Biblioteca do Conhecimento Online – b-on
Download
1 / 127

Biblioteca do Conhecimento Online – b-on - PowerPoint PPT Presentation


  • 102 Views
  • Uploaded on

Biblioteca do Conhecimento Online – b-on. Agenda. Histórico da b-on Motivação Antecedentes e evolução Objectivos Promotores e participantes Conteúdos Áreas do portal b-on Barra superior Área lateral direita Área central de pesquisa Criação de área pessoal. Agenda. Histórico da b-on

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about ' Biblioteca do Conhecimento Online – b-on' - ayame


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

Agenda
Agenda

  • Histórico da b-on

    • Motivação

    • Antecedentes e evolução

    • Objectivos

    • Promotores e participantes

    • Conteúdos

  • Áreas do portal b-on

    • Barra superior

    • Área lateral direita

    • Área central de pesquisa

  • Criação de área pessoal


Agenda1
Agenda

  • Histórico da b-on

    • Motivação

    • Antecedentes e evolução

    • Objectivos

    • Promotores e participantes

    • Conteúdos

  • Áreas do portal b-on

    • Barra superior

    • Área lateral direita

    • Área central de pesquisa

  • Criação de área pessoal


Motiva o
Motivação

  • A b-on, Biblioteca do Conhecimento Online, reúne as principais editoras de revistas científicas internacionais de modo a oferecer um conjunto vasto de artigos científicos disponíveis on-line.

  • Esta iniciativa visa possibilitar o acesso electrónico às principais fontes de conhecimento, abrangendo todas as áreas científicas, e estimular as condições de acesso universal ao saber por parte da comunidade científica e académica, procurando gerar economias de escala e promovendo as condições de universalidade de acesso à produção científica.


Evolu o
Evolução

  • Em 2000, o ex-Observatório para a Ciência e Tecnologia (OCT) disponibilizou a Web of Knowledge - WoK, num projecto financiado pelo POSI e disponibilizado através da RCTS (Rede Ciência, Tecnologia e Sociedade).

  • A WoK apenas cumpre marginalmente os objectivos da b-on.Era fundamental evoluir para a disponibilização electrónica do texto integral das publicações científicas.


Evolu o1
Evolução

  • Este foi um dos compromissos assumidos no Programa do XV Governo e no Programa de Acção para a Sociedade da Informação.

  • A UMIC (2002) assumiu como um dos seus objectivos a constituição de um Consórcio Nacional para a gestão da b-on – Biblioteca do Conhecimento Online.

  • Em articulação com o MCES, foi desencadeado um conjunto de acções desde o início do ano de 2003.

  • A partir de Março de 2004, surge a Biblioteca do Conhecimento Online.


Objectivos
Objectivos

  • O principal objectivo é possibilitar à comunidade servida pela b-on o acesso a algumas das principais fontes de conhecimento científico internacional.

  • Estimular a cooperação entre as entidades do sistema académico e científico nacional.


Objectivos1
Objectivos

  • Adicionalmente, a b-on procura:

    • racionalizar custos dos recursos;

    • promover o acesso electrónico às principais fontes internacionais de conhecimento;

    • generalizar o acesso das instituições aderentes e, consequentemente, da comunidade por elas servida, a conteúdos científicos;

    • dinamizar e estimular a comunidade para o consumo e produção de conteúdos científicos.



Estrutura de funcionamento
Estrutura de funcionamento

  • Gestão, coordenação e financiamento

    • UMIC (Coordenação política)

    • POS-C (Entidade financiadora)

    • FCCN e WGs (Gestão operacional)


Estrutura de funcionamento1
Estrutura de funcionamento

  • Gestão, coordenação e financiamento

    • UMIC (Coordenação política)

    • POS-C (Entidade financiadora)

    • FCCN e WGs (Gestão operacional)

  • Associações participadas

    • ICOLC

    • SELL

    • COUNTER

    • SMUG

    • UNA


Estrutura de funcionamento2
Estrutura de funcionamento

  • Gestão, coordenação e financiamento

    • UMIC (Coordenação política)

    • POS-C (Entidade financiadora)

