Recapitulando
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 32

RECAPITULANDO… PowerPoint PPT Presentation


  • 60 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

RECAPITULANDO…. NO PASSADO…. JULIO. LINA ESTEVES . LEONARDO-LOLA. ESTEVES. ARMANDO. NO PRESENTE…. ZULMIRA EX NOIVA DE MARIO SILVA . ODILA -AMARO. LEONARDO –AVO DE ANTONINA. EVELINA E JULIO. ZULMIRA -AMARO. M. CAPITULO 21 - CONVERSAÇÃO EDIFICANTE.

Download Presentation

RECAPITULANDO…

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Recapitulando

RECAPITULANDO…

NO PASSADO…

JULIO

LINA

ESTEVES

LEONARDO-LOLA

ESTEVES

ARMANDO

NO PRESENTE…

ZULMIRA EX NOIVA DE MARIO SILVA

ODILA -AMARO

LEONARDO –AVO DE ANTONINA

EVELINA E JULIO

ZULMIRA -AMARO

M


Recapitulando

CAPITULO 21 - CONVERSAÇÃO EDIFICANTE

  • C-NossoJúlio, renascerá num equipamentofisiológicodeficitárioque, lheretratará a regiãolesada a quenosreportamos“centrolaríngeo”.

H– Compete-nos, entãoatribuirimportantepapelàsenfermidadesnaesferahumana. Quasetodasestarão no mundo, desempenhandoexpressivopapelnaregeneração das almas

A dor é o grande e abençoadoremédio. Reeduca-nos a atividade mental, reestruturando as peças de nossainstrumentaçãopara a vidaeterna.

Depois do poder de Deus, é a únicaforçacapaz de alteraro rumo de nossospensamentos, compelindo-nos a indispensáveismodificações, com vistas ao Plano Divino.


Recapitulando

CAPITULO 22 - IRMÃ CLARA

O Ministropedeajuda a aIrmã Clara, em favor do esclarecimento de Odila

Porquemotivorogariaele o concurso de outrem, quando sedirigira com tantoêxito à mente de Esteves e Armando, reencarnados?

Porquenãoconseguiriadoutrinartambém a desditosairmãenferma?

Iludes-te. Nemsempredoutrinarserátransformar. Efetivamente,guardoalgumaforçamagnéticasuficientementedesenvolvida,capaz de operarsobre a mente de nossoscompanheirosemrecuperação, masaindanãodisponho de sentimentosublimado,suscetível de garantir a renovaçãoda alma. Dentro de minhaslimitações, estouhabilitado a falar à inteligência,masnão me sintoà altura de redimircorações.

  • A palavra, qualquerqueelaseja, surge invariavelmentedotada de energiaselétricasespecíficas, libertandoraios de naturezadinâmica.


Recapitulando

CAPITULO 22 - IRMÃ CLARA

  • Mas, paraquetenhamos a solução do problema, é indispensáveljamaisnosencolerizarmos

Emtaisocasiões, se nãoencontramos, junto de nós, alguémcom o material isolantedaoraçãooudapaciência, o súbitodesequilíbriode nossasenergiasestabeleceosmais altos prejuízos ànossavida, arrojando-a emsensações de remotopretérito, nasquaiscomoquedescemosquasesemperceber a infelizesexperiênciasdaanimalidadeinferior

E se substituíssemos o termo “cólera” pelotermo “indignação”?

A serenidade, emtodas as circunstâncias, serásempre a nossamelhorconselheira, mas, emalgunsaspectos de

nossaluta, a indignação é necessáriaparamarcar a nossarepulsacontra osatosdeliberados de rebelião ante as Leis do Senhor.


Recapitulando

CAPITULO 22 - IRMÃ CLARA

  • Precisamos, assim, de muitacautelacom a palavra, nosmomentos de tensãoalta do nossomundoemotivo, a fim de que a nossavoznão se desmandeemgritosselvagensouemconsideraçõescruéisquenãopassam de choquesmortíferosqueinfligimosaosoutros, semeandoespinheiros deantipatia e revoltaquenosprejudicarão a própriatarefa.

A orientadora, quefalava com absolutasimplicidade e à maneirade um anjo maternal dirigindo-se aosfilhinhos.OMinistrodeu-lhe a conhecer o objetivo de nossavisitação. AlguémnaTerra precisavaouvi-la, a fim de modificar-se.

