Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 32

Nesse instante a voz de Félix se ergueu em prece. Ao terminar, o quarto estava pleno de luz. PowerPoint PPT Presentation


  • 31 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Relembrando a última Aula. Nesse instante a voz de Félix se ergueu em prece. Ao terminar, o quarto estava pleno de luz. Além de André e Moreira, todas as entidades desencarnadas em serviço no estabelecimento se reuniam à frente do acanhado recinto, emocionadas.

Download Presentation

Nesse instante a voz de Félix se ergueu em prece. Ao terminar, o quarto estava pleno de luz.

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Relembrando a última Aula

  • Nesse instante a voz de Félix se ergueu em prece. Ao terminar, o quarto estava pleno de luz.

  • Além de André e Moreira, todas as entidades desencarnadas em serviço no estabelecimento se reuniam à frente do acanhado recinto, emocionadas.

  • Espíritos ignorantes e vampirizadores em trânsito nos arredores também foram atraídos pela luz.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Relembrando a última Aula

  • Cláudio choroso, sem nada ouvir, sentia as vibrações e percebeu que Marita se desligava. Assim que Marita se viu liberta, foi acolhida nos braços de Félix como criança cansada e adormecida.

  • Moreira, esquecendo de si mesmo, olhou para o mentor e perguntou humilde: “Que farei agora instrutor, inútil como sou?” Félix o acolheu com o olhar e recomendou-lhe o auxílio à Marina. O ex-assessor de Cláudio reconheceu que o orientador lhe rogava sanar uma brecha que ele próprio havia aberto, e prometeu ajudar.

  • Ao entardecer Agostinho e Salomão acompanharam Cláudio e os despojos da filha até o Cajú. Na volta, ele despediu-se dos amigos. Já no apartamento e sequioso de companhia abriu a porta vasculhando todos os cômodos. No entanto, no apartamento deserto, não havia ninguém.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 8

Félix solicita a André estar ao lado de Cláudio para auxiliá-lo. Cláudio sentia saudades de Marita. Aquela quinzena de hospital os unira para sempre e também o renovara.

Márcia não aparecia, Cláudio telefona para Dona Justa que informa que Márcia viajara para Petrópolis e Marina estava internada para tratamento psiquiátrico, mas não soube informar o endereço da clínica.

Cláudio pensou em Gilberto para ajudá-lo. Ligou para o rapaz, as observações de Cláudio, fizeram Gilberto perceber nele um amigo, o pai lhe proibira de se aproximar de Marina, designando-o para serviço no sul do país. Cláudio o confortou, depois indagou se Márcia havia deixado um telefone e Gilberto informou o número.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 8

  • Márcia atendeu e lamentava a desencarnação de Marita, prometeu ir ao Rio a fim de conversarem. Na manhã seguinte, bem cedo, Márcia entrou no apartamento. Estava acompanhada por alguns vampirizadores desencarnados que lhe alteravam o pensamento.

  • Cláudio assustou-se ao vê-la. Pediu informes de Marina e sintetizou quanto pode a história da enfermidade da filha. Declarou-se espírita e disse que queria refazer o lar e a família. Pede à esposa que o perdoasse. Márcia, porém, zombou da conduta e da religião, estava apenas esperando que a filha melhorasse para pedir o desquite.

  • Claudio revoltou-se. Recordou a mão de Marita no gesto de perdão, os textos do Evangelho a lição do perdão, e acalmou, sem evitar as lágrimas. Márcia avisa que diante da conduta do marido, levaria suas coisas para a casa de Selma, sua amiga e despediu-se.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Claudio recebeu autorização para ver a filha, e foi até a Clínica, acompanhado por André. Marina abraçou-se a ele chorando. Estava magra, abatida, com depressão, embora os esforços de Moreira para reerguê-la. Cláudio acalmou-a de tal modo que a jovem espantada ficou mais lúcida e encorajada pela atitude paterna.

  • Marina contou, o envolvimento dela com os Torres (pai e filho). E que Nemésio a visitou se referindo ao compromisso de casar-se com ela, e que ela reiterou o amor pelo filho Gilberto, e que a desobrigasse desse compromisso enxergando-a como filha. Nemésio, não se conforma e promete matá-la se ela o esquecer e para humilhá-la, contou que conquistara as atenções de Márcia, levando-a para Petrópolis.

