O QUE É AMOR?
Sponsored Links
This presentation is the property of its rightful owner.
1 / 21

O QUE É AMOR? PowerPoint PPT Presentation


  • 73 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

O QUE É AMOR?. Esta foi uma pesquisa séria feita por profissionais de educação e psicologia com um grupo de crianças de 4 a 8 anos. RESPOSTAS:. “Amor é quando alguém te magoa e você, mesmo muito magoado, não grita, porque sabe que isso fere seus sentimentos”. MATHEW, 6 ANOS.

Download Presentation

O QUE É AMOR?

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


O QUE É AMOR?

Esta foi uma pesquisa séria feita por profissionais de educação e

psicologia com um grupo de crianças de 4 a 8 anos.


RESPOSTAS:

“Amor é quando alguém te magoa e você, mesmo muito magoado, não grita, porque sabe que isso fere seus sentimentos”.

MATHEW, 6 ANOS


.

“Quando minha avó pegou artrite, ela não podia se debruçar para pintar as unhas dos dedos do pé. Meu avô, desde então, pinta as unhas para ela. Mesmo quando ele tem artrite”.

REBECCA, 8 ANOS


.

“Amor é quando uma menina coloca perfume e o menino coloca loção pós-barba e eles saem juntos e se cheiram”.

KARL, 5 ANOS


“Eu sei que minha irmã mais velha me ama porque ela me dá todas as suas roupas velhas e tem que sair para comprar outras”.

LAUREN, 4 ANOS


“Amor é como uma velhinha e um velhinho que ainda são muito amigos, mesmo conhecendo há muito tempo”.

TOMMY, 6 ANOS


“Quando alguém te ama, a forma de falar seu nome é diferente”.

BILLY, 4 ANOS


“Amor é quando você sai para comer e oferece suas batatinhas fritas sem esperar que a outra pessoa te ofereça as batatinhas dela”.

CHRISSY, 6 ANOS

(s/dúvida, a + profunda!!!)


“Amor é o que está com a gente no natal, quando você pára de abrir os presentes e o escuta”.

BOBBY, 5 ANOS


“Se você quer aprender a amar melhor, você deve começar com um amigo que você não gosta”.

NIKKA 6 ANOS


“Quando você fala para alguém algo ruim sobre você mesmo e sente medo que essa pessoa não venha a te amar por causa disso, aí você se surpreende, já que, não só continuam te amando, como agora te amam mais ainda”.

SAMANTHA , 7 ANOS

(gente, olha a profundidade dessa expressão!)


“Há dois tipos de amor: o nosso amor e o amor de Deus, mas o amor de Deus junta os dois”.

JENNY, 4 ANOS


“Amor é quando mamãe vê o papai suado e mal cheiroso e ainda fala que ele é mais bonito que o Robert Redford”.

CHRIS, 8 ANOS

(que sinceridade...)


“Durante minha apresentação de piano, eu vi meu pai na platéia me acenando e sorrindo. Era a única pessoa fazendo isso e eu não sentia medo”.

CINDY, 8 ANOS


“Amor é quando você fala para um garoto que linda camisa ele está vestindo e ele a veste todo dia”.

NOELLE, 7 ANOS


“Não deveríamos dizer ‘Eu te amo!’ a não ser quando realmente o sintamos. E, se sentimos, então deveríamos expressá-lo muitas vezes. As pessoas esquecem de dizê-lo”.

JESSICA, 8 ANOS


“Amor é se abraçar, amor é se beijar, amor é dizer não”.

PATTY, 8 ANOS


“Amor é quando seu cachorro lambe sua cara, mesmo depois que você deixa ele sozinho o dia inteiro”.

MARY ANN, 4 ANOS


“Quando você ama alguém, seus olhos sobem e descem e pequenas estrelas saem de você”.

KAREN, 7 ANOS


“Deus poderia ter dito palavras mágicas para que os pregos caíssem do crucifixo, mas ele não disse isso. Isso é amor”.

MAX, 5 ANOS

(com certeza é a melhor definição de amor que eu já li até hoje)


“Eu fico com a pureza das respostas das crianças/

É a vida! É bonita e é bonita!”

Gonzaguinha (Luís Gonzaga do Nascimento Júnior)

do samba “O que é, O que é”,

disco “Caminhos do Coração”, 1982.


  • Login