Amarguradamulherdevia

renunciaraocompanheiroque

permaneciana Terra,


Recapitulando

CAPITULO 23-APELO MATERNAL

Zulmira, atormentadaporOdila, querealmentelhevampirizavaas forças, jazia no leito

A presencadaIrmã Clara ,emprece,invade o recintoporvastocírculo deluz, fazendo a casa excessivamenteestreitaporaquelaabençoadafonte de raiosbalsamizantes e Odila se aquietacomoquedominadaporbrandacoação.

H– Irmã Clara jáatingiu o total equilíbrio dos centros de forçaqueirradiamondulaçõesluminosas e distintas. Emoração, aoinfluxodamenteemite as vibrações do seusentimentopurificado, projetandoharmonia e beleza .Se partilhássemos com ela a mesmaposiçãoevolutiva, entraríamos agora emrelaçãoimediata com o elevadoplanonaqual se encontra.

Odilapede : Anjo de Deus, socorre-me! socorre-me!... Estouaqui, vingando-me poramor... Estamulhertomou-me o marido e assassinou-me o filhinho!... Quemamafazjustiçapelasprópriasmãos!...


Recapitulando

CAPITULO 23-APELO MATERNAL

  • Haverá, porém, algumponto de contacto entre amor e vingança? “Odila, o ciúmequenãodestruímos, enquantodispomosdaoportunidade de trabalhar no corpodenso, transforma-se emaflitivafogueira a calcinar-nos o coração, depoisdamorte.”

Somos, assim, todosirmãos, partesintegrantes de umafamíliasó.

Játeimaginaste no lugar de Zulmira, experimentando-lheas dificuldades e aflições e de Amaroqueasseverasamar? Se tevisses no mundo, sem a companhia dele, com osfilhinhosnecessitados de consolo e sustentação, nãosentiriasreconhecimentoporalguémqueteauxiliasse a protégé-los?

Medita! A verdadeirafraternidadeajudar-te-á a sentirnaquelaquetesucedeu no larumafilhasuscetível de recolher-te o afeto e aorientação... Retirando a luz do teuamor das chamascomburentesdo inferno de ciúme ,serásrealmentepara o homemquerido e para a filhaqueclamaportuaassistênciaumainspiração e umabênção!...


Recapitulando

CAPITULO 23-APELO MATERNAL

  • Clareia o própriocaminho, a fim de reencontrares o teuanjo e embalá-lo, de novo, aoinvés de teconsagraresinutilmente à vingançaquetecegaosolhos e enregela o coração. Vamos à procura de nossarenovação com Jesus!...

  • Clara, alcançara o pontosensíveldaquela alma atribulada

C– Agora, Zulmirapoderárecuperar-se. A adversáriaretirou-se

sem a violênciaquelheprejudicaria o campo mental


Recapitulando

CAPITULO 24-CARINHO REPARADOR

Odila, foiinternadanumainstituiçãode tratamento, poralgunsdias, e, durantesetenoitesZulmirafoivisitada a fim de auxiliar o soerguimentodela.

Odila se submete à assistênciamagnética, a fim de sondar o passado, poisreconhecera o impositivo de suacolaboração com o maridoparaalcançarem ambos a vitória real nosplanos do espírito.

  • Nãotemossabido cultivar o amorque é sacrifíciona Terra para a edificaçãode nossoparaísoespiritual.Temosexigidoquandodevemosdar, dilaceradoquandonoscaberecompor!...

  • Odila á Armando -É precisoacalmar o coraçãoparaque a vidanosauxilie a entendê-la, é indispensávelceder de nós, a fim de receber dos outros o concurso dequenecessitamos... Na aspereza de meussentimentosdeseducados,vinhaeuadubando o espinheiro do ciúme, atormentando-te opensamento e perturbando a nossa casa! Mas, emalgunsdiasrápidos, adquirimaisamplapenetraçãoemnossosproblemas,usando a chaveda boa vontade!... Queromelhorar-me, progredir,reviver...


Recapitulando

CAPITULO 24-CARINHO REPARADOR

A-Quefazer de Zulmira, colocada entre nóscomo

empecilho ànossaverdadeiraunião?