  • Cláudio prometea filha auxiliá-la, para que no futuro fosse possível que ela concretizasse seus planos de felicidade junto a Gilberto.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 9

Neves e André foram visitar o instituto de renovação “Almas Irmãs” que Félix dirigia na esfera espiritual. 

Neves estava contente. Beatriz estava bem, sua encarnação tivera êxito com as conquistas que fizera pela dedicação à família.

O Instituto socorria os necessitados de reeducação sexual após a desencarnação. 4 Km2 de edifícios, parques e jardins.

Belino iria mostrar a instituição e Félix os receberia em sua casa.

Era um Hospital-Escola. A maioria dos internos vinha de regiões purgatoriais, após eliminarem as conseqüências mais imediatas dos vícios e paixões acalentadas no plano físico.

Lá passavam por períodos mais ou menos longos de estudo e meditação preparando-se para a futura reencarnação, geralmente no mesmo grupo familiar que lhes impusera prejuízos ou lhes sofrera os danos.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 9

  • Visitaram várias salas de aula. O sexo era estudado e enobrecido em várias matérias, entre elas “Sexo e Maternidade” e “Sexo e Penalogia”.

  • O instituto sustenta também zonas residenciais onde se acomodam famílias inteiras, casais e estudiosos que se visitam ou recebem amigos de outras organizações efetuando excursões edificantes e recreativas. Perceptível o respeito com que o sexo era tratado naquela instituição.

  • Já na residência de Félix, André percebeu que ele era conhecido e respeitado como pessoa de conhecimento superior ligado à administração de Nosso Lar com responsabilidades vultosas.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Atrás de sua mesa, grande tela representando abnegada mulher em serviço nas zonas inferiores. Félix conservava naquela obra de arte, a lembrança de dedicada servidora do Cristo que, embora desconhecida entre os homens, era consagrada no mundo espiritual ao socorro de corações mergulhados nas trevas.

  • Ela era a irmã Damiana, responsável pelo primeiro contato de Félix com a verdade 80 anos antes. O quadro o lembrava de que ele próprio um dia, também se afundara, donde fora arrebatado pela missionária.

  • Félix informou que Marita se encontrava internada na instituição, convalescendo. E não estava recebendo visitas para não deslocar a mente para outro assunto que não fosse o reduto doméstico.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 10 e 11

  • Nas despedidas, Félix elogiou o auxílio de Moreira a Marina e solicitou que André auxiliasse também a Cláudio, Márcia, Nemésio, e Gilberto.

  • Com o auxílio espiritual de André e Moreira, Cláudio e Salomão, aliado à Medicina, Marina, voltou para casa, encontrando no pai uma pessoa renovada, solícito e amigo.

  • No entanto, o problema de modo geral se agravava. Nemésio e Márcia após 5 semanas de passeio no ambiente serrano voltaram ao Rio. Ela se interessava por união definitiva, ele só pensava em Marina. Márcia percebeu a situação, mas, experiente, visava apenas o amparo que Nemésio poderia dar-lhe no futuro.

  • Gilberto apresentava-se triste e abatido pelo fato do pai tê-lo procurado dizendo que Marina não era moça para casar, porque tivera aventuras com ele próprio Nemésio.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Cláudio percebendo que a filha ainda gostava de Gilberto,  convidou-o para ir à sua casa.

  • O rapaz aceitou e em meio ao diálogo, contou os motivos pelos quais ele havia se afastado de Marina.

  • Marina discreta, apenas abaixou os olhos lacrimosos sem se defender.

  • Sentindo-se mais leve, Gilberto foi para casa.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 10 e 11

  • Pensa em Marina modificada. Sentiu remorso sem saber se fora ciumento ou descortez e foi até o quarto que a jovem ocupara para recordar e refletir, e quando abriu a porta viu que o pai e Dona Márcia se beijavam.

  • Nemésio de costas para a porta não o viu, qual ocorrera com Gilberto, meses antes, e assim como acontecera a Marina, Dona Márcia viu o jovem e dando uma desculpa a Nemésio foi ao quarto de Gilberto chamando a si toda a responsabilidade dizendo que seu único erro foi permitir que Marina trabalhasse na casa deles uma vez que mantinha ligações com Nemésio.