    • FCCN e WGs (Gestão operacional)

  • Associações participadas

    • ICOLC

    • SELL

    • COUNTER

    • SMUG

    • UNA

  • Fornecedores

    • Conteúdos

    • Tecnologia


Estrutura de funcionamento3
Estrutura de funcionamento

  • Gestão, coordenação e financiamento

    • UMIC (Coordenação política)

    • POS-C (Entidade financiadora)

    • FCCN e WGs (Gestão operacional)

  • Associações participadas

    • ICOLC

    • SELL

    • COUNTER

    • SMUG

    • UNA

  • Fornecedores

    • Conteúdos

    • Tecnologia

  • Comunidade de utilizadores

    • Ensino

    • Investigação e Desenvolvimento

    • Hospitalar

    • Administração pública/entidades sem fins lucrativos


Conte dos

Com as editoras e bases de dados estão disponíveis

16.750 publicações em TEXTO INTEGRAL

Conteúdos

  • Entre os conteúdos integrados pela b-on, temos os seguintes tipos principais:

    • editoras

    • bases de dados referenciais

    • bases de dados de texto integral com características dos dois tipos anteriores




Bases de dados em texto integral
Bases de Dados em Texto Integral

Academic Search Premier

Business Source Premier



Agenda2
Agenda

  • Histórico da b-on

    • Motivação

    • Antecedentes e evolução

    • Objectivos

    • Promotores e participantes

    • Conteúdos

  • Áreas do site e do portal b-on

    • Barra superior

    • Área lateral direita

    • Área central de pesquisa

  • Criação de área pessoal


Site da b on
Site da b-on

Após a entrada no site da b-on vai surgir a janela ao lado.

Nesta janela temos uma barra de navegação que permite obter informação sobre todos os assuntos relacionados com a b-on

Existem ainda dois acessos rápidos para os contactos e mapa do site.


Barra de navega o in cio
Barra de Navegação - Início

A ligação Início permite-lhe regressar à janela inicial do portal.


Barra de navega o sobre a b on
Barra de Navegação – Sobre a b-on

Na ligação Sobre a b-on encontramos informação sobre o projecto e o processo de adesão.

Existe também uma zona de destaques relacionados com a b-on.


Barra de navega o o que encontrar
Barra de Navegação – O Que encontrar

Na ligação “O Que Encontrar” temos informação sobre os conteúdos disponíveis na b-on.

A informação é relativa aos recursos e publicações, assim como uma breve descrição sobre o SFX e Metalib, produtos utilizados na pesquisa federada e acesso aos documentos.


Barra de navega o o que encontrar1
Barra de Navegação – O Que encontrar

Uma das opções disponíveis nesta janela é a possibilidade de obter informação sobre as publicações por editora ou base de referência, data de acesso (backfiles), tipo e eventuais períodos de embargo.

Seleccione a opção Publicações Subscritas.


Barra de navega o o que encontrar2

Base de texto Integral – A informação apresentada reflecte o estado da base de dados em determinado momento. Os conteúdos podem ser alterados.

Periódico – Estas listas contêm os títulos assinados, para acesso perpétuo.

Barra de Navegação – O Que encontrar

Seleccione o ficheiro em formato excel com a informação relativa ao recurso pretendido.


Barra de navega o not cias
Barra de Navegação – Notícias

Na ligação “Notícias” encontramos um conjunto de informações sobre a b-on, artigos saídos na imprensa, participações internacionais e acções de formação realizadas.


Barra de navega o apoio ao utilizador
Barra de Navegação – Apoio ao utilizador

Na ligação “Apoio ao utilizador” encontramos um conjunto de materiais, como o Guia do Utilizador e o Manual do Utilizador, com informação detalhada sobre a b-on, os recursos disponibilizados e modos de pesquisa.

É também aqui que se encontram as FAQ (Frequently Asked Questions).


Barra de navega o quem sou
Barra de Navegação – Quem Sou

Na ligação “Quem Sou” podemos ver o nosso endereço IP, o perfil de utilizador que nos está a ser atribuído e a instituição a partir da qual estamos a aceder à b-on.