O– Nãoraciocinesdessemodo! Elanãopermaneceria

emtuaestradasemmotivojusto.

  • Clarêncioabeirou-se do ferroviário e, tocalhe a fronte, oferecendo-lheao campo mental oretornoimediatoàsrecordações das dívidasporelecontraídas noParaguai.

O-Se Zulmirafoisituada no templo de nossoamor , é quenossoamorlhedeve a bênçãodafelicidade de quenossentimospossuídos... O larnão é apenas o domicílio dos corpos... É o ninho dasalmas.Aceitemos a provação e a dor, comoabençoadasinstrutoras de nossaromagempara Deus...

Amarorecuperou o corpofísicosentindovontade de rir e cantar...

FoientãoqueOdila o enlaçoucarinhosamente e exclamou:

O– Estendamos a nossafelicidade! Zulmiraesperapornossoamor...


Recapitulando

CAPITULO 25-RECONCILIAÇÃO

Amaronãoregistra o convite de Odilanãoem forma de palavras

ouvidas, masrecebeu-o comosilenciosoapelo à vida mental

  • Amaroretomaseuapreço e amor a Zulmira e o sentimentopuro com queAmaro se dirige agora à esposa é fatordecisivo

Amaro! – exclamouZulmira, conservandoaindaosúltimosresíduosmentais do complexo de culpa emque se torturava – comoteagradeço a alegriadestahora!... Entretanto, aimagem de Júlionão me saidalembrança... Sintoque o remorso me persegue.

Amaro – Esqueçamos o passado


Recapitulando

CAPITULO 25-RECONCILIAÇÃO

  • EVELINA, EM ESPÍRITO ENCONTRA-SE COM SUA MÃE.

“tenhoorado, tenhopedidoaoseucoraçãoquenosauxilie...”

  • Sim, Evelina, seiqueemtuaabnegaçãonãotedescuidasdaprece. Jesus terárecebidoteusrogos... Achava-me surda, sinto, porém, queminhalmadespertahoje... e vejoquenos competealgofazerpararestaurar o valor de teupai e a alegria de nossa casa...

Nãoolvides a prece, querida, mas a súplicaquenão age pode ser umaflorsem perfume. Comecemosporrefundir a confiançaemtua nova mãe. Faze-temelhorparaela...


Recapitulando

CAPITULO 25-RECONCILIAÇÃO

  • Nãotedetenhastãosomentenas boas intenções.Movimenta-te no trabalhoencorajadordaharmonia. Sê o anjo do serviçoemnossacasinhasingela! Aproveita a oportunidade e faze o melhor!...

- Meu Deus : tenho a impressão de que um anjopenetrounossa casa. Tudohojeamanheceucontentamento e bomânimo!... Odiladeve ser o nossogênioprotetor

Aqueletestemunho de gratidão, partido com a melhorespontaneidadedamulherconsiderada, atéentão, porinimiga, tocou as recônditasfibras de Odilaque, incapaz de suportar a emoção, começou a chorar entre o reconhecimento e o regozijo


Recapitulando

CAPITULO 26 - MÃE E FILHO

EM VERDADE, QUANDO OAMOR SUBLIME PENETRA EM NOSSO CORAÇÃO, A LUZ DO SENHOR PASSA AREGER OS PASSOS DE NOSSA VIDA.

Venceste, valorosa ,compreendeste o santodever do amor. Abençoarásparasempreestemaravilhosodia de renúncia e doação de timesma,perdeste peso espiritual, habilitando-te à elevação de nível.

  • Vamos! Deste agora o amorpuro e, porisso, o amorpuronãotefaltará. Hojemesmo, estarásaolado de teuJúlio...

AcompanhandoClarêncio, atingimos a residência de Blandina,

Odilaprecipitou-se sobre o meninoenfermo, bradando, alarmada:

– Meufilho! Júlio! Meufilho!...


Recapitulando

CAPITULO 26 - MÃE E FILHO

Indubitavelmente, a Sabedoria Universal colocouimperscrutáveissegredos no carinhomaterno. Algo de milagroso e divinoexistenoslaçosqueunemmães e filhosque, porenquanto, nãopodemosapreender

A criançadoentetransformou-se, de súbito.