  • Aliviado, Gilberto vai a casa de Cláudio declara o seu amor a Marina.

  • Mais tarde procura Nemésio e assusta-se com a reação do pai ao saber de suas intenções em se casar com Marina.

  • Nemésio agride-o fisicamente e o expulsa de casa.

  • Gilberto sagrando procura a ajuda de Cláudio que o leva até o banco onde ele trabalha conversa com o gerente e pede um emprego para o rapaz.

  • Cláudio providencia para Gilberto uma pensão para estudantes e Nemésio ao verificar que não podia fazer mais nada, viaja com Márcia para a Europa a fim de esquecer Marina. 


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 10 e 11

  • Tempos depois, Gilberto e Marina se casaram.

  • Félix informou que Marita se preparava para reencarnar. Conseguira junto aos Espíritos Superiores que houvesse uma alteração no processo Nogueira/Torres.

  • Assim, Marita deveria ir ao Rio rever pessoas queridas e com isso animar-se a voltar.

  • Félix, André e Moreira a acompanharam com a recomendação para que a jovem visse Gilberto quando este estivesse a sós, ignorando o matrimônio com Marina. Marita deveria dormir para o renascimento sob a impressão de euforia perfeita.

  • Marita encontrou Gilberto na praia indo para casa. Ao vê-lo se enche de alegria e Félix pergunta-lhe o que ela mais desejava. Marita responde que queria viver com e para Gilberto. Félix promete a Marita que ela voltará.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Em seguida Marita pensa em Cláudio e pede para vê-lo.

  • Claudio em espírito rente ao corpo como que lhe aguardava a presença. Ao vê-la esticou-lhe os braços exclamando: “- Minha filha !” Marita ajoelhou-se ante Cláudio a pedir carinho enquanto o pai emocionado afagou-lhe os cabelos.

  • Nesse momento, olhando para o alto, Cláudio orou: “Senhor, esta é a filha querida, que me deste a cuidar. Sabes que ela perdeu os seus sonhos de jovem por minha causa. Dá-lhe nova existência, um corpo novo. Deixa que eu lhe ofereça a minha própria vida”.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Diante da excessiva emoção de Cláudio e Marita, Félix retira-se carregando a jovem, recomendando a André e Moreira que ajudassem Cláudio a retomar o corpo físico providenciando para que ele se lembrasse de tudo.

  • Cláudio acordou emocionado e com a certeza de que Marita retornará.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 12

Marina no 5º mês de gestação sentia-se bem sob os cuidados de Cláudio.

Gilberto estava feliz na expectativa de um menino, mas Cláudio tinha convicção de que Marita estava voltando.

Repentinamente Marina aparece abatida. Cláudio procura a filha e Marina mostra uma carta de Nemésio, que dizia saber do seu casamento, exigindo que ela se desquitasse do marido, a fim de voltar para ele, caso contrário, suicidar-se-ia.

Cláudio, procurou tranqüilizá-la e disse à filha que não se preocupasse. Tudo não passava de um momento infeliz e Nemésio se renderia aos encantos de ser avô.

Seduzida pelo magnetismo daquelas palavras, Marina tranqüilizou-se.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 12

Cláudio soube que a firma de Nemésio estava indo mal e Márcia o abandonara.

Cláudio pede uma licença de 6 meses no Banco, para cuidar de Marina. Ele recolhia diariamente a correspondência de Nemésio cujo conteúdo misturava declarações de amor e ameaças. Isso se repetiu por 2 meses diariamente sem que as cartas chegassem às mãos de Marina tanto que a jovem esqueceu o caso.

Cláudio percebia Nemésio cada vez mais perturbado, tornou-se companheiro inseparável da filha.

Marina abraçada ao pai caminhava até a praia e sentados conversavam sobre coisas espirituais ou sobre o bebê. Passados 6 dias a carta de Nemésio veio diferente. Declarava tê-la visto na praia com o pai e percebido seu estado de gravidez.

Cláudio percebeu que a perturbação de Nemésio raiava a loucura e pediu socorro espiritual.