Exerc cio 1
Exercício 1

O responsável da sua Instituição pretende que lhe seja fornecida uma lista das revistas assinadas à Elsevier. Onde pode encontrar essa informação?


Agenda3
Agenda

  • Histórico da b-on

    • Motivação

    • Antecedentes e evolução

    • Objectivos

    • Promotores e participantes

    • Conteúdos

  • Áreas do portal b-on

    • Barra superior

    • Área lateral direita

    • Área central de pesquisa

  • Criação de área pessoal


Rea pessoal
Área pessoal

  • Ao entrarmos no portal b-on, entramos como anónimos.

  • Temos a possibilidade de criar uma área pessoal onde podemos criar um perfil de acordo com as nossas preferências.

  • A área pessoal serve para:

    • guardar dados

      • conteúdos favoritos (artigos, recursos)

      • conjuntos pessoais

      • alertas

    • personalizar o ambiente de trabalho


Cria o da rea pessoal

Constate que se encontra como utilizador anónimo.

Criação da área pessoal

Para criar uma área pessoal, devemos pressionar o botão .


Cria o da rea pessoal1
Criação da área pessoal

Pressione o link“registe-se aqui” para prosseguir com o seu registo.


Cria o da rea pessoal2

Os campos com “ * ” são de preenchimento obrigatório.

A password deve ter um mínimo de seis caracteres.

Criação da área pessoal

Preencha os campos do formulário apresentado.

Pressione o botão “Enviar” para confirmar o registo.


Cria o da rea pessoal3
Criação da área pessoal

O sistema envia-lhe uma mensagem indicando se o pedido foi ou não realizado.


Exerc cio 2
Exercício 2

Registe-se na b-on.


Sair da rea pessoal
Sair da área pessoal

Para terminar uma sessão de trabalho autenticada pressione o botão .

Na janela apresentada pressione o botão Sair.


Entrar na rea pessoal

Identifique-se com o seu código de utilizador e a password correspondente.

Entrar na área pessoal

Para iniciar uma sessão de trabalho autenticada pressione o botão .


Entrar na rea pessoal1
Entrar na área pessoal correspondente.

O sistema passa a reconhecer-nos, indicando o nosso nome de registo.


Agenda4
Agenda correspondente.

  • Pesquisas no Portal b-on

    • Pesquisa rápida simples

    • Pesquisa rápida avançada

    • Guardar pesquisas

    • Metapesquisa

    • Localização de recursos

    • Criação de conjuntos de recursos

    • Periódicos

    • SFX


Agenda5
Agenda correspondente.

  • Pesquisas no Portal b-on

    • Pesquisa rápida simples

    • Pesquisa rápida avançada

    • Guardar pesquisas

    • Metapesquisa

    • Localização de recursos

    • Criação de conjuntos de recursos

    • Periódicos

    • SFX


Rea de pesquisa

Pressionar o botão OK para modificar o formato de visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Área de pesquisa

A área de pesquisa é a parte mais importante do portal: aqui podemos efectuar pesquisas federadas nos recursos disponíveis .


Rea de pesquisa1
Área de pesquisa visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Dentro da área de pesquisa, os recursos aparecem organizados por conjuntos.


Rea de pesquisa2
Área de pesquisa visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Para visualizar os recursos presentes em cada conjunto devemos pressionar o rato sobre a designação do conjunto.


Rea de pesquisa3
Área de pesquisa visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Na nova janela, podemos obter mais informação sobre cada um dos recursos pressionando o botão .


Rea de pesquisa4
Área de pesquisa visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Pressionando sobre a designação do recurso, acedemos ao interface nativo desse recurso, que também pode ser utilizado para pesquisa.


Exerc cio 3 4
Exercício 3 - 4 visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Como visualizar os recursos presentes em cada conjunto?

Veja os recursos incluídos no conjunto Bases Referenciais.


Exerc cio 5
Exercício 5 visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Aceda ao interface nativo da PubMed.


Exerc cio 6
Exercício 6 visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

  • Volte ao ecrã de pesquisa rápida e seleccione o conjunto Ciências da Saúde.

