Judaísmo
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 24

Judaísmo PowerPoint PPT Presentation


  • 258 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Judaísmo. A Origem do Judaísmo. 1ª religião monoteísta, começou a 3768 a.C.; Abraão e Moisés Saul,David e Salomão Templo de Jerusalém. Moisés/ Abraão.

Download Presentation

Judaísmo

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Juda smo

Judaísmo


A origem do juda smo

A Origem do Judaísmo

  • 1ª religião monoteísta,

    começou a 3768 a.C.;

  • Abraão e Moisés

  • Saul,David e Salomão

  • Templo de Jerusalém


Mois s abra o

Moisés/ Abraão

  • Abraão- Primeiro a receber um chamamento de Deus,estabeleceu com Ele uma aliança,primeiro a tomar a circuncisão como rito hebraico, o seu filho era Isaac, neto Jacob – linha patriarcal de referência ao povo Judeu. Jacob mais tarde foi chamado de Israel por Deus, e teve 12 filhos, que deu origem a 12 tribos do povo judeu;

  • Moisés- Líder hebreu que salvou os descendentes de Abraão, escravizados no Egipto, recebeu de Deus os Dez Mandamentos (Tora) e as Tábuas da Lei.


Saul david salom o

Saul / David/ Salomão

  • Quando chegaram a terra Prometida,as 12 tribos reuniram-se e Saul foi considerado Rei.

  • Sucessor de Saul, David,de Judá,conquistou Jerusalém que ficou a capital do reino. Deus fizera um pacto com ele, que o reino permanecia na sua linhagem e o Messias viria da sua descendência.

  • Salomão,filho de David,construiu o Templo De Jerusalém onde estaria a Arca Sagrada.


Juda smo

-A 587 a 538 a.C., o Templo foi destruído por um rei babilónio que saqueou Jerusalém e a 538 a.C. Voltou a ser reconstruido por Herodes, judeus voltam a Canaã;

-A 63 a.C., Jerusalém foi conquistado por Pompeu e tropas romanas destruiram o Templo.

Judeus fugiram para Mediterrâneo e tentaram seguir a sua fé por Sinagogas.


Persegui es

Perseguições

  • Durante a dispersão dos judeus, estes foram exilados na Inglaterra,França, Espanha, e outros países por acusações como envenenarem água,causarem peste negra,foram obrigados ao baptismo e mortos pelos cruzados, queimados no interior de Sinagogas. Outro facto histórico foi o Holocausto na II Guerra Mundial, onde foram mortos cerca de 6milhões de Judeus.


Ramifica es do juda smo

Ramificações do Judaísmo

Dispersão por todo o mundo, levando a

vários ramos do Judaísmo:

Jerusalém

Os Sefarditas:

Presentes na Europa,mais em Portugal,Espanha, América Do Sul e E.U.A. Influências hispânicas e muçulmanas.

Os

Asquenazes:

Presentes na também na europa, mais em França e Alemanha. Estão ligados mais á cultura cristã.

Judaismo Rabinico:

Nasceu após a destruição do 2º Templo e ramificou-se por mais 4 meios(ortodoxo,conservador,reformista,reconstrucionista).


Juda smo

Quem é considerado judeu?

É considerado judeu todo aquele que nasce de pais judaicos ou aquele que se converteu de acordo com todas as leis do Judaísmo.

Conceito da vida/morte – Têm sempre presente a néfesh (alma) varia conforme as ramificações do Judaísmo.


Conceito de deus

Conceito de Deus

  • Toda a vida depende de um único Deus, e tudo o que é de bom provém desse Deus, é escrito com as letras IHVH que quer dizer em hebraico “eu sou quem sou”, é lido como “Jeová” ou “Javé”, por vezes os judeus nem pronunciam o seu nome, devido a ser um nome poderoso e sagrado, então dizem “o Senhor” ou “o Nome”;

  • Omnisciente – Jeová foi o Criador do Mundo; Omnipresente – Está sempre presente;

    Omnipotente –Todo-Poderoso, poder ilimitado;

  • É um ser eterno, infinito, tem um total comando sobre a Natureza, é um espírito, não tem corpo;


Cultura judaica

Os símbolos;

Calendário;

Costumes culturais e alimentares;

Festas;

Literatura;

Cultura Judaica


S mbolos

Símbolos

Menorah

É um candelabro de sete braços(sendo o numero sete o numero da perfeição) feito por Moisés para se colocar no Santuário.


Estrela de david

Estrela de David

  • Formada por dois triângulos, um virado para cima e outro para baixo. Este símbolo era cravado nos escudos dos guerreiros do Rei David.


Juda smo

Tora

Exemplar manuscrito enrolado em pergaminho, contém a historia desde a origem da vida até á peregrinação dos 40 anos á Terra Prometida, incluindo os 10 mandamentos que Deus deu a Moisés. Em cada cerimónia religiosa, o Tora é lido.


Juda smo

Talmude

Obra que contém

discussões rabínicas,

leis, tradições, costumes,

lendas e histórias

Judaicas.

Contém o Tora.

O seu compilador foi Judá

Hakkadesch em 200 d.c.


Sidur

Sidur

  • Nome dado ao livro que contém as orações judaicas – oração da manhã (Shacharit) ; oração da tarde (Minchá); oração da noite (Arvit).


A sinagoga

A Sinagoga

- Templo destinado aos cultos

Judaicos, como orações, leituras

Bíblicas e ritos.