Quatro dias se passaram, quando pai e filha voltavam para casa, Cláudio percebeu um carro aparentemente desgovernado. Teve tempo apenas para afastar a filha e foi atropelado pelo veículo.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Cláudio recordou o atropelamento de Marita e que havia prometido, se necessário, trocar sua vida pela dela.

  • A ambulância chega.

  • Cláudio tranqüiliza Marina e pede para ser levado ao Hospital em que Marita estivera internada 2 anos antes.

  • No Hospital, Félix comunica que Cláudio não resistirá.

  • Horas depois, reconhecendo-se no fim de suas forças, Cláudio pede para ver Marina, Gilberto e Salomão.

  • Quando eles chegam, pede-lhes ajuda para Nemésio e Márcia. Agradece e pede caso o bebê seja menina que seu nome fosse Marita. Quando amanheceu, Félix separou Cláudio definitivamente do corpo entregando-o à aquela que lhe fora mãe.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 13

  • Cláudio se refaz no “Almas Irmãs”. No 4º dia após a desencarnação, Cláudio surpreende a todos com um pedido: solicita permissão para continuar trabalhandonno seio da família. 

  • Obedeceria fielmente ao programa de ação traçado. As autoridades examinaram o pedido e o requerimento foi aprovado.

  • Cláudio teria um período de 10 anos de serviço junto aos familiares antes de fazer a avaliação da existência transcorrida. O tempo poderia ser dilatado caso o interessado demonstrasse aplicação ou a licença cassada na hipótese de postura indígna.

  • Cláudio e Moreira voltariam com funções definidas junto a Marina.

  • Moreira, o assessor de Cláudio no desequilíbrio, agora ser-lhe-ia o arrimo nas tarefas de reajuste.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 13

  • Seis dias após a desencarnação, Cláudio voltou. Acolhido por André e Moreira, foi até o quarto que ocupara.

  • Marina levantando, dirigiu-se ao aposento do pai e lá orou por ele.

  • Cláudio a abraçou e reconheceu no nascituro a presença de Marita.

  • Intuiu Marina para que ela amparasse Nemésio. A jovem captou a idéia de Cláudio e sugeriu a Gilberto que fossem visitar o sogro. Encontram Nemésio sozinho, paraplégico, sem poder falar, mas perfeitamente lúcido, tendo ao lado Amaro, fiel amigo espiritual que velara por dona Beatriz. Apenas Olímpia, antiga servidora, vinha 2 vezes ao dia prestar assistência ao enfermo.

  • Amaro contou a André que logo após o acidente que provocara, Nemésio teve um derrame e com o auxílio de Félix e o pedido às instâncias superiores, conseguiu não desencarnar a fim de aproveitar o benefício da enfermidade no veículo carnal.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Gilberto e Marina, surpresos consternaram-se à frente de Nemésio.

  • Ele os reconheceu. Quis falar mas apesar do esforço nada conseguiu.

  • André, porém, registrou-lhe os pensamentos através do qual implorava aos filhos benevolência e compaixão.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 13

Os êxitos morais de Cláudio, estabeleceram um problema grave para Félix. Dona Beatriz, ciente de que Claudio, já desencarnado, obtivera licença para voltar aos familiares em missão de auxílio, queria também rever o esposo e o filho. Tinha informações superficiais de acontecimentos desagradáveis envolvendo os entes.

Feita a solicitação, Félix negou atendimento. Dona Beatriz recorreu a Neves, que mobilizou outras afeições e voltou à carga. Félix negou novamente.

Neves não se curara de todo da impulsividade e colocou tanto empenho no assunto, que o instrutor não encontrou alternativa senão autorizar. Mesmo preocupado, determinou providências para que se efetuasse a excursão, recomendando que André e Neves acompanhassem Dona Beatriz para atender eventual emergência. Assim Dona Beatriz voltou entusiasmada ao Rio.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Embora soubesse que Nemésio morava com o filho, não apenas ansiava abraçá-lo, mas também suspirava reavistar a antiga moradia. Mas ao chegar, vendo a casa deserta dos móveis e dos cuidados que tivera e em seguida o marido em condições difíceis e irreconhecíveis... Dona Beatriz enlouqueceu.

  • Amparo urgente foi solicitado ao “Almas Irmãs”, e a equipe médica recomendou a internação da enferma e a aplicação de sonoterapia com a possível remoção de recordações da existência finda.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Félix, André e Neves compareceram ao gabinete em que se efetuaria a pesquisa.