    • Porque não encontra a PubMed nesse conjunto?

    • Em que conjunto encontra a PubMed?


Exerc cio 7
Exercício 7 visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Entre na ajuda da pesquisa rápida.


Pesquisa r pida simples
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Por omissão, o ecrã abre-se na opção de pesquisa rápida simples.

Também por omissão, o conjunto seleccionado é o dasbases referenciais.


Pesquisa r pida simples1
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Efectuamos a pesquisa introduzindo o termo ou expressão de pesquisa no formulário.


Pesquisa r pida simples2
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

O MetaLib lança a pesquisa nos vários recursos e começa a recolher os resultados, apresentando um ecrã intermédio enquanto decorre o processo.


Pesquisa r pida simples3

Os resultados são apresentados numa vista tabular. visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Pesquisa rápida simples

Os resultados obtidos a partir dos diferentes recursos são apresentados agregados numa lista.


Pesquisa r pida simples4

Os resultados são apresentados numa vista abreviada. visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Pesquisa rápida simples

Podemos visualizá-los também de forma abreviada...


Pesquisa r pida simples5

Os resultados são apresentados numa vista completa. visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Pesquisa rápida simples

... ou de forma completa, registo a registo.


Pesquisa r pida simples6
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

  • Explicação do número de resultados mostrados:

    • são mostrados até 30 registos de cada recurso

    • a primeira ordenação é aleatória


Pesquisa r pida simples7
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Para alterar a ordenação dos resultados devemos seleccionar o termo de ordenação.


Pesquisa r pida simples8
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Se visualizarmos os registos até ao último, podemos ver mais.


Pesquisa r pida simples9
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Cada registo possui um conjunto de serviços adicionais, a que podemos aceder a partir das acções.


Pesquisa r pida simples10
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

De acordo com o registo seleccionado poderemos ter diferentes serviços.


Pesquisa r pida simples11
Pesquisa rápida simples visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Em alguns destes casos, teremos acesso ao texto integral.


Exerc cio 8
Exercício 8 visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Execute uma Pesquisa rápida simples em Bases referenciais.

Termo de pesquisa: artemia1

[1] género de crustáceo filópode encontrado nas salinas e águas salgadas.


Exerc cio 9
Exercício 9 visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Aceda a um registo em vista completa.

Obtenha o texto integral de um artigo.


Pesquisa r pida avan ada
Pesquisa rápida avançada visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

A pesquisa rápida avançada possibilita maior especificação do que se pretende pesquisar, permitindo restringir o número de resultados: cruzando vários termos, limitando a pesquisa a determinados campos.

Acedemos à pesquisa rápida avançada pressionando o separador correspondente.


Pesquisa r pida avan ada1

Seleccione o operador que pretende aplicar à pesquisa. visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Pesquisa rápida avançada

No ecrã de pesquisa rápida avançada, podemos introduzir dois termos de pesquisa e aplicar-lhe um operador booleano (E, OU, SEM).


Pesquisa r pida avan ada2

Seleccione o campo que pretende aplicar à pesquisa. visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Pesquisa rápida avançada

Podemos limitar a ocorrência de cada um dos termos apenas a um determinado campo das bases de dados: assunto, título, autor, ISSN, ISBN, ano.

Pressione o botão “OK” para desencadear a pesquisa.


Pesquisa r pida avan ada3
Pesquisa rápida avançada visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Surge um ecrã intermédio, onde acompanhamos o progresso da pesquisa nos vários recursos.

Nesse ecrã, vemos também a expressão de pesquisa introduzida.


Pesquisa r pida avan ada4
Pesquisa rápida avançada visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Surge, por fim, a lista agregada de resultados.


Pesquisa r pida avan ada5
Pesquisa rápida avançada visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

A lista agregada de resultados é agora menor, por termos pedido uma pesquisa mais específica: já não nos interessam todos os australopithecus, mas apenas o australopithecus afarensis.

Lucy


Pesquisa r pida avan ada6
Pesquisa rápida avançada visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Vamos agora explorar os resultados na metapesquisa, de modo a podermos analisá-los por recurso.

