O Banco do Nordeste e  Propostas de
Download
1 / 34

Gabinete da Presidência Debates Brasilianas = 2010 - PowerPoint PPT Presentation


  • 47 Views
  • Uploaded on

O Banco do Nordeste e Propostas de Desenvolvimento Regional. Gabinete da Presidência Debates Brasilianas = 2010. Disparidades regionais mostram ainda um lento padrão de convergência. Convivemos com lacunas em relação a pensamento estratégico no País.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about ' Gabinete da Presidência Debates Brasilianas = 2010' - kuri


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

O Banco do Nordeste e Propostas de

Desenvolvimento Regional

Gabinete da Presidência

Debates Brasilianas = 2010


Nordeste apontamentos i

Disparidades regionais mostram ainda um lento padrão de convergência.

Convivemos com lacunas em relação a pensamento estratégico no País.

A economia nordestina encontra-se integrada com a economia brasileira.

Acompanha a desenvoltura das exportações do País, com pauta menos diversiificada e em mercados menos dinâmicos,

Programas de incentivos fiscais tiveram efeito positivo: amadurecimento empresarial.

Nordeste: Apontamentos I


Nordeste apontamentos ii

Fluxos migratórios mostram uma reversão. convergência.

Queda no crescimento populacional.

Maior resistência às adversidades climáticas.

Abertura das fronteiras do cerrado tem gerado novas oportunidades de investimentos no agronegócio: efeitos de transbordamento.

Programas sociais e de inclusão tem gerado mercado interno. bolsa família/luz para todos/ MCMV…

Complexos industriais e agro industriais incompletos não retém renda e emprego.

Nordeste: apontamentos II


Nordeste apontamentos iii

Circuitos financeiros são débeis, responsáveis por vazamentos (relação depósitos/crédito > 1).

Participação do crédito no PIB regional bastante inferior aos 45,5% do País.

Aumento da capacidade aquisitiva da população passou a atrair investimentos nas indústrias de bens de consumo e setor comercial.

Importância regional dos investimentos no PAC

O turismo deve passar por maiores avanços e capacitação. Investimentos para a Copa serão vultuosos e pontuais

Nordeste: apontamentos III


Nordeste investimentos estruturantes mudan as em curso 1

Mudanças climáticas deverão pautar linhas de inovação produtiva: baixo CO2, indústrias limpas.

Transnordestina: Eliseu Martins – Suape – Pecém. Investimentos destinados a dar capilaridade aos troncos: ferrovia,adutoras, gasodutos, linhas de transmissão, estradas vicinais.

Efeitos regionais decorrentes do Pré-sal.

Energias renováveis.

ZPES.

Nordeste: Investimentos Estruturantes: Mudanças em Curso 1


Nordeste investimentos estruturantes mudan as em curso 2

Indústrias vinculadas a esforços de segurança nacional portadoras de tecnologia mais avançada.

Centro de disparos de foguetes de Alcantara.

Aviação regional e concessões privadas para aeroportos regionais. Necessidade de regulamentação.

Refinarias e Perspectivas de gaz e petróleo em terra: Maranhão, Piauí, Norte de MG.

Estaleiros e indústria metal-mecânica.

Indústrias de cimento, fosfato e mineração.

Nordeste: Investimentos Estruturantes: Mudanças em Curso 2


Nordeste investimentos estruturantes mudan as em curso 3

Eficiencia energética e melhor utilização dos recursos hídricos.

Inclusão dos novos paradígmas da politica industriai: biotecnologia, nanotecnologia.

Agricultura Familiar: assistencia técnica, regularização fundiária,controle sanitário de zoonoses, abrangencia do seguro safra, máquinas e equipamentos adequados à escala da pequena produção.

Ampliação do microcrédito produtivo orientado

Nordeste: Investimentos Estruturantes: Mudanças em Curso 3


Nordeste investimentos estruturantes mudan as em curso 4

Construção Civil hídricos.

Comércio e Serviços. MPEs.

Eliminaçao de fatores de refreamento de caráter tributário, desoneração fiscal, incentivos vinculados a marcos ambientais

Criação da Empresa de Projetos do Nordeste. Integraçao de Projetos, PPPs,

Nordeste: Investimentos Estruturantes: Mudanças em Curso 4


BNB hídricos.

