slide1
Download
Skip this Video
Download Presentation
Fundo Criatec Março de 2011

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 19

Fundo Criatec Março de 2011 - PowerPoint PPT Presentation


  • 61 Views
  • Uploaded on

Fundo Criatec Março de 2011. O Grande Vale Onde precisamos melhorar. Existe espaço para trabalhos na relação conhecimento/mercado, gerando oportunidades de negócios. A Ponte Nosso negócio.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about ' Fundo Criatec Março de 2011' - gyula


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

Fundo Criatec

Março de 2011

slide2

O Grande Vale

Onde precisamos melhorar

Existe espaço para trabalhos na relação conhecimento/mercado, gerando oportunidades de negócios.

slide3

A Ponte

Nosso negócio

Prospectamos, analisamos e criamos novos negócios a partir de tecnologias geradas nos centros de conhecimento do Brasil.

slide4

Capital de Risco

O que é o Capital de Risco?

  • Capital de Risco ou Venture Capital é uma modalidade de investimento na qual um empreendedor cede parte das ações da empresa a um investidor que aporta recursos e auxilia na gestão e no desenvolvimento do negócio.
  • A valorização da empresa, e a possível venda das ações, determinará se o investidor terá ou não lucro.
slide5

Capital de Risco

Diferenças para um financiamento

  • O capital de risco se difere de um financiamento, pois o investidor assume o risco de prejuízo na operação.
  • O empreendedor não precisa de garantias e nem assume qualquer dívida.
slide6

Capital de Risco

Como funciona o Capital de Risco

  • O Capital de Risco normalmente é organizado na forma de fundos, empresas de participação ou investidores individuais (chamados de anjos).
slide7

Capital de Risco

Tipos de investimentos de Capital de Risco

  • Os tipos de investimentos são divididos de acordo com o estágio de desenvolvimento do negócio.
    • Investidor Anjo: pessoa física que financia o desenvolvimento de uma idéia ou negócio em estágio inicial.
    • Capital Semente: investimento na fase inicial de uma idéia ou negócio.
    • Venture Capital: investimento em pequenas e médias empresas.
    • PrivateEquity: investimento em empresas de grande porte.
slide8

Fundo Criatec

Dados relevantes

  • Cotistas:
  • Constituído à partir de Edital Público: R$ 100 milhões
  • Em operação desde novembro de 2007
  • Período de Investimento: 4 anos
  • Período de Desinvestimento: 6 anos (total de 10 anos)
  • Meta de Investimento: 50 empresas
  • Faixa de Investimento por empresa: até 1,5 milhão (máximo de R$ 5 milhões)
    • Gestor:

Criatec é o maior fundo de investimentos em empresas emergentes da América Latina

Criatec investe em empresas start-up inovadoras e com elevado potencial de retorno

slide9

Fortaleza

Belém

Recife

Salvador

Belo Horizonte

Nanotecnologia& Novosmateriais

Agronegócios

IT & Componenteseletrônicos

Biotecnologia

Energia

Campinas

Rio de Janeiro

Florianópolis

Fundo Criatec

Pólos Regionais – abrangência nacional

Abrangência nacional através de 8 regionais

slide10

Assembléia Geral de Quotistas

Gestão de Risco

Advocacia

Comitê de Investimento

Administrador

Contabilidade

Custodiante

Head hunting

Auditores Independentes

Gestor Nacional

Angel Investors

Gestores Regionais

Auditoria

Propriedade Intelectual

PMEs

Projetos

O Criatec contém todos os elementos de governança, adaptados a realidade das empresas nascentes inovadoras

O Fundo

Estrutura de Gestão e Apoio

Fundo CRIATEC

slide11

Mais que o retorno financeiro, vislumbramos com o Criatec uma oportunidade para desenvolvimento do País.

O Fundo

Visão: Agente de desenvolvimento

A Visão de que é possível...

  • Disseminar a cultura do empreendedorismo e inovação
  • Desenvolver tecnologias estratégicas para o Brasil
  • Desenvolver socialmente novas regiões
  • Gerar uma nova cultura de investimentos
  • Obter retorno financeiro
slide12

Fases do processo

Prospecção

Análise

Negociação

E

Investimento

Aceleração

Desinves-timento

O processo do Criatec é composto de 5 fases

slide13

O Criatec investirá ao final das fases acima, para viabilizar as fases seguintes (Prova de Conceito, Decolagem e Expansão, respectivamente)

Política de investimentos

Fases de investimento

Faturamento máximo de R$ 6 mi/ano

Idéia/Pesquisa/ Fase lab. terminada

Protótipo / Empresa Nascente

Produto no mercado

Mercado e produto consolidado

Mercado em crescim. sustentável

3

1

2

Pesquisa finalizada

Prova de Conceito

Decolagem

Expansão

Saída

Uma oportunidade pode ser submetida mesmo que não tenha sido criada uma empresa. Nesse caso, se ela for aprovada, a empresa S.A. precisará ser constituída

Foco Criatec

Momentos de investimento

X

Não-foco Criatec

slide14

Política de investimentos

Critérios de seleção

Critérios

TECNOLOGIA

  • grande diferencial tecnológico e/ou competitivo com relação aos concorrentes

MERCADO

  • solução de um problema de mercado claro e economicamente relevante

EQUIPE

  • equipe empreendedora de alto nível (técnico, gerencial e inter-pessoal)

RESULTADO FINANCEIRO

  • possibilidade de margens significativas

NECESSIDADE DE CAPITAL

  • empresas que necessitem de menos de R$ 10 mi para alcançar forte expansão

DESINVESTIMENTO

  • Identificação de possíveis candidatos a compra da participação adquirida pelo fundo no futuro
slide15

Os diferenciais do Criatec

Para as investidas: muito além dos recursos

  • conhecimento da realidade e desafios do ambiente de criação de empresas de base tecnológica
  • foco no capital semente, consciente dos riscos que isto significa
  • apoio “mão na massa” na gestão das investidas
    • Equipe, Estrutura, Desenvolvimento e Vendas
    • Apoio e Acompanhamento próximo (Gestor Regional)
    • Disseminação das melhores práticas
    • Atração e promoção de oportunidades de negócio
    • Preparação da empresa para o desinvestimento
        • Projeção do Fluxo de Caixa
        • Cenário de Expansão do Negócio
        • Novos aportes (Capital de Risco) e/ou Investidores Estratégicos

O objetivo é levar a investida a um estágio superior de faturamento e expansão

slide16
Estrutura em rede

Constante troca de conhecimento e de melhores práticas

Capacitação em:

Empreenderismo de base tecnológica (EMBATE)

Capital semente

Cultura de angel investing

Geração de casos de sucesso: inspiração para uma nova cultura

Assessoramento jurídico, empresarial, contábil, de recursos humanos, provido pelo gestor nacional.

Nossa proposta é difundir conhecimento de forma organizada para as regionais, além de construir e compartilhar experiências por toda “Rede Criatec”

Os diferenciais do Criatec

Para a localidade: conhecimento e desenvolvimento

Seminários periódicos

de melhores práticas

Difusão do conhecimento

Intercâmbio de relacionamentos

slide17

Na Prática

21 Investidas

33 Apresentadas

26 Aprovadas

EnergiaH

ad