As terras que os europeus conquistaram
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 19

AS TERRAS QUE OS EUROPEUS CONQUISTARAM PowerPoint PPT Presentation


  • 703 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

AS TERRAS QUE OS EUROPEUS CONQUISTARAM. As culturas indígenas americanas; Os primeiros habitantes da américa; Sociedade de caçadores, coletores e agricultores; Tupis-guaranis na América do Sul. 1-) As culturas indígenas americanas;.

Download Presentation

AS TERRAS QUE OS EUROPEUS CONQUISTARAM

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


As terras que os europeus conquistaram

AS TERRAS QUE OS EUROPEUS CONQUISTARAM

As culturas indígenas americanas;

Os primeiros habitantes da américa;

Sociedade de caçadores, coletores e agricultores;

Tupis-guaranis na América do Sul.


1 as culturas ind genas americanas

1-) As culturas indígenas americanas;

  • 1º Aspecto: Século XVI  chegada dos missionários jesuítas = catequização;

  • 1988  Política Educacional para os indígenas mudou (Época da Nova Constituição);

  • 2000  Modelo educacional passou a ser Intercultural e Bilíngue = “Escolas Indígenas”;

  • LEMBRAR:

    • Serviço de Proteção ao Índio (SPI) – criado por Marechal Rondon em 1910;

    • FUNAI – Fundação de Nacional do Índio (1967).

    • Padre Antônio Vieira – Política e oratória – combateu a exploração e escravização dos povos indígenas.

    • Sermões: obra de considerável importância literária do barroco brasileiro e português.


2 os primeiros habitantes da am rica

2-) Os primeiros habitantes da América

  • Final do século XV – 5.000.000 de índios e uma média de 1150 línguas e dialetos;

  • Hoje – 218 etnias e uma média de 180 dialetos;

  • Indígenas que habitavam a América se dividem em DOIS GRUPOS:

  • 1-) AGRICULTORES, CAÇADORES E COLETORES: América do Norte e América do Sul: ex Sioux e Tupis-guaranis;

  • 2-) GRANDES CIVILIZAÇÕES AGRÍCOLAS: Mesoamérica (América Central): ex  Maias, Astecas e Quíchuas (Incas);


3 sociedade de ca adores coletores e agricultores

3-) Sociedade de Caçadores, Coletores e Agricultores:

  • ATIVIDADES  Homens e mulheres praticavam atividades distintas (divisão por gênero e por faixa etária);

  • HOMEM  Derrubadas, preparação da terra para o cultivo, caça, pesca...

  • MULHER  Agricultura, coleta, atividades domésticas, artesanato (produção de cestos...)...

  • MATERIAIS UTILIZADOS: madeiras e pedras;

  • AMERÍNDIOS  dominavam a arte de fazer fogo (Aquecimento, alimento, iluminação, proteção, fabricação de recipientes de barro ( ex: Ilha do Marajó);

  •  não deixaram monumentos grandiosos: as construções eram, habitualmente, feitas de madeira, cipó e capim;

  •  restos arqueológicos: Cerâmicas e Sambaquis.


Cer mica marajoara

CERÂMICA MARAJOARA

  • A Cerâmica Marajoara é fruto do trabalho dos índios da Ilha de Marajó. A fase mais estudada e conhecida se refere ao período de 400/1400 dC.

  • Marajó é a maior ilha fluvial do mundo, cercada pelos rios Amazonas e Tocantins, e pelo Oceano Atlântico. Localiza-se no Estado do Pará-PA, região norte do Brasil.


Sambaquis

Sambaquis


Organiza o social

ORGANIZAÇÃO SOCIAL:

  • TRIBO  abrangente porque variava em termos numéricos; poderia reunir várias aldeias e controlar extenso território;

  • Havia um poder político: GUERREIROS, XAMÃS (curandeiros, pajés em tupi-guarani);

  • Algumas tribos se dividiam em CLÃS (Grupo que se reúne por parentesco e linhagem que é definido pela descendência de um ancestral comum);

  • ANTROPOFAGIA  ESPÍRITO CANIBAL (ritual usado quando o guerreiro inimigo era vencido. Era uma forma de tomar para si as forças e a coragem do outro);

  • LEMBRAR: O QUE É O MANIFESTO ANTROPOFÁGICO??


