s) do Erro Operativo

Classifica a (s) Causa (s) do Erro Operativo

Estabelece as Providências e Recomendações


Causas de erro operativo

CAUSAS DE ERRO OPERATIVO capaz de alterar o estado operativo do(s) equipamento(s)

Excesso de autoconfiança

Problema pessoal ou “estresse”

Falta de atenção

Falta de envolvimento

Falta de treinamento

Processo de operação incorreta


CAUSAS DE ERRO OPERATIVO capaz de alterar o estado operativo do(s) equipamento(s)

  • Planejamento incorreto de manutenção

  • Desatualização ou inexistência de manuais e/ou diagramas

  • Comunicação incorreta

  • Ausência de dispositivo de sinalização e/ou de segurança

  • Descumprimento de normas e/ou instruções

  • Outras não identificadas


Classifica o de causas de erros operativos

CLASSIFICAÇÃO DE CAUSAS DE ERROS OPERATIVOS capaz de alterar o estado operativo do(s) equipamento(s)

Imperícia

Imprudência

Negligência

Dolo


RESULTADO OBTIDO capaz de alterar o estado operativo do(s) equipamento(s)

ERROS OPERATIVOS VERSOS ANO


O desenvolvimento pessoal ocorre quando o homem, conhecendo a si mesmo, seus limites e potencialidades, passa a rever seus valores, modos de pensar e de agir, assumindo suas responsabilidades e contribuindo efetivamente para o crescimento do grupo e da Empresa.


Para sair ejetar CD a si mesmo, seus limites e potencialidades, passa a rever seus valores, modos de pensar e de agir, assumindo suas responsabilidades e contribuindo efetivamente para o crescimento do grupo e da Empresa.


ad