Maquete Tátil Sonora: Um Equipamento para Orientação Espacial
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 40

Maquete Tátil Sonora: Um Equipamento para Orientação Espacial João Vilhete V. d'Abreu PowerPoint PPT Presentation


  • 141 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Maquete Tátil Sonora: Um Equipamento para Orientação Espacial João Vilhete V. d'Abreu [email protected] Núcleo de Informática Aplicada à Educação - NIED. Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP. Roteiro. Contexto do Trabalho Ambiente Sensorial Maquete Tátil Sonora em Geral

Download Presentation

Maquete Tátil Sonora: Um Equipamento para Orientação Espacial João Vilhete V. d'Abreu

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Maquete t til sonora um equipamento para orienta o espacial jo o vilhete v d abreu

Maquete Tátil Sonora: Um Equipamento para Orientação Espacial

João Vilhete V. d'Abreu

[email protected]

Núcleo de Informática

Aplicada à Educação - NIED

Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP


Roteiro

Roteiro

  • Contexto do Trabalho

  • Ambiente Sensorial

  • Maquete Tátil Sonora em Geral

  • Maquete Tátil Sonora da BCCL

  • Teste de Usabilidade da Maquete Tátil Sonora

  • Maquete Tátil Sonora última versão


Fundamenta o te rica

Fundamentação Teórica

  • A fundamentação teórica da pesquisa diversificação de ambientes de aprendizagem com vista a alcançar a Autonomia, Inclusão Social, a partir do uso de dispositivos tecnologicamente interessantes.

  • Discussão teórica sob o ponto de vista de autores como:

  • Bernardi (2011), Booer (2005) D’Abreu (2011), Freitas (2011), Garcia (2002), Miranda (2006), Nogueira (2009), Papert (1985), Resnick (2002), Valente (1993), Vigotski (2001), etc.


Pesquisa

Pesquisa

Desenvolvimento de Dispositivos Robóticos Integrando o Estudo de Cartografia Tátil e Geração de Material Didático para pessoas com Deficiência Visual.


Porqu do trabalho

Porquê do Trabalho

  • Utilizar Dispositivo Robótico, na sala de aula, num contexto de ensino e aprendizagem denominado de Ambiente de Robótica Pedagógica, nos âmbitos de um projeto de pesquisa.

  • Observar se tecnologias digitais podem produzir melhores resultados na educação especial quando comparada à educação convencional.


Objetivos da pes quisa

Objetivos da Pesquisa

  • Utilizar material didático de baixo custo que facilite a difusão da linguagem tátil no tratamento e comunicação da informação geográfica.

  • Implementar interface eletrônica que permite conectar e controlar sensores .

  • Desenvolver metodologias para utilização dos materiais didáticos elaborados.


Questionamentos direcionadores d estudo

Questionamentos Direcionadores d Estudo

  • Desenvolvimento de Dispositivos pautando-se fortemente em aspectos relacionados à Autonomia.

  • Autonomia do sujeito diferente, como condição de domínio no ambiente físico e social.

  • Autonomia produzida numa relação mediada pela cultura e pelo processo sócio-histórico.

  • Autonomia construída no cotidiano das relações de tal modo que essas pessoas passem a compreender a importância dessa construção para as suas vidas.


Maquete t til sonora em geral

Maquete TátilSonora em Geral


Maquete t til

Maquete Tátil

  • Sensor conectado ao objeto na maquete e, interfaceado com o computador, permite com que o computador pronuncie o nome desse objeto sempre que o sensor for pressionado pelo dedo da pessoa.

  • Sensores, utilizados como elementos que dão “voz” à maquete.


Maquete t til ilustra o

Maquete Tátil(Ilustração)

Quando pressionado o sensor conectado/associado a um objeto da maquete a pessoa poderá ter, como realimentação, a informação sonora relacionada ao nome desse objeto.


Controle da maquete

Controle da Maquete

A maquete está ligada a uma interface de hardware (ou interface eletrônica) que manda a informação de qual sensor foi pressionado ao computador.

O hardware é composto basicamente pelo microcontrolador (PIC 16F877A) que gerencia quais sons devem ser executados ao pressionar de cada botão.


Maquete t til interface eletr nica

Maquete Tátil (Interface Eletrônica)


Alunos construindo maquete

Alunos Construindo Maquete

Maquete de relevo para explicar a ocupação desordenada do espaço. 

Conceitos Geográfico-Ambientais:

Mata ciliar, Nascente, Curso e Desembocadurade um rio, etc.


Maquete ambiental

Maquete Ambiental

Colocação de sensores, seleção e gravação de sons no computador e a elaboração do programa pelos alunos.


Aluno manuseando maquete

Aluno Manuseando Maquete


Maquete t til sonora da bccl

Maquete TátilSonora da BCCL


Exemplo

Exemplo

Maquete Tátil do Piso Térreo da

Biblioteca Central da Unicamp


V deo

Vídeo

Maquete Tátil BCCL


Maquete t til sonora um equipamento para orienta o espacial jo o vilhete v d abreu

Maquete Tátil Sonora da Rota Acessívelhttp://www.nied.unicamp.br/rotacessivel/index.jsphttp://rotacessivel.blogspot.com


Objetivo

Objetivo

  • Construir um Mapa Tátil Sonoro que auxilia o usuário com deficiência visual a se locomover no ambiente da Unicamp.