Pr colombianos

PRÉ-COLOMBIANOS


Am rica do norte sioux

AMÉRICA DO NORTE - SIOUX

  • Significado: serpente;

  • Os Sioux eram bastante diversificados e se subdividiam em outros grupos: SANTEES, YANKETONS, TÉTONS...

  • Viviam nos prados (campos) do Mississipi e Missouri;

  • Eram aliados dos CHEYENNES;

  • Eram inimigos dos CROW;

  • Possuíam o próprio idioma, mas uma linguagem de sinais permitia a comunicação com outras tribos;

  • AGRICULTURA: milho, caça do bisão, búfalo;

  • OSSOS, CHIFRES: eram utilizados na fabricação de armas;

  • Vestimentas, Utensílios domésticos, tendas;

  • Religiosidade: dança do sol.


Am rica do sul tupi guaranis

AMÉRICA DO SUL: TUPI-GUARANIS

  • Localização: litoral Sul-Americano  do Norte ao Rio da Prata;

  • ALDEIAS: em média 500 pessoas, 6 grandes casas;

  • MOBILIÁRIO: redes, objetos de madeira e cerâmicas; utensílios de pedras e ossos;

  • AGRICULTURA: mandioca, milho, batata doce, amendoim, abacaxi, pacova (Banana);

  • Acreditavam na Reencarnação  nas crianças;

  • Ritual Antropofágico: canibalismo (praticado pelos Tamoios e tupinambás)  comer a carne do guerreiro = significado místico


4 grandes civiliza es agr colas

4-) Grandes Civilizações Agrícolas

  • CULTURAS PRÉ-COLOMBIANAS:

  • Comunidades Altamente Desenvolvidas;

  • Monumentos de grande proporção;

  • Escrita, sistema matemático, astronomia, calendário;

  • MESOAMÉRICA  MÉXICO (América Central) Maias e Astecas (matriz desses povos OLMECAS)

  • REGIÃO ANDINA  Equador, Chile, Bolívia, Peru = Quíchuas ou Incas;

  • “... Estão longe os tempos em que autores [...] podiam considerar as altas culturas pré-colombianas como primitivas. Elas eram, pelo contrário, como tem sido demonstrado cada vez com maior clareza e riqueza de dados, sofisticadas e complexas; e apresentavam, em suas relações sociais e em suas categorias de pensamento, lógicas coerentes [...]”

  • CARDOSO, Ciro Flamarion. Poder político e religião nas altas culturas pré-colombianas: astecas, maias e incas. In: VAINFAS, Ronaldo (org). América em tempos de conquista. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1992


Os astecas guerreiros dos deuses

Os Astecas: guerreiros dos Deuses

  • Espanhóis pisaram em terras do atual México no século XVI – encontraram um poderoso Império na região;

  • Os astecas  souberam absorver a cultura dos povos vencidos na região;

  • Dentre as maiores contribuições assimiladas estão as dos maias no que refere à ASTRONOMIA e na CONTAGEM DO TEMPO;

  • CULTURA OLMECA  considerada a matriz de todas as culturas posteriores da Mesoamérica (séc. XII a.C.);

  • CALENDÁRIO SOLAR: composto de 18 meses e 20 dias e mais 5 dias complementares;

  • POLÍTICA: espécie de monarquia de caráter teocrático e militar.


As terras que os europeus conquistaram

  • TLACATECUHTLI chefe dos guerreiros = comandava os exércitos e cuidava da política externa; (domínio pelas armas);

  • AGRICULTURA: Sofisticada, desenvolvimento de IRRIGAÇÃO = o que possibilitou a fixação de um grande número de pessoas numa mesma região;

  • GRANDE HIERARQUIZAÇÃO SOCIAL  Nobreza, comerciantes e artesãos de elite, escravos, camponeses, prisioneiros de guerra;

  • ESTRATIFICAÇÃO SOCIAL;

  • ARQUITETURA E ORGANIZAÇÃO URBANÍSTICA  evidenciavam um profundo conhecimento de cálculos matemáticos;

  • TENOCHTITLÁN  Capital do Império = suntuosos canais, praças, templos, palácios, lojas, residências (muito maiores do que a maior cidade espanhola na época da conquista do México = SEVILHA);

  • CONQUISTADORES: Bernal Díaz delCastillo = chegou a afirmar que a cidade podia ser equiparada a Constantinopla ou Roma.