Beatriz dormia num leito cujo travesseiro se achava munido de recursos eletromagnéticos especiais.

Sob comando de um psiquiatra e outros médicos a experiência foi iniciada. Beatriz voltou ao passado.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 13

Nascera no Rio em 1792 com o nome de Leonor(Beatriz). Em 1810 (18 anos) casa com um rapaz português de nome Domingos. Dessa união nasceu Álvaro (?) em 1812.

Com a morte prematura do Sr. Domingos, Leonor casa-se em 1814 (aos 24 anos) com o Sr. Justiniano (rico ourives). Justiniano(Nemésio) e Álvaro se dão bem e o menino cresce afetuoso e inteligente.

Em 1827, aos 15 anos, o jovem Álvaro embarca para a Europa para estudos em Lisboa e Paris e em 1834, aos 22 anos Álvaro retorna. Certa noite, Álvaro foi apresentado à sociedade, num sarau ao casal Brites (Marcia) e Teodoro (Claudio)(rico negociante) bem como à filha única Virgínia (Marina), à época com 11 anos.

Leonor e Justiniano, Brites e Teodoro eram casais amigos. Álvaro e Brites se apaixonam.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 13

  • Algum tempo depois, Teodoro descobre Álvaro e Brites num quarto de hotel.

  • Escandalizado, o marido desinteressou-se da mulher, embora não se retirasse do lar por amor à filha. Mesmo assim cortejou a menina Mariana de Castro, também conhecida como Nininha (Marita), jovem de bons costumes que residia com os pais.

  • Brites, longe de se magoar, facilitou a ligação para se ver livre.

Quem é quem ?

Teodoro – Cláudio

Brites – Márcia

Virgínia – Marina

Naninha – Marita

Justiniano – Nemésio

Leonor – Beatriz

? – Gilberto

Álvaro – ?


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 13

  • Quatro anos depois, Álvaro se cansou de Brites e comunicou à família que deixara uma prometida em Lisboa.

  • Queria voltar a Portugal, mas receava que a amante se suicidasse. Arquitetou então um plano maquiavélico.

  • Percebendo a fraqueza de Brites por jóias, insinua o padrasto Justiniano (ourives) a seduzir Brites com presentes raros, até que no primeiro encontro, forjado pelo próprio Álvaro, chegou à cena assumindo o papel de companheiro ultrajado, seguindo então para Portugal e deixando várias tragédias em andamento.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Capítulo 13

  • O golpe atingiu fundo a Sra. Brites que se tornou uma mulher calculista e cruel. Ela transforma Justiniano num homem de sexualidade pervertida extorquindo-lhe o dinheiro.

  • Vende a própria filha Virgínia ao amante para ficar com terras e haveres. Não contente encaminha moças de nobre formação, atirando-as ao prostíbulo, estimulando infidelidades, vícios, crimes, abortos, etc.

  • Virgínia, com quem Justiniano passa a viver em definitivo, abandonando a esposa, se torna o pomo de discórdia entre Justiniano e Teodoro. Até que Teodoro (vivendo maritalmente com Naninha de Castro) aparece morto a punhaladas, atribuindo-se o homicídio a escravos foragidos.

  • Naninha descobre que Justiniano fora o mandante, desse modo, associa-se a outro homem e planejam um “acidente” com a carroça de Justiniano e ele morre.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

  • Nesse instante, Dona Beatriz foi restituída ao sono e Félix pediu ao chefe do Arquivo as certidões de saída. Os aparelhos funcionaram e a resposta veio rápida.

  • Mas quem seria e onde estaria Álvaro? Foi quando Félix se levantou e declarou que Álvaro fora ele mesmo. A notícia caiu como um raio. Os médicos, Neves e André estavam atônitos. Corajoso, Félix explicou que, à medida que o espírito se esclarece, o tribunal da consciência tem o dever de se corrigir perante as Leis Naturais, sem necessidade de apelos e compulsórias. Naquele instante tornava pública a decisão de reencarnar para reparar as lesões afetivas que provocara.


Nesse instante a voz de f lix se ergueu em prece ao terminar o quarto estava pleno de luz

Boa Noite


  • Login