– Mãe! gritou, Júlio, e completamentemodificado, contava-lhequantolhedoía a garganta, mostrando-lhe a gloteextensamenteferida

Odila:– Aflige-me encontrá-lo assim , nãopossoatinar com a razão de umaúlceratãogrande, sem o corpo de carne... Nãotenho bases paraentender de umasóveztudoquantovejo, mesmoporquetambémeuandavalouca, incapaz de raciocinar...

Clarêncio: como é natural, encontrarápelafrentevariadosproblemasligadosaocaminho de elevaçãoquelhe é próprio. Achamo-nostodosinfinitamentelonge do Céuquefantasiávamosna Terra e cadaqual de nósdetémconsigodeficiênciasqueseráprecisosuperar. O passadoreflete-se no presente.


Recapitulando

CAPITULO 26 - MÃE E FILHO

  • PorquenãoesclarecerOdila, com respeitoaopretérito de Júlio?

    Seriaaconselháveldeixá-la entregue a informaçõesdeficientes, quandolheconhecíamosextensamenteos enigmas daorganização

    familiar? Porquenãolheexplanarfrancamente o impositivo

    dareencarnação do menino?

C - À primeira vista, seriaefetivamenteesse o caminho a seguir, entretanto as recordações do pretéritonãodevem ser totalmentedespertadas, paraqueansiedadesinúteisnãonosdilaceremo presente. A verdadepara a alma é como o pãopara o corpoquenãopodeexorbitarda quota necessária a cada dia. Toda precipitaçãogeradesastres.

Se movêssemos as decisões, Odilaobservar-se-iaanuladaemsuacapacidade

de agir,aopassoque, confiando a ela as deliberaçõesque o caso

reclama, adquiriránovo interesseparaauxiliarZulmira, de vez

que a segundaesposa de Amarosubstitui-la-á nacondição de

mãe, oferecendo novo corpoaofilhinho...


Recapitulando

CAPITULO 27 - PREPARANDO A VOLTA

Odilamostrou-se preocupada. Recursosmedicamentosos e passes

magnéticosnãofaltavam a Julio, contudo, nãosurtiamefeito.

Jamaissupusera a existência de tantasenfermidadesapos a morte

Tentaraobteresclarecimentos de vários amigos, e todos, à uma, repetiamsemprequeoscompromissosmoraisadquiridosconscientementena carne somentena carne deveriam ser resolvidose que, porissomesmo, a reencarnaçãoparaJúlio era o únicocaminho a seguir, no caminhodaprópriarecuperação.

C- NossoJúlionão é umacriaturacomum e, poressemotivo, nãoseriajustorenascer no mundo a esmo, assimsendo, analisemos o quadro de tuasrelaçõesafetivas...

– Tens grandeplantio de amizadespurasna Terra? Emquestões de auxílio, nãopodemosperderosnossossentimentos de vista. Tantoparaentrar no reino do espírito, comoparaentrar noreinoda carne, emmelhorescondições, nãopodemosprescindirdacooperação de amigos sincerosquenosconheçam e nosamem.

Odila : Sempreocupada com a nossa casa e com anossafamília, nuncapudeefetivamente cultivar tantasafeições,comoseria de desejar. Amaro, porem …


Recapitulando

CAPITULO 27 - PREPARANDO A VOLTA

A reencarnaçãocomo lei exigia o concursodaamizadepara

cumprir-se? Os desafetosdavidainfluíamemnossofuturo? O

trabalhoreencarnatórionãoseriaumaimposição natural ?

C-: A lei é sempre a lei. Nossaatitude, porém, podefavorecer-lheoucontrariarlhe o curso, em favor ouemprejuízo de nósmesmos. O renascimentona carne funcionaemcondiçõesidênticasparatodos, contudo, à medidaque se nosdesenvolvem o conhecimento e o amor, conseguimoscolaboraremtodososserviços do aperfeiçoamento moral emnossasrecapitulações.

Quemcultiva a amizadesomentenafamíliaconsangüínea, dificilmenteencontrameiosparadesempenharcertasmissõesforadela.

H– E quando, desprevenidos, deixamosque a antipatiacresçaemderredor de nós?