Para isso, seleccionaremos a opção “Explorar na MetaPesquisa”


Pesquisa r pida avan ada7
Pesquisa rápida avançada visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Em seguida, pedimos para ver os resultados por recurso.

Abre-se uma pequena janela, mostrando o número de registos de cada um dos recursos pesquisados.


Pesquisa r pida avan ada8
Pesquisa rápida avançada visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Podemos escolher, nessa janela, cada um dos recursos, para ver os registos associados e restringir a pesquisa.


Pesquisa r pida avan ada9
Pesquisa rápida avançada visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Podemos visualizar os resultados noutro recurso ou voltar aos resultados combinados.


Exerc cio 10
Exercício 10 visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

  • Execute uma Pesquisa rápida avançada em Bases referenciais.

  • Termo de pesquisa:

    • artemia (no campo assunto) E nutrition (no campo assunto)


Metapesquisa
MetaPesquisa visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

A metapesquisa foi desenvolvida a pensar nos utilizadores mais especializados, pois permite efectuar pesquisas mais complexas.

Acedemos à metapesquisa a partir da opção correspondente, na barra superior.


Metapesquisa1
MetaPesquisa visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

  • A selecção de recursos pode ser efectuada de diferentes formas:

    • conjuntos

    • categorias

    • pesquisar

    • novos recursos


Metapesquisa conjuntos
MetaPesquisa: Conjuntos visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Seleccionando a opção Conjuntos, surge a lista dos conjuntos criados.


Metapesquisa conjuntos1
MetaPesquisa: Conjuntos visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Quando for seleccionado um dado conjunto, aparecem, na parte direita do ecrã, os recursos que pertencem a esse conjunto, ficando disponíveis para pesquisa ou para adicionar aos favoritos.


Metapesquisa categorias
MetaPesquisa: Categorias visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Seleccionando a opção Categorias, aparece a lista das categorias existentes e as sub-categorias.

As sub-categorias não estão activas. Optou-se por classificar os recursos apenas nas categorias.


Metapesquisa categorias1
MetaPesquisa: Categorias visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Quando for seleccionada uma dada categoria, os recursos que pertencem a essa categoria ficam disponíveis para pesquisa ou para adicionar aos favoritos, pressionando o botão .


Metapesquisa pesquisar
MetaPesquisa: Pesquisar visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

  • A Pesquisa permite procurar recursos de acordo com vários critérios:

    • ocorrência de palavra na designação do recurso

    • recursos de determinado editor

    • recursos de determinada categoria

    • ocorrência de palavras na designação ou descrição do recurso

    • recursos por tipo


Metapesquisa pesquisar1
MetaPesquisa: Pesquisar visualização, passando a ter um maior conjunto de opções.

Após a introdução dos critérios e pressionando o botão , os recursos ficam disponíveis para serem seleccionados.


Metapesquisa simples

Nestes casos, o recurso não está disponível para pesquisa integrada e só é pesquisável no interface nativo.

MetaPesquisa Simples

Por omissão abre-se o ecrã da metapesquisa simples.

Devemos seleccionar os recursos onde pretendemos pesquisar.

Pressione o botão “OK” para desencadear a pesquisa.


Metapesquisa simples1
MetaPesquisa Simples integrada e só é pesquisável no interface nativo.

Depois da selecção dos recursos, devemos escrever o termo ou expressão de pesquisa que pretendemos utilizar.

Temos apenas um formulário onde introduzir a pesquisa, e esta será efectuada em todos os campos (título, autor, assunto) dos recursos.


Metapesquisa simples2
MetaPesquisa Simples integrada e só é pesquisável no interface nativo.

A pesquisa será lançada nos recursos seleccionados.


Metapesquisa simples3
MetaPesquisa Simples integrada e só é pesquisável no interface nativo.

Surgem depois os registos correspondentes à pesquisa.


Metapesquisa avan ada
MetaPesquisa Avançada integrada e só é pesquisável no interface nativo.

