WORKSHOP:
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 39

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL PowerPoint PPT Presentation


  • 54 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

WORKSHOP: “ PLANO DE AÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DA FRUTICULTURA, FLORICULTURA E AGROINDÚSTRIA DO ESTADO DO AMAZONAS” APRESENTAÇÃO: EUVALDO BRINGEL OLINDA PRESIDENTE DO INSTITUTO FRUTAL 06 de Março de 2007.

Download Presentation

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

WORKSHOP:“ PLANO DE AÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DA FRUTICULTURA, FLORICULTURA E AGROINDÚSTRIA DO ESTADO DO AMAZONAS”

APRESENTAÇÃO: EUVALDO BRINGEL OLINDA

PRESIDENTE DO INSTITUTO FRUTAL

06 de Março de 2007

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

EQUIPE DE TRABALHO:

Euvaldo Bringel Olinda

Presidente

Idealizador da FRUTAL e do SINDIFRUTA, Vice-Presidente da FACIC, Produtor, Engenheiro, Pós-Graduado

em Administração e Negócios. Presidente do Instituto Frutal, Ex-Diretor da PROFRUTAS – Associação dos

Produtores e Exportadores de Frutas do Nordeste, do IBRAF – Instituto Brasileiro de Fruticultura e da FAEC

– Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará. Maior produtor de graviola do Brasil.

Fernando Antônio Mendes MartinsDiretor Geral

Expert em Comércio Exterior desde 1978. Foi coordenador e articulador de atração de investimentos da

Secretaria da Agricultura do Estado do Ceará (SEAGRI), programa que gerou 8.500 novos hectares de

fruticultura e floricultura, com 11.800 empregos diretos e 250 milhões de dólares em investimentos diretos.

Participou de 53 feiras em 30 países. Fluente em inglês, francês, espanhol e português, com conhecimento

em italiano.

Antonio Erildo Lemos Pontes

Diretor Técnico

Engenheiro Agrônomo com experiência em fruticultura irrigada. Especialização em Agricultura Irrigada por

Sistema Pressurizado em Israel e Especialização em Gestão Ambiental pela Universidade de Fortaleza –

UNIFOR, Membro Efetivo do IBGE/GCEA do Ceará, Consultor do SEBRE/CE na área de agronegócio da

fruticultura, Membro Titular do Comitê Estadual do Programa do Governo Federal “LUZ PARA TODOS”,

Coordenador Técnico da FRUTAL Nacional desde sua primeira edição em 1994 e Coordenador Técnico da

FRUTAL AMAZÔNIA nas edições 2006 e 2007.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

EQUIPE DE TRABALHO:

Francisco de Assis Mesquita Almeida

Moderador/ Consultor

Moderador Senior credenciado pela GTZ – Sociedade Alemã de Cooperação Técnica, para condução de

Processos Participativos (Planejamento, Capacitação, Sensibilização, Mobilização e Outros), conforme

método ZOPP (Planejamento de Projetos Orientado por Objetivos). Condução de mais de 300 eventos.

José Maria FreireEngenheiro Agrônomo

Eng. Agrônomo com mestrado em Solos e Nutrição de Plantas. Exerceu as atividades de pesquisa junto a

empresa estadual do Ceará por 15 anos. Realizou treinamentos e seminários, destacando-se o treinamento

em programas avançados de tecnologias de irrigação e fertilizantes no IFDC nos EUA. Consultor de solos e

nutrição para várias empresas, tendo vários trabalhos publicados. Atualmente como bolsista da FUNCAP

exerce a gerência de tecnologia da Ematerce.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

EQUIPE DE TRABALHO:

José Sérgio Baima Magalhães

Engenheiro Agrônomo

Eng. Agrônomo, especialista em mercado de frutas e hortaliças, informações gerenciais agrícolas, comercialização do agronegócio e administração de mercado. Consultor do INSTITUTO AGROPOLOS DO CEARÁ e INSTITUTO FRUTAL. Coordenador do Sistema de Informação Gerencial- SIGA da SEAGRI-CE. Sócio da Sabor & Cor, empresa cearense de comércio e exportação de produtos alimentícios, especialmente frutas e hortaliças.Carreira: Técnico do Departamento de Centrais de Abastecimento do Brasil, Diretor da CEASA-PR, CEASA-PB, CEASA-MA e CEASA-AM; Gerente da Divisão de Hortigranjeiros da COBAL, Gerente da Divisão de Complexos de Exportação do Departamento de Análise Econômica da CONAB; Consultor da ONU / FAO na área de mercado no Paraguai e Venezuela.

Francisco Zuza de Oliveira

Engenheiro Agrônomo

Mestrado em Fruticultura Tropical – UNESP –SP, Diretor de apoio a produção da Secretaria de Agricultura Irrigada do Estado do Ceará – SEAGRI - 1999 e 2002; Coordenador de Agricultura Irrigada da Secretaria do Estado do Ceará – SEAGRI – 2003 – 2006; Diretor de Pesquisas de Frunorte S/A - exportação de 1 milhão de caixa de frutas, no Rio Grande do Norte – 1992 – 1995; Secretário Adjunto da Secretaria de Agricultura do Estado de Pernambuco - 1998 ; Difusor de Tecnologia da EMBRAPA – Petrolina – PE – 1982 e 1988.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

  • AÇÕES DO INSTITUTO FRUTAL

  • Plano de Ação da Fruticultura para o Estado do Ceará;

  • Organização de Missões de Produtores para os Principais Pólos de Produção do Brasil;

  • Criação de 06 Comitês de Fruticultura nos Pólos de Produção do Ceará;

  • Organização de Missões para Participação nas Principais Feiras Nacionais e Internacionais nos Setores de Frutas, Flores e Agroindústria;

  • Realização de 13 edições do Evento Frutal;

  • Realização da Frutal Amazônia;

  • Pesquisas:

    - 06 pesquisas em parceria com CNPq, Embrapa, UFC;

    - 03 pesquisas relacionadas com o meio-ambiente em parceria com a

    COELCE, UFC, SEMACE;

    - 01 pesquisa com Água de Coco em parceria com o SEBRAE/CE,

    Embrapa, Finep e Produtores.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

RESULTADOS DAS 13 EDIÇÕES

DO EVENTO FRUTAL

  • CURSOS TÉCNICOS – 130

  • PALESTRAS – 185

  • PAINÉIS – 51

  • SEMINÁRIOS SETORIAIS – 31

  • FÓRUNS – 10

  • ENCONTROS – 8

  • REUNIÕES – 10

  • WORKSHOPS – 2

  • CURSOS RÁPIDOS – 51

  • OFICINAS FLORAIS – 12

  • TOTAL DE ATIVIDADES - 490

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

RESULTADOS DO EVENTO

FRUTAL AMAZÔNIA/ VI FLOR PARÁ 2006

  • CURSOS TÉCNICOS – 8

  • PALESTRAS – 23

  • PAINÉIS – 3

  • SEMINÁRIOS SETORIAIS – 6

  • FÓRUNS – 2

  • ENCONTROS/ REUNIÕES – 4

  • OFICINA CHOCOLATE – 1

  • OFICINAS FLORAIS – 8

  • TOTAL DE ATIVIDADES - 55

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

EVOLUÇÃO DA FRUTICULTURA NO CEARÁ

1994 - 2006

1994

  • Criação do Sindifruta e Comitê da Fruticultura;

  • 1ª Semana Cearense de Fruticultura;

  • Elaboração do Plano de Ação da Fruticultura Cearense.

1995

  • Isenção de ICMS sobre importações de equipamentos;

  • Comitês de Fruticultura em cada micro-região do Ceará;

  • Participação em feiras: Agrifood´95 (Buenos Aires) e FISPAL (São Paulo).

