PRÁTICAS BEM SUCEDIDAS NO
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 12

PRÁTICAS BEM SUCEDIDAS NO ATENDIMENTO DA NR 10 PowerPoint PPT Presentation


  • 85 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

PRÁTICAS BEM SUCEDIDAS NO ATENDIMENTO DA NR 10 “SEGURANÇA EM INSTALAÇÕES E SERVIÇOS EM ELETRICIDADE” TREINAMENTO – MÓDULO BÁSICO. SÉRGIO LUIZ BENITES FESNEDA. Objetivo Introdução Histórico Metodologia de ensino Resultados esperados Resultados obtidos Considerações finais. Sumário.

Download Presentation

PRÁTICAS BEM SUCEDIDAS NO ATENDIMENTO DA NR 10

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

  • PRÁTICAS BEM SUCEDIDAS NO

  • ATENDIMENTO DA NR 10

    • “SEGURANÇA EM INSTALAÇÕES E SERVIÇOS EM ELETRICIDADE”

    • TREINAMENTO – MÓDULO BÁSICO

  • SÉRGIO LUIZ BENITES FESNEDA


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

  • Objetivo

  • Introdução

  • Histórico

  • Metodologia de ensino

  • Resultados esperados

  • Resultados obtidos

  • Considerações finais

Sumário


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

  • Apresentar as melhores práticas do treinamento da NR 10,Módulo Básico, implantadas na AES Eletropaulo.

Objetivo


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Histórico

  • Convenção Coletiva de Segurança e Saúde no Trabalho do Setor Elétrico – representantes do Governo, Empresas e Trabalhadores

  • Portaria 3214/1978 do Ministério do Trabalho, atual Ministério do Trabalho e Emprego, em vigor desde dezembro de 2004

  • Treinamento módulo básico:

    * Objetivo do treinamento

    * Temas macros abordados

    * Carga horária

    * Formação da equipe

    * Pré requisito

  • Treinamento específico


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Introdução

Visando o atendimento da NR 10, em 2005 a AES Eletropaulo adotou como estratégia a terceirização do treinamento básico na norma em questão.

Em 2006 os treinamentos foram ministrados por uma equipe de multiplicadores próprios e também terceirizados.

Com a utilização de mão de obra interna em conjunto com mão de obra contratada, otimizamos custos, garantimos a qualidade e padronização das informações transmitidas durante o treinamento e, ainda obtivemos avaliação satisfatória dos treinandos.


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Metodologia de ensinoaplicadanaAESEletropaulo

  • Treinamento presencial de formação de multiplicadores do conhecimento internos

  • Adequação do material didático voltado para os padrões e procedimentos da AES Eletropaulo, realizado por engenheiros de eletricidade, técnicos de segurança, eletricistas e analistas de treinamento próprios

  • Seleção dos multiplicadores internos e externos

  • Repasse técnico pedagógico do conteúdo programático adaptado aos multiplicadores internos e externos selecionados

  • Levantamento da demanda, elaboração e divulgação do cronograma;

  • Realização dos treinamentos

  • Sistema de avaliação

  • Gestão e controle de participações


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Distribuição de energia elétrica

  • As atividades de transmissão e distribuição de energia elétrica podem ser realizadas em sistemas desenergizados “linha morta” ou energizados “linha viva” a seguir destacadas.

  • Manutenção com a linha desenergizada “linha morta”

  • Manutenção com a linha energizada “linha viva”

Método ao contato

Método ao potencial

Método à distância


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Isolamento das partes vivas

  • São elementos construídos com materiais dielétricos (não condutores de eletricidade) que têm por objetivo isolar condutores ou outras partes da estrutura que esta energizadas, para que os serviços possam ser executados com efetivo controle dos riscos pelo trabalhador.


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Resultados esperados

  • Atender a Legislação vigente; Capacitar os profissionais da AES Eletropaulo que interagem com o Sistema Elétrico de Potência (SEP), Engenheiros, Técnicos e Eletricistas para atuarem na prevenção de acidentes.


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Resultados obtidos

  • Em 10 meses capacitamos no módulo básico 1165 profissionais, atingimos 46600 horas homens treinadas.


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Considerações finais

  • Coordenação CPN – Gestão 2004/ 2005;

    Luiz Carlos de Miranda Junior (CPFL Energia)

  • Coordenação do Projeto;

    Dhebora de Abreu Alves Poloto (AES Eletropaulo)

  • Elaboração e revisão técnica/ pedagógica;

    Claudio Sérgio Denipotti (Elektro Eletricidade e Serviços S/A)

    Daniel Calesco (AES Tietê)

    Dhebora de Abreu Alves Poloto (AES Eletropaulo)

    Edson Muniz de Carvalho (AES Eletropaulo)

    Fabio Lellis Polezzi (CTEEP Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista)

    Frederico Prestupa Neto (CPFL Energia)

    Jorge Santos Reis (Fundacentro)

    Luiz Roberto Xisto (Bandeirante Energia)

    Maria Cândida de Sousa (CTEEP Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista)


Pr ticas bem sucedidas no atendimento da nr 10

Considerações finais

  • Colaboração

    Carlos Alberto Ruzzon (AES Tietê)

    Helenice Ticianelli (AES Tietê)

    Ivan Gomes Cortez (AES Eletropaulo)

    José Carlos Porto Zitto (CPFL Energia)

    Marcelo Serra Lacerda da Silva (Sabesp)

    Nicola Francelli (CPFL Energia)

    Paulo Roberto Coelho (Sabesp)

    Robert Werner Dallmann (Sabesp)

    Valdir Lopes da Silva (AES Eletropaulo)

    Comitê de Segurança e Saúde do Trabalho (Fundação Coge)

  • Criação gráfica e diagramação

    Michel Lucas de Oliveira (AES Eletropaulo)

    Rodolfo Dalla Justino (AES Eletropaulo)

    Denis Germinio da Silva (AES Eletropaulo)


  • Login