A metapesquisa avançada permite pesquisas mais complexas, combinando termos com operadores booleanos e limitando a ocorrência destes termos a determinados campos.


Metapesquisa avan ada1
MetaPesquisa Avançada integrada e só é pesquisável no interface nativo.

Pressionando o botão , a pesquisa é efectuada e são apresentados os resultados.


Exerc cio 11
Exercício 11 integrada e só é pesquisável no interface nativo.

  • Execute uma Metapesquisa avançada.

  • Termo de pesquisa:

    • leukemia(assunto) E

    • child? (assunto)


Exerc cio 12
Exercício 12 integrada e só é pesquisável no interface nativo.

  • Execute uma Metapesquisa avançada.

  • Termo de pesquisa:

    • climate(todos os campos) E

    • change (todos os campos)


Guardar pesquisas

Esta operação só é possível se o utilizador estiver autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

Se o utilizador é anónimo deve autenticar-se com o seu utilizador e password.

Guardar Pesquisas

Para guardar pesquisas realizadas, devemos começar por ir à área das “Pesquisas anteriores”.


Guardar pesquisas1
Guardar Pesquisas autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

A partir daqui, abre-se a janela com a lista das pesquisas efectuadas.

Podemos agora adicionarpesquisas ao «Histórico».

Pressione o botão para adicionar a pesquisa ao histórico.


Guardar pesquisas2
Guardar Pesquisas autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

Podemos ir ver o Histórico na nossa área pessoal.

Pressione o link“Área Pessoal” para visualizar o histórico.


Guardar pesquisas3
Guardar Pesquisas autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

Abre-se a lista com a pesquisa guardada.

Esta ficará guardada na área pessoal mesmo depois de terminada a sessão.

Podemos, a partir daqui, voltar a correr a pesquisa.

Apagar uma pesquisa guardada.

Criar um alerta, para que a pesquisa seja automaticamente efectuada a intervalos de tempo regulares.


Exerc cio 13 15
Exercício 13 - 15 autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

Guarde a pesquisaque acabou de realizar.

Crie uma pasta com os registos adicionados ao longo da sua pesquisa.

Guarde os registos sob a forma de referências bibliográficas.


Criar alerta

  • É obrigatório: autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

    • atribuir uma designação ao alerta;

    • indicar um endereço para onde os resultados serão enviados;

    • definir a periodicidade de execução da pesquisa e envio de alerta.

Criar Alerta

A partir da imagem , abre-se uma janela onde podemos definir opções para alertas.


Criar alerta1

  • Opcionalmente, podemos também: autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

    • escolher se queremos receber mensagens de alerta mesmo que não haja registos novos;

    • alterar os recursos a pesquisar, eliminando-os.

Criar Alerta


Criar alerta2
Criar Alerta autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

O alerta fica activo depois de se pressionar o botão «Enviar» e a pesquisa guardada passa a exibir informação sobre as opções do alerta.


Exerc cio 16
Exercício 16 autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

Faça um alerta mensal para a pesquisa que guardou.


Recursos
Recursos autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

O portal possui uma área de Recursos, onde está armazenada informação sobre os conteúdos fornecidos aos utilizadores.


Recursos1
Recursos autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

Nesta área, podemos pesquisar recursos de acordo com diversos critérios.

Posteriormente, podemos obter funcionalidades adicionais, como a constituição de conjuntos pessoais de recursos.


Recursos2
Recursos autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

  • No separador Recursos, é possível:

    • pesquisar a lista de recursos por ordem alfabética

    • localizar um recurso introduzindo a sua designação ou parte da sua designação.

Podemos pedir para ver todos os recursos ou apenas aqueles a que temos acesso.


Pesquisar recursos
Pesquisar Recursos autenticado no sistema. Verifique se o utilizador corresponde ao seu login.

Por exemplo, se quisermos pesquisar os recursos que contêm a palavra “sage” na designação.

Pressione o botão “OK” para desencadear a pesquisa.


Informa o detalhada de recursos

Podemos ver informação adicional sobre o recurso, a partir do botão .

