Goiânia, 17 de novembro de 2010
Download
1 / 24

Goi nia, 17 de novembro de 2010 - PowerPoint PPT Presentation


  • 136 Views
  • Updated On :

Goiânia, 17 de novembro de 2010. O Produto Interno Bruto (PIB) corresponde ao valor, a preços de mercado, de todos os bens e serviços finais produzidos no Estado. Agregado macroeconômico que mede o fluxo de produção da economia. PIB

Related searches for Goi nia, 17 de novembro de 2010

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Goi nia, 17 de novembro de 2010' - albert


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

PIB

Produto Interno Bruto = a soma dos valores adicionados pelos diversos setores acrescido dos impostos.

Valor adicionado (VA) = valor da produção (VP) – consumo intermediário (CI)

VA+Impostos= PIB


  • A Seplan participa juntamente com o IBGE e os

    órgãos de estatística dos estados, de um projeto em

    rede - cálculo das Contas Regionais - PIB.

  • Metodologia uniforme para todas as UFs, atrelada

    aos procedimentos implementados em âmbito

    nacional.

  • Resultados comparáveis entre os diversos estados

    e seu total representa o total do país.

  • Defasagem temporal

  • Em 2007, a metodologia de cálculo do Produto

    Interno Bruto (PIB) sofreu profundas alterações. O

    ano base passou a ser o de 2002.



Economia brasileira em 2008

Crescimento do PIB e grandes setores de atividade:

A economia brasileira em 2008 cresceu com menos intensidade que em 2007. O destaque foi a Agropecuária (agricultura 7,26% e pecuária 3,64%). Na Indústria o destaque foi a construção civil (7,92%) e nos Serviços destacaram-se intermediação financeira, serviços de informação e de transportes. Fatores como o avanço dos investimentos e do consumo das famílias, foram determinantes para os bons resultados.



Produto Interno Bruto Goiás e Brasil 2002-2008

Goiás se manteve na 9ª posição entre as UFs

Crescimento acumulado do PIB 2002/2008: Goiás 34,19%

Brasil 27,93%

Tx.média anual de cresc. do PIB 2002/2008: Goiás 5,02%

Brasil 4,19%


Valor do Produto Interno Bruto Goiano

2002-2008 (bilhões)

(R$ milhões)

  • Foram adicionados à economia goiana em 2008 R$ 10,065

    bilhões, maior incremento desde o ano de 1995.





PIB goiano 2008

Grandes Setores - Crescimento (em %)

Na economia goiana, o ano de 2008 foi marcado pela recuperação de preços agrícolas e expansão da produção das principais culturas (soja, feijão, milho e cana de açúcar), devido ao cenário internacional favorável e às boas condições climáticas. Na indústria goiana, que também teve boa performance, o destaque foi a extrativa mineral que cresceu 16,18%.


PIB goiano - 2008

  • A agricultura teve excelente desempenho - incremento de 32,04%

  • Foi atingido um novo recorde na produção de grãos - 13,3 milhões

    de toneladas, que representaram 10% da produção nacional.

  • Soja – a produção atingiu 6,6 milhões de ton, 11% superior à de

    2007. No valor da produção houve incremento de 53,52% devido

    aos bons preços alcançados no mercado internacional

  • Milho – Produção de 5,1 milhões de ton, 23% acima de 2007.

  • Cana de açúcar – Produção de 33 milhões de ton, colocou Goiás

    na 4ª posição no ranking nacional com participação de 5,13%.

    Crescimento de 48% em relação a 2007.


PIB goiano - 2008

  • Crescimento expressivo da extrativa mineral (16,18%) - aumento da produção de

    cobre, ouro, cobalto, níquel, entre outros.

  • Indústria de transformação – crescentes ganhos de participação no PIB (em 2002

    era de 11,86%). Creditado à diversificação das atividades industriais, o Estado tem

    atraído investimentos em segmentos com maior agregação de valor.

    Indústria de alimentos goiana – 5,8% da indústria alimentícia brasileira

    Fabricação de automóveis goiana – 5,9% da indústria automobilística brasileira

    Produção de álcool – 5,7% da produção nacional.

  • Construção civil – A elevada taxa foi influenciada pelo crescimento da renda

    familiar e do emprego, aumento do crédito ao consumidor, maior oferta de crédito

    imobiliário e redução do IPI de insumos da construção.

  • Eletricidade e Água – Queda na geração de energia



PIB goiano - 2008

  • Aumento do volume do crédito, melhoria na renda

  • A estabilidade econômica

  • A ascensão das famílias para melhores faixas de renda

  • Depreciação do dólar frente ao real, barateando os preços de produtos importados,

    estimulando o consumo






PIB do Centro-Oeste - 2008

  • Goiás é responsável por 26,98% da produção gerada no Centro-Oeste.

  • O Centro-Oeste representou 9,20% do PIB nacional, atingindo valor de

    R$ 279.015 bilhões.

Goiás participa com 47,56% da indústria do Centro-Oeste,

31,14% da agropecuária e 22,14% dos serviços.


  • PIB per capita: PIB/população

  • Goiás: R$75.275/5.844.996hab: R$ 12.878,52

  • Entre 2002-2008, foram agregados à renda per capita goiana: R$5.800,12

Tx. anual de crescimento da População (2002-2008): Goiás: 1,69%

Brasil: 1,21%



Secretaria do Planejamento e Desenvolvimento

Superintendência de Estatística, Pesquisa e Informação

http://www.seplan.go.gov.br/sepin

Praça Cívica nº 3 - Centro - Goiânia - GO.

CEP: 74.003-010. Fone: (62) 3201-7878

Fax: (62) 3201-7927 - E-mail: [email protected]


ad