Download
1 / 26

10 SINPLO - PLANOS ODONTOL GICOS : A SOLU O DE PARADOXOS. - PowerPoint PPT Presentation


  • 105 Views
  • Uploaded on

1 0 SINPLO - PLANOS ODONTOLÓGICOS : A SOLUÇÃO DE PARADOXOS. PAINEL - OS PARADOXOS :. PROMOÇÃO DE SAÚDE X TRATAMENTO CENTRADO NA DOENÇA.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about '10 SINPLO - PLANOS ODONTOL GICOS : A SOLU O DE PARADOXOS.' - gerry


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

10 SINPLO - PLANOS ODONTOLÓGICOS : A SOLUÇÃO DE PARADOXOS.

PAINEL - OS PARADOXOS :

PROMOÇÃO DE SAÚDE

X

TRATAMENTO CENTRADO NA DOENÇA

Prof. Sérgio C. Weyne - Doutor em Odontologia / UFRJ , Coordenador dos Programas de Promoção de Saúde e Prevenção das Doenças do SINOG


Movimento de Promoção de Saúde : Década de 70 / Paises Desenvolvidos

  • Marco Teórico : Relatório Lalonde ( 1974 )

Ministério do Bem Estar e Saúde do Canadá : preconizava conjunto de ações para intervir positivamente sobre os comportamentos individuais não saudáveis

  • Resposta aos Novos Desafios Sanitários :

  • Modelo Médico Hegemônico ( Biomédico ) : esgotamento - Transição Epidemiológica : grande aumento das doenças multifatoriais crônicas

(“New Perspectives on the Health of Canadians” – Mark Lalonde,1974 )


Conceito de Promoção de Saúde Desenvolvidos

  • Principais causas de doenças derivam do : ambiente , comportamento / estilo de vida , organização social e não apenas das características biológicas

Doenças têm causas biológicas e sociais

  • 4 tipos de fatores que se inter - relacionam compõem o “ mapa do território da saúde ” / “ campos de saúde ” e explicam o processo saúde – doença :

- sobre eles podemos intervir positivamente - instâncias onde a saúde pode ser promovida com eficácia.


Campos de saúde : Desenvolvidos

Comportamentos / Estilo de vida

Meio Ambiente

SAÚDE

Serviços de Saúde / Assistência Médica

Genética / Biologia

Evolução do Conceito de Promoção de Saúde : importância de se atuar também na organização social

equidade , renda , habitação , educação... Pré - requisitos para a PS

(Carta de Ottawa – Conferência Internacional de Promoção de Saúde,1986)


Centrada em inovadora compreensão da dinâmica das relações entre o Estado de Saúde e o Estado de Doença e sua natureza biológica e social

PROCESSO SAÚDE – DOENÇA


De Acordo com a OMS ( 1986 ) : Desenvolvidos

  • Atuando na lógica da Promoção de Saúde existe uma perspectiva realística de melhoria dos níveis de saúde e qualidade de vida das populações


Promoção de Saúde , Converteu-se em Uma das Principais Linhas de Ação da OMS :

  • Vem exercendo um importante papel na elaboração das Políticas de Saúde e Educação em muitos países

  • No Brasil , está começando a influenciar :

- reorganização dos serviços / ações básicas de saúde : PSF - reorientação dos projetos pedagógicos das faculdades de medicina e odontologia


NA SAÚDE , QUAL FOI A MAIOR CONQUISTA DA HUMANIDADE ?

GRANDE AUMENTO NA EXTENSÃO DOS LIMITES DA VIDA

De 1900 até hoje a esperança de vida cresceu mais do que nos 5.000 anos anteriores

Vida média quase dobrou nos últimos 50 anos

Décadas

Esperança de Vida

40

90

40 - 50 anos

70 - 80 anos

00> 80 anos


O peso dos fatores que fazem uma pessoa viver além dos 65 anos

AContribuição dos

Serviços Médicos

“Curativos”

Fonte: Universidade de Stanford , USA , 2001


A extens o dos limites de vida longevidade

Excelente Exemplo de Promoção de Saúde e Prevenção das Doenças : Ação sobre os Fatores que Afetam o Processo Saúde-Doença

A Extensão dos Limites de Vida / Longevidade

Conquista mais dependente das intervenções nos “campos de saúde” representados pelo estilo de vida , meio ambiente , fatores genéticos / biológicos do que nos serviços médicos “curativos”


SERVIÇOS MÉDICOS “CURATIVOS” / CENTRADOS NA DOENÇA

  • Custos insustentáveis que crescem contínuamente, EUA : gastos totais com saúde :

Ano

Gastos / U$

% do PIB

1960 27 bilhões 7.0

1990 696 bilhões 13.0

2002 1.533 trilhão 15.0

  • Não se encontra correlação entre o aumento dos gastos e a melhoria do nível de saúde e esperança de vida das pessoas / populações


- Custos para o tratamento da doença estabelecida

- Uso descontrolado de consultas , internações e exames com tecnologia de alta densidade

- Indução de demanda pelo excesso de oferta / não pela real indicação


POR QUE , EM MUITOS CONSULTÓRIOS E PLANOS DE SAÚDE A ASSISTÊNCIA À SAÚDE CONTINUA AINDA PREDOMINANTEMENTE CENTRADA NA DOENÇA ?