  • 1996

  • Ampliação do Horário Rural Irrigante no Ceará;

  • Ampliação dos limites do FNE para fins de incentivo e classificação de projetos;

  • Isenção de ICMS para comercialização de hortifruticilas dentro do estado;

  • Participação nas feiras de São Paulo, Paris, Petrolina, Valência e Londres.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

EVOLUÇÃO DA FRUTICULTURA NO CEARÁ

1994 - 2006

1997

  • Energia Elétrica mais barata;

  • Isenção de ICMS para comercialização inter estadual.

1998

  • Sindifruta lança Plano de Ação na Fruticultura;

  • Participação nas feiras da Alemanha, França, EUA, Espanha, São Paulo e II Encontro Nordeste/Chile (Salvador-BA).

  • 1999

  • Criação da Secretaria da Agricultura Irrigada do Estado do Ceará;

  • Participação nas feiras da Itália, São Paulo, Holambra.

2000

  • XVI Congresso Brasileiro de Fruticultura;

  • Lançamento do Programa Nacional de Desenvolvimento da Fruticultura.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

EVOLUÇÃO DA FRUTICULTURA NO CEARÁ

1994 - 2006

2001

  • A FRUTAL consolida-se como maior evento da fruticultura brasileira;

  • Projeto Comprador – APEX;

  • Participação nas feiras do Rio Grande do Sul, São Paulo, Holambra, Petrolina e Mossoró.

2002

  • Programa de modernização dos equipamentos agrícolas;

  • Participação nas feiras de Ribeirão Preto, Paris, São Paulo e Mossoró.

  • 2003

  • 49ª Reunião Anual da Sociedade Interamericana de Horticultura Tropical;

  • Pela 1ª vez o Terminal Portuário do Pecém foi o maior exportador de frutas do Brasil, repetindo este feito nos três anos seguintes (2004, 2005 e 2006).

2004

  • Parceria do Instituto Frutal com HPPWorldwide.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

EVOLUÇÃO DA FRUTICULTURA NO CEARÁ

1994 - 2006

2005

  • 1º Patrocínio da Comunidade Européia em um evento de fruticultura acontecido no Brasil;

  • Encontro Setorial Al-InvestFruit Brasil durante a FRUTAL 2005.

2006

  • Convênio de Cooperação entre o Porto do Pecém e o Porto Zeebrugge para o lançamento da nova rota entre esses dois portos.

Participação do Ceará nas Exportações Brasileiras de Frutas Tropicais:

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

  • ETAPAS DO TRABALHO PARA O SEBRAE/AMAZONAS

  • Levantamento de Dados;

  • Compilação de Dados para Nivelamento;

  • Reunião de Preparação entre Equipe do Instituto Frutal e Consultores;

  • Preparação dos Documentos Compilados;

  • Realização do Workshop;

  • Preparação do Documento Pós Workshop;

  • Entrega do Documento Final ao SEBRAE/AM.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

AÇÕES REALIZADAS

NO ESTADO

  • Planos;

  • Programas;

  • Projetos:

    • Recomendações para o crescimento da produção, exportação e geração de renda e emprego no setor frutícola brasileiro:

      - Políticas Regionais Região Norte (Pág. 54 a 58, ano 2005 – Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Fruticultura do MAPA)

  • Pesquisas.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

ESTADO DO AMAZONAS:

CLIMA E SOLO

Em função da topografia e qualidade das águas dos rios, o Amazonas apresenta três biomas característicos:

Planícies, Planaltos e Depressões, determinando seis ecossistemas principais.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

ECOSSISTEMAS

  • Terra Firme

  • Várzea

  • Igapó

  • Igarapé

  • Cerrado

  • Caatinga

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

CLIMA

  • Temperaturas médias anuais entre 22 e 28ºC;

  • Precipitação variando de 1.400 a 3.500 mm por ano;

  • Clima distribuído de maneira a caracterizar duas épocas distintas:

    a seca e a chuvosa.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

SOLOS

  • Devido às precipitações e as temperaturas elevadas, o solo amazônico sofre alterações em seu material de origem (minerais) e lixiviação em suas bases, tornando-se profundo e bem drenado, pouco fértil e ácido.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

PRINCIPAIS CLASSES

DE SOLOS

  • Latossolos – solos profundos, variam de fortemente a bem drenados, baixíssima fertilidade natural, baixa saturação de bases, fortemente ácidos e ocupando 45% da área.