C– Toda antipatiaconservada é perda de tempo, emmuitasocasiõesacrescida de lamentáveiscompromissos. O espinheirodaversãoexigelongostrabalhos de reajuste. Emváriascircunstâncias, paracurar as chagas de um desafeto, gastamosmuitosanos, perdendo o contacto com admiráveiscompanheiros de nossajornadaespiritualpara a Grande Luz.


Recapitulando

CAPITULO 27 - PREPARANDO A VOLTA

Assistidaporirmã Clara, Odilavoltraaoantigolar, no propósito de acompanharZulmiraaté o grupo, e logo depoisZumiraencontra-se com Julio.

É verdadeiramenteJúlio! – confirmouOdila, fraternal – paraeleterogamossocorro! Nossopequenoprecisarenascer, Zulmira!

Poderásauxiliá-lo, oferecendo-lhe o regaço de mãe?

  • –Afagou o pequeno e disse: Estoupronta! Devo a Júliocuidadosquelheneguei... Sintoqueassimnuncamaissereiassaltadapeloremorso de nãohaverfeitoporelequanto me competia!... Serámeufilho, sim!... Ó Senhor, ampara-me!...


Recapitulando

CAPITULO -28 - RETORNO

PROVA NECESSÁRIA DE JULIO

C : Júliosofrerá o aflitivodesejo de permanecer

na Terra, com o empréstimo do corpofísico a prazo

longo; entretanto, suicidaquefoi, com duastentativas

de auto-aniquilamento,porduasvezesdeveráexperimentar

a frustraçãoparavalorizar com maissegurança a bênção

davidaterrestre.Elejápassoupeloafogamento e agora

enfrentará a intoxicação. Tudoisso é lastimável, no entanto...

– Quemaprenderásem a cooperação do sofrimento?

Penso, contudo, no martírio dos pais... – considerouHilário

C- Com o desequilíbrioemocional deAmaro e Zulmira, no pretérito, Júlioarrojou-se a escurodespenhadeirode compromissosmorais e, naatualidade, reabilitar-se-ácom a cooperação deles. Ontem, o casal, poresquecê-lo, inclinou oà queda; hoje, poramá-lo, garantir-lhe-á o soerguimento.O reequilíbrioda alma no ambientequelhe é familiar no mundoconstitui base firmepara o êxitodareencarnação.


Recapitulando

CAPITULO -28 - RETORNO

ZulmiraemEspíritoestendeu-nosbraçosfraternos. Estava

bela, radiante de alegria... E, quandorecebeuJúlio, aconchegando-oaoprópriopeito, pareceu-me sublimadamadona, aureoladapormaternidadevitoriosa

Zulmira, desdeentão, afigurou-se-nosintegralmenteconcentradano filhinho. Abraçadoaocolomaterno, pareciafundir-se nele.

O corposutil do meninocomoque se justapunhaaosdelicadostecidos do perispírito maternal, adelgaçando-se gradativamenteaosnossosolhos.

  • C– A reencarnação de Júlioé umadescida experimental ao campo damatériaTodavia, se a existência do filho de Amaroestivessedestinada, no momento, a influenciar a comunidade, se ele fosse detentor de méritosindiscutíveis, com responsabilidadesjustasnoscaminhosalheios, o problemaseriaefetivamenteoutro. Forças de ordem superior seriamfatalmentemobilizadaspara a interferêncianoscromossomos, garantindo-se oembrião do veículofísico de maneiraadequada à missãoquelhecoubesse...


Recapitulando

CAPITULO 29 - ANTE A REENCARNAÇÃO

Júliodormia . Desapareciapouco a pouco, naconstituição

orgânica de Zulmira, como se a futuramãezinha fosse um

filtromiraculoso a absorvê-lo.O corposutil do menino

denotavaespantosatransformação .Tive a idéia de

queelee Zulmira, alma com alma, se fundiamum

no outro. A transfusãofluídica era alievidente.

A reencarnação, tantoquanto a desencarnação, é um choquebiológico dos maisapreciáveis. Unido à matrizgeradora do santuáriomaterno, embusca de nova forma, o perispíritosofre a influência de fortes correnteseletromagnéticas, quelheimpõem areduçãoautomática.

