Petróleo
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 17

Petróleo e gás PowerPoint PPT Presentation


  • 51 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Petróleo e gás. Organismos vivos ( animais e vegetais ). Reações quimicas. Gás ( jazida ). Óleo de pedra ( jazida ). Mistura de compostos orgânicos. Hidrocarbonetos >% e composto c/ nitrogênio , oxigênio e enxofre. Decantação ( separação da água salgada ).

Download Presentation

Petróleo e gás

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Petr leo e g s

Petróleo e gás

Organismosvivos

(animais e vegetais)

Reaçõesquimicas

Gás

(jazida)

Óleo de pedra

(jazida)

Mistura de

compostosorgânicos

Hidrocarbonetos >% e composto c/ nitrogênio,

oxigênio e enxofre

Decantação

(separaçãodaáguasalgada)

Filtração

(separadodamatériaemsuspensão)


Petr leo e g s

Petróleo Cru

Refino

Destilaçãofracionada

gasolina

Cracking

E pirólise

T. Elevada

Gasolina + H2

E camorfo

Métodos

Polimerização

Alcenos + h2 alcanos

Isomerização e reforma

catalíticahidrocarbonetos

de cadeira normal -> ramificada

E hidrocarbonetos de cadeia

normal

Hidrocarbonetocíclico

ouaromático


Petr leo e g s

Combustíveis – propriedadesdiferentes

COMBUSTÃO

Matéria

+

O2

Reaçãogeradora de energia

Energia: Consumo e conservação

Fonte

extração

Transformaçãoemenergia


Petr leo e g s

Gasolinasintética

Misturasintética

Carvão mineral + h2o

óleo + carvão mineral

+ gáshidrogenio

T. Elevada

P. e T. Elevada e

Catalizadores

Gás de H2o (CO+h2+co2)

Purificação

hidrocarbonetos

Mistura de hidrocarbonetos


Petr leo e g s

Metanol

madeira

destilação

Sólido

carvão vegetal

líquido

Gasosa

Co, co2, ch4 e c2h4

Ácidopirotenhoso

(ch3oh, c2h5oh, ch3co2h e

Ch3-o-ch3)

C(s) + h2o Co2 + h2

T.

industrialmente

Gás de água

T. P.

Co2 + h2 + h2 Ch3 oh(l)

Cat.

Ch4 + 1/2o2 Ch3oh


Petr leo e g s

Biocombustíveis: fonte de energiarenovável

Biomassa (matériaorgânica)

Produtosvegetais de compostos de origem animal

Biodiesel – Éster de ácidograxo

Óleos / gorduras

Emitemenosquantidade de CO e poluentes

Reduçãodaemissão de gases

Melhoriadaqualidade do ar

Combustãomaislimpa (nãoapresentacompostos

sulfuradosemsuacomposição)

Gerador de renda p/ o trabalhador

p/ manter o sustentodafamília


Petr leo e g s

C12H2O11 2C6H5OH(l) + 2CO2(g)

Enzima

Garapaoucaldo

GarapamelaçoCristalizaçãoaçucarmascavo


Petr leo e g s

Leveduras

Melaço

Sacarose

Etanol

H2O

1ª etapa

C12h22o11 (s)

2 C6h12o6

Invertase

C6h12o6

C2h5oH + CO2

4ª fasedadestilação do mostofermentado

Mostrofermentado

Destilaçãofracionada

96º6L


Petr leo e g s

Benefícios e vantagens do biocombustível

• fonterenovável (produçãopode ser controlada)

• plantasbiocombustívelabsorvem CO2 do arreduz o

efeitoestufa

HBio

Produção do óleo diesel a partir de óleosvegetais

Reação de hidrogênação

+

Gásóleo

Diferença de Hbio e Biodiesel

HBio

Processo p/ produção de óleo diesel

(n – parafinas)

Biodiesel

Produzido a partir de um éster


Petr leo e g s

Antidetonantes – chumbo tetra etila / naftaleno e MTBE

(Metil-1-butil éter)


Petr leo e g s

Próalcool (década de 70)

Crise do petróleo

Governobrasileiro

Indústriabasileira

Carrosmovidos a álcool

Baixopreço do petróleo

VANTAGENS

Queda do próalcool

Fonterenovável

Combustãonão

liberaóxidos de enxofre


Petr leo e g s

Monômeros e polímeros

Molécula

de massa

molar pequena

Lig. covalente

Dímero

Polímero (natural ou artificial)

trímero


Petr leo e g s

Polímero (natural ou artificial)

utilização

elasfômeros

Plásticos

Macromolécula

De elevadograu

De elasticidade

Fibras

Calor e

Pressão

Baixocusto

De produção

Materiais

moldados

Moléculaslongas,

Finas, filamentosas

Borrachas

Resistem à

Variações

Climáticas

E agentes

quimicos

Suporte

De eixos

Poluição do

MeioAmbiente

a longoprazo

tecidos

Baixocoeficiente

De atrito

isolantes

Acústicos e

elétricos


Petr leo e g s

Tratamento de água

Estação de tratamento

Processosfísicos e quimicos

Águabruta

+

al2(so4)3 <- coagulação

Águapotável

Partículassólidas

Floculação

(macromoléculassólidas)

decantação

filtração

Desinfetação

Cl2/o3

Correção do ph

fluoretação


Petr leo e g s

Energia Nuclear

Pontos +

Pontos -

• combate o efeitoestufa

• geramgrandequantidade de energia

elétricasemliberarresíduos p/ atmosfera

• nãopolui o ar c/ gases de enxofre,

nitrogênio

• grandedisponibilidade de combustível

• nãoutilizagrandesáreas de terreno

• nãodependedasazonalidadeclimática

(chuva e vento)

• Lixonuclar

• alternativanãolimpa

• exigepesadosinvestimentosestatais

• manutenção

• necessidade de isolar a central após

o encerramento

• dificuldade no armazenamento

De resíduos

• granderisco de acidente nuclear

• resíduosproduzidosemitem

Radiaçãodurantemuitosanos


Petr leo e g s

Urânio

Rochas simples de baixaprofundidade (uo2)/uf6

234

U

Maisraro

Tipos de urânio

238

Maiscomum / baixopoder de fissão

U

235

U

Maisinstável

UrânioEnriquecido

processos

Difusaogasosa e ultracentrifugação

234

235

Mistura de U e U

235

Usinas – 3% de U

235

bombas – 90% de U

235

1

141

96

1

Fissão nuclear– U + n0 Ba + Kr + 3n0

87% energiamecânica e 13% energiaeletromagnética


Petr leo e g s

Ultracentrifugação

Difusãogasosa

Processosemelhanteao das

Centrífugascomuns

uf6

Aquecido (100ºC)

Separação do material de maior

peso do de menor peso

Uf6 é misturado c/ c02 e nh3

(Reação)

Customaisbaratoque a difusãogasosa

Tricarbonato de amônio e uranila

(sólidoamarelo e insolúvelem h2o)

filtração

Utilizadascomo

combustívelem

reatores

secagem

Uranila (seco)

235

u

pastilhas

Uo2adição N2 + ar

atéobtersistema

homogêneo

Forno (600ºC)

+h2(g) + h2O(vapor)

Uo2(pó)

prensado


  • Login