  • Argissolos - (podzólico vermelho-amarelo) - horizonte de acumulação de argila, propriedade física menos favorável e baixa fertilidade natural. Em alguns casos, apresentando adensamento e compactação reduzindo a infiltração da água no solo e ocupando 30% da Amazônia.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

PRINCIPAIS CULTURAS

EM POTENCIAL

  • Conforme as características de solo e clima do Estado do Amazonas, destaca-se uma potencialidade para as seguintes culturas (Embora outras culturas nativas possam ser acrescidas em função de arranjos locais):

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

CONCLUSÕES

  • Recomenda-se um programa de análises de solo, planta e água;

  • Um plano de Recomendação de Adubação e Correção de Solo;

  • Considerando as características dos solos aptas à fruticultura, desenvolver um plano de manejo e conservação de solos;

  • Correção de acidez. Seria uma forma de baixo custo de reduzir os efeitos danosos da acidez, além de elevar a fertilidade das áreas.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

POTENCIAL DE EXPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO DO ESTADO DO AMAZONAS

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

PIB

33,0%

EXPORTAÇÕES

37,0%

EMPREGOS

37,0%

Fontes: MAPA/ ano 2005

A IMPORTÂNCIA DO AGRONEGÓCIO

PARA O BRASIL

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

DIMENSÃO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO DE FRUTAS (S/ CASTANHAS)

IBGE 2005

  • PRODUÇÃO: 37,0 milhões de toneladas;

  • ÁREA PLANTADA: 2,4 milhões de hectares;

  • CONSUMO: 36 milhões de toneladas;

  • EXPORTAÇÃO: 813,3 mil toneladas (2,2%);

  • VALOR EXPORTADO (2006): US$ 483,6 milhões;

  • PIB DO AGRONEGÓCIO DE FRUTAS: US$ 11,2 bilhões;

  • EMPREGOS DIRETOS NO AGRONEGÓCIO: 4,6 milhões.

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

FRUTAS TROPICAIS BRASILEIRAS DEMANDADAS NO MERCADO INTERNACIONAL

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

VALORES DAS EXPORTAÇÕES DE FRUTAS E DERIVADOS DA AMAZÔNIA – Ano 2003

FONTE: Cecex (2004).

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

Amazonas frente aos pólos de produção e consumo

(Mil.)

(Mil.)

(Mil.)

(Mil.)

(Mil.)

(Mil.)

(Mil.)

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

Amazonas frente aos pólos de produção e consumo

%

%

%

%

%

Amazonas 2005: 2,17%

(entre os 10 melhores do Brasil)

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

Amazonas frente aos pólos de produção e consumo

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

PRODUÇÃO DO AMAZONAS


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

PRODUÇÃO DO AMAZONAS

(hectares)

(hectares)

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

PRODUÇÃO DO AMAZONAS

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

PRODUÇÃO DO AMAZONAS

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

PROJEÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA RURAL E URBANA

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

ENVELHECIMENTO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA POR FAIXA ETÁRIA

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

AMAZONAS – EXPORTAÇÕES TOTAIS

(US$ FOB)

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

AMAZONAS – EXPORTAÇÕES

(US$ FOB)

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


Instituto de desenvolvimento da fruticultura e agroind stria frutal

AMAZONAS – EXPORTAÇÕES

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria – FRUTAL

Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - CEP: 60120-002

[email protected]


  • Login