Semiárido

Área de atuação: 1.775,4 mil Km2

Municípios atendidos: 1.989 (11 Estados)

Quantidade de agências: 186

Nº de funcionários: 5.875

Nordeste:

1.554,3 mil Km2

Semiárido:

977,6 mil Km2

(62,9% do território do NE)


Ativos Administrados hídricos.

(Em R$ milhões)

Ativos Administrados*

FNE

BNB

* Considera os ajustes de consolidação


Aplicações de Créditos hídricos.1

Posição: julho/2010

Valores em R$ milhões

  • Crédito de Longo Prazo: 33.363,6

  • Industrial: 6.462,9

  • Infraestrutura: 5.541,5

  • Rural: 17.280,4

  • Comercial/Serviços: 3.696,4

  • Financiamentos à Exportação 382,4

  • Crédito de Curto Prazo: 5.047,5

  • Comercial: 4.524,4

  • Câmbio: 523,1

  • Operações de crédito e outros créditos com características de operações de crédito


BNB – Ativo hídricos.

Inadimplência das operações (%)1

FNE

BNB

(total)

OUTRAS

FONTES

(1) Valor das parcelas com atraso superior a um dia sobre o saldo devedor total


BNB – Ativo hídricos.

Qualidade da carteira

Percentual da soma dos créditos classificados nos

Níveis de Risco AA, A, B e C em relação ao total

SFN

(-3,3 p.p.)

(-4,5 p.p.)

(-5,9 p.p.)

(-9,0 p.p.)

(-8,3 p.p.)

BNB

(-13,7 p.p.)

(-18,0 p.p.)

(-20,6 p.p.)*

Fonte: BNB e site do Banco Central

* Diferença em pontos percentuais do BNB em relação ao Sistema Financeiro Nacional (SFN)


Índice de Basileia hídricos.1 (%)

11%

(1) Índice de Basileia: Índice representado pela relação percentual do Patrimônio Líquido (PL) sobre os Ativos da instituição financeira ponderados pelos respectivos fatores de risco.

O Banco Central estabeleceu um Índice de Basileia mínimo de 11%.


Saldo de Aplicações de Crédito hídricos.

(Em R$ milhões)

Total (BNB + FNE): Curto e Longo Prazo

FNE

Taxa nominal de crescimento (2003-2009): 12,4% a.a.

(73,8%)

(72,6%)

(76,7%)

(80,7%)

(82,1%)

(79,5%)

(78,3%)

(76,2%)*

* Participação do FNE no total do saldo de aplicações de crédito


Operações de Crédito hídricos.

(%) BNB / Sistema Financeiro do Nordeste

Curto + Longo Prazo: 33,6%

LONGO PRAZO

CURTO PRAZO

Fonte: SISBACEN e BNB

Ranking FEBRABAN de Crédito Rural (exclui o Banco do Brasil) – junho/2010:

1º – BNB, saldo de R$ 17,3 bilhões

2º –Bradesco, saldo de R$ 12,5 bilhões

3º –Itaú Unibanco, saldo de R$ 4,8 bilhões


Operações de crédito hídricos.

Ranking dos Bancos no Brasil – Junho/2010

Fontes: SISBACEN, BNB e site BASA.

O BNB ficou em 6º lugar no Ranking de Originação – Curto Prazo divulgado pela ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) entre as principais instituições intermediárias em operações de mercado de capitais no Brasil, na sua publicação de maio de 2010 .


Operações Totais¹ hídricos.

Quantidade de operações contratadas (Em mil)

2.115,0

1.757,2

1.640,4

1.610,7

1.622,6

1.286,3

990,8

686,9

(jan-ago)

(1)Longo Prazo: Financiamentos rurais, industriais, agroindustriais, infraestrutura e comércio/serviços.

