POVO CIGANO
Download
1 / 6

Povo cigano - PowerPoint PPT Presentation


  • 637 Views
  • Uploaded on

Povo cigano

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Povo cigano' - Annapon


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

Lema cigano:

“O céu é o meu teto; a terra é a minha pátria e a liberdade é a minha religião”


Ciganos – Povo das Estrelas -

Por causas desconhecidas, em um passado muito remoto, os ciganos abandonaram suas terras, vagaram pelo Oriente durante séculos, dividiram-se em ramos, espalharam-se pelo Ocidente e ganharam o mundo, buscando sempre terras onde pudessem viver com liberdade.

São chamados “Povo das Estrelas” porque para eles tudo está escrito nas estrelas, sendo atentos observadores do céu e dos astros.

Estudando os astros e possuindo dom para desvendar os milenares segredos do universo, transmitidos de geração em geração, tornaram-se hábeis nas artes adivinhatórias. Justamente pela prática da magia, pelo seu nomadismo e pela falta de uma identidade nacional, sempre sofreram preconceitos e injustiças no seu caminhar, tendo sido perseguidos, expulsos, escravizados e mortos, podendo-se mesmo dizer que o mais admirável nesse seu deslocamento pelo mundo foi o fato de terem sobrevivido até os nossos dias.


O povo cigano é cheio de energia e passionalidade, canta e dança tanto na alegria como na tristeza, pois para o cigano a vida é uma festa. Nas suas celebrações em torno das fogueiras acesas e barracas multicoloridas montadas ao ar livre (mesmo no fundo dos quintais dos que atualmente residem em casas), não faltam as músicas, danças, orações, vinhos e comidas.

A sua música e dança possuem forte influência oriental, porém a influência maior foi, sem dúvida, a espanhola, dando origem ao flamenco, canto e dança dos ciganos andaluzes, marcado pelo ritmo quente de palmas, batidas dos pés, gritos e toques de castanholas.

Atualmente o modo de vida cigano mudou consideravelmente, pois muitos moram em casas, frequentam universidades, ocupam importantes cargos, etc. Já não viajam em carroças enfeitadas puxadas por cavalos, mas sim em modernos automóveis. Como em todos os povos, alguns são ricos, outros pobres, uns instruídos, outros não, muitos de boa índole, outros nem tanto, porém todos, sem exceção, jamais perderão a sua alma cigana.


Oração a Santa Sara (Santa de Devoção do Povo Cigano) dança tanto na alegria como na tristeza, pois para o cigano a vida é uma festa. Nas suas celebrações em torno das fogueiras acesas e barracas multicoloridas montadas ao ar livre (mesmo no fundo dos quintais dos que atualmente residem em casas), não faltam as músicas, danças, orações, vinhos e comidas.

SARA, SARA, SARA,

não sentirei dores nem tremores,

continuarei caminhando, assim,

como as caravanas passam, no meu interior tudo passará

e a união comigo ficará e

sentirei o perfume das caravanas que passam

deixando o rastro de alegria e felicidade,

teus ensinamentos deixarás.

Amai-nos SARA,

para que eu possa ajudar a todos que me procurem,

ajudados pelos poderes de nossos irmãos Ciganos,

serei alegre e compreensivo(a) com todos os que me cercam.

Corre no Céu, corre na Terra, corre no Mundo e

SARA, SARA, SARA estará sempre na minha frente,

sempre atrás, do lado esquerdo, do lado direito.

E assim dizemos:

somos protegidos pelos Ciganos e pela SARA

que me ensinará a caminhar e perdoar.


Texto e imagens: Internet. dança tanto na alegria como na tristeza, pois para o cigano a vida é uma festa. Nas suas celebrações em torno das fogueiras acesas e barracas multicoloridas montadas ao ar livre (mesmo no fundo dos quintais dos que atualmente residem em casas), não faltam as músicas, danças, orações, vinhos e comidas.

Música: Autoria desconhecida.

Formatação: Annapon


ad