Os maias senhores do tempo

Os Maias: senhores do tempo

  • Cidades-Estados independentes;

  • Teocracia: autoridade emanada pelos deuses é exercida por um representante na Terra;

  • Esse representante tinha CARÁTER HEREDITÁRIO: HALACH UINIC;

  • HalachUinic e a Elite cercados de guerreiros e exerciam funções políticas e religiosas;

  • PRESTÍGIO: ligado à capacidade de fazer prisioneiros durante as guerras para sacrificá-los em rituais religiosos;

  • Entre IV e X da era cristã: cultura maia floresceu no sul do México (Península de Iucatán) e na América Central;

  • CIDADES-ESTADOS MAIAS: já se encontraram em declínio no momento da conquista espanhola – a destruição de seus registros limitou o avanço dos estudos, principalmente no que se refere à escrita de caracteres hieroglíficos.


As terras que os europeus conquistaram

  • Apesar da escassa documentação, os estudos permitiram reconhecer o extraordinário impulso dado pelos maias aos conhecimentos matemáticose astronômicos:

  • Conheciam os ECLIPSES solares e o movimento dos planetas;

  • Seus cálculos utilizavam a NOÇÃO DO ZERO  permitiram elaborar calendários complexos, usados para prever movimentos dos astros ao longo de milhares de anos;

  • ESSES CALÉNDÁRIOS ATÉ HOJE PREOCUPAM OS PESQUISADORES;

  • MAIS IMPORTANTES CALENDÁRIOS MAIAS:

    • Solar: 18 meses e 20 dias e 5 complementares;

    • Calendário Sagrado: 260 dias, baseado em combinações de 20 signos e 13 números  deles se originavam ciclos de 52 anos, que é o tempo necessário para que o calendário solar se coincida com o início do calendário sagrado;

    • OBS: Coincidência ou não, um desses ciclos se iniciava justamente no dia em que os espanhóis desembarcaram no México;


Os qu chuas s ditos dos incas

Os Quíchuas, súditos dos Incas

  • Império Inca  abrangia terras dos atuais Peru, Equador, Bolívia, Chile e Argentina;

  • Etnia Quíchua  o mais extenso da América Pré-colombiana;

  • Século XIV  surgiu em torno do núcleo quíchua de Cuzco (Umbigo), no Peru, e em 100 anos expandiu-se vigorosamente em várias regiões;

  • Não houve tempo para consolidar conquistas ou organizar efetivamente sua administração  talvez por isso em 1532 tenha ruído com a chegada dos espanhóis;

  • MONARQUIA TEOCRÁTICA HEREDITÁRIA;

  • Governante: considerado descendente direto do Sol e sua encarnação adorada como um Deus  também era comandante supremo do exército e legislador;

  • Podia ter várias mulheres, além da coya, a esposa principal;


As terras que os europeus conquistaram

  • Não havia regras definidas para a sucessão: o que gerava conflitos entre os irmãos pelo poder;

  • Choques desse gênero enfraqueceram o Império Inca pouco antes da Conquista Espanhola, tornando-a mais fácil;

  • Contribuíram também para a instabilidade: frequentes confrontos entre altos funcionários do Estado;

  • Apesar disso a base da sociedade andina mostrou extraordinária solidez  sobreviveram à queda do Império e atravessaram séculos formando pequenas comunidades camponesas;

  • CAMPONESES: foram a principal força do Império  agricultura sustentava todas as classes e forneciam um dia de trabalho para a construção de canais de irrigação e das estradas que cortavam todo o império;

  • Cidades que se destacam: Cuzco e Machu Picchu grandes pirâmides escalonadas e construções de pedra e adobe (tijolo cru);

  • Utilizavam alpaca e lhama: transporte, lá, alimento;

  • Conheciam: astronomia, astrologia e conceitos matemáticos (sistema numérico decimal);


Imp rio inca

IMPÉRIO INCA

CUZCO

(Umbigo)

MACHU PICCHU

(Velha Montanha)


Atividade de casa

Atividade de casa

  • Fazer os exercícios: 1, 3, 5, 6 8 e 10

  • PARA O DIA: 10/02


  • Login