Querodizerqueosprincípiosorganogênicosessenciais doperispírito de Júliojá se encontramreduzidosnaintimidade doaltar materno e, à maneira de um ímã, vãoaglutinandosobresiosrecursos de formação do novo vestuário de carne quelheserá ovasopróximo de manifestação.


Recapitulando

CAPITULO 29 - ANTE A REENCARNAÇÃO

C: Também o corpofísicoparecedormirnadesencarnação,quando, narealidade, começa a restituir as unidadesquímicasqueo compõem à Natureza ,apenas com a diferença de que a alma desencarnada, aindamesmoquandoemdeploráveiscondições de sofrimento e inferioridade,avançapara a libertaçãorelativa, aopassoque, emnosreencarnando,sofremos o processo de voltaàsteiasdamatériadensa

Clarêncio – Imaginemos um pêssegoamadurecido, lançado à covaescura,a fim de renascer. Decompostoemsuaestrutura, restituiráaosreservatóriosdaNaturezatodososelementosdapolpa e dosdemaisenvoltóriosquelherevestemosprincípiosvitais, reduzindo-se no imo do solo aoembriãominúsculoque se transformará, no espaço e no tempo, em novo pessegueiro.


Recapitulando

CAPITULO 29 - ANTE A REENCARNAÇÃO

  • H- E a questãodahereditariedade?

A hereditariedade, qual é aceitanosconhecimentoscientíficosdo mundo, tem osseuslimites. Filhos e pais, indubitavelmente,aindamesmoquando se cataloguemdistantesuns dos outros,sob oponto de vista moral, guardamsempreafinidademagnéticaentre si; dessemodo, osprogenitoresfornecemdeterminadosrecursosaoEspíritoreencarnante, masessesrecursosestãocondicionadosàsnecessidadesda alma quelhesaproveita a cooperação,porque, no fundo, somosherdeiros de nósmesmos.

H- Assimilamos as energias de nossospaisterrestres, namedida de nossas

qualidades boas oumás, para o destinoenobrecidooutorturado aquefazemos jus, pelasnossasconquistasoudébitosquevoltam àTerra conosco, emergindo de nossasanterioresexperiências.

– Somosentãolevados a crerqueJúliotransportaráconsigo a

enfermidadequesofriaemnossoplano, à maneira de alguémque,

em se mudando de domicílio, nãomodifica o quadroorgânico…


Recapitulando

CAPITULO 29 - ANTE A REENCARNAÇÃO

E QUANTO AS AQUISIÇÕES DAS DOENÇAS?

  • DOENÇAS CÁRMICAS

  • são as congénitas e as hereditárias, resultantes dos desequilíbriosquetivemosemvidaspassadas

  • DOENÇAS ADQUIRIDAS são as provocadaspordesequilíbriostidosnestavida actual.

  • PREDISPOSIÇÕES (físicasouespirituais) provenientes de um ouváriosdesequilíbrios das vidaspassadas e/ou de tendênciasgenéticasque, ante umafragilidadenapresenteexistência, se manifestam sob a forma de doença

  • (a predisposição é cármica, mas a doença é adquirida).

HádoiscomportamentosquemarcamNEGATIVAMENTE o perispírito e queprovocam asdoençascármicas:


Recapitulando

CAPITULO 29 - ANTE A REENCARNAÇÃO

  • A CONSCIÊNCIA CULPADA, tantopelo mal quefizemos – a nós e/ouaosoutros –comopelobemquedeixámos de fazer (quandoporegoísmooucomodismo, optamospornão o fazer).

  • O DESEJO DE CONTINUAR DOENTE. Estaatitudevaimarcarfortemente o perispírito, fazendo com queessamarcapasseparaoutrasvidas, onde o atualdesprezopelasaúde, seráresgatadopelodesejo de a poderrecuperar.

…Herdeiros de nosmesmos

Masnãohá nada que se possafazerparasuavizar asdoençascármicas?

a)aceitar a doença com umaresignaçãoativa(esforçoconstanteparasuperarouamenizar as limitaçõesdesta, quersejamfísicasoupsíquicas; b) nuncanosrevoltarmos; c) trabalhar a favor do próximo– o Mestre Jesus nosdisse : que“o amorcobre a multidão de pecados” fazer o bemincondicionalmente é umaexcelentemaneira de suavizarmos as nossasdívidas do passado e de amenizarmos as marcas no nossoperispírito.


