Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 25

ORGANIZAÇÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA NA AMÉRICA PORTUGUESA PowerPoint PPT Presentation


  • 42 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

ORGANIZAÇÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA NA AMÉRICA PORTUGUESA. CAPÍTULO 20. PERÍODO PRÉ-COLONIAL. DE 1500 ATÉ 1530 O BRASIL TEVE POUCA IMPORTÂNCIA PARA PORTUGAL, QUE ESTAVAM OCUPADOS EM EXPLORAR AS RIQUEZAS DAS ÍNDIAS ONDE HAVIAM CHEGADO EM 1498, COM VASCO DA GAMA.

Download Presentation

ORGANIZAÇÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA NA AMÉRICA PORTUGUESA

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa

ORGANIZAO POLTICO-ADMINISTRATIVA NA AMRICA PORTUGUESA

CAPTULO 20


Per odo pr colonial

PERODO PR-COLONIAL

  • DE 1500 AT 1530 O BRASIL TEVE POUCA IMPORTNCIA PARA PORTUGAL, QUE ESTAVAM OCUPADOS EM EXPLORAR AS RIQUEZAS DAS NDIAS ONDE HAVIAM CHEGADO EM 1498, COM VASCO DA GAMA.


Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa

  • OS MOTIVOS DO ABANDONO RESIDIAM NA AUSNCIA DE RIQUEZAS APARENTES, COMO METAIS PRECIOSOS, ESPECIARIAS OU POVOS CIVILIZADOS COM QUEM PUDESSEM REALIZAR COMRCIO LUCRATIVO.

  • NESSE PERODO O BRASIL FOI USADO MAIS COMO BASE DE ABASTECIMENTO PARA OS NAVIOS QUE SE DIRIGIAM AO ORIENTE.


O tratado de tordesilhas

O TRATADO DE TORDESILHAS

  • ASSINADO EM 1494, DIVIDIA AS NOVAS TERRAS QUE ESTAVAM SENDO CONHECIDAS ENTRE PORTUGAL E ESPANHA.

  • OS DEMAIS PASES EUROPEUS, QUE NO TINHAM SIDO CONSULTADOS SOBRE O TRATADO, REAGIRAM DESCONSIDERANDO SUA VALIDADE E PASSANDO A REALIZAR INCURSES S TERRAS DIVIDIDAS ENTRE LUSO E ESPANHIS.


Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa

  • A EXPLORAO DE PAU-BRASIL FOI A PRINCIPAL ATIVIDADE EONMICA DESENVOLVIDA DURANTE O PERODO PR- COLONIAL; ERA REALIZADA MEDIANTE MONOPLIO EM TROCA DA FUNDAO DE FEITORIAS E EXPLORAO DO LITORAL PELO CONCESSIONRIO.


Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa

  • A EXPLORAO ERA FEITA UTILIZANDO A MO-DE-OBRA INDGENA SOB A FORMA DE ESCAMBO, TROCANDO MADEIRA POR MIANGAS, TECIDOS, ROUPAS, CANIVETES, MACHADOS E FACAS.

  • DURANTE ESSE PERODO DEZENSA DE DEGREDADOS, MARINHEIROS DESERTORES E NUFRAGOS PASSARAM A VIVER ENTRE OS NDIOS, SERVINDO DE INTRPRETES AOS PORTUGUESES.


A o da coroa

AO DA COROA

  • A AO DO GOVERNO PORTUGUS ESTEVE RESTRITA S EXPEDIES EXPLORADORAS, PARA MAPEAR A COSTA E EXPEDIES GUARDA-COSTAS, PARA COMBATER, PRINCIPALMENTE OS FRANCESES QUE VINHAM EXPLORAR PAU BRASIL.


Raz es para colonizar

RAZES PARA COLONIZAR

  • CRISE ECONMICA PORTUGUESA: Converso forada dos judeus e muulmanos portugueses levou fuga de grandes fortunas do pas.

  • DECADNCIA DO COMRCIO COM O ORIENTE: Portugal passou a ter concorrentes no comrcio com o Oriente; tambm ocorreu a vulgarizao das especiarias e a queda de seus preos.


Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa

  • TEMOR DE PERDER O BRASIL: pois os franceses desconsideravam abertamente as resolues do Tratado de Tordesilhas.

  • ESPERANA DE ENCONTRAR OURO E PRATA: como os espanhis haviam encontrado nos imprios Asteca e Inca; surgem as lendas do El Dorado e das Amazonas.


O per odo colonial

O PERODO COLONIAL

  • 1530 - EXPEDIO DE MARTIM AFONSO DE SOUZA com o objetivo de iniciar a colonizao portuguesa no Brasil.

  • 1532: Martim Afonso funda So Vicente, no litoral paulista e inicia o cultivo de cana-de-acar, alm de fundar o primeiro engenho.


1534 as capitanias heredit rias

1534:AS CAPITANIAS HEREDITRIAS

  • DIVISO DO TERRITRIO PORTUGUS EM 15 LOTES, DOADOS AOS CAPITES DONATRIOS (NOBRES, BUROCRATAS E COMERCIANTES LIGADOS COROA).

  • CARTA DE DOAO: concedia a posse da terra.

  • FORAL:estipulava direitos e deveres dos capites, como o de fundar vilas e conceder sesmarias.


Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa

  • O sistema de capitanias fracassou devido falta de recursos dos donatrios, para realizar a ocupao e colonizao; falta de interesse de alguns deles e resistncia acirrada dos ndios ocupao de sua terra.

  • Apenas as capitanias de Pernambuco e So Vicente, graas lavoura aucareira, prosperaram.


Os governos gerais

OS GOVERNOS GERAIS

  • Estabelecidos em 1548, tinham o objetivo de centralizar a administrao colonial, diminuindo o poder dos donatrios a assegurando a arrecadao dos tributos devidos Coroa. O Governador Geral tinha trs auxiliares principais:

  • Ouvidor-mor justia

  • Provedor-mor impostos

  • Capito-mor defesa do territrio


Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa

  • Entre as aes dos Governos Gerais, destacam-se:

  • A fundao da cidade de Salvador, a primeira capital do Brasil, em 1549, por Tom de Souza.

  • O incentivo vinda dos missionrios jesutas, que fundaram numerosos colgios e redues, que deram origem cidades como a de So Paula.


Organiza o pol tico administrativa na am rica portuguesa

  • A expulso dos franceses huguenotes que haviam criado a Frana Antrtica, nas ilhas da baa da Guanabara, ao liderada por Estcio de S, sobrinho do governador geral Mem de S, e que deu origem fundao da cidade do Rio de Janeiro.


Divis es administrativas

DIVISES ADMINISTRATIVAS

  • Entre 1572 e 1578 o Brasil esteve dividido em dois Governos Gerais: o do Norte, com sede em Salvador e o do Sul com sede no Rio de Janeiro.

  • Em 1621, nova diviso: o Estado do Brasil, com sede em Salvador e depois Rio de Janeiro e o Estado do maranho, com sede em So Luis, diviso que permaneceu at 1774.


Os padres jesu tas

OS PADRES JESUTAS

  • O OBJETIVO DE CATEQUESE DO INDGENA FOI O ASPECTO LEGITIMADOR DA CONQUISTA E COLONIZAO PORTUGUESA NO BRASIL E SERVIU PARA ENCOBRIR AS NUMEROSAS ATROCIDADES COMETIDAS EM NOME DA F.


  • Login