O mecanismo de pedir
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 10

O Mecanismo de Pedir PowerPoint PPT Presentation


  • 50 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

O Mecanismo de Pedir. Membros do Grupo 19Z: Arthur Biocalti Ilo Ribeiro Silvana Pereira Wesley Oliveira. Custos associados aos estoques. 1: Custo de Pedido 1.1:Definido em termos monetários 1.2 : Inclui custos fixos administrativos 1.3 : Custo de preencher o pedido de compra .

Download Presentation

O Mecanismo de Pedir

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


O mecanismo de pedir

O Mecanismo de Pedir

Membros do Grupo 19Z:

  • Arthur Biocalti

  • Ilo Ribeiro

  • Silvana Pereira

  • Wesley Oliveira


Custos associados aos estoques

Custos associados aos estoques

  • 1: Custo de Pedido

    1.1:Definido em termos monetários1.2: Inclui custos fixos administrativos1.3: Custo de preencher o pedido de compra.

    2: Custo de Manutenção de Estoques

    2.1: Custo para manter certa quantidade de estoque por um período específico.


Fluxo descont nuo de material

Fluxo descontínuo de material

  • 1:É o sistema clássico

    2:Popularmente conhecido como métodoPUSH.

    3:Previsões de vendas são convertidas em em planos de compra.


Sistema de abastecimento

Sistema de Abastecimento


Log stica de suprimentos

Logística de Suprimentos

  • Visa integrar os processos da empresa com fornecedores e estabelecer relações estritas e duradouras.

    VANTAGENS:

    1- Reduzir tempo de fornecimento de materiais;

    2- Receber produtos de melhor qualidade;

    3- Reduzir estoques tanto da empresa quanto do fornecedor;

    4- Ter produtos disponíveis sempre que necessário;e

    5- Planejar de forma precisa a produção.


Integra o com fornecedores

Integração com Fornecedores

  • Implica uma mudança drástica no tipo de relacionamento. Deve-se sair do tradicional contato e interface funcional vendedor com o comprador e partir para o modelo multifuncional de interface, nos quais, essas áreas funcionais, tanto do cliente quanto do fornecedor, se interagem.

  • VANTAGENS:

    1- Parceiro mais forte para todo o negócio;

    2- Foco comum na qualidade;

    3- Confiabilidade de entregas mais rápidas e frequentes;e

    4- Custo da cadeia logística reduzido.


Estrat gia de suprimentos

Estratégia de Suprimentos

  • A ideia principal é que não se pode tratar todos os fornecedores da mesma forma, pois cada um tem sua particularidade. Adotando a estratégia de suprimento, a empresa definirá relacionamentos apropriados a cada grupo de fornecedores.

  • VANTAGENS:

    1- Integração com fornecedores, racionalizando a base de fornecedores e alavancando o poder de negociação;

    2- Benchmarks das melhores práticas, desenvolvendo-as continuamente; e

    3- Gerenciamento da cadeia de suprimentos.


Sobre o piloto nadir fiqueiredo e distribuidores

Sobre o Piloto Nadir Fiqueiredo e Distribuidores

  • Esta empresa foi fundada em 1912, atua no mercado brasileiro como uma das principais fabricantes de artigos de vidros produzidos através dos processos soprados e prensados.

  • Ao longo de sua história, a empresa consquistou o público alvo por sua preocupação coom qualidade, tecnologia e inovação.

  • Em relação à tecnologia, a empresa sempre teve como prioridade a pesquisa, desenvolvimento e aperfeiçõamento dos métodos de produção.

  • A empresa teve o seu sistema de qualidade auditado e aprovado segundo a norma ISO 9001 pela BVQI, rebendo o cerificado em outubro de 1996; em 1998 foi a primeira empresa brasileira e da américa do Sul a receber o prêmio Beacons oh Quality, da consultoria internacional Philip Crosby Associae II, dos EUA.

  • Possui dois potenciais clientes: a Disporto Comércio e Representações Ltda e a Dicol Distribuidora de Perfumaria e Alimentos Ltda.

  • As mudanças no processo que foram propostas e implantadas no plitoto consistiram em:

  • Modificar a etapa de emissão do pedido;

  • Aproveitr o máximo tempo dos profissionais de compra e venda;

  • Introduzir o serviço de auto-atendimento;

  • A experiência piloto revelou resultados qualitativos de enorme relevância para a implantação do comércio eletrônico.

  • O comércio eletrônico transferiu o poder de decisão da compra do fornecedor para o cliente.


Sobre as empresas ciro atacadista

.Sobre as empresas Ciro Atacadista

Búfalo

A Búfalo Indústrias e Comércio de Produtos Químicos atua na produção de caixas e frascos de 12x1 litro de álcool,querosene e desinfetantes, além de outros produtos.

Foram estudados os processos comerciais entre o Ciro Atacadista e seu fornecedor Búfalo, englobando todas as etapas entre a emissão do pedido e o recebimento da mercadoria no centro de distribuição.

A empresa atua no ramo de distribuição ,auto-serviço e varejo.


O mecanismo de pedir

O processo era realizado por meio da visita do vendedor da Búfalo ao comprador ( Ciro Atacadista) , e nessa ocasião , o comprador verificava seus estoques e detectava a necessidade de compras, baseado na previsão do números de dias que ainda havia produtos em seu estoque.

Após a negociação , o comprador emitia o pedido, registrando em seu sistema todos os dados necessários como por exemplo, quantidade, preço negociado, condições de pagamento e data da previsão de entrega.

A versão do pedido era entregue à Búfalo pelo vendedor, onde ele era faturado e providenciado, com emissão da nota fiscal anexa e o transporte ao centro de distribuição do Ciro Atacadista.

No Ciro Atacadista, realizava-se o confronto das informações da nota fiscal com o pedido, e a conferência física . Caso não houvesse nenhuma divergência, a mercadoria era descarregada no centro de distribuição, se houvesse alguma divergência o pedido era cancelado ou negociado.

Somente quando a mercadoria não chegava ao centro de distribuição na data prevista, que o rastreamento do pedido era realizado.

Mudanças

Com o novo processo, o pedido passou a ser colocado na Internet; portanto , potencialmente, a presença do vendedor no momento da emissão do pedido pode ser eliminada, permitindo que as visitas sejam mais esporádicas e tornando o tempo do comprador melhor aproveitado

O processo de captação do pedido foi agilizado pela transparência proporcionada pela virtualidade, permitindo que a indústria tivesse acesso em tempo real ao pedido, logo após sua emissão eletrônica.

O processo de recepção de mercadorias no centro de distribuição foi agilizado devido ao recebimento antecipado de informações via nota fiscal eletrônica. O envio da nota ao Ciro Atacadista passou a ser independente da chegada da mercadoria , com isso a conferência passou a ser realizada antecipadamente.


  • Login