GIBI
Download
1 / 12

Gibis - PowerPoint PPT Presentation


  • 434 Views
  • Updated On :

GIBI. LUIS CARLOS F. MIRANDA. DANIEL FELIPE DA SILVA. COMIC. HEMP. O que é ?. Forma criada para o entretenimento onde a combinação de linguagens torna rápida a comunicação e proporciona diversão visual e literária. O Por que do nome GIBI?.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Gibis' - KeelyKia


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
Slide1 l.jpg

GIBI

LUIS CARLOS F. MIRANDA

DANIEL FELIPE DA SILVA

COMIC

HEMP


O que l.jpg
O que é ?

Forma criada para o entretenimento onde a combinação de linguagens torna rápida a comunicação e proporciona diversão visual e literária..


Slide3 l.jpg

O Por que do nome GIBI?

"menino negro", pois na época era comum vê-los correndo descalço pela cidade, vendendo jornais e revistas.


Slide4 l.jpg

Início dos gibis no Brasil

O gibi como hoje é conhecido foi lançado em 12 de abril de 1939, pela editora RGE (Rio gráfica Editora), hoje mais conhecida como GLOBO.

Está é a forma mais conhecida dos quadrinhos no Brasil. →


Slide5 l.jpg

Origem da forma atual.

No ano de 1933, três americanos pensaram em uma maneira de faturar com as tiras de jornais em forma de revista. 

Surge o “comic books” (ou gibi).

As palavras não eram obrigatórias, mas foram logo adicionadas para dar mais informação e acentuar o fluxo da narrativa.


Slide6 l.jpg

A evolução

Para a “educacional” a grande inovação nos quadrinhos se dá quando o francês George Colomb introduz as histórias, os balõezinhos com falas e ações fragmentadas, isso tudo em tirinhas, o que é contrariado pela “history of comics”, na qual Richard Fenton Outcalt, introduziu os balões, porém com rabinhos saindo da boca dos personagens.


Slide7 l.jpg

Características

O universo dos quadrinhos é um mundo da arte seqüencial, no qual o entretenimento vem da capacidade não só do argumentista de quadrinhos em desenhar, mas como contar as histórias, se utilizando de: autobiografia, diário, comédia, dia a dia, surrealismo, mitologia – ex: heroísmo helênico, temas contemporâneos.


Slide8 l.jpg

A grande diferença.

Enquanto as histórias em quadrinhos (HQ), americanas valorizam a fala, os mangás, vem assumindo grande influência por valorizar o visual e as ações dadas aos personagens.


Slide9 l.jpg

Grandes nomes dos Gibis

Mauricio de Souza

O pai dos gibis mais

lidos no Brasil.

Olavo Bilac

1º HQ, do Brasil

em 1865.

Allan Moore

Está entre os mais

Famosos, fora do

País.


Slide10 l.jpg

Qual seu nome em outras partes do mundo?

Eua : Comics (cômico)

França : bandes dessinés (tira desenhada)

Itália : fumetti (fumaça, uma alusão à forma do balão)

Espanha : Tebeos

Inglaterra: funnies (páginas de passatempo)

Argentina: Historietas

Cuba : Muñequitos

Japão : Mangás (histórias japonesas)



Refer ncia l.jpg
REFERÊNCIA

ASSIS, Érico. Resenhas e Artigos. Entrevista exclusiva: Eddie Campbell – parte 1. Disponível em: http://www.omelete.com.br/quadrinhos/artigos/base_para_artigos.asp?artigo=224. Acesso em: 10 de Ago. 2005.

.educacional. a internet na educação. Disponível em:<http://www.educacional.com.br/reportagens/gibi/mundo.asp >. Acesso em 13 de ago. 2005.

LIMA, Rafael de Viveiros. Hystóry of comic books. Cápitulos príncipais – histórias em quadrinhos. Disponível em:< http://www.geocites.com/sotto/5537.hist2.htm>. Acesso em 10 de ago. 2005