VOCÊS ACHAM QUE É FÁCIL FAZER MUDANÇAS ?

EM GERAL , OS SERES HUMANOS SÃO NEOFÓBICOS , ISTO É , TÊM MEDO DE MUDANÇAS


ÁREA ODONTOLÓGICA ASSISTÊNCIA À SAÚDE CONTINUA AINDA PREDOMINANTEMENTE CENTRADA NA DOENÇA ?

Qual o fato mais importante na história da humanidade em termos de impacto nas condições de Saúde Bucal e Longevidade da Dentição ?


A extraordin ria redu o na preval ncia de cavidades de c rie nas popula es jovens
A Extraordinária Redução na Prevalência de Cavidades de Cárie nas Populações Jovens

  • Grande aumento na percentagem dos que nunca tiveram uma única cavidade na dentição

  • Declínio na incidência das lesões de cárie em crianças , adolescentes e jovens adultos .

  • Fenômeno detectado a partir da década de 70 : maioria dos países industrializados e emergentes

Cárie Dentária : entre os maiores problema de Saúde Pública do mundo


Quais os principais fatores associados com essa nova situa o epidemiol gica
Quais os Principais Fatores Associados com Essa Nova Situação Epidemiológica?

Opinião dos maiores“Experts” Internacionais


  • Melhoria nas condições sócio-econômicas / redução da pobreza

  • Programas preventivos e de promoção de saúde , educação em saúde / auto-cuidados

  • Transformações do Modelo de Prática


- Controle da atividade das doenças cárie e periodontal , antes do início tratamento restaurador e protético

Algo tão simples como a necessidade de apagar o incêndio antes da reconstrução de uma casa

x

assistência odontológico tradicional


PROCEDIMENTOS RESTAURADORES / REABILITADORES NÃO APARECEM NA LISTA DOS “EXPERTS”...

Mas continuam sendo os procedimentos mais valorizados no tratamento Odontológico Tradicional / “Curativo” ,

APESAR DA BAIXA CORRELAÇÃO COM :

  • Declínio na Prevalência de Cavidades

  • Estado do Processo Saúde Doença Bucal

  • Longevidade da Dentição


MODELO RESTAURADOR / “CURATIVO” NA LISTA DOS “EXPERTS”...

Limitações : sinais “tratados”... pessoa continua doente ... necessidade de mais restaurações e próteses no futuro... “ Ciclo Restaurador Repetitivo ” ...

Assistência / Tratamento Centrado na Doença : gera mais doença e custos desnecessários

Assistência / Tratamento Centrado na Promoção de Saúde : gera saúde e reduz custos


Readequação da Sistemática de Atendimento em Linha com o Paradigma de Promoção de Saúde / Atenção Básica em Saúde

- Porta de Entrada : Protocolo de Atenção Básica em Saúde para controle das doenças cárie e periodontal

- Referência e Contra – Referência : Estabeleçendo a Responsabilidade Longitudinal do Clínico Geral

- Restaurações com Mínima Invasão : Novos Critérios de Diagnóstico das Lesões de Cárie e Remoção Seletiva da Dentina Desmineralizada


- Programa de Manutenção Periódica / Educação para Saúde ( auto - cuidados ) de acordo com o risco inicial

- Prontuários e fichas clínicas únicos / dinâmicos

- Estabelecimento de Indicadores Clínicos de Qualidade de Assistência à Saúde

- Estabelecimento de Indicadores de Impacto na Qualidade de Vida dos Usuários

PROGRAMA DE QUALIDADE DA ANS


Impacto da Reorganização da Assistência Odontológica / Readequação da Sistemática de Atendimento em Um Plano Odontológico( 1998 – 2004 )

Sistemática de Promoção de Saúde

X

Modelo Tradicional

Procedimentos clínicos para controle da doença cárie e gengivite /

Protocolo de Atenção Básica em Saúde : Substancial aumento na exposição aos fluoretos / controle de placa / educação em saúde visando os auto-cuidados


Reduções no número médio de restaurações por usuário ( 2000 a 2004 )

< 43%

< 26%

< 83%

  • 30% do custo odontológico


Impacto da Reorganização da Assistência Odontológica / Sistemática de Atendimento em Um Plano Odontológico ( 2000 – 2004 ) : Redução da Sinistralidade e dos Custos

Redução do Número Total de Procedimentos Clínicos e dos Custos

Ano Procedimentos Custos / R$

2000 181.454 2.721.000

2001 204.706 3.070.000

2002 313.637 4.704.000

2003 432.835 6.492.000

2004 468.726 7.030.000

( valor médio unitário do procedimento : R$ 15,00 / estimado)


! Sistemática de Atendimento em Um Plano Odontológico ( 2000 – 2004 ) : Redução da Sinistralidade e dos Custos

MUITO OBRIGADO A TODOS PELA ATENÇÃO !


ad