Desenvolvimento motor
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 18

DESENVOLVIMENTO MOTOR PowerPoint PPT Presentation


  • 384 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

DESENVOLVIMENTO MOTOR. DESENVOLVIMENTO MOTOR NORMAL ATRASO NEUROPSICOMOTOR: ETIOLOGIAS IMPLICAÇÕES NAS AQUISIÇÕES MOTORAS CAUSADAS PELA DEFICIÊNCIA. Desenvolvimento Humano.

Download Presentation

DESENVOLVIMENTO MOTOR

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Desenvolvimento motor

DESENVOLVIMENTO MOTOR

  • DESENVOLVIMENTO MOTOR NORMAL

  • ATRASO NEUROPSICOMOTOR: ETIOLOGIAS

  • IMPLICAÇÕES NAS AQUISIÇÕES MOTORAS CAUSADAS PELA DEFICIÊNCIA


Desenvolvimento humano

Desenvolvimento Humano

O desenvolvimento humano é entendido como o desenvolvimento integrado do crescimento, da maturação, das experiências pelas quais o indivíduo passa e a adaptação desse corpo no ambiente,respeitando-se as individualidades de cada pessoa, sua herança única, bem como as condições ambientais nas quais esse indivíduo está inserido, incluindo, também, os aspectos físicos ou motor, afetivo-social ou relacional e cognitivo


Flehming

FLEHMING

FLEHMING (1987) sugere que a evolução estático-motora do recém-nascido até a idade adulta depende da maturação do Sistema Nervoso Central (SNC), sendo determinada por padrões geneticamente estabelecidos e estímulos ambientais, e que, todo desenvolvimento motor realiza-se sempre sob uma ideal adaptação aos estímulos externos. Após o nascimento, todos os sistemas biológicos esforçam-se para adaptar-se aos fatores ambientais .


Principios b sicos

Principios Básicos

  • Desenvolvimento céfalo-caudal

  • Desenvolvimento próximo-distal

  • Desenvolvimento geral para específico


Gesel

Gesel


Escala de werner

Escala de Werner


Orienta es pr ticas

ORIENTAÇÕES PRÁTICAS

  • ADEQUAÇÃO POSTURAL;

  • MOBILIÁRIO ADEQUADO (CADEIRA,CARTEIRA…)

  • MATERIAL ESCOLAR ADAPTADO;

  • FORMAS ALTERNATIVAS DE COMUNICAÇÃO;

  • PLANEJAMENTO INDIVIDUALIZADO (PEI);

  • ESTRATÉGIAS E RECURSOS ESPECÍFICOS VARIADOS;

  • OBJETIVO PRINCIPAL: DESENVOLVIMENTO GLOBAL


Sugest es de situa es de aprendizagem

SUGESTÕES DE SITUAÇÕES DE APRENDIZAGEM

  • Utilizar todos os espaços da escola e comunidade:corredores, refeitório,banheiros, bebedouros, quadra, pátio, sala de leitura, de informática, auditório, praça, mercadinho, farmácia, como ambiente de aprendizagem.

  • A família deve ser orientada a fazer o mesmo.


Esquema corporal

ESQUEMA CORPORAL

  • Vivenciar estímulos que propiciem a discriminação das diferentes partes do corpo e o controle sobre elas; Ex. utilizar canções infantis, músicas populares.

  • Associar os nomes às diferentes partes do corpo, localizando-as corretamente, em si, no outro, e na figura, durante as atividades da vivência diária. Utilizar bonecas, fantoches, figuras das revistas, livros infantis, espelho, fotografias.


Coordena o motora

COORDENAçãomotora

  • Desenvolver atividades, que estimulem coordenação e percepção, utilizando jogos, brinquedos pedagógicos, como jogos de encaixe, blocos lógicos,

  • Todo tipo de brincadeira infantil , utilizando música, pode auxiliar o desenvolvimento psicomotor Ex. atirei o pau no gato, passaraio, amarelinha, dança das cadeiras, são Francisco, estátua, esconde-esconde, coelhinho na toca...


Como desenvolver o racioc nio l gico

COMO DESENVOLVER O RACIOCÍNIO LÓGICO?

  • O raciocínio lógico - matemático deve ser estimulado, levando a criança a classificar, fazendo coleções de figuras, alinhamentos com figuras, aprendendo assim a diferenciá-las ; é preciso aprender a comparar objetos, figuras, estabelecer diferenças; ex. jogo do “ igual /diferente”;


Racioc nio l gico

RACIOCÍNIO LÓGICO

  • Classificar (no máximo com 10 objetos) , separando em pares, em grupos que combinam;

  • Seriar, encaixando por ensaio e erro, caixinhas, palitos, objetos...

  • Seriar blocos ou objetos de diferentes tamanhos (fazer torres, e escadas ...)

  • Quantificar, começando a correspondência termo a termo, ex. panelas e tampas, pés e sapatos, canetinhas e tampas, mãos e luvas...

  • Brincar com dinheiro de papel . Ex. brincar de fazer compras


Intera o social

Interação social

  • Identidade, reconhecimento do nome; identificar os membros da família, os graus de parentesco, profissão; Ex Atividades no espelho, de álbum de família, utilizando fotos, árvore genealógica, árvore de amigos;

  • Relacionar-se com crianças e adultos, identificando-os; conhecer os funcionários da escola, suas funções;

  • Formar hábitos de cortesia. Ex. por favor, obrigado ,com licença, desculpe-me...

  • Explorar o ambiente escolar, redondezas, conhecer o percurso entre a casa e a escola, objetivando autonomia.


O aluno da escola

O aluno é da escola

  • Participar das atividades propostas aos demais, é direito do aluno.Projetos, datas comemorativas, festividades, passeios, informática, recreação, concursos, competições e apresentações, com as devidas adaptações, respeitando suas limitações, devem ter garantida a presença do aluno com deficiência.


Refletindo

Refletindo...

...mas permanecerão nossas perguntas e inevitáveis decisões sobre a vida que queremos viver, a vida que somos capazes de viver e a vida que nos deixam viver. O resultado é a vida que vivemos, que é diferente para cada um de nós e que vamos levando dia após dia com mais ou menos sorte, e à qual, na maioria dos casos, não queremos renunciar.

Ramon Puig


Desenvolvimento motor

OBRIGADA


  • Login