Informação detalhada de Recursos


Adicionar recursos a conjuntos pessoais

Uma vez seleccionado um recurso, o botão passa a ser mostrado como .

Adicionar Recursos a conjuntos pessoais

A partir do botão , podemos acrescentar este recurso a um conjunto pessoal de recursos.


Pesquisar recursos1
Pesquisar Recursos mostrado como .

Podemos passar imediatamente para a pesquisa no recurso, usando o interface b-on, seleccionando o botão .


Pesquisar recursos2
Pesquisar Recursos mostrado como .

Neste caso, abre-se uma janela onde introduziremos termos ou expressões de pesquisa.

Pressione o botão “OK” para desencadear a pesquisa.


Pesquisar recursos3
Pesquisar Recursos mostrado como .

Podemos também optar por lançar a pesquisa no próprio website nativo de um dado recurso.

Pressionando sobre a sua designação, abre-se uma nova janela nesse interface.


Localizar recursos
Localizar Recursos mostrado como .

  • O separador Localizar permite aceder a recursos através de diversos critérios:

    • título,

    • editor,

    • categoria,

    • palavras,

    • tipo.


Cria o de conjuntos de recursos
Criação de conjuntos de Recursos mostrado como .

Os recursos seleccionados usando o botão são guardados, dentro da Área Pessoal, no submenu Recursos.


Cria o de conjuntos de recursos1
Criação de conjuntos de Recursos mostrado como .

Na nova janela, encontramos, na Área de Transferência, o conjunto dos recursos que fomos seleccionando.


Cria o de conjuntos de recursos2

Podemos mostrado como .guardar estes recursos numa pasta, usando o botão .

Criação de conjuntos de Recursos

Devemos dar um nome à pasta e pressionar o botão «Guardar».


Cria o de conjuntos de recursos3
Criação de conjuntos de Recursos mostrado como .

A pasta é criada, passando a estar activa do lado esquerdo do ecrã.


Cria o de conjuntos de recursos4
Criação de conjuntos de Recursos mostrado como .

Se voltarmos ao ecrã de Pesquisa Rápida, vemos que o conjunto criado foi acrescentado, de modo a podermos seleccioná-lo para pesquisas.


Cria o de conjuntos de recursos5
Criação de conjuntos de Recursos mostrado como .

O mesmo conjunto está disponível também na área de MetaPesquisa.


Exerc cio 17
Exercício 17 mostrado como .

Crie um novo conjunto de recursos.


Peri dicos
Periódicos mostrado como .

  • Na área de Periódicos, podemos procurar títulos subscritos no âmbito da b-on, bem como ver os serviços que lhe estão associados:

    • texto integral,

    • abstract,

    • período de embargo,

    • etc.


Peri dicos1
Periódicos mostrado como .

  • A partir do separador Títulos, podemos percorrer alfabeticamente a lista de títulos dos periódicos ou pesquisá-los com os critérios:

    • iniciar com,

    • contém,

    • igual a.


Peri dicos2
Periódicos mostrado como .

No exemplo, procuramos um periódico que contém a palavra «librarianship» e pressionamos o botão


Peri dicos3
Periódicos mostrado como .

Vai ser-nos apresentada uma lista com todos os periódicos contendo a palavra «librarianship».


Peri dicos4
Periódicos mostrado como .

Encontrado o título pretendido, podemos visualizar informações sobre ele, a partir do botão


Peri dicos5
Periódicos mostrado como .

Seleccionando o botão , abre-se uma janela que nos indica os serviços associados ao referido título.


Peri dicos6
Periódicos mostrado como .

A partir do separador Localizar, além de pesquisar por título ou por palavras no título do periódico, é possível também pesquisar por ISSN ou por editor.


Peri dicos7
Periódicos mostrado como .

A pesquisa por editor permite visualizar todos os títulos de um dado editor ou limitar a pesquisa aos periódicos de um dado editor.


Fim da apresentação mostrado como .do Portal b-on

Equipa de formação b-on:

Ana Cosmelli, Augusto Ribeiro, Clara Macedo, Diana Silva, Manuel Montenegro, Sílvia Lopes, Teresa Costa


ad