PROVÍNCIA SUL I
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 27

ENCONTRO ANUAL DOS CASAIS RESPONSÁVEIS DE EQUIPE PowerPoint PPT Presentation


  • 97 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

PROVÍNCIA SUL I Fevereiro 2011. ENCONTRO ANUAL DOS CASAIS RESPONSÁVEIS DE EQUIPE. REFLEXÕES SOBRE A CONTRIBUIÇÃO. I - INTRODUÇÃO. SUPER-REGIÃO BRASIL PLANEJAMENTO 2011. ENTRE OS PONTOS DE UNIDADE: A Contribuição.

Download Presentation

ENCONTRO ANUAL DOS CASAIS RESPONSÁVEIS DE EQUIPE

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

PROVÍNCIA SUL I

Fevereiro 2011

ENCONTRO ANUAL DOS CASAIS RESPONSÁVEIS DE EQUIPE


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

REFLEXÕES

SOBRE A

CONTRIBUIÇÃO


Entre os pontos de unidade a contribui o

I - INTRODUÇÃO

SUPER-REGIÃO BRASIL

PLANEJAMENTO 2011

ENTRE OS PONTOS DE UNIDADE:

A Contribuição


Carta fundacional de 1947 no t tulo obriga es de cada casal

Carta Fundacional de 1947 - No título “Obrigações de cada casal”:

DAR A CADA ANO, A TÍTULO DE CONTRIBUIÇÃO,

O PRODUTO DE UM DIA DE TRABALHO,

PARA ASSEGURAR A VIDA MATERIAL E A

EXPANSÃO DO MOVIMENTO...

AO QUAL DEVEM, DE CERTO MODO, O PRÓPRIO ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL.


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

ALGUNS ENRIQUECIMENTOS

Fidelidade aos compromissos de amor conjugal

Ser feliz como casal

Maturidade

Deparar-se com a beleza do encontro com o Senhor no cotidiano das nossas vidas

Etc., etc., etc...

CONTRIBUIÇÃO COMO FORMA DE AGRADECIMENTO


Documento da eri em setembro 1976 o que uma equipe de nossa senhora

DOCUMENTO DA ERI EM SETEMBRO 1976:“O QUE É UMA EQUIPE DE NOSSA SENHORA”

Capítulo VIDA DE EQUIPE:

... DANDO TODOS OS ANOS A SUA CONTRIBUIÇÃO, CALCULADA LEALMENTE.

LEALDADE:

qualidade daquilo que é SINCERO,

HONESTO, FIEL AO COMPROMISSO ASSUMIDO.


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

ESTATUTO DE 1947 :

“Ninguém é obrigado a ingressar nas Equipes ou nelas permanecer. Quem delas fizer parte, porém, deve com lealdade fazê-lo francamente”.

GUIA DAS ENS - ERI - 2001

Capítulo VII – ORGANIZAÇÃO DAS ENS

“É IMPORTANTE QUE OS MEMBROS DAS ENS CONTRIBUAM COM UMA QUANTIA ANUAL, DE ACORDO COM SUAS POSSES...”

Contribuir de acordo com as posses é:

UM PRINCÍPIO DE JUSTIÇA CRISTÃ


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

RELEMBRANDO ALGUNS ELEMENTOS:

ATENDER AS NECESSIDADES MATERIAIS E DE EXPANSÃO

  • ATITUDE DE AGRADECIMENTO

  • CONTRIBUIR COM LEALDADE

  • DE ACORDO COM SUAS POSSES

PARA COMPREENDER O ESPÍRITO DA CONTRIBUIÇÃO


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

II- O ESPÍRITO DA REGRA

DESDE A CARTA DE 1947: contribuir a cada ano com O PRODUTO DE UM DIA DE TRABALHO

NÃO É APENAS O SALÁRIO, MAS TAMBÉM LUCROS, RENDAS, GANHOS FINANCEIROS, ALUGUÉIS, ETC.

RECEITAS DE UM DIA DO CASAL


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

  • Nosso Movimento tem UMA MÍSTICA

  • REUNIDOS EM NOME DE CRISTO,

  • AUXÍLIO MÚTUO

  • TESTEMUNHO.

  • Pe.Caffarel ensinava: MÍSTICA E REGRA DEVEM SER

  • COMO A ALMA E O CORPO.

  • A MÍSTICA DEVE SER A ALMA DA REGRA.

  • A REGRA O SUPORTE E A SALVAGUARDA DA MÍSTICA


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

UM OLHAR SOBRE UM DOS PILARES DA MÍSTICA:

O AUXÍLIO MÚTUO

 CONTRIBUIÇÃO + AUXÍLIO MÚTUO

“Os cristãos tinham tudo em comum. Vendiam suas propriedades e repartiam o dinheiro entre todos, conforme a necessidade de cada um”

(Atos dos Apóstolos)

“Carreguem os fardos uns dos outros”, dizia Paulo à comunidade dos Gálatas (6,2).


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

“TERIA A CARIDADE FRATERNA

PERDIDO, NO SÉCULO XXI

O PODER DE IRRADIAÇÃO E DE

SEDUÇÃO QUE POSSUIA NOS

PRIMEIROS TEMPOS DA IGREJA?”