Recapitulando

CAPITULO 29 - ANTE A REENCARNAÇÃO

  • C- Durante a gravidez de Zulmira, a mentede Júliopermaneceráassociada à mentematerna, influenciando,como é justo, à formação do embrião. Todo o cosmocelular donovo organismoestaráimpregnadopelasforças do pensamentoenfermiço de nossoirmãoqueregressaaomundo.

Assimsendo, Júliorenascerá com as deficiências de queainda é portador, emborafavorecidopelo material genéticoquerecolherá dos pais, noslimitesda lei de herança, para a constituição do novo envoltório.

Um mêsdepoisZulmira, contraiperigosaamidalite. A enfermidadeameaçarZulmiranatarefa maternal . Odila, induzAmaro a trazer um medico.

Hilárioindagousobre a causadamoléstiainsidiosa.

C– A questão é sutil. A mulhergrávida, alémdaprestação deserviçoorgânico à entidadeque se reencarna, é igualmenteconstrangidaa suportar-lhe o contactoespiritual, quesempreconstituium sacrifícioquando se trata de alguém com escurosdébitos deconsciência.


Recapitulando

CAPITULO 30 -LUTA POR RENASCER

PROCESSO DE ENXERTIA

ENXERTIA MENTAL

  • Os pensamentos do ser que se acolheenvolvem-natotalmente, determinandosignificativasalteraçõesemseucosmobiológico. Se a crianca é dono de elogiáveisqualidadesmorais, consegueauxiliar o campo maternoconvertendo a maternidadeemestação de esperanças, mas no processo de Júlioobservamosduasalmasque se ajustamnasmesmasdívidas e namesmaposiçãoevolutiva.

  • A permuta de impressões entre ambos é inevitávele ospadecimentosqueJúliotrazianagargantaforamimpressosnamente maternal,queosreproduz no corpoemque se manifesta.A corrente de troca entre mãe e filhonão se circunscreve à alimentação de natureza material; estende-se aointercâmbioconstante das sensaçõesdiversas.


Recapitulando

CAPITULO 30 -LUTA POR RENASCER

Com o desenvolvimentodagravidez, medidaque o embriãovai se estruturando, conforme o moldeenergético dado pelasmatrizesperispirituaisdaentidadereencarnante, vão se intensificando as trocasfluidicasouenergéticas, entre o perispíritodamãe e o espíritoreencarnante.

Observa-se , umaintensasintoniavibratória com grandeintercâmbio de camposenergéticos. Sucedequeestasvibraçõespermutadaspodem ser doentes (espiritualmentefalando ) ousadias.

  • As vivências das encarnaçõesanteriores, registradasnosarquivosenergéticos do espírito.

  • As experiências de sofrimentosaindanãoresolvidaspsicologicamente.

  • Os ressentimentosmantidos, sãoconcentrações de força a irradiarsobre a estruturapsicofísicamaterna.

Estastrocasfluidico-energéticas , frequentementeproduzemenjôos a

  • mãe.Estestambém tem causasmeramenteorgânicasligadas a fatoresanatômicos e fisiológicos do processogestacional. Atribuiraosenjôosapenassignificado de ordemespiritual, seriaempobrecer a ciênciaespírita e comprometersuaimagemperante as pessoas de bomsenso.


Recapitulando

CAPITULO 30 -LUTA POR RENASCER

Muitasvezes, a gestantereveladecréscimo de vivacidade mental e, nãoraro, enunciapropósitosdamaisrematadaextravagância. Hámulheresqueadquiremantipatiassúbitas, outras se recolhem a fantasias tãoinesperadasquantoinjustificáveis. A gestante é umacriaturahipnotizada a longoprazo.

– Estamoscertos de que a ciência do porvirajudará a mulhernadefesa contra essaespécie de aborrecimentoorgânico . O organismomaterno, absorvendo as emanaçõesdaentidadereencarnante, funcionacomo um exaustor de fluidosemdesintegração, fluidosessesquenemsempresãoaprazíveisoufacilmentesuportáveispelasensibilidadefeminina.

O pequeno de conformidade com a aprovaçãodapequenafamília, chamar-se-ianovamenteJúlio.


  • Login