O muro das lamenta es

O Muro das Lamentações

  • Única parte que restou do segundo Templo de Jerusalém, destruído a 70 d.C.;

  • Reúne os judeus do mundo para fazerem as suas orações e entregarem os seuspedidos escritos em pequenospapéis e colocados no grandeMuro.


O rabino

O Rabino

É o Judeu considerado mais sábio, de uma comunidade, para ensinar e guiar, espiritualmente, os seus fieis.

Normalmente são escolhidos pelos lideres da comunidade.

Os únicos ritos que o Rabino tem de prestar são o get (divórcio) e situações que exigem a decisão de um tribunal rabínico.


Vestu rio

Vestuário

Kipá

Pequeno chapeu em forma de circunferência,

usado como símbolo da religião, um constante

temor a Deus, necessidade de honrar Deus

a todo o momento.

Talit

Xale feito de seda,lã ou linho, usado nas orações principalmente nas Shacharit (oração feita pela manhã).


Calend rio judaico

Calendário Judaico

Cada mês inicia-se com a lua nova, e começa quando se refere à criação do mundo.

Mês Duração Equivalente ao nosso calendário

Nissan 30 dias Março –Abril

Iyar 29 dias Abril -Maio

Sivan 30 dias Maio -Junho

Tammuz 29 dias Junho -Julho

Av 30 dias Julho -Agosto

Elul 29 dias Agosto -Setembro

Tishrei 30 dias Setembro -Outubro

Heshvan 29/30 dias Outubro -Novembro

Kislev 30/29 dias Novembro -Dezembro

Tevet 29 dias Dezembro -Janeiro

Shevat 30 dias Janeiro -Fevereiro

Adar 29/30 dias Fevereiro -Março

Adar II 29 dias Março -Abril


Costumes

Culturais:

Shabat - Sábado, dia de descanço.

Brit Milá- No nascimento de um judeu, ao 8º dia de nascimento fazem-lhe uma circuncisão como símbolo de aliança entre Deus e o povo de Israel.

Peiot- Ordena todos os judeus a não rapar as laterais da cabeça.

Zeved habat- Boas-vindas aos bebés do sexo feminino. O pai comparece no primeiro shabat depois do nascimento. O Rabino abençoa os pais da menina e é lhe dado o nome.

B'nai Mitzvá- Quando uma criança passa a ser maior de idade (Raparigas - 12 anos e um dia. Rapazes – 13 anos mais um dia)

Gastronómicos:

Cashrut – Alimento que pode ser ingerido pelos Judeus como couves, vinhos, especiarias, molhos, cerveja e pão.

Treif- Alimento que é proibido ser ingerido, como carne de porco,cabrito e vaca, camarão, lagosta, peixes que não possuem escamas e carne com sangue.

Costumes

Shivá- Sete dias de luto pela morte de alguém próximo.


Festas judaicas

Festas Judaicas

As festas judaicas têm, em geral, um triplo sentido: além de comemorar um fato histórico e metafísico, comemoram também uma passagem agricola ou natural, como o fim do inverno, etc.

Sabath – OSábado é considerado o dia de descanso, em que ninguém trabalha. É um dia de repouso, oração, meditação e de alegria.

Pessach– Comemora a libertação dos judeus da escravidão no Egipto, é comemorada com um jantar cerimonial familiar. Também ligado à natureza como a festa da Primavera.

Shavuot –Pentecostes, comemora a entrega da Tora a Moisés no monte Sinai. Realiza-se na Sinagoga a leitura dos Dez Mandamentos (Tora).

Sucot-Os judeus relembram o caminho do deserto que fizeram até Canã, os judeus praticantes constroem cabanas em pátios ou varandas, onde vão tomar as suas refeições. Tambem é a festa do fim da colheita, onde os cereais são guardados antes do Inverno.

Rosh Hashana– O Ano Novo, é uma auto-reflexão das acções feitas durante todo o ano, fazem rituais com base no arrependimento e no perdão. Iniciam o jejum de 24 horas, onde confessam os seus pecados na sinagoga, pedem o perdão a Deus.

Yom kippur– Depois do Rosh Hashana segue-se um dia de Expiação, o dia do perdão.


L ngua e literatura

Língua e Literatura

Língua

O hebraico (também chamado לשון הקודש Lashon haKodesh ("A Língua Sagrada") ) é a principal língua utilizada no judaísmo utilizado como língua litúrgica durante séculos. No entanto, diversas comunidades judaicas utilizam outros idiomas cuja origem, na sua maioria, surge da mistura do hebraico com outras línguas locais, como o aramaico, dzhidi, judeu-árabe, karaim e ladino.

Literatura

Os principais livros de escrita judaica são livros religiosos, sendo o mais importante o Tora. Normalmente está sempre implícito o facto de Deus ser eterno. Têm também livros de ética, filosofia, poesia judaica clássica, etc.


Bibliografia

Bibliografia

  • http://religioes.home.sapo.pt/judaismo.htm

  • http://pt.wikipedia.org/wiki/Judaismo

  • http://lisboareligiosa.cm-lisboa.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=17&Itemid=38

  • Nova Enciclopédia Portuguesa, Ediclube, 1996- Volumes 1, 7, 14, 17, 23, 24 e 25.

  • “Guerras e Religiões – Judaísmo”, Novi, Quid; Novas Tecnologias de Informação, Lda; 2002.

  • http://www.judaismo.com.br/siteantigo/interessante/calendar.htm


  • Login