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

III-ALGUMAS PREOCUPAÇÕES

  • O MOVIMENTO NÃO INVADE A PRIVACIDADE DOS SEUS CASAIS

  • MAS TEM O DEVER MORAL DE APELAR ÀS CONSCIÊNCIAS

  • NEGAÇÃO DE CONTRIBUIR DE ACORDO COM A REGRA E O ESPÍRITO


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

RECEITA MENSAL DO CASAL ÷ 30 = VALOR DE UM DIA

Maria ganha R$ 2.000,00 por mês e seu

marido José ganha R$ 2.500,00 .

Total do rendimento do casal: R$ 4.500,00 que dividido por 30 corresponde a R$ 150,00 , ou seja, o ganho de um dia, que ÷ por 10 contribuições (08 para o Secretariado e 02 para o Setor) resulta em R$ 15,00 por mês.

Maria não trabalha fora e portanto nada ganha.

José tem um emprego que lhe rende R$ 2.000,00 ,

mas faz uns “bicos” nas horas vagas e ganha mais R$ 1.000,00 .

Total da Renda R$ 3.000,00 que dividido por 30 corresponde ao ganho de R$ 100,00, que, da mesma maneira, ÷ por 10 contribuições resulta em R$ 10,00 por mês.

(Observação: Alguns Setores, para reforçar o caixa, pedem 02 contribuições a mais por ano, ou seja, 12 contribuições)


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

REFORÇANDO O CONCEITO....

Forma de pagar:

DIVIDIR A RECEITA DE UM DIA POR 10

8 PARCELAS VÃO PARA O SECRETARIADO GERAL

DAS ENS NO BRASIL

2 PARCELAS FICAM PARA OS PRÓPRIOS SETORES

REGRA DE COSTUME (ALGUNS LOCAIS):

2 PARCELAS A MAIS PARA OS SETORES


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

CASOS DE EVIDENTE DISCREPÂNCIA

QUESTIONAR A INCOERÊNCIA

ENTRE A FÉ E A VIDA

É PRECISO CUIDAR DESTE PONTO

NA CONVERSÃO

DOS NOSSOS EQUIPISTAS


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

“A AUSÊNCIA

DOS MEIOS FINANCEIROS

NÃO DEVE, JAMAIS,

SER UM IMPEDIMENTO

À PARTICIPAÇÃO

DE QUEM QUER QUE SEJA

NAS ATIVIDADES DO MOVIMENTO”

(Cap. VII do Guia das ENS)


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

  • NÃO SE JUSTIFICA QUE AQUELE QUE

  • TEM POUCO PAGUE MUITO

  • E QUE O QUE TEM MUITO PAGUE POUCO.

  • Onde ficam:

  • A CARIDADE?

  • A AJUDA MÚTUA?

  • O PARTILHAR FRATERNAL?

  • O ESPÍRITO DE LEALDADE?


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

A SOLIDARIEDADE

COMO COISA CONCRETA

COMPARATIVO:

PROVÍNCIA NORTE XPROVÍNCIA SUL I


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

Mapa do Brasil com suas Províncias

A SOLIDARIEDADE É A ÚNICA SOLUÇÃO


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

A SOLIDARIEDADE EM NÍVEL INTERNACIONAL

Critério para a contribuição =

Número de casais + Poder de Compra

SR BRASIL: 19.000 CASAIS X SR FRANÇA: 11.000 CASAIS

A FRANÇA PAGA O DOBRO DO QUE O BRASIL PAGA


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

SUBSÍDIOS FINANCEIROS:

Encontros 

Sessões de Formação

Projetos de Expansão

Ajudas Financeiras: África, Ásia,

Hispano-América, Regiões pequenas


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

MUITO MAIS DO QUE FUNCIONAR

BEM AS ESTRUTURAS

- AMADURECIMENTO NA FÉ

- CONVERSÃO AUTÊNTICA

  • ESTILO PRÓPRIO DE QUEM ACOLHEU

  • O AMOR DE DEUS


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

CONCLUSÃO

  • O MOVIMENTO NUNCA COLOCA REGRAS ALEATÓRIAS

  • NÓS É QUE ESQUECEMOS DE PRESTAR ATENÇÃO AO ESPÍRITO

  • NÃO NOS É PERMITIDO PENSAR QUE AS NECESSIDADES

  • DE SUSTENTO E EXPANSÃO

  • POSSAM ESTAR CALCADAS EM OUTROS ELEMENTOS QUE NÃO:-

  • JUSTIÇA

  • VERDADE

  • CARIDADE FRATERNA


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

CONCLUSÃO (cont.)

ATENÇÃO:

NÃO SERMOS CONSUMIDORES,

MAS CONSTRUTORES


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

FINALIZANDO....

QUE DEUS NOS AJUDE,

E AOS EQUIPISTAS DO MUNDO INTEIRO, A SERMOS,

AO MENOS, BEM AGRADECIDOS.


Encontro anual dos casais respons veis de equipe

”EIS QUE VENHO FAZER, COM PRAZER, A VOSSA VONTADE SENHOR”.

(Salmo 39,8)

ASSIM SEJA!!


  • Login