Curto Prazo: Empréstimos de microcrédito (Crediamigo), Crédito Direto ao Consumidor (CDC), capital de giro, desconto, câmbio e conta garantida

Mercado de Capitais: 2008 - 9 operações; 2009 – 16 operações; 2010 (jan-ago) – 6 operações


Operações Totais hídricos.1

Valores contratados (R$ milhões)

20.841,7

13.812,5

12.367,1

7.479,0

7.288,4

6.030,9

4.530,7

2.034,2

(jan-ago)

(1)Longo Prazo: Financiamentos rurais, industriais, agroindustriais, infraestrutura e comércio/serviços.

Curto Prazo: Empréstimos de microcrédito (Crediamigo), Crédito Direto ao Consumidor (CDC), capital de giro, desconto, câmbio e conta garantida

Mercado de Capitais


Operações Totais¹ hídricos.

Contratações por funcionário²

(Em R$ mil)

1 Operações de Crédito (Curto e Longo Prazo) e Mercado de Capitais

² A quantidade considerada de funcionários em cada ano é a média mensal

³ As informações de 2010 foram baseadas na estimativa de contratação global de R$ 25 bilhões no ano


Fundo Constitucional de hídricos.

Financiamento do Nordeste (FNE)

Valores contratados (R$ milhões)

META

9.000,0

(jan-ago)


FNE – Cobertura Espacial hídricos.

Municípios com operações

  • Para os anos de 2003 a 2006: percentual em relação aos 1.951 municípios pertencentes à área de atuação do FNE

  • A partir de 2007: percentual em relação aos 1.989 municípios da nova área de atuação do FNE (Lei Complementar nº 125, de 03/01/2007)



FNE – Contratações Globais atualizadas hídricos.

1989 a 2010 (jun)

Valores em R$ milhões de junho/2010

Total: R$ 68.483,1 milhões

(1º sem.)

1) Exercícios de 89 a 90 - valores atualizados pelo BTN até 31/12/90 e, em seguida, pelo IGP-DI.

2) Exercício de 91 - valores atualizados pelo US$ (comercial venda) até 31.12.91 e, em seguida, pelo IGP-DI

3) Exercícios de 92/95 - valores atualizados pelo IGP-DI

4) Exercícios a partir de 1996 - valores mensais atualizados pelo IGP-DI

NOTAS


Programa Nacional de Fortalecimento hídricos.

da Agricultura Familiar1 (PRONAF)

Valores contratados (R$ milhões)

META

1.312,0

(jan-ago)

(1) Inclui o Agroamigo


Agroamigo (Programa de Microcrédito Rural) hídricos.

Valores contratados (R$ milhões)

691,0

META

(jan-ago)


Participação do BNB-Pronaf hídricos.

no Brasil e Nordeste

BNB/BRASIL

BNB/NORDESTE

Fonte: site do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e BNB.


Crediamigo (Programa de hídricos.

Microcrédito Produtivo Orientado)

Valores contratados (R$ milhões)

2.000,0

META

(jan-ago)


Crediamigo (Programa de hídricos.

Microcrédito Produtivo Orientado)

Média diária de contratação (qde)

(jan-ago)

Inadimplência (%) do Programa (a partir de um dia)

dez/2003

dez/2004

dez/2005

dez/2006

dez/2007

dez/2008

dez/2009

ago/2010


Micro e Pequena Empresa - MPE hídricos.

Valores contratados (R$ milhões)

2.935,0

META

(jan-ago)

MPE: receita operacional bruta anual até R$ 2.400 mil.


Crédito Comercial hídricos.(1) e Câmbio

Valores contratados (R$ milhões)

(jan-ago)

(1) CDC, capital de giro, desconto de títulos, conta garantida


Apoio à Pesquisa hídricos.

Quantidade de projetos

513

453

350

276

213

180

126

110

(1º sem.)

(1) Fundo de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – FUNDECI

(2) Fundo de Desenvolvimento Regional – FDR

(3) Fundo de Apoio às Atividade Sócio-econômicas do Nordeste – FASE


Apoio à Pesquisa hídricos.

Valores contratados (R$ milhões)

28,4

20,4

17,6

15,2

11,6

7,6

6,0

4,1

(1º sem.)

(1) Fundo de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – FUNDECI

(2) Fundo de Desenvolvimento Regional – FDR

(3) Fundo de Apoio às Atividade Sócio-econômicas do Nordeste – FASE



ad