Advertisement
1 / 14

Anticoncepcional Oral (ACO) PowerPoint PPT Presentation


  • 104 Views
  • Uploaded on 05-10-2012
  • Presentation posted in: General

Anticoncepcional Oral (ACO). Ivan Sereno Montenegro Residente de Ginecologia HUPE/UERJ. Anticoncepcional Oral (ACO). Classificação. Composição Hormonal Mono-hormonais: progestogênio isolado (minipílula). Combinados: estrogênio e progesterona. Mecanismo de ação. - PowerPoint PPT Presentation

Download Presentation

Anticoncepcional Oral (ACO)

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Anticoncepcional oral aco

Anticoncepcional Oral (ACO)

Ivan Sereno Montenegro

Residente de Ginecologia

HUPE/UERJ


Anticoncepcional oral aco1

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Classificação.

    • Composição Hormonal

      • Mono-hormonais: progestogênio isolado (minipílula).

      • Combinados: estrogênio e progesterona.

  • Mecanismo de ação.

    • Feedback negativo para FSH e LH.

    • Alteração do muco cervical.

    • Endométrio.

    • Tubas uterinas.


Anticoncepcional oral aco2

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Eficácia.


Anticoncepcional oral aco3

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Estrogênio.

    • Dose/Geração.

      • Alta: maior que 50 mcg de etinilestradiol.

      • Media : 50 mcg de etinilestradiol.

      • Baixa : 30 a 35 mcg de etinilestradiol.

      • Muito Baixa: 15 a 20 mcg de etinilestradiol.

      • 1ª geração: 50 ou mais mcg de etinilestradiol/ mestranol.

      • 2ª geração: 30 a 50 mcg de etinilestradiol/ mestranol e levonorgestrel, norestigmate e outros da família da noretindrona.

      • 3ª geração: 20 ou 30 mcg de etinilestradiol/ desogestrel ou gestodene.


Anticoncepcional oral aco4

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Progesterona.

    • Tipos.

      • Derivados da 17-hidroxiprogesterona:

        • Nos ACO: acetato de ciproterona e acetato de clormadinona.

        • Nos Injetáveis ou Implantes: acetato de medroxiprogesterona, acetato de megestrol, acetofenido de diidroxiprogesterona.

      • Derivados da 19-nortestosterona:

        • Estranos: noretisterona, acetato de noretisterona, acetato de etinidiol, linestrenol e noretinodrel.

        • Gonanos: levonorgestrel, desogestrel, gestodeno, norestigmato e dianogeste.

      • Derivados da espironolactona:

        • drosperidona


Anticoncepcional oral aco5

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Efeitos metabólicos e segurança.

    • Trombose venosa.

    • Trombofilia.

    • Cardiopatia isquêmica.

    • AVC.

    • Pressão arterial.

    • Metabolismo da glicose.

    • Metabolismo dos lipídeos.


Anticoncepcional oral aco6

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Contraceptivos orais e neoplasia.

    • Câncer endometrial e câncer de ovário.

    • Câncer cervical.

    • Câncer de mama.

    • Tumores do fígado.


Anticoncepcional oral aco7

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Benefício.

    • Benefícios contraceptivos.

    • Benefícios não contraceptivos.


Anticoncepcional oral aco8

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Critérios de elegibilidade da OMS.

Fonte: Critérios Médicos de Elegibilidade para Uso de Métodos Anticoncepcionais, OMS, 3ª edição, 2004.


Anticoncepcional oral aco9

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • ACO em situações especiais e interação medicamentosa.

Fonte: Critérios Médicos de Elegibilidade para Uso de Métodos Anticoncepcionais, OMS, 3ª edição, 2004.


Anticoncepcional oral aco10

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • ACO: modos de usar.

    • 21 comprimidos.

    • 22 comprimidos.

    • 24 comprimidos.

    • 28 comprimidos.

  • Casos de esquecimento.

    • Algumas horas.

    • Um dia.

    • Mais de um dia.


Anticoncepcional oral aco11

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Como tratar problemas?

    • Náuseas.

    • Cefaléia leve.

    • Amenorréia.

    • Sangramento de escape.

    • Mastalgia.

    • Retenção de líquido.


Anticoncepcional oral aco12

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • ACO: apresentações farmacêuticas e nomes comerciais.


Anticoncepcional oral aco13

Anticoncepcional Oral (ACO)

  • Bibliografia:

    • Tratado de Ginecologia, 14ª ed, 2008 – Berk & Novak.

    • Tratado de Ginecologia, 1ª ed, 2008 – Pinotti.

    • LinicalynecologicEndocrinologyandInfertility, 7th ed, 2005, Leon Speroff.

    • Trussell J. Contraceptive efficacy. In Hatcher RA, Trussell J, Stewart F, Nelson A, Cates W,Guest F, Kowal D. Contraceptive Technology: Eighteenth Revised Edition. New York NY: Ardent Media, 2004.

    • Critérios Médicos de Elegibilidade para Uso de Métodos Anticoncepcionais, OMS, 3ª edição, 2004.

    • Selected PraticeRecommendatios for Contraceptive Use, WHO, 2nded, 2004.

    • Overview ofcontraception , Up to Date.

    • Overview of the use of estrogen-progestin contraceptives , Up to Date.

    • Risks and side effects associated with estrogen-progestin contraceptives , Up to Date.