  • Parceria entre Núcleo de Informática Aplicada à Educação - NIED e Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo – FEC.


Mapa de fluxo de pedestres no campus

Mapa de fluxo de Pedestres no Campus


Recorte do mapa de fluxo de pedestres no campus

Recorte do mapa de fluxo de Pedestres no Campus

  • Percurso entre o Ciclo Básico e a BCCL da Unicamp


Maquete t til 1 vers o

Maquete Tátil(1ª versão)

Inclinada


Legenda da maquete mensagens sonoras

Legenda da Maquete(mensagens sonoras)

  • Você está no Ciclo Básico, início da Rota Acessível;

  • Fonte, Lado do Ciclo Básico;

  • Fonte, Lado do Pavilhão Básico;

  • Pavilhão Básico Diretoria Acadêmica;

  • À esquerda Rota Alternativa de retorno ao Ciclo Básico, à direita continuação da Rota Acessível sentido Biblioteca Central;

  • À frente ponto de ônibus da portaria 1, à direita continuação da Rota Acessível sentido Biblioteca Central;

  • Biblioteca Central;

  • Ponto de ônibus da portaria 1 fim da Rota Acessível.


Maquete t til 2 vers o

Maquete Tátil(2ª versão)

Sem inclinação


Maquete t til sonora teste de usabilidade

Maquete Tátil Sonora (Teste de Usabilidade)


Teste de usabilidade roteiro

Teste de Usabilidade(Roteiro)

Roteiro para aplicação do questionário:

Usabilidade do mapa tátil sonoro

Da rota Ciclo Básico 1 / BCCL da Unicamp

  • Explicar o objetivo da pesquisa

    2. Explicar os aspectos éticos da pesquisa

    3. Exploração livre

    4. Exploração direcionada

    5. Aplicação do questionário


Teste de usabilidade metodologia

Teste de Usabilidade(Metodologia)

A metodologia utilizada é a pesquisa de campo para realizar testes de aceitabilidade junto à comunidade que potencialmente usará o equipamento. Esta metodologia consiste em:

  • Realizar a revisão da literatura sobre a construção de mapas táteis e sonoros;

    2. Desenvolver diretrizes para a confecção destes instrumentos de leitura;

    3. Desenvolver diretrizes pedagógicas para a aplicação deste equipamento junto aos usuários com deficiência;

    4. Estabelecer os critérios para sua manipulação e utilização.


Teste de usabilidade usu rio manipulando a maquete 1 vers o

Teste de Usabilidade(Usuário manipulando a maquete 1ª versão)


Teste de usabilidade usu rio manipulando a maquete 2 vers o

Teste de Usabilidade(Usuário manipulando a maquete 2ª versão)


Teste de usabilidade usu rio manipulando a maquete 3 vers o

Teste de Usabilidade(Usuário manipulando a maquete 3ª versão)


Maquete t til sonora divulga o

Maquete Tátil Sonora (divulgação)


Folder frente

Folder (Frente)


Folder parte interna

Folder (parte interna)


Folder verso

Folder (verso)


Maquete t til 3 e ltima vers o

Maquete Tátil (3ª e última versão)


Conclus o

Conclusão

  • Dispositivos Robóticos com recursos tecnológicos diferenciados são instrumentos importantes para a ampliação do conhecimento de pessoas com deficiência.

  • MaqueteTátil com sensores pode ser inserido no contexto de desenvolvimento de tecnologias que ampliam a acessibilidade para pessoas com deficiência.


Refer ncias

Referências

Livro:

  • Cartografia Tátil: Orientação e Mobilidade às Pessoas com Deficiência Visual. 01 ed. Jundiaí: Paco Editorial. Maria Isabel Castreghini de Freitas, Sílvia Elena Ventorini. (Org.), 2011.

    Sites:

  • http://www.nied.unicamp.br/rotacessivel

  • http://rotacessivel.blogspot.com/

  • http://www.ficcdat.ca/main.cfm?cid=1559

    (International Conference on Best Practices in Universal Design)

  • http://dmi.uib.es/~ugiv/Iberdiscap2011/indexp.html

    (VI Congreso Iberoamericano de Tecnologías de Apoyo a la Discapacidad – IBERDISCAP)


Agradecimentos

Agradecimentos

À Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo-FAPESP pelo financiamento desta pesquisa.

Ao NIED e FEC pela parceria que acolheu e apóia esta pesquisa junto a Universidade.

Ao LAB de Acessibilidade da BCCL pelo apoio na realização dos testes.

À organização do Senabraille, pela oportunidade de apresentarmos e divulgarmos este trabalho.


Maquete t til sonora um equipamento para orienta o espacial jo o vilhete v d abreu

Muito Obrigado!!!!João Vilhete Viegas d'Abreu [email protected] [email protected]://www.nied.unicamp.br/rotacessivel/index.jsphttp://rotacessivel.blogspot.com/


  • Login