ENVELHECIMENTO HORMONAL

ENVELHECIMENTO HORMONAL PowerPoint PPT Presentation


  • 236 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Download Presentation

ENVELHECIMENTO HORMONAL

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


1. ENVELHECIMENTO HORMONAL DRA MARTA REBELO CARNEVALLI

2. ENVELHECER ADOECER Esta é uma relação que pode não ocorrer se houver a possibilidade de acesso à saúde preventiva desde a idade jovem e a preocupação em se promover a autonomia do idoso.

3. PROCESSO DE ENVELHECIMENTO Sequência de eventos que trazem Perda funcional progressiva; Perda na capacidade de restabelecer a homeostase, inicialmente diante de stress e, posteriormente mesmo em condições basais.

4. IDADE = MUDANÇAS NA COMPOSIÇÃO CORPORAL

5. PRINCIPAIS ALTERAÇÕES NA COMPOSIÇÃO CORPORAL Pessoas mais velhas tendem a pesar 25% mais do que adultos jovens; Ocorre menor síntese protéica; Redução na massa magra dos 25-70 anos em 12 Kg nas mulheres e 5 Kg em homens; A gordura corporal total aumenta entre os 18-85 anos em 18% em homens e 12% em mulheres; Redistribuição de gordura predominantemente visceral.

6. PRINCIPAIS FATORES QUE ALTERAM A COMPOSIÇÃO CORPORAL

9. PRINCIPAIS SISTEMAS HORMONAIS ENVOLVIDOS COM O PROCESSO DE ENVELHECIMENTO

11. MENOPAUSA Quadro Clínico: reações vasomotoras, alterações de humor, mudanças na textura da pele e corporais (aumento de massa gorda e diminuição de massa muscular) Redução na produção de estrógenos

12. TERAPIA DE REPOSIÇÃO HORMONAL Estrógeno + progesterona ou só com estrógenos Melhora acentuada dos “fogachos”, alterações de humor,lubrificação vaginal, e perda de massa óssea Controvérsia: maior incidência de ca de mama e endométrio

13. ESPECULAÇÃO: TRH promoveria uma melhora na cognição e promoveria um atraso na manifestação de sintomas de Alzheimer

14. ANDROPAUSA Processo mais lento e mais sútil que nas mulheres Diminuição progressiva no número de células de Leydig nos testículos com diminuição nos níveis de testosterona Principal queixa: diminuição de libido e potência

15. TERAPIA DE REPOSIÇÃO HORMONAL EM HOMENS Vários esquemas terapêuticos- testosterona mensal, trimestral, etc.. Relação com CA de próstata Terapia individualizada com boa resposta clínica

16. ADRENOPAUSA Ocorre uma redução gradual dos andrógenos adrenais: DHEA e DHEA-S A produção de glico e mineralocorticóides demora mais a ser afetada Quadro clínico: diminuição de força muscular, libido e astenia

18. SOMATOPAUSA Diminuição da secreção de GH e IGF-1 (modulador da ação do hormônio de crescimento) Ocorre com a idade uma diminuição da amplitude e duração dos pulsos de GH com queda progressiva em IGF-1- possivelmente por alterações hipotalâmicas Quadro clínico: diminuição de força muscular, astenia e diminuição da qualidade do sono

19. Reposição de GH em adultos sem deficiência prévia do hormônio é muito controverso pela segurança- risco de estimular crescimento de neoplasias

20. ENVELHECIMENTO E DIABETES 40% indivíduos entre 65 e 74 anos 50% indivíduos acima de 80 anos

21. Diminuição relativa da secreção de insulina Erros alimentares Vida sedentária Aumento de massa gorda, diminuição de massa magra e acúmulo de gordura abdominal ? aumento da resistência a insulina Uso de medicamentos hiperglicemiantes

22. TRATAMENTO Dieta Exercícios físicos Agentes hipoglicemiantes Insulinoterapia

23. DISFUNÇÃO TIREOIDIANA 5-10% das idosas têm diminuição de T4 e alterações no TSH Correlação entre auto-imunidade e envelhecimento Envelhecimento normal Diminuição da liberação de TSH pela hipófise. Grande número de idosos saudáveis têm diminuição de T3 sem repercussão clínica

24. Sintomas se confundem com o próprio envelhecimento... Diminuição de concentração e memória Astenia Ganho de peso Distúrbios do metabolismo de lípides Queda de cabelos e fragilidade de unhas Arritmias As tireoidopatias são complicadoras de muitas comorbidades

25. As principais disfunções diagnosticadas e tratadas são diabetes e tireopatias

26. “Envelhecer de forma bela e digna é ao mesmo tempo ciência e arte.” Ana Aslan, médica romena. 1945

27. OBRIGADA!

  • Login